Camadas de Conhecimento (LoreSheet) Vampiro V5 ūü•á

Você verá no conteudo deste Artigo.

Compre uma Vantagem a partir de uma Camada de Conhecimento (Loresheet) e integre a hist√≥ria desse conhecimento na linhagem e conex√Ķes do seu personagem. Algumas Camadas de Conhecimento (especialmente as ‚ÄúDescendente de…‚ÄĚ) exgem que o personagem seja de um cl√£ espec√≠fico.

Lembre-se que, assim como as outras Vantagens, cada n√≠vel de uma Camada de Conhecimento (Loresheet) √© independente e deve ser comprado separadamente. Isso n√£o transmite automaticamente para o personagem os n√≠veis ‚Äúmenores‚ÄĚ dessa Camada de Conhecimento.

Ex: Ao Comprar o nivel 2 da Camada de Conhecimento Alto Cl√£, “Persuadir o baixo”, por 6 de exp (2×3), n√£o concede ao personagem acesso ao nivel 1 “Pav√£o”. E caso ele comprasse o Nivel 5 da Camada de Conhecimento do Alto Cl√£, “Aben√ßoado, e n√£o amaldi√ßoado” por 15 de exp (5×3), ele n√£o teria qualquer acesso aos niveis 1, 2, 3 ou 4 caso n√£o pagasse os pontos para possui-las e comprando cada uma das suas habilidades separadamente.

Até o momento foram lançados os seguintes livros com Camadas de Conhecimento (Loresheets):

  • Livro B√°sico de Vampiro a M√°scara V5 (2018 – Agosto) – 25/25 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Camarilla V5 (2018 – Setembro) – 7/7 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Anarch V5 (2018 – Setembro) – 9/9 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Chicago by Night V5 (2020 – Fevereiro) – 23/23 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Fall of London (2020 – Mar√ßo) – 06/06 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Chicago Folios (2020 – Abril) – 10/12 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Winter’s Teeth HQ #1 (2020 – Agosto)
  • Let the Streets Run Red (2020 – Novembro)
  • V5 Companion (2020 – Dezembro) – N√£o possui Camadas de Conhecimento (Loresheets)
  • Cults of the Blood Gods (2021 – Janeiro) – 08/12 est√£o traduzidos neste Artigo
  • Children of the Blood (2021 – Maio)
  • Trails of Ash and Bones (2021 – Junho)

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – LIVRO B√ĀSICO

 

Veja Tambem:

Vampiro A Mascara 5 edi√ß√£o Portugu√™s [Tradu√ß√£o Completa]ūü•á

 

OS BAHARI

(“The Bahari”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 382)

Os vampiros seguidores da Trilha de Lilith, também conhecidos como Lilins, Lilitu ou Bahari, reverenciam o vampiro progenitor como feminilidade primal. Eles acreditam que Lilith é a primeira e usurpadora vampira, a mãe que pariu o vitae, e que todos os Membros são filhos dela. A sociedade vampírica estagnada e patriarcal perpetua a mentira de Caim como progenitor.

Os Bahari buscam a sabedoria atrav√©s da dor e do conflito, tornando este desejo masoquista em for√ßas para suportar e superar. Quando Lilith se rebelou contra os comandos de Deus e lutou contra a sua maldi√ß√£o, os seguidores dela derrotaram as fraquezas e as maldi√ß√Ķes sobre eles para se tornarem algo a mais. Alguns Bahari guiam outros Membros √† sabedoria, outros se tornam perfeitos predadores. Os Bahari menosprezam a compaix√£o em favor do prazer carnal, do amor transit√≥rio e da paternidade estrita sobre os Membros menores.

Como um Bahari, você cumpre o papel de um torturador, estudante, professor ou amante de outro Membro. Toda evidência que você viu aponta para Lilith como a primeira e usurpadora vampira. Ou talvez você aderiu secretamente à Igreja de Caim e consome os Bahari de dentro para fora.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Reputa√ß√£o Perigosa: Os Bahari intimidam os vampiros que n√£o s√£o de sua ordem. Os vampiros crentes nos mitos Cainitas se sentem desconfort√°veis na sua presen√ßa. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode adicionar dois dados aos seus testes de Intimida√ß√£o contra adoradores de Caim, assumindo que eles saibam de sua fidelidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ Ritual de Sacrifica√ß√£o: Voc√™ conhece a dor que conduz √† sabedoria. Especificamente, os Lilitu pregam que levar a estrutura f√≠sica de algu√©m aos extremos da sensa√ß√£o concede maior compreens√£o. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode se deixar cicatrizes causando um ponto de dano Agravado em si mesmo para recuperar um n√≠vel de dano de For√ßa de Vontade: superficial ou Agravado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sacrif√≠cio das Crias: Os Bahari acreditam tanto em procriar uma cria quanto no sacrif√≠cio dela. Baharis fi√©is sabem que o sacrif√≠cio final √© o assassinato da sua pr√≥pria cria. Se voc√™ diablerizar a sua cria, voc√™ ganha tr√™s dados extras em sua parada de dados de Humanidade + Pot√™ncia de Sangue para absorver as Disciplinas (veja Diablerie, p√°g. 234).
(Já atualizado com a Errata. No livro basico, e sem a errata, é indicado que o teste seja de Determinação [Resolve] + Humanidade + Potência de Sangue)

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Sangue do √ötero: Os Bahari consideram a fertilidade e o sexo fontes de for√ßa, com algumas fac√ß√Ķes colocando especial proemin√™ncia no sangue ou na vitae tomado do √ļtero. Uma vez por hist√≥ria, ap√≥s beber o sangue do √ļtero, voc√™ recebe um adicional de dois pontos em Vigor [Stamina] ou Determina√ß√£o [Resolve] (assim aumentando tambem a Vitalidade ou For√ßa de Vontade em dois) at√© o amanhecer.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Primeiro Amaldi√ßoado: Os adoradores de Lilith sustentam que ela foi o primeiro ser vivo amaldi√ßoado por Deus, antes de Ad√£o, Eva ou Caim. Os Bahari se esfor√ßam em emular a maldi√ß√£o menor de Lilith, e ao faz√™-la, encontram as suas fraquezas Cainitas reduzidas. Voc√™ ret√©m a Perdi√ß√£o do seu cl√£, mas voc√™ pode agora voc√™ caminhar na primeira hora da luz do dia e na hora final do crep√ļsculo; voc√™ pode tamb√©m se envolver em rela√ß√Ķes sexuais sem fazer Uma Checagem de Sangue [Rouse Check] para Incitar o Sangue. No entanto, voc√™ irradia perigo: isso √© equivalente ao Defeito (de 2 pontos) Predador √ďbvio. Todos os testes Sociais para ostracizar ou caluniar voc√™ tem as suas Dificuldades reduzidas em um. Finalmente, qualquer vampiro acessando voc√™ com Ausp√≠cios imediatamente sofre de dores de cabe√ßa do tipo enxaqueca; aquele que averiguou voc√™ com Auspicios tem o Atributo Determina√ß√£o [Resolve] e For√ßa de Vontade diminuidos em um valor igual a metade da Determina√ß√£o [Resolve] (arredondado para cima) do Bahari por uma cena.

 

THEO BELL

(“Theo Bell”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 383)

A muito visto como o cachorrinho leal da Camarilla, a recente defec√ß√£o de Theo para o Movimento Anarquista provocou ondas de choque ainda sentidas por todos os dom√≠nios da Camarilla. Foi Theo Bell que serviu aos caprichos dos Ventrue Hardestadt e Jan Pieterzoon por anos, mesmo relutantemente pegando em armas para o Lasombra Marcus Vitel nos √ļltimos anos. Foi tamb√©m Theo Bell que deu o primeiro tiro na Conven√ß√£o de Praga, finalmente causando as mortes de Hardestadt e Jan Pieterzoon.

A fofoca dos Membros nestas noites posiciona Theo Bell como um messias relutante entre os Anarquistas. Ele n√£o deseja qualquer posi√ß√£o de lideran√ßa; ele apenas ficou cansado de se dobrar para os sangues azul e surtou. As suas a√ß√Ķes compeliram centenas de Brujah a seguir o exemplo, tirando os Pr√≠ncipes que a muito dominavam sobre eles e formando basti√Ķes Anarquistas junto com os Gangrel.

Apesar de sua notoriedade, Theo ainda age como intermedi√°rio entre os de alto status da Camarilla e dos Anarquistas, pela √ļnica raz√£o de que ele n√£o tolera nada nas reuni√Ķes. Ele provoca curtos-circuitos nas emboscadas do Sab√°, suprime tumultos Anarquistas, e encerra a extors√£o e coer√ß√£o da Camarilla. Como um mediador, o julgamento de Theo n√£o pode ser criticado.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ C√©lula Rebelde: Voc√™ comanda um bando de mortais rebeldes e abastece o fogo deles com algo que os mant√©m lutando. Talvez voc√™ os alimente com vitae ou talvez voc√™ represente as ideias deles. Seja como for, estes rebeldes (que equivalem a um grupo de Aliados de tr√™s pontos) pode realizar uma √ļnica tarefa perigosa para voc√™ sem a sua presen√ßa, antes de debandar at√© a pr√≥xima hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ Anarquista Verdadeiro: Voc√™ era um Anarquista antes de Bell ter conduzido um ex√©rcito de Brujah da Camarilla para o Movimento anarquista, e voc√™ se ressente destes seguidores se juntando aos Anarquistas s√≥ porque a anarquia ficou popular. Voc√™ tem registros, nomes, lugares e datas sobre quem foram e e quem s√£o os rebeldes, esses registros foram dados a voc√™ pelo proprio ou foram coletados pessoalmente. Seja como for, voc√™ consegue dois sucessos autom√°ticos em qualquer teste de investiga√ß√£o referente √† vampiros que desertaram para o Movimento Anarquista.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Informa√ß√Ķes de Contato: Seja por ponto de entrega, mensageiro ou meios arcanos, voc√™ pode conseguir uma palavra com Theo. Se ele responde, ou at√© escuta, depende da mensagem e de suas intera√ß√Ķes anteriores, mas se ele gosta do que voc√™ tem a dizer, ele pode ser capaz de mover montanhas. Os efeitos precisos de jogo de uma mensagem para Theo dependem do Narrador.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ C√≠rculo de Bell: Theo confia em voc√™, talvez por causa de suas a√ß√Ķes revolucion√°rias anteriores ou por manipular seu caminho para as suas boas gra√ßas. Bell √© o equivalente √† um Mawla de cinco pontos, mas a sua associa√ß√£o com ele tamb√©m pode ter muitas desvantagens.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Neutralidade da Seita: Seguindo a lideran√ßa de Theo Bell, voc√™ tem um pequeno contingente de alguns Brujah leais √† sua vis√£o, e voc√™ consegue influenci√°-los em qualquer dire√ß√£o: a Camarilla, os Anarquistas ou at√© para formar um sub-seita neutra menor no meio da Jyhad. Voc√™ pode se ressentir da exist√™ncia deles ou se orgulhar de seus seguidores. Disc√≠pulos n√£o est√ļpidos, mas estes Membros que te acompanha pelo menos te fornecem favores garantidos. Mas at√© eles podem se rebelam contra voc√™, voc√™ tem cinco pontos para gastar entre Contatos, Ref√ļgio (casas seguras), Mawla e Lacaios.

 

HERESIA CAINITA

(“Cainite Heresy”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 384)

No come√ßo da Cristandade, hereges Gn√≥sticos e Membros trocaram informa√ß√Ķes e Sangue, criando a Heresia Cainita: a cren√ßa de que Caim foi o verdadeiro messias, Cristo foi o Segundo Caim, e os Cainitas s√£o os Seus anjos na Terra, opondo-se ao perverso Demiurgo: o ‚ÄúDeus‚ÄĚ do Antigo Testamento. A Inquisi√ß√£o queimou a Heresia at√© as suas raizes no s√©culo 15 ‚Äď mas as ra√≠zes podem crescer de volta, se forem regadas com sangue o suficiente.

O antinomianismo da Revolta Anarquista e o milenarismo do crescimento da Gehenna fertilizou a Heresia no √ļltimo s√©culo. H√° vampiros que usam a Heresia para subverter as f√©s humanas e Cainitas que verdadeiramente acreditam nas suas miss√Ķes divinas de evangelizar a Heresia por todos os c√≠rculos Anarquistas.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Aquele que Tem Entendimento: O Narrador dar√° gratuitamente √† voc√™ uma pista para compreender, investigar ou detectar as a√ß√Ķes ou planos da Heresia, agora ou nos s√©culos anteriores. Voc√™ pode usar este conhecimento uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ M√£o da Heresia: Escolha um total de tr√™s pontos entre Aliados, Rebanho, Mawla ou Lacaios para representar a sua fun√ß√£o no diaconato Her√©tico da cidade. Por exemplo, se voc√™ pegou Rebanho n√≠vel 1 e Mawla n√≠vel 2, voc√™ pode aben√ßoar um pequeno culto de adoradores humanos e ter um renomado estudioso da Heresia como seu professor. Voc√™ tamb√©m tem o Defeito Segredo Sombrio (Heresia) em alguns dom√≠nios.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Contra Inquisi√ß√£o: Voc√™ pode sentir o cheiro da F√© Verdadeira em um humano; se voc√™ precisar, voc√™ pode fazer um teste para assim faz√™-lo, a sua parada √© Determina√ß√£o [Resolve] + o seu maior √≠ndice na Heresia Cainita. Voc√™ pode tamb√©m se opor √† Heresia, e ao inv√©s disso, usar esse dom para saber em quem acreditar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Celebrante Vermelho: Voc√™ conhece os rituais e as dosagens espec√≠ficas para induzir o Pentecoste Vermelho em uma congrega√ß√£o humana: que √© um tipo de vers√£o religiosa em √™xtase do frenesi. Durante o Pentecoste Vermelho, os humanos agem de acordo com as suas piores naturezas. Voc√™ pode conseguir ervas e fungos o suficiente para uma cerim√īnia por hist√≥ria/ esta Cerim√īnia Vermelha requer uma Checagem de Sangue [Rouse Check] e pode provocar o frenesi nos Membros participantes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aquele que se Chama na Profecia: Voc√™ √© um elemento decisivo nos planos da Heresia: talvez eles considerem voc√™ um avatar de Caim, voc√™ possui a √ļnica c√≥pia do Testemunho de S√£o Pantale√£o, ou o seu vitae √© o √ļnico sacrif√≠cio efetivo para o Ialdabaoth para propiciar ou distrair o Demiurgo. Todo membro informado da Heresia, e muitos que simplesmente querem cair nas gra√ßas dos Anarquistas, sabem de seu papel. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar este fato para ditar o vencedor de um conflito Social se voc√™ puder dar um motivo plaus√≠vel para esse resultado.

 

CARNA

(“Carna”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 385)

Uma vez Princesa de Marselha e Primogena de Milwaukee, Carna basicamente formou a sua pr√≥pria c√©lula dissidente do Cl√£ Tremere. A Casa Carna (como os outros Tremere a apelidam) fala de se libertar do La√ßo de Sangue e contra a tirania da Pir√Ęmide e da misoginia presente embutida nos Tremere. Na hora que o cabe√ßa da Pir√Ęmide em Viena pretendeu deixar cair o machado sobre Carna e de seu bando de rebeldes, a Segunda Inquisi√ß√£o prestou uma visita √† Grande Capela.

Sem a sombra da Pir√Ęmide, a Casa Carna atrai quantidades crescentes de Anarquistas e Camarilla cassados. Carna n√£o busca seguidores, mas ela os reconhece por seu valor. Carna n√£o sobreviveu 600 anos por ignorar poss√≠veis perigos ; ela acredita que √© apenas uma quest√£o de tempo antes que os pr√≥prios Tremere apare√ßam para amaldi√ßo√°-la at√© as cinzas. At√© l√°, ela pressiona o m√°ximo poss√≠vel para uma moderniza√ß√£o e feminiza√ß√£o do Cl√£ Tremere.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Abrace a Vis√£o: Voc√™ √© completamente comprometido com a vis√£o de Carna por um novo cl√£ Tremere e se encontra possu√≠do de um sentido maior de auto cren√ßa na presen√ßa de seus colegas Membros da sub-fac√ß√£o. Quando estiver por perto de outros membros da Casa Carna, voc√™ tem um dado adicional para todos os testes de For√ßa de Vontade.

‚ÄĘ‚ÄĘ A Trilha Rebelde: Voc√™ seguiu a trilha de Carna ap√≥s a quebra inicial do Cl√£ Tremere, absorvendo os sentimentos de rebeli√£o e liberdade. Voc√™ resolveu nunca ser um escravo do Sangue novamente. Sempre que estiver em risco de ficar em La√ßo de Sangue, voc√™ pode fazer um teste de For√ßa de Vontade (com uma Dificuldade igual √† Pot√™ncia do Sangue do vitae ingerido) para ignor√°-lo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Rituais Heterodoxos: Carna d√° de sua sanidade ou sua alma para abastecer a sua magia, ao inv√©s de se desfazer de seu vitae em ortodoxia Herm√©tica. A sua compreens√£o de seu processo habilita voc√™ a realizar rituais da mesma forma. Voc√™ pode realizar um ritual conhecido por hist√≥ria sem a necessidade de gastar Sangue, mas em um cr√≠tico bagun√ßado, voc√™ tamb√©m fica demente de alguma forma (tipicamente ficando intensamente paranoico ou com medo de sangue) at√© o fim da hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ La√ßo Reformulado: Voc√™ estudou a magia de Carna e seu m√©todo incomum de reformular o v√≠nculo, e voc√™ pode estender os efeitos do ritual dela para outros. Fazer sexo com um alvo, mortal ou morto-vivo, cria um La√ßo de Sangue entre o parceiro, voc√™ e Carna, mesmo que Carna esta ausente na hora do ato. Encontros sexuais repetidos fortalecem o La√ßo de Sangue, em conformidade com o La√ßo normal. Voc√™ pode desta maneira contornar a Perdi√ß√£o do cl√£ Tremere, mas o La√ßo dura somente at√© a conclus√£o da hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Livro da Guerra do Sepulcro: De acordo com o rumor, o tomo conhecido como o Livro da Guerra do Sepulcro permitiu √† Carna quebrar o seu La√ßo com o Cl√£ Tremere. Voc√™ possui uma c√≥pia, garantindo √† voc√™ um sucesso autom√°tico em todos os testes de Ocultismo envolvendo √† Gehenna, sua preven√ß√£o, e rompendo as correntes prendendo os vampiros √† seus anci√Ķes. O livro torna voc√™ imune ao la√ßo enquanto voc√™ ret√™-lo e seguir seus ensinamentos arcanos. No entanto, os Tremere buscam destruir voc√™ e o livro; o Narrador pode tamb√©m penalizar voc√™ em um dado em qualquer teste Social ou Mental, por ser afetado por uma paranoia cont√≠nua.

 

O SISTEMA CIRCULAT√ďRIO

(“The Circulatory System”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 386)

A explora√ß√£o do sangue e suas Resson√Ęncias gerou c√≠rculos de Membros √°vidos por conhecimento, poder e lucro. A rede internacional de tr√°fico humano conhecida como o Sistema Circulat√≥rio contrabandeia fontes importantes entre os dom√≠nios e a cr√īnica que os poderes das vindimas de sangue que eles movem.

O Sistema Circulatório se importa pouco com o bem-estar a longo prazo de suas fontes, além da queda nos lucros que eles sofrem quando tal gado morre prematuramente. Muitos Membros podem olhar o passado de tais problemas menores ao estudos pioneiros que o Sistema tornou possível ao abrir novas e valiosas características do Sangue.

O seu relacionamento com o Sistema Circulat√≥rio pode variar, voc√™ pode ser um dos seus traficantes, um cliente, ou at√© como uma ex-fonte mortal que se tornou vampiro. Voc√™ pode detestar as pr√°ticas exploradoras da fac√ß√£o ou ver o seu potencial e almejar por um gostinho de suas opera√ß√Ķes.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Acesse o Sistema: Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode requisitar fontes de sangue espec√≠ficas ao Sistema Circulat√≥rio que ir√£o carregar certas habilidades ‚Äď ou para fornecer para um Ventrue que encontra a sua prefer√™ncia alimentar negligenciada no dom√≠nio.

‚ÄĘ‚ÄĘ Pequeno Livro Negro: Voc√™ veio a ter a posse de um dos pequenos livros negros do Sistema. Estes livros cont√™m registros de experimentos de sangue e teorias sobre o poder seleto do sangue das fontes. O Narrador determina a acur√°cia do livro em assuntos espec√≠ficos; no geral, ele adiciona um dado √† testes de Investiga√ß√£o, Alquimia, Medicina ou Ci√™ncia para rastrear ou testar uma novidade espec√≠fica. Ele tamb√©m reduz pela metade o tempo para pesquisar uma nova f√≥rmula de Alquimia de sangue-fraco de dois pontos ou de tr√™s pontos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Fazenda do Norte: Voc√™ sabe onde o Sistema mant√©m uma fazenda de fontes valiosas: mortais com sangue potente o suficiente para transmitir benef√≠cios aos Membros que beberem. Voc√™ pode dar uma batida na fazenda, alugar uma fonte espec√≠fica a um custo, ou tentar abrir seu caminho para dentro. Estas fontes s√£o o equivalente √† quatro pontos de Rebanho, mas voc√™ pode somente se alimentar deles somente uma vez por semana, a menos que voc√™ publicamente tome conta da fazenda.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tr√Ęnsito Seguro: O Sistema Circulat√≥rio usa vans blindadas e motoristas carni√ßais armados para transportar as fontes de A para B. Estes modos protegidos de tr√Ęnsito s√£o mais do que simples vans de seguran√ßa; elas est√£o cheias de armas e √†s vezes cont√™m fontes incrivelmente valiosas destinadas √† compradores importantes. Voc√™ tem acesso √† uma destas vans. Se voc√™ estiver andando na frente como um leg√≠timo condutor ou ter sido bem se sucedido em roubar uma destas vans, voc√™ pode organizar uma viagem segura para um ou mais Membros com pouco esfor√ßo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sommelier do Sangue: Voc√™ conhece os m√©todos secretos para o sabor, an√°lise e refinamento do Sistema Circulat√≥rio, e voc√™ consegue replic√°-los. Talvez voc√™ possua um laborat√≥rio de sangue, tem um alquimista ou feiticeiro do sangue de prontid√£o, ou voc√™ apenas fica ciente de um rumor aficionado. Voc√™ pode adicionar dois dados √† qualquer teste para descobrir a Resson√Ęncia do sangue, e voc√™ pode selecionar tr√™s pontos entre os Antecedentes Contatos, Aliados ou Ref√ļgio para explicar o seu conhecimento. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode perguntar ao Narrador as propriedades do sangue da fonte mais valiosa.

 

CONVENÇÃO DE THORNS

(“Convention of Thorns”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 387)

Voc√™ √© um estudioso da Conven√ß√£o de Thorns, na qual os vampiros de todos os cl√£s organizaram a forma√ß√£o da Camarilla. Talvez voc√™ descenda de um dos participantes mais importantes que se manifestou na conven√ß√£o, expressando as suas propostas para as novas Tradi√ß√Ķes. Talvez voc√™ estude este per√≠odo hist√≥rico avidamente, em busca de maior significado ou compreens√£o das leis que governam hoje a sociedade dos Membros.

Voc√™ consegue relatar os nomes dos vampiros que atenderam, as intera√ß√Ķes das Tradi√ß√Ķes propostas na conven√ß√£o, e at√© sabe algumas das propostas ocultas entre os cl√£s que n√£o se dignaram √† se juntar √† Camarilla nesse per√≠odo. O conhecimento da Conven√ß√£o de Thorns ainda pode ser usado nestas noites para aplicar press√£o da mesma maneira √† Camarilla e aos Anarquistas.

Notas de tradu√ß√£o: Emobra tenha sido chamado muitas vezes de “Conven√ß√£o dos Espinhos” em livros da Devir. “Thorns” seria o nome da cidade (Fict√≠cia) onde aconteceu a conven√ß√£o, e n√£o porque o titulo da conven√ß√£o tenha se tornado “conven√ß√£o dos espinhos” por algum motivo na historia do cen√°rio. E como regra geral n√£o se traduz nomes proprios, como o dessa cidade, que se chama Thorns (mesmo que isso signifique de fato espinhos). Por isso decidimos manter o nome proprio da cidade em ingl√™s mesmo que sempre que nos referirmos a conven√ß√£o que aconteceu nessa cidade ou a cidade em si.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Historiador de Thorns: A Conven√ß√£o de Thorns foi uma complexa e ambulante besta da diplomacia. Centenas de pequenos encontros aconteceram entre as representatividades deste cl√£ ou daquele, forjando pactos que duraram anos, d√©cadas, ou s√©culos em alguns casos. Voc√™ possui um conhecimento enciclop√©dico dos encontros menores da conven√ß√£o, e voc√™ consegue recorrer √† este conhecimento para aplicar press√Ķes legais sobre os participantes ou seus descendentes, onde pactos ainda podem estar em vigor, mas n√£o praticados ou revogados sem o consentimento de todas as partes. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador uma pe√ßa de informa√ß√£o conhecida referente √† conven√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ Mestre das Tradi√ß√Ķes: As seis Tradi√ß√Ķes da Camarilla que foram sancionadas nestas noites foram as primeiras codificadas e acordadas na Conven√ß√£o de Thorns. O seu conhecimento da conven√ß√£o se estende √† numerosas ap√≥crifas ou Tradi√ß√Ķes propostas, algumas das quais quase passaram. Uma vez por cr√īnica, voc√™ pode exercitar as leis perif√©ricas em dom√≠nios onde os cl√£s governam que ainda podem ser simp√°ticos √†s Tradi√ß√Ķes n√£o aceitas em Thorns.
Exemplos de pseudo-Tradi√ß√Ķes podem incluir: Os Membros neste dom√≠nio s√£o somente autorizados √† um unico Abra√ßo; toda a for√ßa policial √© proibida como estoque de alimenta√ß√£o; o combate no Elysium √© pun√≠vel com a Morte Final; a diablerie √© permitida contra qualquer Caitiff descoberto neste dom√≠nio; etc.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Segredos da Conven√ß√£o: O Minist√©rio declinou um convite para se juntar como o oitavo cl√£ pilar; os Lasombra rejeitaram a Camarilla quando ela se recusou a reconhecer a exist√™ncia dos Antediluvianos. Voc√™ descobriu as propostas secretas ainda mais obscuras da Conven√ß√£o: a peti√ß√£o dos Capad√≥cios para se juntar, o esbo√ßo de s√≠mbolo dos Malkavian, e mais. Voc√™ pode soltar dicas suficientes para sempre pegar um dado de b√īnus aos testes Sociais envolvendo Membros que estavam presentes na conven√ß√£o. Voc√™ tamb√©m sabe uma quantidade de segredos maiores, cada um valendo um Favor Maior para algum Cainita poderoso. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador pelo nome de um Membro que precisa de seu conhecimento.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Justicar em Potencial: Os primeiros Justicares da Camarilla receberam a nomea√ß√£o durante a Conven√ß√£o de Thorns. N√£o importa a sua lealdade pol√≠tica, de alguma forma voc√™ (ou seu senhor, se voc√™ for muito jovem) tem um suporte poderoso para se tornar o pr√≥ximo Justicar de seu cl√£. Se o seu cl√£ n√£o for um amplamente representado na Camarilla, talvez esta nomea√ß√£o assinale um mar de mudan√ßas entre os cl√£s da seita.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Novas Tradi√ß√Ķes: O seu conhecimento da Conven√ß√£o de Thorns √© tal que voc√™ consegue compilar evid√™ncia e suporte o suficiente para propor uma nova Tradi√ß√£o, ou uma emenda √† uma existente, para o C√≠rculo Interno da Camarilla. Esta Tradi√ß√£o pode ser aceita se ela soar sens√≠vel o suficiente e ajudar a cada vez mais estrita Camarilla pelo mundo nestas noites, ou ela pode marcar voc√™ como um agitador e perigo para a seita. Independente disso, o mais importante, √© que a sua voz ser√° ouvida sem julgamento pr√©vio.

 

A PRIMEIRA INQUISIÇÃO

(“The First inquisition”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 388)

Você sabe quem acendeu os fogos da Primeira Inquisição que assolaram da Idade Média até a Renascença. Talvez um dos seus ancestrais tenha falado para você temer essas noites. Talvez você possua textos relatando estes tempos terríveis ou você tem projetos de recriá-los ao virar a igreja contra seus inimigos.

O seu conhecimento da Inquisi√ß√£o √© tal que voc√™ pode ter a capacidade de manipular a Segunda Inquisi√ß√£o nestas noites, embora seus m√©todos e algumas cren√ßas tenham mudado. Voc√™ sabe como melhor escapar do grupo e como vir√°-los contra seus advers√°rios. Tais a√ß√Ķes n√£o v√™m sem risco, assim como seus ancestrais que tentaram o mesmo feito e foram descobertos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Erros do Passado: Voc√™ conhece a hist√≥ria dos Membros e consegue citar o cap√≠tulo e verso dos dom√≠nios e Pr√≠ncipes da Inquisi√ß√£o destru√≠dos em sua encarna√ß√£o original. Voc√™ pode educar qualquer vampiro nos perigos hist√≥ricos da Inquisi√ß√£o. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador por uma pe√ßa de informa√ß√£o referente √† Inquisi√ß√£o original.

‚ÄĘ‚ÄĘ Nomes do Pecado: Seu conhecimento das rela√ß√Ķes entre vampiros e a Inquisi√ß√£o se estendem a incluir os Membros manipuladores dela. Embora a maioria esteja morta nas noites modernas, muitos dos seus descendentes sobrevivem, e eles est√£o em risco de serem chantageados por voc√™, ao utilizar como argumento a trai√ß√£o feita pelos seus senhores. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador pelo nome de um descendente destes traidores em seu dom√≠nio, se houver algum.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Seita de S√£o Santiago: Voc√™ tem contatos que se consideram ‚Äúantigos Inquisidores‚ÄĚ. O Sectus Sancti Iacomi nutre um profundo ressentimento por suas contrapartes modernas e extravagantes, agindo com maior fanatismo e zelo suicida do que a mais controlada Segunda Inquisi√ß√£o. Seu abade √© um Contato de quatro pontos, o qual voc√™ pode contactar uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Segundo Ato: Voc√™ tem um Contato dentro da Segunda Inquisi√ß√£o ou da arquidiocese Cat√≥lica local: um arquivista, ca√ßador batedor, exorcista, armeiro, etc. Voc√™ n√£o tem poder algum sobre eles, mas voc√™ sabe como interrog√°-los para obter informa√ß√Ķes ‚Äď ou muni-los com desinforma√ß√£o ‚Äď se necess√°rio for.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ponto Negro: Voc√™ identificou um local dentro de seu dom√≠nio que a Segunda Inquisi√ß√£o teme pisar. Uma vez por hist√≥ria, se voc√™ ou qualquer um que tenha se tornado alvo da Segunda Inquisi√ß√£o se esconder neste local, os ca√ßadores ir√£o cancelam a busca. Esta anomalia parece ser uma ben√ß√£o, mas ela levanta a quest√£o: O que h√° de t√£o sagrado ou profano sobre este lugar que ele desencoraja a maior amea√ßa para os Membros nestas noites?

 

GOLCONDA

(“Golconda”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 389)

A maioria dos vampiros alegam que é um estado místico de sabedoria, mas alguns alegam ter alcançado o lendário estado da Golconda ou sabem de outros que tambem conseguiram. Supostamente descoberta por um vampiro antigo de nome Saulot, a Golconda é um estado de perfeito equilíbrio entre a Humanidade e a Besta. Um vampiro percorrendo o caminho da Golconda pode diminuir a revolta da sua Besta, subjugar a sua fome, e até ficar de pé perante a luz do sol, ou pelo menos assim é dito por aí. Os dons que acompanham a conquista da Golconda são excepcionais, e, portanto, muitos vampiros fazem a peregrinação. Alguns obtiveram êxito na jornada.

A rota para chegar ao estado da Golconda nunca foi registrado com exatid√£o. Na verdade, os seguidores de Saulot alegam que a jornada √© diferente para todos os vampiros, dependendo de seus pecados. O que a Golconda faz √† um vampiro quando ele a alcan√ßa √© tamb√©m bastante contestado. Alguns alegam que ela leva √† um estado de perfeita serenidade, enquanto outros dizem que ela transforma o vampiro que √© um predador em um turbar√£o de sangue frio, n√£o mais suscet√≠vel √† f√ļria irracional, mas igualmente faminto por sangue.

Você pode ser um discípulo da Golconda, um seguidor das palavras de Saulot, ou um Membro que deseja remover o véu enganador da Golconda dos olhos de outros vampiros. Um vampiro evasivo de nome o Mestre dos Corvos busca esmagar o mito da Golconda de uma vez por todas, e você pode servir à ele nesta tarefa.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Sementes da Golconda: Voc√™ j√° ouviu falar da Golconda e pode educar outros em sua natureza sem parecer um completo amador. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador por orienta√ß√£o antes de tomar uma a√ß√£o, e ele dir√° √† voc√™ se essa a√ß√£o ir√° comprometer a chance de perseguir a Golconda.

‚ÄĘ‚ÄĘ O √önico Caminho Verdadeiro: Voc√™ possui uma c√≥pia do ‚Äú√önico Caminho Verdadeiro‚ÄĚ escrito pelo Mestre dos Corvos: um tratado sobre as supostas realidades da Golconda. Este trabalho diz √† voc√™ que a Golconda √© um m√©todo para se tornar um predador no √°pice, ao inv√©s de um monstro espiritualmente redimido. Uma vez por hist√≥ria, este manuscrito da √† voc√™ tr√™s dados extras em qualquer teste social envolvendo a natureza da Golconda.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Disc√≠pulo de Saulot: Voc√™ se agarra aos ideais de Saulot: o vampiro que viajou para a √Āsia e retornou carregando um terceiro olho e a sabedoria da Golconda. Voc√™ acredita nos ensinamentos de Saulot de que a Golconda √© a maneira final na qual um Membro pode superar a sua maldi√ß√£o. Voc√™ pratica uma dupla exist√™ncia, permitindo a sua Besta e a sua Fome ficar fora das r√©deas ocasionalmente, por isso voc√™ pode alcan√ßar a serenidade em outros momentos. Sempre que voc√™ voluntariamente sucumbir ao frenesi, fa√ßa uma anota√ß√£o e registro disso; voc√™ pode automaticamente obter √™xito em seu pr√≥ximo teste de frenesi.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Satisfazer a Fome: Voc√™ n√£o precisa se alimentar t√£o frequentemente quanto os outros vampiros. O foco da sua Golconda √© suprimir a sua constante Fome, potencialmente ao custo de outras Caracter√≠sticas. A sua temperan√ßa age como uma inspira√ß√£o para muitos outros vampiros. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode abaixar a sua Fome em um (mas n√£o abaixo de um) sem se alimentar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Acolher o Sol: Voc√™ conhece os segredos da Golconda. Voc√™ pode ser incapaz de estar no caminho para sempre, mas por tanto tempo quanto voc√™ desejar, voc√™ pode desafiar a plena luz do dia sem sofrer ferimentos. No entanto, a noite ap√≥s voc√™ caminhar na luz do sol, voc√™ acorda em uma Frenesi de Fome. Voc√™ pode fazer isto uma vez por hist√≥ria.

 

DESCENDENTE DE HARDESTADT

(“Descendant of Hardestadt”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 390)

(SOMENTE PERSONAGENS VENTRUE)

Ouvirás muitos Ventrue dizendo isto, Hardestadt foi o Ventrue mais importante por oito séculos, até a sua destruição pelos rebeldes Brujah liderados pelo traidor Theo Bell durante a Convenção de Praga em 2012. Hardestadt foi o fundador Ventrue da Camarilla, junto com seis pares de outros clãs, e os Ventrue creditam à ele a força e a sobrevivência da seita desde então.

Hardestadt n√£o Abra√ßou muitos mortais, e estranhamente para um Ventrue, ele nunca confirmou a sua linhagem de volta √† um matusal√©m de Quarta Gera√ß√£o. Tanto quanto Hardestadt estava preocupado, ele foi o tudo e o fim de tudo dos Ventrue. Ningu√©m que veio depois ou antes poderia segurar uma vela para as suas realiza√ß√Ķes.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Voz de Hardestadt: Hardestadt gritava frequentemente, pontuando as suas observa√ß√Ķes com golpes de punho nas mesas, paredes ou carni√ßais desafortunados. O seu Sangue permite que voc√™ fale sobre qualquer ru√≠do e chamar a aten√ß√£o, seja em uma sala de reuni√Ķes movimentada ou em uma rave. Algo na sua voz permite que outros escutem voc√™. Se eles forem prestar aten√ß√£o, depende do que voc√™ diz.

‚ÄĘ‚ÄĘ L√≠der Supremo: A autoconfian√ßa de Hardestadt como um l√≠der foi de muitas formas a sua destrui√ß√£o, mas at√© a sua Morte Final, ele se viu crescer em grandeza. Voc√™ pode convencer outros a seguir voc√™ em situa√ß√Ķes mortais ou enquanto comanda da retaguarda, e voc√™ pode enviar alvoss √† sua ruina para melhorar a sua posi√ß√£o. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ n√£o sofre alguma penalidade na sua parada de dados por enviar pessoas ao perigo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Pilar Ventrue: Devido a sua linhagem de prest√≠gio, outros Ventrue olham para voc√™ atr√°s de orienta√ß√£o. Independentemente de seu Status com outros grupos, voc√™ sempre tem tr√™s pontos de Status (n√≠vel 3) com os Ventrue.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Linha para os Fundadores: Hardestadt garantiu que a sua linhagem inteira poderia alcan√ß√°-lo quando fosse necessario. Ele raramente respondia a comunica√ß√Ķes a menos que a situa√ß√£o fosse extrema, e ele punia o mau uso disso severamente, mas o seu m√©todo ainda se mant√©m apesar de sua morte. Uma vez por cr√īnica, voc√™ pode ligar, escrever ou arranjar um encontro com um dos fundadores da Camarilla no lugar de Hardestadt. Se eles se dignarem a responder, depende da import√Ęncia de sua solicita√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Herdeiro de Hardestadt: Voc√™ tem em sua posse um documento assinado no qual Hadestadt nomeia voc√™ como seu sucessor. Voc√™ n√£o tem certeza do que voc√™ √© um sucessor: mera riqueza e poder, monarquia Ventrue, ou at√© o C√≠rculo Interno da Camarilla. Quando voc√™ leva o nome de ‚ÄúHardestadt‚ÄĚ, o documento alega que a Camarilla poder√° marchar com as batida de seu tambor ‚Äď e garante que os Anarquistas ir√£o se aglomerar para te derrubar.

 

DESCENDENTE DE HELENA

(“Descendant of Helena”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 391)

(SOMENTE PERSONAGENS TOREADOR)

Alguns alegam que ela reside nas Américas, constantemente em guerra com um rival. Outros dizem que ela administra a casa noturna vampírica mais popular no mundo. Alguns acreditam que ela seja a amada do fundador do clã, e que ela está a procura de acordar o Antediluviano Toreador.

Bela e inteligente, √© dito que ningu√©m consegue desviar o olhar de Helena, a menos que ela queira. Mortais morreram para serem os primeiros a testemunhar as suas cria√ß√Ķes art√≠sticas. Todos os seus descendentes exibem um imenso n√≠vel de talento, exemplificando o papel tradicional dos Toreador. √Č um estere√≥tipo que alguns Toreador se ressentem; e Helena √© um √≠cone do cl√£ sobre o assunto. Os Toreador querem conhecer voc√™, porque assim, mesmo que indiretamente eles poderia ficar um pouco mais perto dela.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Superficial: N√£o importa a sua posi√ß√£o, soltar o nome de Helena em uma conversa com um Toreador ou um vampiro que efetivamente conhe√ßa ela eleva o seu Status em um ponto. Voc√™ pode soltar o nome de Helena uma vez por hist√≥ria para este efeito, ou mais frequentemente, o que faria todos ficarem fartos de voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ Talento Real: Ao contr√°rio de outros Toreador r√°pidos e confiantes somente em seus rostos e corpos, voc√™ foi Abra√ßado pelo seu talento. Escolha uma pericia entre Of√≠cios, Etiqueta ou Performance. Aumentar esta Per√≠cia custa metade dos pontos de experi√™ncia (arredondado para baixo) que tal aumento tipicamente custaria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Abrace o Estere√≥tipo: Quando a hora chegar, voc√™ pode interpretar o papel de um Toreador superficial, cercando-se com um s√©quito de bajuladores, e dar uma festa que se tornar√° uma lenda. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode ser o anfitri√£o de uma festa para aumentar o seu Status e/ou a Influ√™ncia em dois pontos com um grupo convidado; o aumento dura enquanto a festa durar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Pureza Divina: Diferente da maioria de dentro da grande fam√≠lia de Helena, a sua perfei√ß√£o √© mais angelical do que diab√≥lica. Voc√™ pode cometer qualquer pecado, mas voc√™ ir√° sempre aparentar inocente. Adicione dois dados √†s suas paradas de dados quando estiver fazendo testes para evitar se responsabilizar por suas a√ß√Ķes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Franquia da Succubus Club: Helena sucumbiu ao Chamado nos √ļltimos anos, deixando a Succubus Club em Chicago para um administrador mais uma vez. Ela concedeu a licen√ßa para voc√™ estabelecer uma Succubus Club franquiada em seu dom√≠nio. Esta rara honra garante que os Membros da cidade respondam √† seu chamado, pois todos os vampiros Abra√ßados nos √ļltimos 200 anos j√° ouviram falar da Succubus Club. Enquanto a boate permanecer aberta, o √≠ndice de Chasse do Dom√≠nio de sua coterie aumenta em dois pontos. Voc√™ tamb√©m tem quatro pontos para selecionar entre Recursos, Fama e Status entre todos os Membros.

 

VETERANO DE GUERRA DE SEITA

(“Sect War Veternan”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 392)

O Sabá e a Camarilla sempre existiram em desacordo, mas a guerra pela América do Norte nos anos 90 e no início dos anos 2000 cimentou as seitas como eternos inimigos de sangue.

Em uma ação para exterminar seus adversários e cimentar seu papel sobre o continente, o Sabá fez massacres pelo seu caminho através dos domínios da Camarilla e Anarquistas, impiedosamente matando Membros e revelando seus poderes ao gado sem hesitação. A Camarilla se deu conta que precisava tomar uma atitude, e ela formou uma defesa forte e militante liderada por tais ícones como Theo Bell.

Embora mais defensivo do que ofensivo, a Camarilla recuperou v√°rios dom√≠nios atrav√©s do Sul Estado-Unidense, embora os bols√Ķes de controle do Sab√° permane√ßam na maioria das cidades nestas noites. Todo vampiro participantes tem uma hist√≥ria para contar sobre seu envolvimento e os horrores que eles sobreviveram.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Sobrevivente: O seu dom√≠nio, ou o dom√≠nio de um vampiro pr√≥ximo √† voc√™, foi a√ßoitado durante a guerra de seitas. Voc√™ pode recontar como foi a estrat√©gia do Sab√° e a da Camarilla, como eles guerrearam na cidade sem alertar os mortais, e os nomes dos vampiros ca√≠dos pegos no meio. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador por um peda√ßo de informa√ß√£o relacionada √† guerra das seitas em seu dom√≠nio.

‚ÄĘ‚ÄĘ Participante Ativo: N√£o importa a seita, a guerra puxou muitos vampiros. At√© os independentes serviram como mercen√°rios ou fornecedores para um ou ambos os lados. Muitos vampiros foram puxados para dentro da guerra das seitas. Voc√™ tem at√© cicatrizes para comprovar a sua participa√ß√£o. A sua pr√≥pria seita pode considerar voc√™ como um her√≥i de guerra; a outra como um criminoso de guerra. Pegue tr√™s pontos de Status ou Mawla para refletir a sua posi√ß√£o ou a de um dos seus camaradas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Trof√©u de Morte: Muitos vampiros not√°veis ca√≠ram na guerra das seitas, e para os Arcontes e Templ√°rios participantes da guerra, derrubando um ‚Äúnome‚ÄĚ em ambos os lados se tornou uma quest√£o de orgulho competitivo. Seja por sorte ou planejamento, voc√™ √© respons√°vel pela morte de um desses vampiros. Voc√™ pode usar este distintivo com orgulho ou reprimir os rumores, mas de qualquer forma, o vitae cobre as suas m√£os. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar esta lenda para contornar uma disputa onde ela pode ajudar, assim como o Narrador pode sempre us√°-la para enviar inimigos atr√°s da sua cabe√ßa.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Terra de Nenhum Vampiro: Times de assassinos de membros em ambos os lados da guerra das seitas variam de dom√≠nio para dom√≠nio e ent√£o voltam para as antigas terras como defensores reunidos. Este Grande Estilo de Guerra de conflito de empurra e puxa levou alguns vampiros a ficarem obcecados por dom√≠nios e seus santu√°rios escondidos, arsenais, redes de t√ļneis e ruas secund√°rias. Voc√™ conhece todos os melhores lugares em seu dom√≠nio e dos dom√≠nios adjacentes para lan√ßar uma emboscada, se esconder de atacantes, reabastecer uma mil√≠cia ou fazer contato com mercen√°rios. Adicione dois pontos ao Portillon de seu dom√≠nio, e adicione dois dados √†s paradas de Manha [Streetwise] ,Ladroagem [Lacerny] e Furtividade [Stealth] nos dois dom√≠nios vizinhos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Agitador de Seita: Alguns vampiros existem somente para causar carnificina, e voc√™ se enconta dentro desse grupo. Indiv√≠duos tais como Lucinda da Camarilla e Francisco Domingo de Pol√īnia do Sab√° foram estragados pela guerra e deixados vazios quando ela se concluiu. Voc√™ conhece todos os pontos de gatilho e acender os fus√≠veis corretos para iluminar e a inflamar uma nova guerra de seitas. Pode ser localizado em um √ļnico dom√≠nio no in√≠cio, mas uma vez que as chamas comecem, voc√™ pode aban√°-las para elas se espalharem. Adicione dois dados √† todas as suas paradas de testes Sociais para inflamar a tens√£o sect√°ria.

 

A TRINDADE

(“The Trinity”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 393)

Os vampiros de certa idade se lembram de seus pares e descendentes da Era de Ouro de Constantinopla, onde a Trindade de Michael, Drácon e Antonius dominavam. Estes três filósofos, um Toreador, um Tzimise e um Ventrue respectivamente, organizaram e apoiaram a utopia vampírica de Constantinopla. Uma combinação de Cruzadas, mania de um Matusalém e corrupção Setita despedaçou a coterie. Basicamente, o Sonho de Constantinopla, no qual todos os vampiros de crenças e práticas díspares poderiam existir em harmonia, foi destruído.

Alguns ainda se agarram ao sonho e √† esperan√ßa pela ressurrei√ß√£o de alguma forma da Trindade. Voc√™ ainda pode acreditar que Dracon possa ser trazido de volta √† sua ex-sabedoria ou √†quela das novas trindades de Constantinopla ou Istanbul possuem a chave para o crescimento e revitaliza√ß√£o do dom√≠nio. Em contrapartida, talvez voc√™ estude as disciplinas da Trindade com olhos cautelosos, preparando-se para derrubar uma amea√ßa colossal para todas as Tradi√ß√Ķes.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Constantinopla: Fora da Ashirra, a tradi√ß√£o vamp√≠rica se refere √† Istanbul como ‚ÄúConstantinopla‚ÄĚ. Voc√™ √© um dos poucos que sabem o porqu√™. Constantinopla representou tudo o que √© poss√≠vel em uma cidade onde os vampiros compartilharam ideias e discutiram filosofia sem cair em uma carnificina. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode fazer ao Narrador uma pergunta sobre o passado de Constantinopla e ser repondido de modo preciso.

‚ÄĘ‚ÄĘ Arquitetura de Antonius: Reconhecido por suas habilidades arquitet√īnicas, tanto na pol√≠tica quanto na f√≠sica, o Ventrue Antonius construiu a estrutura que manteve Constantinopla junta. Para alguns, ele criou o ideal do que viria a ser os Primog√™nitos. Voc√™ estuda os m√©todos de Antonius; voc√™ pode adicionar dois dados √† qualquer parada de dados de Pol√≠tica quando estiver fazendo um teste envolvendo o governo do dom√≠nio. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode mediar e acalmar qualquer debate de corte, suprimindo a viol√™ncia com a√ß√£o ou profundidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Sonho: Por um mil√™nio, a Trindade praticou o sonho de Michael: uma vis√£o de utopia vamp√≠rica. Michael encorajou todos os vampiros em Constantinopla a aprender e buscar a sabedoria, crescer distante da Besta, e tornar-se algo al√©m de meros predadores. Voc√™ √© um expoente moderno desse sonho, reconhecido como um Orador desse Sonho na sua cidade. Voc√™ pode adicionar um dado √† qualquer parada de dados de Sagacidade [Insight] quando estiver testando para medir a Besta de outros. Voc√™ inspira e acalma as almas; uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode gastar um ponto de For√ßa de Vontade para permitir que outro vampiro role novamente at√© tr√™s dados quando estiver resistindo ao frenesi.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Dracon: Da Trindade, somente o Tzimisce conhecido como o Dracon sobreviveu √† queda de Constantinopla. Fervoroso e s√°bio, o amado tanto de Antonius quanto de Michael, e guia espiritual para a Trindade, o intitulado Dracon calou-se por muitos s√©culos seguindo o assassinato de Antonius. Rumores suspiram que o Dracon reemergiu agora, com uma inten√ß√£o pouco clara. Voc√™ pode contar-se como um de seus disc√≠pulos, e provavelmente sabe como encontr√°-lo. Ele conta como um Mawla de cinco pontos, ajudando com quest√Ķes espirituais e Disciplinas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Nova Trindade: Uma noite, a Constantinopla de Micahel ir√° renascer, e voc√™ dever√° ajudar no nascimento. Voc√™ sabe disso n√£o de ego fr√°gil, mas de certa profecia. Voc√™, junto com dois outros que complementam as suas habilidades sem espelh√°-las, reconstruir√£o Constantinopla em uma nova cidade ‚Äď n√£o importa o que voc√™ deva fazer. Enquanto voc√™ buscar conquistas em dire√ß√£o do caminho para trazer a Nova Trindade, voc√™ pode remover at√© cinco Manchas de Humanidade por hist√≥ria antes de fazer um teste de Remorso (p√°g. 239).

 

JEANETTE/THERESE VOERMAN

(“Jeanette/Therese Voerman”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 394)

Desde o seu ressurgimento, a Succubus Club de Chicago teve somente um rival a altura da boate dos mortos: O Asilo em Los Angeles. As irm√£s Voerman administram o boteco, ou os botecos, pois a franquia Asilo agora aparece em registros atrav√©s da Am√©rica, √Āsia e Europa.

Famosas tanto por suas naturezas empreendedoras quanto por suas personalidades combativas, as Voermans detestam uma √† outra apesar de seu sucesso. Em L.A., para ‚Äúfazer um Voerman‚ÄĚ, √© se tornar um membro da sua pr√≥pria coterie um inimigo jurado. Therese e Jeanette agora administram Asilos separados, uma em Santa M√īnica, outra em Hollywood. Elas nunca aparecem na mesma boate.

Somente os Malkavian mais próximos às Voermans sabem que Therese e Jeanette são a mesma vampira: duas personalidades distintas compartilhando o mesmo corpo. Alguns dizem que ela suporta essa condição desde que era uma mortal, enquanto outros alegam que existiam duas irmãs, mas uma matou a outra. Outros rumores sussurram sobre uma outra irmã, a qual age como uma escrava aprisionada à Malkavian. Altamente volátil, as Voermans provam que os Malkavian podem ser tão inspirados e prósperos quanto qualquer Toreador ou Ventrue, mas muitos Anarquistas antecipam o momento em que Therese e Jeanette vão entrar em guerra uma com a outra.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Membro do Asilo: Voc√™ nunca precisa esperar em uma fila para entrar no Asilo, voc√™ sempre tem uma das melhores cadeiras na casa, e enquanto voc√™ n√£o foder com tudo, voc√™ pode ca√ßar l√° uma ou duas vezes por sess√£o (Dificuldade 2) sem causar qualquer intriga.

‚ÄĘ‚ÄĘ Macaco Adestrado: Jeanette e Therese conhecem voc√™ como um recurso confi√°vel, e elas frequentemente submetem voc√™ √† miss√Ķes variando de investiga√ß√Ķes s√©rias √† voos de capricho insano. Embora perigosas, elas s√£o generosas, e elas reembolsam quaisquer favores incorridos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Favorito da Jeanette: Jeanette Voerman, a crian√ßa selvagem da fam√≠lia Voerman, adora voc√™, afaga voc√™ e flerta com voc√™. Embora ela seja discutivelmente a menos est√°vel das irm√£s, ela √© tamb√©m a mais generosa. Voc√™ pode ficar na c√Ęmara de dia de qualquer boate Asilo se voc√™ requisitar (se Jeanette estiver l√°, ela insiste que voc√™ fique), usar a boate para recepcionar as suas pr√≥prias festas, e pedir por pequenos e grandes favores ao Bar√£o anarquista. Jeanette conta como um Mawla de quatro pontos, mas somente para prop√≥sitos de neg√≥cios Malkavian e Anarquistas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Favorita da Therese: Therese Voerman, a correta e rigorosa membro da fam√≠lia Voerman, respeita e valoriza voc√™. A mente orientada para os neg√≥cios dela n√£o permite que ela gaste os recursos do Asilo com luxoproprio, mas ela fala de voc√™ em qualquer regnum onde um Asilo estiver presente, e pode instruir voc√™ nos neg√≥cios e finan√ßas se voc√™ pedir. Ela conta como um Mawla de tr√™s pontos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Operador de Asilo: Jeanette ou Therese permitem √† voc√™ franquear uma boate Asilo em seu dom√≠nio. Enquanto a boate permanecer aberta, voc√™ tem quatro pontos para gastar em Ref√ļgio, Rebanho, Recursos ou o Chasse de seu Dom√≠nio; dependendo do foco da sua boate, o qual pode mudar ao longo do tempo. Se a boate √© um Asilo, depende de voc√™.

 

A SEMANA DOS PESADELOS

(“The Week of Nightmares”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 395)

Os Membros debatem sobre quando exatamente a Semana dos Pesadelos foi, com alguns alegam que ela caiu um pouco antes da virada do mil√™nio, enquanto outros confundem ela com o suposto come√ßo da Gehenna. Na verdade, a ‚ÄúSemana‚ÄĚ dos Pesadelos se estendeu atrav√©s dos anos, varrendo milhares de vampiros em sua onda.

Durante a Semana, um vampiro impossivelmente antigo se levantou e expurgou o seu próprio clã: o Ravnos. Vampiros de sangue-fraco emergiram com agouros e presságios enquanto a Estrela Vermelha, Anthelios, brilhava no céu noturno.
Voc√™ testemunhou a loucura da Semana dos Pesadelos e sobreviveu √† ela, manipulou o caos para o seu pr√≥prio beneficio, ou voc√™ estudou as a√ß√Ķes daqueles que o fizeram. Agora voc√™ observa os sinais das ru√≠nas que est√£o por vir.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Hist√≥ria Oral: Voc√™ ouviu e contou o conto da Semana dos Pesadelos por incont√°veis vezes, e voc√™ sabe exatamente o que enfeitar e quais partes ocultar. O seu relato do conto √© popular nos Elysium, onde voc√™ √© √†s vezes convidado para falar como historiador e animador. Membros importantes de todo lugar v√™m para escutar voc√™ contar e recontar seus contos. Adicione tr√™s dados √†s paradas de dados de testes de Performance para contar a hist√≥ria relacionada a semana dos pesadelos.

‚ÄĘ‚ÄĘ Restos de Ravnos: Anterior √† Semana dos Pesadelos, os Ravnos foram um cl√£ ‚Äď agora, eles t√™m um pouco mais do que uma linhagem de sangue. Voc√™ conhece alguns Ravnos remanescentes e talvez compartilhe de seu rancor contra os Gangrel que deixaram eles para a aniquila√ß√£o. Voc√™ tem tr√™s pontos de Mawla representando este grupo de contatos. Eles carregam not√≠cias e alertas para voc√™, e podem talvez serem convencidos a lan√ßar ilus√Ķes poderosas uma vez por cr√īnica, mas a associa√ß√£o com eles √© malvista, se descoberta.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Eu Estava L√°: Voc√™ n√£o apenas ouviu falar, voc√™ esteve na linha de frente. A sua reputa√ß√£o como um sobrevivente e veterano “in loco” da Semana dos Pesadelos garante √† voc√™ Status entre os Membros historiadores, ocultistas, Ravnos e cultistas da Gehenna igualmente. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar este Status para receber um Favor menor de um desses grupos ou de uma coterie proeminente no dom√≠nio com interesse nesses assuntos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Estrela Vermelha: Anthelios (designa√ß√£o da NASA 28978 IXION), chamado de Absinto, prercursor da Gehenna, ainda brilha no c√©u ‚Äď para os seus olhos, pelo menos. Voc√™ acredita que ela olha de volta para voc√™, mudando voc√™ de alguma forma. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode tanto reduzir a sua Fome para o valor dois ou ganhar um dado √†s paradas de uma Disciplina por uma noite ao fitar a estrela por 10 minutos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sangue de Zapathasura: O Antediluviano Ravnos encontrou a morte Final em julho de 1999 pelas m√£os de grupos desconhecidos, armados com armamento avan√ßado e o poder do sol. Antes dele morrer, ele drenou o vitae de todos os de seu cl√£, levando-os ao frenesi e ao canibalismo em seu espasmo de morte. Cord√Ķes grossos e sens√≠veis de seu vitae mancharam o ch√£o de Bangladesh onde ele caiu. O sol do meio dia n√£o destruiu tudo. Voc√™ possui um frasco pequeno contendo o Sangue do Antediluviano Ravnos. O que voc√™ faz com este vitae cabe √† voc√™, e o que ele faz √† qualquer um que o beber cabe ao Narrador.

 

RUDI

(“Rudi”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 396)

Um novo jogador no cen√°rio dos Membros, Rudi comanda um impressionante s√©quito como um representante Anarquista para as minorias oprimidas e reprimidas na sociedade vamp√≠rica. Embora as suas preocupa√ß√Ķes se estendam tamb√©m ao gado, a sua recente entrada na exist√™ncia dos Membros lhe mostrou que as lutas que os mortais devem empreender pela igualdade s√£o t√£o importantes quanto as dos imortais.

A vida noturna de Rudi n√£o mudou muito desde o Abra√ßo. Ele ainda faz o seu ref√ļgio em Copenhagen, ainda passa o tempo com os mesmos amigos, e ainda frequenta as mesmas boates. Ele apenas expandiu as suas preocupa√ß√Ķes; al√©m de advogar pelos companheiros das minorias mortais, ele agora defende os Gangrel afastados de seus ref√ļgios e locais de alimenta√ß√£o, luta pelos Membros femininos nas cidades administradas tradicionalmente pelos anci√Ķes mis√≥ginos, e encoraja a ado√ß√£o de normas progressistas em vez de tradi√ß√Ķes em qualquer lugar que ele conseguir. Alguns podem achar a combina√ß√£o de pr√°tica do Isl√£ e os homoerotismos descarados contradit√≥rios, mas poucos desafiaram o ‚ÄúGangrel Urso‚ÄĚ com essas indaga√ß√Ķes.

Tornando-se r√°pido o “animale du jour”, Rudi ganha companheiros Membros descontentes com a sua abordagem direcionada contra elitistas e extremistas da Camarilla. Alguns Pr√≠ncipes Europeus temem que ele ir√° liderar uma cruzada nos anos que vir√£o, em uma tentativa de nivelar o sistema.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Direitos Rec√©m-Descobertos: Ruborizado com o sucesso da independ√™ncia da Camarilla que o cl√£ Gangrel teve, como Rudi, voc√™ acha esta liberdade energizante. Uma vez por hist√≥ria, quando estiver atacando ou depreciando o sistema, voc√™ pode rolar novamente qualquer parada de dados de um teste de Per√≠cia.

‚ÄĘ‚ÄĘ Eles e Deles: Quando estiver apoiando os cassados ou perseguidos, voc√™ √© um campe√£o resoluto. Talvez voc√™ acredite que os vampiros possam somente persistir com √™xito quando estiver apoiando um ao outro, ou voc√™ acredita que um bando √© somente t√£o forte quanto o seu membro mais fraco, mas em grande auto sacrif√≠cio, voc√™ defende os outros. Quando um Pilar de Humanidade (touchstone) de qualquer membro da sua coterie estiver sob amea√ßa, os seus ouvidos ficam alertas e seu cabelo fica em p√©.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Advogado Gangrel: Enquanto Rudi fica no Norte da Europa, muitos acreditam que voc√™ defende os direitos dos Gangrel em seus dom√≠nios locais, para o bem ou para o mal. Os Gangrel reagem bem com voc√™; adicione um dado aos testes Sociais envolvendo qualquer Gangrel. Embora esta reputa√ß√£o signifique que voc√™ fala para muitos, tamb√©m significa que alguns responsabilizam voc√™ pelas a√ß√Ķes de muitos. Voc√™ consegue organizar convoca√ß√Ķes e encontros de tr√©guas discretas entre os Gangrel e os representantes da Camarilla com um teste bem-sucedido de Carisma (Charisma) + Pol√≠tica (Politics) (Dificuldade estabelecida pelo Narrador).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Bando do Urso: Voc√™ √©, ou foi, um membro do Bando do Urso: Membros Rudistas comprometidos que se desdobram como oradores berrantes e combatentes ferozes. (Considere os membros do Bando do Urso um grupo Mawla de tr√™s pontos que na realidade gosta de entrar em brigas). Uma vez por hist√≥ria, estes revolucion√°rios modernos, incluindo voc√™, ganham um sucesso autom√°tico sempre que tentarem incitar os Anarquistas e mortais cassados contra o sistema. Os Membros do Bando do Urso s√£o temidos por todos os dom√≠nios da Camarilla, e isto pode ser tanto benefico ou malefico, dependendo com quem voc√™ fala, e se eles reconhecem voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ex√©rcito de Rudi: O Ex√©rcito de Rudi se constitui de forasteiros de todos os cl√£s, todas as cores mortais e credos. Voc√™ possui influ√™ncia sobre um ex√©rcito desta for√ßa ‚Äúparamilitar‚ÄĚ. Voc√™ pode cham√°-los para agir contra os governos mortais e imortais de muitas formas, de organizar protestos pac√≠ficos do lado de fora da casa do governador √† organizar manifesta√ß√Ķes contra os l√≠deres de grupos opressores. Grande, inc√īmoda e potencialmente perigosa, a sua brigada do ex√©rcito d√° √† voc√™ seis pontos para dividir entre Aliados, Influ√™ncia e Contatos, que podem ser direcionados ‚Äď mas nunca controlados.

 

DESCENDENTE DE TYLER

(“Descendant of Tyler”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 397)

(SOMENTE PERSONAGENS BRUJAH)

Todo aspirante √† rebelde Brujah venera Tyler ‚Äď antes conhecida como Patricia de Bollingbroke ‚Äď e seguida por muitos nomes desde ent√£o. A sua viol√™ncia revolucion√°ria contra anci√Ķes tiranos e Matusal√©ns insidiosos irremediavelmente mudaram a sociedade dos Membros e inspirou o Movimento anarquista. A pr√≥pria Tyler duvida que as suas a√ß√Ķes conduzam √† uma praxe eficaz, mas as suas crias e companheiros de cl√£ comparam ela √† nomes como Robin Hood, √† Malcolm X, √† Che Guevara, ao Pr√≠ncipe Gavrilo.

Tyler ainda existe: uma rebelde quieta e estudiosa nestas noites. Com s√©culos de reflex√£o, ela luta para reconciliar as suas a√ß√Ķes com os resultados das noites modernas. Os descendentes dela continuam a luta com a esperan√ßa de uma noite anim√°-la para o sua destinada grandeza.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Instigador: Uma vez por hist√≥ria, sempre que voc√™ tentar persuadir uma multid√£o de mortais a entrar numa a√ß√£o violenta, a sua natureza de sangue quente adiciona dois dados √† sua parada de dados ao assim faz√™-lo.

‚ÄĘ‚ÄĘ Defensor da Causa: Quando os vampiros querem um l√≠der para uma rebeli√£o, de menor ou larga escala, eles v√™m at√© voc√™ atr√°s de conselho ou lideran√ßa. Eles podem at√© n√£o dar ouvidos √†s suas palavras, e seus conselhos podem parecerem completamente rid√≠culos, porem els n√£o podem negar a sua autoridade. Voc√™ adiciona dois pontos √† seu Status com eles durante tais rebeli√Ķes, mas voc√™ pode encontrar numerosos contatos ganhos antes de uma rebeli√£o mais valiosa e certamente menos perigosa.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Miseric√≥rdia de Tyler: Voc√™ sabe quando parar. Tyler reconheceu quando o Sab√° foi longe demais com os seus ideais Anarquistas, e voc√™ igualmente reconhece os limites da revolu√ß√£o violenta. Uma vez por hist√≥ria, quando estiver em frenesi, voc√™ pode a qualquer momento escolher assumir uma Compuls√£o Brujah (p√°g. 210) para imediatamente cessar a explos√£o. Voc√™ n√£o sofre de qualquer confus√£o ou cansa√ßo ap√≥s um frenesi interrompido, abruptamente desabando de volta √† Humanidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Os Furores: As filosofias de Tyler primeiro emergiram entre um grupo vamp√≠rico hist√≥rico conhecido como os Furores, dedicado √† destrui√ß√£o de todos os Membros tiranos. Este grupo ainda existe em segredo, e voc√™ reivindica associa√ß√£o a eles. Quando for a hora certa (uma vez por cr√īnica), os Furores d√£o suporte a voc√™, podendo fornecer santu√°rio em um regnum onde eles t√™m influ√™ncia, e ativar recursos no dom√≠nio alvo como Aliados surpresa (dispon√≠veis dentro de uma cena). Os Aliados adicionam at√© cinco pontos de Efic√°cia; o resto depende da sua colabora√ß√£o com o Narrador. Os recursos dos Furores podem somente serem usados quando estiverem tentando derrubar um Pr√≠ncipe, um Bar√£o inadequado ou vampiro de posto mais alto. O mau uso faz de voc√™ um alvo dos Furores e seus operativos desconhecidos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Revolu√ß√£o Permanente: Voc√™ j√° derrubou uma figura representativa de seita. Voc√™ agora lidera um ex√©rcito de revolucion√°rios para varrer o tabuleiro no regnae vizinho. Por tanto tempo quanto voc√™ se mantiver lutando e n√£o ser encontrado para se entregar aos luxos da esta√ß√£o, os Anarquistas param para ouvir cada palavra sua, e os Brujah Anarquistas fazem exatamente o que voc√™ diz, incluindo embarcar em miss√Ķes suicidas. Nenhuma rolagem √© exigida se o seu discurso for forte e argumenta√ß√£o suficientemente convincente.

 

DESCENDENTE DE ZELIOS

(“Descendant of Zelios”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 398)

(SOMENTE PERSONAGENS NOSFERATU)

Todos do Clã Nosferatu conhecem seu grande arquiteto Zelios como um planejador mestre, pedreiro e estudioso do poder geométrico. Embora ele tenha desaparecido debaixo de Nova York nos anos 90, ele deixou para trás bibliotecas de livros, planos e tratados sobre o poder da localização e geometria sagrada.

Os descendentes de Zelios continuam com o seu bom trabalho, instruindo outros vampiros na constru√ß√£o de ref√ļgios, masmorras, pris√Ķes e labirintos. Eles podem supostamente sentir as linhas de ley e, por um pre√ßo, aconselham Pr√≠ncipe sobre onde locar ref√ļgios nestes epicentros para garantir tanto blindagem quanto poder da terra e das estrelas.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Santu√°rio: O seu ref√ļgio √© uma maravilha do design moderno, possuindo seguran√ßa na forma de passagens secretas, seguran√ßa eletr√īnica e at√© um bot√£o de autodestrui√ß√£o, tudo ao mesmo tempo parecendo elegante e confort√°vel. Divida dois pontos entre um ou ambos as Vantagens de Ref√ļgio Poterna e Sistema de Seguran√ßa, mas algu√©m, em algum lugar provavelmente tem todos os detalhes da configura√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ Sabotador: Voc√™ instintivamente sabe onde est√° a fragilidade de um pr√©dio, e voc√™ nem sequer precisa de explosivos para destru√≠-lo. Com marreta, p√©-de-cabra, cabo e cinzel, e tantas noites no local quanto a dificuldade que o Narrador estabelecer para o pr√©dio (por exemplo, quatro para uma casa de fam√≠lia, seis para um banco, oito para uma pris√£o, nove para um arranha c√©u), voc√™ consegue desmoronar um edif√≠cio como um castelo de cartas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Em Comiss√£o: Outros vampiros sabem que voc√™ descende de Zelios e pedem por conselho sobre como melhor construir seus pr√≥prios ref√ļgios. Este neg√≥cio garante que voc√™ tenha um benef√≠cio ou dois para colecionar (aproximadamente um benef√≠cio menor por hist√≥ria) e que voc√™ sabe onde uma quantidade de vampiros poderosos dormem ‚Äď o que, no final, provavelmente faz √† voc√™ mais mal do que bem.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Labirinto: Voc√™ usou o trabalho de Zelios para construir um labirinto debaixo de seu dom√≠nio, feito em parte com esgotos, drenagem fora de uso, por√Ķes, subsolos e t√ļneis de manuten√ß√£o. Voc√™ adicionou as suas pr√≥prias c√Ęmaras, becos sem sa√≠da e conex√Ķes para formar um verdadeiro labirinto subterr√Ęneo. Somente para aqueles que voc√™ conta, sabem de seu labirinto. Voc√™ n√£o pode tratar o labirinto como um Ref√ļgio, pois ele te aterroriza, mas se voc√™ chega √† ele quando √© ca√ßado, ningu√©m consegue perseguir voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sentir as Linhas de Ley: Voc√™ ocasionalmente vislumbra gavinhas vermelhas pulsantes serpenteando a terra: as linhas de ley. Os vampiros que fazem os seus ref√ļgios onde estes vasos se convergem, acham que a sua Fome cresce mais lentamente (quando estiver fazendo uma Checagem de Sangue [Rouse Check] ao acordar, role dois dados e pegue o maior) se eles dormirem l√° durante o dia. As linhas de ley t√™m outros efeitos m√°gicos poderosos ‚Äď segredos que voc√™ pode pesquisar junto das linhas que o Narrador indicar ‚Äď e seus companheiros Ratos de Esgoto punem duramente qualquer coisa que revele sobre tais segredos.

 

DESCENDENTE DE VASANTASENA

(“Descendant of Vasantasena”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 399)

(SOMENTE PERSONAGENS MALKAVIAN)

Vasantasena e seu senhor Malkavian Unmada viajaram o mundo através da Idade Média, pregando contra o Laço de Sangue. Eles rejeitaram o vinculum, a hierarquia tradicional dos Membros, e toda a perda do livre arbítrio. Basicamente, eles condenam os Antediluvianos por sua tirania cruel através da Jihad, juntando-se ao Sabá durante a sua formação.
Assim como a Camarilla fez, o Sabá rejeito a sua causa, instituindo tanto hierarquia quanto o ritual de escravização através do vitae. Ela eventualmente os rejeitou por sua vez, reunindo uma facção de Malkavian para abraçar a liberdade do Sabá.

Os descendentes de Vasantasena são muitos e variados, e todos eles seguiram dela a partir do Sabá antes da delegação bestial e recente da seita. Alguns juntaram-se à Camarilla, outros aos Anarquistas. Todos possuem o zelo e o charme que ela exerce como uma faca. Todos lutam por alguma coisa.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Agente do Caos: Voc√™ prospera enquanto tudo a sua volta queima ou gira em cat√°strofe. Em situa√ß√Ķes turbulentas, tais como um combate excepcionalmente ca√≥tico e imprevis√≠vel, uma persegui√ß√£o de carro atrav√©s de uma cidade populosa, ou quando estiver fugindo de um pr√©dio explodindo, uma vez por sess√£o, voc√™ pode rolar de novo um √ļnico dado se gastar For√ßa de Vontade.

‚ÄĘ‚ÄĘ Ou√ßa as Minhas Palavras: Voc√™ carrega as habilidades de persuas√£o de seu ancestral, achando que a sua voz fala para o Sangue dos outros antes dele chegar √†s suas mentes. Uma vez por hist√≥ria, se voc√™ tentar aconselhar outros em um ambiente ca√≥tico e eles realmente pararem para escutar, eles podem rolar novamente uma parada de dados em um teste futuro durante a mesma situa√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aroma do La√ßo: O √≥dio dos La√ßos de Sangue de Vasantasena foi parte da raz√£o dela ter se voltado para os Antediluvianos e os la√ßos que eles mantiveram com suas proles. Tamanho era o seu poder que ela podia cheirar o La√ßo em indiv√≠duos vampiros e reconhecer o mesmo odor no vampiro Enla√ßado, ou Enla√ßando, √† eles. Uma vez por hist√≥ria, em um teste bem-sucedido de Determina√ß√£o [Resolve] + Sagacidade [Insight] (Dificuldade 4), voc√™ pode fazer o mesmo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Destruir o La√ßo: O maior ato de Vasantasena √© a destrui√ß√£o do La√ßo de Sangue. Um dia ela realizou este ato muitas vezes nos √ļltimos anos entre o Sab√°, em parte conduzindo para a sua r√°pida degenera√ß√£o. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ tamb√©m pode remover o La√ßo de Sangue imposto em uma v√≠tima, se voc√™ beber um bocado de vitae do escravo e ent√£o superar um frenesi.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sab√° Torna-se Camarilla: Vasantasena conseguiu o imposs√≠vel e mostrou √† seus descendentes como foi feito. Filosofias inumanas e alien√≠genas trancaram a maioria dos vampiros dentro do Sab√°. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode desprogramar um vampiro de suas cren√ßas de seita. Para assim faz√™-lo, voc√™ deve isolar completamente o alvo e fazer um teste prolongado (p√°g. 293) de Intelig√™ncia ou Carisma + Introspec√ß√£o em uma atmosfera de perfumes especializados. Role uma vez por tr√™s noites de disputa; voc√™ vence ap√≥s alcan√ßar uma quantidade de sucessos igual ao dobro da For√ßa de Vontade do alvo.

 

ALTO CLÃ

(“High Clan”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 400)

Embora formalmente abandonados com a ascens√£o do da Camarilla, alguns cl√£s ainda se consideram ‚ÄúAltos‚ÄĚ, se comparados com seus pares entre os ‚ÄúBaixo Cl√£s‚ÄĚ. Voc√™ √© um vampiro de um Alto Cl√£, convencido de que voc√™ tem certos direitos para fazer bullying e ordenar aqueles dos Baixo Cl√£s. Estes direitos s√≥ podem ser empurrados at√© agora, √© claro.

Historicamente, os Altos Clãs foram Lasombra, Toreador, Tzimisce e Ventrue, embora os Brujah e alguns dos Clã da Morte (Hecata) se prendam ao epíteto. Em várias partes do mundo, os membros dos Altos Clãs mudam para incluir os Banu Haqim e o Ministério, e raramente, os Tremere.

Como um vampiro do Alto clã, a sua malidção de clã é, para a sua mente, mais uma benção do que uma malidção.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Pav√£o: Voc√™ tem orgulho do status de seu cl√£ como Alto, e voc√™ se carrega com toda a pompa e circunst√Ęncia condizente com um vampiro de cargo nobre. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode rolar novamente um √ļnico dado quando estiver tentando comandar a defer√™ncia de um vampiro sem t√≠tulo em seu dom√≠nio.

‚ÄĘ‚ÄĘ Persuada o Baixo: Os Altos Cl√£s antes sentaram-se em tronos, ordenando os vampiros de Baixo Cl√£ a morrer por eles nos campos de batalha e se subjugarem na corte. Voc√™ ainda possui a habilidade de persuadir vampiros dos Baixos Cl√£s mais facilmente do que voc√™ faz com os vampiros dos Altos Cl√£s. Voc√™ faz bullying o equivalente √† tr√™s pontos de Mawla em um s√©quito maltratado e leal de vampiros de Baixo Cl√£. Voc√™ ganha tr√™s dados extras √†s paradas usando Intimida√ß√£o ou Lideran√ßa contra esses Membros; se voc√™ alguma vez tirar uma falha total em tal teste ou disputa, voc√™ precisa compens√°-los, ou eles se viram contra voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Eleve o Baixo: Alguma peculiaridade de sua linhagem de sangue ou um antigo decreto Principesco permite que voc√™ proclame a ascend√™ncia de um Baixo Cl√£ em sua cidade para o status de Alto Cl√£. Voc√™ pode fazer isto uma vez por cr√īnica, mas √© claro, voc√™ pode primeiro prometer fazer isto ‚Äúeventualmente‚ÄĚ por um bom tempo. At√© l√°, adicione um dado aos testes Sociais contra os Membros de Baixo Cl√£ quando voc√™ aludir √† esta possibilidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Abra√ßado para Governar: Os vampiros dos Altos Cl√£s muitas vezes optaram por Abra√ßar mortais de origem nobre ou ancestralidade poderosa. Seus ancestrais podem n√£o ser reis e rainhas, mas voc√™ foi Abra√ßado para governar. Adicione um dado √†s paradas para testes de Lideran√ßa envolvendo vampiros de Alto Cl√£ que conhecem a sua linhagem. Uma vez por hist√≥ria, os outros vampiros dos Altos Cl√£s adiam para votar por voc√™, ou eles permitem que voc√™ assuma a alta responsabilidade (e poder), a menos que voc√™ tenha criado uma m√°goa entre voc√™s.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aben√ßoado, n√£o Amaldi√ßoado: Como muitos vampiros dos Altos Cl√£s, voc√™ se convenceu de que voc√™ n√£o carrega alguma Maldi√ß√£o de Caim. Pelo contr√°rio, a Perdi√ß√£o de do seu cl√£ √© uma ben√ß√£o que revela mais √† voc√™ sobre a sua natureza, a sua posi√ß√£o na Terra de Deus, e as √°reas na vida que voc√™ deve se fortalecer. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode gastar um de For√ßa de Vontade para ignorar os fardos da Perdi√ß√£o do seu cl√£.

 

BAIXO CLÃ

(“Low Clan”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 401)

Voc√™ vem de um dos cl√£s historicamente identificados como ‚ÄúBaixo‚ÄĚ, embora em seu dom√≠nio, isto √© menos passado do que fato das noites presentes. Voc√™ trabalhou sob o peso de uma pesada maldi√ß√£o, mais pesada (voc√™ pode argumentar) do que daqueles vampiros do Alto Cl√£.

A sua região geográfica determina quais clãs os vampiros mais antigos ainda consideram como Clã Baixo, mas uniformemente, os Gangrel, Malkavian e Nosferatu preenchem essa lacuna, com os Brujah e os Tremere também ocupando essa posição em vários domínios.

O seu status como um Membro de Baixo Clã marca você como menor do que seus pares, mas você ainda é uma fonte proeminente de rebelião e contracultura. Você tem acesso aos degraus inferiores da sociedade, e todos os benefícios e desvantagens que vêm com ele.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Pele Grossa: Geralmente denegrido por aqueles que se denominam ‚ÄúAlto‚ÄĚ, a sua ambi√ß√£o e independ√™ncia n√£o fraqueja com palavras depreciativas e repreens√Ķes. Voc√™ n√£o responde facilmente √† provoca√ß√Ķes de base. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode ignorar farpas verbais por uma cena sem precisar fazer um teste.

‚ÄĘ‚ÄĘ Amaldi√ßoado com Orgulho: Em alguns casos, os Baixos Cl√£s assumem grande orgulho na severidade de suas perdi√ß√Ķes. Por exemplo, alguns Nosferatu acreditam que suas horr√≠veis apar√™ncias s√£o uma marca da gloriosa monstruosidade, ao inv√©s de algo a ser escondido. Voc√™ aprendeu a usar a Perdi√ß√£o de seu cl√£ como uma arma, ganhando um sucesso autom√°tico em um teste por hist√≥ria quando estiver incorporando a sua Perdi√ß√£o de cl√£ em uma a√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Afinidade Estranha: Devido √† persegui√ß√£o persistente dos Altos cl√£s, os vampiros dos Baixos Cl√£s sentem-se inclinados a ficar juntos. Voc√™ geralmente media entre os contendedores de Baixo Cl√£, e voc√™ v√™ o m√©rito dos Membros do submundo reunindo-se contra a hegemonia do Alto. Voc√™ pode selecionar tr√™s pontos entre Mawla ou Status de outros Baixos Cl√£s no dom√≠nio.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Neg√≥cio Entre Iguais: Por todo o seu sofrimento, os Baixos Cl√£s se beneficiaram de sua adversidade de uma forma chave ‚Äď eles ensinaram uns aos outros os seus poderes. Esta colabora√ß√£o pode n√£o ser verdade em todos os dom√≠nios, mas este antigo conto ainda permanece no seu. Voc√™ pode selecionar uma Disciplina de Baixo Cl√£ e comprar pontos dessa Disciplina, usando pontos de experi√™ncia como se fosse do cl√£ para voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Incidente de Criticidade: A sua influ√™ncia entre os vampiros de Baixo Cl√£ pode deixar voc√™ inclinar a balan√ßa de poder em seu dom√≠nio ‚Äď se voc√™ escolher. Adicione um dado √† todas as suas paradas para Projetos que boicotem os Altos Cl√£s em seu dom√≠nio. Uma vez por cr√īnica, voc√™ pode sacrificar at√© 10 de seus pontos de Antecedentes para causar a queda da mesma quantidade de Membros de Alto Cl√£ em uma s√≥ tacada.

 

AMBRUS MAROPIS

(“Ambrus Maropis”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 402)

Ambrus Maropis raramente deixa o seu opulento apartamento em Chipre para atender ao p√ļblico, ainda assim a sua reputa√ß√£o como um criador de tend√™ncias e protetor da M√°scara espalha-se amplamente ao longo da sociedade dos Membros. O Toreador que sabe que Ambrus √© um Nosferatu repugna a popularidade do vampiro. Suas disc√≠pulos, similares √† super f√£s, agem como intermedi√°rios aos Pr√≠ncipes e Bar√Ķes enquanto ele permanece para sempre escondido.

Ambrus tem uma reputa√ß√£o como de um vampiro na vanguarda da tecnologia e cultura. Abra√ßado no final de sua adolesc√™ncia, Ambrus √©, no cora√ß√£o, um f√£ introvertido de anime, jogos e jogo de interpreta√ß√£o online, com uma elaborada persona online. Ambrus usa esta persona para vender software e informa√ß√£o que ele hackea; aconselha sobre os melhores m√©todos de seguran√ßa roubados dos governos e corpora√ß√Ķes para os membros utilizarem; informa a Elysia sobre os m√ļsicos, apresentadores e tend√™ncias emergentes; e se faz de uma fonte inestim√°vel √† Camarilla e aos Anarquistas que querem parecer mais humanos do que os humanos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Crente Verdadeiro: Se Ambrus ensinou √† voc√™ alguma coisa, √© que a Camarilla est√° certa e a M√°scara √© essencial. Voc√™ segue os seus √©ditos sobre seguran√ßa e subterf√ļgio religiosamente, garantindo √† voc√™ conhecimento dos melhores esconderijos compartilhados de Membros em uma cidade, fornecendo um b√īnus de um dado aos testes para encontrar tal lugar. Voc√™ pode n√£o ter acesso √† este b√īnus se o dom√≠nio for tipicamente oposto √† sua vis√£o pol√≠tica ou filos√≥fica.

‚ÄĘ‚ÄĘ Informa√ß√£o Clandestina: Voc√™ pode usar um ponto de troca digital para requisitar um hack da comunidade f√£ de Ambrus. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode conseguir um peda√ßo de informa√ß√£o armazenado online sobre a maioria dos mortais dentro de 2 a 20 horas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ensinado pelo Melhor: Como um dos disc√≠pulos de Ambrus, voc√™ √© fornecido com um suprimento pronto de intelig√™ncia sobre t√≥picos desde as opera√ß√Ķes da Segunda Inquisi√ß√£o √† moda em Harajuku amanh√£ √† noite. Ambrus pode tamb√©m programar uma trava de informa√ß√£o na Dark Web ou preparar voc√™ com o seu pr√≥prio hacker Ucraniano em ‚Äúpre√ßos amig√°veis‚ÄĚ. Considere Ambrus como um Mawla de tr√™s pontos (n√≠vel 3).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Back Door Pan√≥ptico: Ambrus te conectou com uma back door no software de vigil√Ęncia PRISM/NUCLEON, rastreando e separando as comunica√ß√Ķes online (incluindo chamadas de telefone celular) por palavras-chave e nomes. Ou talvez voc√™ o tenha roubado dele ou o encontrou em uma m√°quina em um esconderijo que um Ambrusite abandonou as pressas. De qualquer forma, voc√™ pode somente jogar uma vez por hist√≥ria por seguran√ßa, mas d√° √† voc√™ dois sucessos autom√°ticos em qualquer teste de Investiga√ß√£o envolvendo a atividade celular ou presen√ßa online de qualquer um.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Em Outra Rede Inteiramente: Ambrus foi com tudo para fora com a sua falsa identidade. Voc√™ tem identidades falsas de M√°scara de dois pontos (n√≠vel 2) e foi Zerado (p√°g. 192) Voc√™ consegue tr√™s dados extras para resistir √†s tentativas de pesquisar voc√™ online ou descobrir as suas atividades no mundo mortal.

 

CARMELITA NEILLSON

(“Carmelita Neillson”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 403)

Anci√Ķes desesperados buscam formas de protelar a Gehenna e o Chamado procurando cada vez mais a arqueologista Toreador brasileira-irlandesa Carmelita Neillson. Ela desenterra o passado e entrevista os Membros, relatando uma vasta gama da hist√≥ria vamp√≠rica e conversar com vampiros t√£o antigos quanto dois mil√™nios. A Camarilla a pro√≠be de arquivar qualquer de seus achados eletronicamente, portanto ela estabeleceu v√°rias ‚ÄúBibliotecas Neillson‚ÄĚ em locais discretos.

A sua maneira amig√°vel, curiosidade natural e habilidades como de uma poliglota fazem dela uma escolha natural para interrogar uma Matusal√©m logo ap√≥s acordar do torpor, investigar um templo em ru√≠nas, ou interpretar uma escritura Sab√° capturada. Acreditando que a arte n√£o precisa estar em uma moldura ou museu para ser admirado, Carmelita sente fortemente a maior das artes, uma ignorada pelos Membros a muito tempo, √© a narrativa da sua pr√≥pria esp√©cie. Uma narradora e escritora talentosa, as habilidades de Carmelita recorrem √† muitos Toreador que desejam quebrar o estere√≥tipo do ‚Äúbonito e sem talento‚ÄĚ.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ A Arte da Hist√≥ria: Voc√™ e Carmelita compartilham a cren√ßa de que o narrador √© uma das formas de arte perdidas. Sempre que estiver entretendo outros vampiros com conhecimento hist√≥rico ou contos de mitos e lendas, o Toreador naturalmente gravita para escutar as suas palavras, independentemente da sua posi√ß√£o em rela√ß√£o um ao outro.

‚ÄĘ‚ÄĘ A Arte da Vontade: Um objeto de arte ou rel√≠quia espec√≠fico, confiado √† sua guarda por Dr. Neillson, inspira e fascina voc√™. Se voc√™ gastar uma hora meditando sobre este objeto (e fazer um teste de Determina√ß√£o [Resolve] + Erudi√ß√£o [Academics] em Dificuldade 5) antes de descansar durante o dia, voc√™ desperta com um ponto de For√ßa de Vontade extra. Voc√™ pode meditar desta forma uma vez por sess√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Biblioteca Neillson: Pequenas bibliotecas da Carmelita Neillson pontilham o mundo nos dom√≠nios da Camarilla, servindo como colmeias de informa√ß√£o usadas para fazer lembrar e apoiar as mem√≥rias dos vampiros anci√Ķes. Voc√™ √© o curador ou o diretor de uma destas bibliotecas, o que conta como um Ref√ļgio (n√≠vel 2) de dois pontos com uma Biblioteca (n√≠vel 2) de dois pontos. Outros vampiros e Membros historiadores se encontram l√° tamb√©m, o que tem tanto vantagens quanto desvantagens.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Entrevista com o Matusal√©m: Voc√™ obteve uma grava√ß√£o de Carmelita entrevistando um impossivelmente vampiro antigo que revela segredos sobre um dos cl√£s em seu dom√≠nio. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador para fornecer √† voc√™ tal segredo. Se Carmelita sabia desta grava√ß√£o e deu ele √† voc√™ ou algu√©m fez esta grava√ß√£o em segredo, a informa√ß√£o na entrevista d√° √† voc√™ uma vantagem sobre o vampiro no clipe e o cl√£ discutido. Interessantemente, a voz seguindo a de Carmelita no final da fita menciona grava√ß√Ķes adicionais.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tumba do Antepassado: Carmelita confiou √† voc√™ a guarda do suposto local de descanso de um de seus antepassados. Enquanto voc√™ o mantem seguro, voc√™ pode cham√°-la para um Favor maior uma vez por hist√≥ria. Se voc√™ n√£o conseguir mant√™-la segura, provavelmente haver√°… outras consequ√™ncias.

 

FIORENZA SAVONA

(“Fiorenza Savona”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 404)

Quando os Lasombra reafirmaram o controle sobre seus antigos centros de poder religiosos, os Ventrue responderam ao expandir a sua influ√™ncia na nova nobreza: governo e corpora√ß√Ķes multinacionais. Com a influ√™ncia pol√≠tica global, Fiorenza Savona mant√©m o cl√£ relevante e perigoso ‚Äď no centro do poder global.

Teimosa e destemida para dizer √† um outro vampiro para dar um pulo correndo, Fiorenza trabalhou duro como uma mortal e continua a assim fazer como uma Membro para garantir que vampiros ricos e poderosos permane√ßam em suas posi√ß√Ķes. Movendo-se atrav√©s de ONGs e das Na√ß√Ķes Unidas, ela sabe que vale a pena controlar todos na elite de Davos. Seu senhor a direcionou para a lista dela de contatos e descobriu o talento pol√≠tico e de neg√≥cios Maquiav√©lico dela.

Uma nova jogadora de poder na Camarilla, muitos anci√Ķes e ancillaes consideram ela uma mera Ventrue ‚Äúnova rica‚ÄĚ. Seus companheiros de cl√£ mais s√°bios sabem que as a√ß√Ķes dela persuadem conselhos, corpora√ß√Ķes e indiv√≠duos mortais que possuam real poder. Onde os predecessores dela se focaram nas pol√≠ticas vamp√≠ricas, Fiorenza acredita que a chave para a longevidade dos Membros repousa na manipula√ß√£o dos vivos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Na Lista de Fiorenza: Fiorenza sabe quem √© voc√™, o que significa que ou ela acha que voc√™ √© um recurso para o cl√£ quanto ou um problema. Consequentemente, ela encarregou um Lacaio mortal talentoso (p√°g. 185) ‚Äď guarda-costas, motorista, mordomo, etc. ‚Äď para voc√™, embora ele permane√ßa sob o emprego dela. Ele n√£o faz segredo de estar espirando voc√™ e relatando de volta para a Fiorenza, e ele nunca se afasta, mesmo se dispensado. Se o mortal for machucado ou morto, Fiorenza faz uma anota√ß√£o de que voc√™ n√£o √© confi√°vel, mas se a sua conduta for boa, voc√™ segue adiante nas boas gra√ßas dela.

‚ÄĘ‚ÄĘ Caf√© da Manh√£ com Fiorenza: Apesar da posi√ß√£o de alto n√≠vel dela, uma vez por hist√≥ria Fiorenza abrir√° um espa√ßo em sua agenda lotada para se encontrar com voc√™. Talvez voc√™ tenha algum podre sobre ela ou talvez voc√™s sejam amigos pr√≥ximos. Um encontro com Fiorenza pode ser lucrativo e informativo, se voc√™ fizer as perguntas certas para ela.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Benef√≠cios Amig√°veis: Voc√™ foi pr√≥ximo √† Fiorenza antes dela se tornar ‚Äúa grande novidade‚ÄĚ no Cl√£ Ventrue, e este relacionamento paga dividendos: ela pode amenizar Ventrue irritados, fornec√™-lo com dicas de negocia√ß√£o privilegiadas, emprestar um Gulfstream equipado com janelas polarizadas e planos de voo pr√©-autorizados, etc. Se voc√™ abusar ou mal utilizar esta conex√£o, o equivalente de um Mawla de tr√™s pontos (n√≠vel 3), ela corta voc√™ sem hesita√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Diret√≥rio: Obscuro Diret√≥rio Ventrue chegou at√© voc√™. Preocupado com a ascens√£o mete√≥rica de Fiorenza, eles escolheram voc√™ para se aproximar dela, suborn√°-la e quebr√°-la √† vontade deles. Se voc√™ aceitar, voc√™ se submete √† um La√ßo de Sangue e tem as suas mem√≥rias das identidades do Diret√≥rio apagadas ‚Äď mas voc√™ recebe seis pontos para selecionar dentre Contatos, Mawla e Recursos. √Č claro que, voc√™ poderia se aproximar de Fiorenza e se oferecer para trabalhar como seu agente duplo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Movimento do Governo: Fiorenza deve √† voc√™ um favor ‚Äď uma vez por cr√īnica, ela concorda em influenciar um l√≠der pol√≠tico mortal quando voc√™ requisitar. As sugest√Ķes dela igualam a cinco dados para distribuir como voc√™ quiser entre qualquer rolagem envolvendo a√ß√£o do governo. Se voc√™ criar um grande dist√ļrbio pol√≠tico ou do contr√°rio agir para refor√ßar as ‚Äúsugest√Ķes‚ÄĚ de Fiorenza, o Narrador pode adicionar outro dado baseado no seu plano e em qu√£o bem voc√™ obt√©m √™xito nele.

 

DESCENDENTE DE KARL SCHREKT

(“Descendant of Karl Schrekt”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 405)

(SOMENTE PERSONAGENS TREMERE)

O Cl√£ Tremere √© uma reflex√£o vazia de suas gl√≥rias anteriores. Com a Pir√Ęmide decapitada e sua lideran√ßa dispersa, os tradicionalistas Tremere olham para um vampiro por autoridade: o ex-Justicar, Karl Schrekt.

Uma lenda dentro de seu próprio clã e da Camarilla, Schrekt caçava vampiros antes de seu Abraço em 1235. Por séculos, ele agiu como a arma da Camarilla contra o Sabá, Anarquistas e ameaças ocultas. Ele suprimiu e destruiu conhecimento referente à Antediluvianos, eliminou incontáveis ameaças à Máscara, e fez isto tudo sem misericórdia. Ele ganhou a sua parte de discípulos, mas alguns inimigos. Aqueles que ele pegou, ele matou.

Agora ele é um dos mais antigos Tremere remanescentes.

Os descendentes de Schrekt amplamente seguem as vis√Ķes inflex√≠veis do cl√£ e da seita de seu ancestral: fazem cumprir as Tradi√ß√Ķes, fortalecem o cl√£ e escondem os segredos da magia do Sangue dos ouros vampiros.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Lembre-se da Casa: Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador por um peda√ßo de informa√ß√£o relacionada √†s atividades da Casa Tremere ou ao cl√£ antes de seu grave ferimento.

‚ÄĘ‚ÄĘ Linha-Dura: O caminho de Schrekt √© o √ļnico caminho a seguir para o seu cl√£. Voc√™ segue as leis de Schrekt fanaticamente. Com a concord√Ęncia do Narrador, adicione dois dados √† qualquer parada de dados quando estiver testando para resistir a tentativas para convenc√™-lo dos objetivos de Schrekt.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Prepara√ß√£o de Ritual: Supostamente, Karl Schreckt prepara todos os seus rituais antecipadamente e mant√™m v√°rios dos tais rituais pr√©-preparados sobre a sua pessoa todo o tempo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode realizar um de seus rituais em cinco minutos, sem prepara√ß√£o, tendo feitos todos os preparativos antecipadamente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Perdi√ß√£o do Arconte: Voc√™ acha a orienta√ß√£o das entidades sobrenaturais de Schrekt deplor√°vel, e voc√™ formou um la√ßo estreito com um membro de uma outra origem sobrenatural. Voc√™ tem um Aliado de quatro pontos: um mago, lobisomem, apari√ß√£o, changeling ou algo ainda mais estranho. Voc√™ deve manter o seu amigo seguro, enquanto ele est√° sendo ca√ßado. Uma vez por hist√≥ria, ele vem em seu aux√≠lio dentro de uma a dez horas quando chamado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Conhe√ßa o Mundo: Karl Schrekt acredito que o conhecimento √© poder, e que os vampiros que limitam o seu aprendizado ao estudo dos Membros companheiros s√£o tolos. Seja como fantoche ou N√™meses de Schrekt, voc√™ concorda com a sua avalia√ß√£o e guarda arquivos sobre lobisomens, magos, apari√ß√Ķes, fadas e outras estanhas entidades. Esta cole√ß√£o se iguala √† Biblioteca Ref√ļgio de tr√™s pontos (selecione tr√™s especializa√ß√Ķes apropriadas de Ocultismo), embora voc√™ n√£o possa armazenar os seus materiais de refer√™ncia em seu ref√ļgio. Tamb√©m uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador para responder qualquer pergunta simples relacionada √† tais criaturas.

 

DESCENDENTE DE XAVIAR

(“Descendant of Xaviar”, Livro B√°sico Vampiro a M√°scara V5, pag 406)

(SOMENTE PERSONAGENS GANGREL)

Ninguém, mesmo os companheiros Gangrel, deu ouvidos à Xaviar na primeira vez que ele falou. Isto colocou em marcha uma convocação dos maiores jogadores da Camarilla por outro Membro para tomar conhecimento dele. Ele falou de ter interagido com um dos Antediluvianos e visto a sua coterie inteira comida viva por esta criatura mitológica. Ele acusou a Camarilla de perfídia contra os seus membros e deixou de lado a sua função de Justicar Gangrel.

As notícias viajam lentamente entre os Gangrel, devido à um clã com pouco hierarquia e falta de uma efetiva rede de comunicação. Lentamente, os Gangrel seguiram Xaviar para fora da Camarilla, alguns tornando-se Autarcas, enquanto outros mais finalmente se juntaram aos Anarquistas.

Os Gangrel agora compartilham uma culpa em comum por sua descren√ßa inicial das alega√ß√Ķes de Xaviar e rea√ß√£o lenta √† sua proclama√ß√£o, pois ele encontrou a Morte Final logo ap√≥s. Poucos sabem se a Camarilla ou alguma outra ag√™ncia matou o poderoso Gangrel, mas todos sabem que seu ancestral estava errado. Agora eles assumem a sua tocha e tentam trazer os Gangrel para a luz bruxuleante da verdade.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Ancestral Martirizado: Outros Gangrel tratam voc√™ com o respeito que eles demoraram muito para prestar √† Xaviar. Apesar de quaisquer queixas pessoais, voc√™ pode sempre encontrar santu√°rio com os outros Gangrel, se algum estiver presente em seu atual dom√≠nio, pelo menos at√© voc√™ insult√°-los gravemente. Com eles, voc√™ tem dois pontos de Status (n√≠vel 2).

‚ÄĘ‚ÄĘ Onde os Corpos Est√£o Enterrados: As experi√™ncias de Xaviar em se mesclar atrav√©s da terra, sangue e vitae deixaram uma marca em sua linhagem. Os Gangrel de sua linha podem fazer um teste de Determina√ß√£o [Resolve] + Percep√ß√£o [Awareness] para detectar se um vampiro se fundiu com a terra ou permanece t√≥rpido debaixo do solo. A dificuldade depende da √°rea que voc√™ tem de procurar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ C√£o de Ca√ßa Leal: Voc√™ resistiu aos ventos da mudan√ßa, permanecendo com a Camarilla apesar das a√ß√Ķes do cl√£. Pela sua lealdade, o Pr√≠ncipe da Camarilla local concedeu status √† voc√™, direitos de alimenta√ß√£o e territ√≥rio, somando quatro pontos que voc√™ pode distribuir entre Dom√≠nio, Rebanho e Status. Os Gangrel n√£o Camarilla desprezam voc√™, e at√© os vampiros da Camarilla de outros cl√£s sentem pena por sua solid√£o, mas voc√™ garante para sim uma voz entre a Primog√™nie, deve qualquer Gangrel rebelde passar pelo seu dom√≠nio.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Morcego Monstruoso: A forma bestial preferida de Xaviar foi antes a de um morcego, mas seguindo seu encontro com o Antediluviano, ele achou a sua forma capaz de mudar em uma h√≠brida entre humana e morcego. Uma vez por hist√≥ria, quando a lua est√° na fase certa, voc√™ pode assumir a mesma forma. Este morcego do tamanho de um homem tem um ponto extra em todos os Atributos F√≠sicos e pode conseguir planar no ar de qualquer altura. Morder nesta forma adiciona +1 de dano Agravado √† mortais e vampiros igualmente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Vivenciou o Antediluviano: Xaviar n√£o foi o √ļnico Gangrel a afundar no solo e encontrar-se dentro da vasta e inumana forma do fundador de seu cl√£. Voc√™ fez o mesmo, e a experi√™ncia mudou voc√™. Voc√™ agora est√° um pouco louco, provavelmente sofrendo de paranoia ou claustrofobia. Sempre que voc√™ chama o seu encontro √† mente, voc√™ sente as suas veias enraizadas √† terra, conectando √† todos os outros Gangrel no mundo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ consegue sentir a localiza√ß√£o de qualquer Gangrel e drenar um golinho de vitae deles para restaurar o n√≠vel de sua Fome para 2. Voc√™ deve estar tocando o solo aberto, n√£o concreto, para usar esta habilidade.

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – CAMARILLA V5

CARMELITA NEILLSON

(“Carmelita Neillson”, Livro: “Camarilla V5”, pag 184)

Anci√£os desperados procurando maneiras de se manter fora da Gehenna e do Chamado (Beckoning) procuram cada vez a Arque√≥logo Brasileira-irland√™s e Toreador Carmelita Neillson. Ela desenterra o passado e entrevista os Membros, narrando um vasta gama de hist√≥rias de vampiros e conversas com vampiros t√£o antigos quanto dois mil√™nios. A camarilla a pro√≠be de arquivar qualquer uma dos suas descobertas eletronicamente, ent√£o ela estabeleceu v√°rias ‚ÄúBibliotecas Neillson‚ÄĚ em locais discretos. Sua maneira amig√°vel, curiosidade natural e habilidades como poliglota fazem dela uma escolha natural para entrevistar um Matusal√©m que acaba de despertar do torpor, investigar um templo em ru√≠nas, ou interpretar uma escritura do Sab√° capturada. Acreditando que a arte n√£o precisa estar em uma moldura ou museu para ser admirada, Carmelita se sente que o que faz √© a maior de todas as artes, e muitas vezes ignorada pelos Membros por tanto tempo, que √© a narra√ß√£o gentil de sua pr√≥pria hist√≥ria. Uma talentosa contadora de hist√≥rias e escritora, As habilidades de Carmelita atraem muitos Toreador que desejam quebrar o ‚Äúestere√≥tipo do lindo e sem talento‚ÄĚ.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ A Arte da historia: Voc√™ e Carmelita compartilham a cren√ßa de que contar hist√≥rias √© uma das formas de arte perdidas. Quando regalando outros vampiros com sabedoria hist√≥rica ou contos de mitos e lendas, os Toreador naturalmente gravitam para ouvir suas palavras, independentemente da sua posi√ß√£o em dire√ß√£o um ao outro.

‚ÄĘ‚ÄĘ A Arte da Vontade: Um objeto espec√≠fico d‚Äôart ou rel√≠quia, foi confiada √† sua guarda pela Dra. Neillson, ele te inspira e te cativa. Se voc√™ passar uma hora meditando sob este objeto (e fazer um teste de Determina√ß√£o [Resolve] + Erudi√ß√£o [Academics] contra dificuldade 5) antes de descansar para o proximo dia, voc√™ acorda com um ponto extra de For√ßa de vontade. Voc√™ pode meditar neste maneira uma vez por sess√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Biblioteca Neillson: As pequenas bibliotecas de Carmelita Neillson est√£o espalhadas pelo mundo nos dom√≠nios da Camarilla, servindo como colmeias de informa√ß√Ķes usadas para solicitar e apoiar as mem√≥rias dos vampiros mais velhos. E voc√™ √© o curador ou diretor de uma desses bibliotecas, que conta como um ponto Refugio (‚ÄĘ) com a carateristica biblioteca de dois pontos (‚ÄĘ‚ÄĘ). Outros vampiros e Membros historiadores se encontram l√° tamb√©m, o que pode ocasionar vantagens e desvantagens.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Entrevista com o Matusal√©m: Voc√™ obteve um grava√ß√£o de Carmelita entrevistando um vampiro impossivelmente velho que divulga segredos sobre um dos cl√£s em seu dom√≠nio. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode perguntar ao Narrador para fornecer a voc√™ tal segredo. Se Carmelita sabia disso gravando e entregando a voc√™ ou algu√©m fez a grava√ß√£o em segredo, o informa√ß√Ķes da entrevista d√£o a voc√™ um vantagem sobre o vampiro do registro e sobre o cl√£ discutido. Curiosamente, o voz seguindo Carmelita no final de a fita menciona outras grava√ß√Ķes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tumba Ancestral: Carmelita confiou a voc√™ para guardar o suposto local de descanso de um de seus ancestrais. Contanto que voc√™ o mantenha seguro, voc√™ pode cham√°-lo para um favor importante uma vez por hist√≥ria. Se voc√™ falhar em mante-lo seguro, provavelmente haver√° … outras consequ√™ncias.

 

FATIMA AL-FAQADI

(“Fatima Al-Faqadi”, Livro: “Camarilla V5”, pag 185)

Criada no século 12 d.C., Fatima al-Faqadi é antiga entre os Membros ativos das noites modernas. Conhecida dentro do Filhos de Haqim como a Mão da Vingança, ela é uma dos assassinos mais perigosos e habilidosos que já esteve entre os Membros. Fatima é uma muçulmana fiel e inimiga jurada dos cultistas de sangue de Ur-Shulgi. Ela uma vez trabalhou por vitae, realizando contratos de Sangue canalizados de volta fisicamente ou por rituais de feitiçaria para a fortaleza de seu clã, Alamut. Mas nas noites modernas, Alamut está sob o controle de Ur-Shulgi, e Fatima é relatada como líder de um grupo de Banu Haqim lutando lado a lado com a Camarilla na guerra da Gehenna. Más Línguas diriam que ela está na luta apenas para descobrir o que aconteceu com sua outrora amante e rival, Lucita. E de sua parte, Fatima silencia esses rumores com um olhar quase tão mortal quanto suas facas.

Notas de Tradu√ß√£o: Fatima √© um nome mu√ßulmano que foi adaptado ao portugu√™s com o acento no √Ā, “F√°tima”, mas o original se pronuncia “FńĀŠĻ≠√≠mah”, √© o nome de uma das filhas de Maom√©, e significa “a donzela, a pura, a que se guardou”.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Armario de Armas: Sua conex√£o com Fatima ou sua rede de Banu Haqim d√° acesso a um arm√°rio de armas escondido em algum lugar dentro do seu dom√≠nio ou do dom√≠nio que voc√™ est√° visitando. Voc√™ sabe de boatos ou fontes confi√°veis onde um desses arm√°rios deve estar localizado. Uma vez por cr√īnica voc√™ pode use este conhecimento para se equipar com uma arma de m√£o de sua escolha, sujeito √† aprova√ß√£o do Narrador.

‚ÄĘ‚ÄĘ Rede Extendida: Fatima uma vez realizou afilia√ß√£o a um culto conhecido como “A rede das facas”. Embora a rede continue fiel para o demon√≠aco Ur-Shulgi e o ramo de Alamut de Banu Haqim, alguns cultistas da rede acompanharam Fatima quando ela faz aberturas para a Camarilla. Voc√™ √© um membro da rede extendida, ou tem um v√≠nculo estreito com aqueles que s√£o. Voc√™ podes alocar tr√™s pontos nos Antecedentes/ Aliados, Contatos e Mentor ao atribu√≠-los a membros de a rede extendida, que podem ajud√°-lo para um pre√ßo, ou ensin√°-lo a arte de matar. Observe que, ao contr√°rio de Antecedentes padr√£o, o uso desses pontos exige pagamento, e muitas vezes, um grande pagamento.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Alvo perdido: Voc√™ √© um dos o raros Membros que sobreviveram a uma tentativa de assassinato pela M√£o da Vingan√ßa. Se voc√™ era ou n√£o o alvo ou apenas danos colaterais, voc√™ tem uma reputa√ß√£o como algu√©m que Fatima n√£o conseguiu derrubar. Al√©m de conceder dois pontos no Antecedente Status, esta Camada de Conhecimento concede um dado b√īnus para os testes Social quando sua hist√≥ria de sobreviv√™ncia pode ser usado para um bom efeito.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Reconhecer o Juiz: Os Banu Haqim foram feitos para serem ju√≠zes dos outros Membros. Voc√™ pode ter sido ensinado nas formas de julgamento de Fatima, da rede de facas ou as que Ur-Shulgi dita. Em qualquer caso, quando voc√™ estiver em qualquer Dom√≠nio da Camarilla, voc√™ pode formalmente anunciar o julgamento e executar um Membro sem retalia√ß√£o aberta da seita dominante, j√° que poucos desejam cruzar a Lei dos Banu Haqim. Seu julgamento n√£o impede que outros Membros sutilmente tentem formas veladas de repres√°lias.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Abrir o Contrato: Sua rela√ß√£o com Fatima √© tanta que ela concordou em eliminar qualquer oponente a sua escolha. Ela n√£o vai fazer perguntas. Talvez seu relacionamento com ela seja de confian√ßa ou cuidado, ou talvez Fatima deve algo a voc√™. Seu sucesso n√£o √© garantido, mas √© prov√°vel.

 

FIORENZA SAVONA

(“Fiorenza Savona”, Livro: “Camarilla V5”, pag 186)

Quando os Lasombra reafirmaram o controle sobre seus antigos centros de poder religiosos, os Ventrue responderam expandindo a sua influ√™ncia na nova nobreza: o governo e as corpora√ß√Ķes multinacionais. Com influ√™ncia pol√≠tica global, Fiorenza Savona mant√©m o cl√£ no centro do poder global – relevante e perigososo. Durona e sem medo de dizer a outro vampiro para que ele saia do seu camainho, Fiorenza trabalhou duro como mortal e continua a faz√™-lo como uma Membro para garantir que vampiros ricos e poderosos permane√ßam em suas posi√ß√Ķes. Subindo por meio de ONGs e a ONU, ela sabe quem √© todo mundo que controla a elite de Davos. O senhor dela mirou nela para listar seus contatos e acabou descobrindo uma Pol√≠tica e maquiav√©lica vis√£o de como s√£o os neg√≥cios. Um jogador novo e poderoso na Camarilla, muitos anci√Ķes e ancillae a consideram um mero Ventrue de ‚Äúdinheiro novo‚ÄĚ. Seus companheiros de cl√£ mais s√°bios sabem que suas a√ß√Ķes influenciam os conselhos, corpora√ß√Ķes e mortais individuais que possuem reais pot√™ncias. Onde os seus antecessores se concentraram na pol√≠tica de vampiros, Fiorenza acredita que a chave para a longevidade dos Membros est√° na manipula√ß√£o dos vivos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Na Lista da Fiorenza: Fiorenza sabe quem voc√™ √©, e ela pensa que voc√™ √© um trunfo para o cl√£ ou que voc√™ √© um problema. Conseq√ľentemente, ela atribuiu um Lacaio mortal (equivalente a um Mortal Talentoso, veja a pag. 185, e o antecedentes Aliados e lacaios) – como seu guarda-costas, motorista, mordomo, etc. – para voc√™, embora permane√ßam como empregados de Fiorenza. Eles n√£o fazem segredo de que est√£o espionando voc√™ e reportando para Fiorenza, e eles nunca se afastam muito de voc√™, mesmo quando s√£o dispensados. Se o mortal for prejudicado ou morto, Fiorenza ir√° notar que voc√™ n√£o √© confi√°vel, mas se a seu conduta for boa, voc√™ avan√ßa para as boas gra√ßas dela.

‚ÄĘ‚ÄĘ Caf√© da Manh√£ com a Fiorenza: Apesar de seu papel de destaque, uma vez por hist√≥ria Fiorenza vai abrir espa√ßo em sua agenda lotada para se encontrar com voc√™. Talvez voc√™ tenha sujeira com ela ou talvez voc√™s sejam amigos √≠ntimos. Um encontro com Fiorenza pode ser lucrativo e informativo, se voc√™ perguntar a ela as perguntas certas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Os Beneficios da Amizade: Voc√™ era proximo de Fiorenza antes de ela se tornar “a pr√≥xima grande coisa” no Cl√£ Ventrue, e esta amizade paga dividendos: ela pode suavizar certos Ventrue com babados, fornecer dicas e informa√ß√Ķes privilegiadas, emprestar um Gulfstream equipado com janelas polarizadas, fornecer planos de v√īo pr√©-liberados, etc. Se voc√™ abusar ou usar indevidamente esta conex√£o, que o equivalente ao Antecdente Mawla de tr√™s pontos (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ), ela te cortar√° sem hesita√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Diretorado: A Sombria Diretoria Ventrue te aborda. Preocupada com a ascens√£o mete√≥rica de Fiorenza, eles escolheram voc√™ abord√°-la, suborn√°-la e quebrar √† vontade dela. Se voc√™ aceitar, voc√™ ser√° colocado um La√ßo de Sangue com a Diretoria e tera as suas mem√≥rias sobre as identidades da Diretoria apagadas – mas voc√™ receber√° seis pontos para distribuir entre os Antecedentes; Contatos, Mawla e Recursos. Claro, voc√™ tambem podera abordar Fiorenza e se oferecer para trabalhar como seu agente duplo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Proposta Governamental: Fiorenza te deve Favores – uma vez por cr√īnica, ela concorda em influenciar um l√≠der pol√≠tico mortal como voc√™ solicitar. As sugest√Ķes dela no mortal em quest√£o equivalem a um b√īnus de cinco dados para voc√™ distribuir como voc√™ desejar em testes envolvendo qualquer papel que envolva a√ß√Ķes do governo. Se voc√™ criar perturba√ß√Ķes politicas de modo a agir e refor√ßar as “sugest√Ķes” de Fiorenza, o Narrador pode adicionar outros dados com base no seu plano e em qu√£o bem voc√™ tem sucesso nisso.

 

LINHAGEM PURA DOS VENTRUE

(SOMENTE PERSONAGENS VENTRUE)

(“Pure Ventrue Lineage”, Livro: “Camarilla V5”, pag 187)

Mais do que qualquer outro cl√£, os Ventrue s√£o obcecados pela linhagem, recitando sua ancestralidade de muitas gera√ß√Ķes atr√°s. Alguns afirmam que seus ancestrais transmitem habilidades aos seus descendentes, enquanto outros desejam somente a reputa√ß√£o e poder. Os Ventrue entendem a import√Ęncia da hist√≥ria e da pureza da vitae. Quando eles falam, os outros ouvem. Uma coisa √© saber sua ancestralidade, e outra bem diferente √© falar isso com orgulho em um tribunal de pares ou como um desafio aos seus inimigos. Em ocasi√Ķes importantes, seja em uma fun√ß√£o p√ļblica ou no hor√°rio antes de ir para a batalha, os Ventrue esperam uns dos outros que n√£o apenas listem os nomes de seus ancestrais, mas que recitem seus atos, realiza√ß√Ķes, fracassos, e – em alguns casos – mortes dram√°ticas, para honrar o passado, elevar o esp√≠rito e melhor impressionar o p√ļblico, seja este uma turba de Brujah ou um Pr√≠ncipe cansado.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Senhor de Renome: Seu senhor √© um Ventrue not√°vel por sua nobreza e ades√£o aos valores do cl√£. At√© certo ponto, voc√™ pode confiar no nome do seu senhor para favorecimento com outros Membros, principalmente do Cl√£ Ventrue. Esta camada de conhecimento permite que voc√™ ganhe um dado de b√īnus em testes sociais apropriados onde citar o nome do seu senhor pode ter impacto. Se o seu senhor ainda existe, eles pode vir a se ressentir de voc√™ se abusar de seu nome somente para obter linhas de cr√©dito.

‚ÄĘ‚ÄĘ Uma Linhagem de Titulo: Voc√™ vem de uma linha de Pr√≠ncipes, Primogenos ou possivelmente Bar√Ķes da anarquia. Se voc√™ alguma vez tentar adquirir um t√≠tulo em um dom√≠nio, os Ventrue – e at√© mesmo aqueles que voc√™ nunca conheceu – ir√£o automaticamente apoiar a sua reivindica√ß√£o, a menos que eles tenham raz√£o o suficiente para se opor a voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Recita√ß√£o: Voc√™ pode recitar o nome dos seus ancestrais at√© a linha de um matusal√©m da Quarta Gera√ß√£o, impressionando a todos Membros que o escutam. Cada Membro da sua linhagem t√™m uma hist√≥ria, e voc√™ conhece pelo menos uma vers√£o resumida de cada um deles. Recitando a coisa toda (algo que leva uns bons 30 minutos ou mais) d√° a voc√™ um dado de b√īnus para todos os testes sociais contra um outro Membro pelo resto da cena. Isso pode ser usado uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Linhagem Lendaria: (escolha uma)

A Linhagem de Alexandre: Patrono das artes, paix√Ķes e da beleza, Alexander de Paris parecia para a maioria, muito mais com um Toreador do que um Ventrue. Membros que nomeiam seu ancestral como Alexandre de Paris ganha dois dados de b√īnus em todos os testes de Persuas√£o feitos para cativar uma multid√£o de pessoas, assim como a linhagem de Alexander adorava uma audi√™ncia. Se algu√©m interromper a sua oratoria, voc√™ deve fazer um teste contra o frenesi de f√ļria contra dificuldade 3.

A Linhagem de Antonius: Antonius era um pensador estrat√©gico, planejador obsessivo e arquiteto mestre do Cl√£ Ventrue at√© a sua aparente destrui√ß√£o. Se voc√™ descender de Antonius, voc√™ ganha dois dados b√īnus em todos os testes nas pericia Erudi√ß√£o [Academics] e lideran√ßa feitos ao planejar a defesa ou constru√ß√£o de um dom√≠nio. Se algu√©m atrapalhar voc√™ enquanto voc√™ faz um desses planos de longo prazo, voc√™ deve fazer um teste contra o frenesi de f√ļria contra dificuldade 3.

A Linhagem de Mithras: Mithras exemplifica o orgulho e o poder. O culto dele afirma que ele era era imune às chamas, e de alguma forma esta fortaleza ondula até a força de vontade de seus descendentes. A dificuldade para você resistir ao frenesi de medo quando em exposição ao fogo é reduzida em dois. Você sofre uma penalidade de dois dados ao resistir às tentativas de Dominação por vampiros mais velhos que tambem sejam da linhagem de Mithras.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Nome do Antediluviano: O Antediluviano Ventrue ja foi chamado por muitos nomes, e cada matusal√©m de seu cl√£ conhece a antiga entidade atrav√©s de um ep√≠teto diferente. Voc√™ conhece um destes nomes ou t√≠tulos, e uma vez por cr√īnica pode se anunciar como descendente desta criatura para for√ßar todos os Ventrue nas proximidades a parar o que est√£o fazendo, ficar em sil√™ncio, e √†s vezes at√© cair sobre seus joelhos. O nome desaparece logo em seguida da mente de todos que o ouvem, mas eles v√£o parar qualquer coisa – at√© mesmo o combate – para ouvir voc√™ falar.

 

O CULTO DE MITHRAS

(“The Cult of Mithras”, Livro: “Camarilla V5”, pag 188)

Alguns vampiros reivindicam o status de divindade entre ambos, Membros e o rebanho. Ao lado de Set, Mithras √© provavelmente o mais famoso dos deuses Cainitas. Um Ventrue de incr√≠vel idade e poder, e um dos pr√≠ncipes mais antigos da hist√≥ria dos Membros, Mithras formou um culto de fi√©is adeptos da religi√£o Mitraica, incorporando pompas da religi√£o leg√≠tima de antigamente e as antigas tradi√ß√Ķes vamp√≠ricas. Embora Mithras tenha sido destru√≠do no s√©culo 20, e seu diablerista, por sua vez, supostamente destru√≠do no Segundo Expurgo de Londres pela Inquisi√ß√£o, seu antigo senescal e confidente Roger de Camden lidera o Culto de Mithras em sua aus√™ncia. Voc√™ pode ser um membro do culto, ou mesmo um de seus l√≠deres. Talvez voc√™ acredite que o culto √© uma chave para o domin√Ęncia na Jyhad, tomando os mil√™nios de governo de Mitras como inspira√ß√£o.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Ne√≥fito: Seu servi√ßo a Mithras est√° em apenas no come√ßo, mas voc√™ aprendeu como manipular o gado falando sobre religi√£o e grandeza. Voc√™ pode efetivamente liderar um pequeno culto mortal, concedendo-lhe um dado de b√īnus para todos os testes sociais ao interagir com seu rebanho ou lacaios. Este conhecimento vem tanto da ades√£o ao culto quanto atrav√©s do seu estudo e suas pr√°ticas.

‚ÄĘ‚ÄĘ Nymphus: Mithraistas premiam com o t√≠tulo de Nymphus os novos senhores dentro do culto. Esta Camada de Conhecimento concede a voc√™ aprendizados sobre as linhagens e costumes do Abra√ßo Ventrue, enquanto voc√™ obt√™m o status reverenciado de um senhor cerimonial. Voc√™ ganha dois dados de b√īnus para todas as jogadas em que os costumes Mithraicos sobres os Ventrue s√£o discutidos ou estudados, e o equivalente a dois pontos no Antecedente Status quando estiver entre os Ventrue.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Leo: Entre os mais homenageados membros do culto Mithraico, aqueles Membros com o t√≠tulo de Leo s√£o confiados para entregar mensagens clandestinas entre os Mithra√≠stas, e √†s vezes at√© fora da ordem. Mithra√≠stas n√£o hesitar√£o em confiar a voc√™ informa√ß√Ķes e mensagens, e voc√™ ganha um dado de b√īnus para todos os testes de n√£o disciplinas que voc√™ fizer para que outros vampiros confiem em voc√™. Claro que se a sua lealdade est√° fora do culto, esta Camada de Conhecimento concede a voc√™ acesso a informa√ß√Ķes de intelig√™ncia profundamente perigosas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Perses: O Culto de Mithras freq√ľentemente se entrega ao ritual de derramamento de sangue e sacrif√≠cio, com um Perses como sendo o mestre de tais cerim√īnias. Um vampiro Declarado um Perses de Mithras recebe um espada curta e autoridade para matar inimigos do culto, com a garantia de prote√ß√£o total (√°libis, ref√ļgios secretos, acesso a recursos) se sua identidade como o assassino se tornou conhecida. Esta Camada de Conhecimento te fornece tr√™s pontos de Antecedentes para alocar em qualquer dom√≠nio em que o Culto de Mitras √© presente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Invicto: Voc√™ carrega a centelha de Mithras dentro de voc√™. Talvez voc√™ tenha tirado vitae de seu diablerista Monty Coven, ou talvez voc√™ j√° bebeu diretamente do pr√≥prio Mithras como parte de um La√ßo de Sangue. Agora, Mithras vive em voc√™. Ocasionalmente o antigo vampiro fala com voc√™ em comando ou orienta√ß√£o, embora ele n√£o seja poderoso o suficiente para compelir. Quando voc√™ segue os conselhos de Mithras, voc√™ ganha tr√™s dados adicionais em testes de Domina√ß√£o, Fortitude ou Presen√ßa (escolha um) pelo restante da noite.

 

A PIR√āMIDE

(“The pyramid”, Livro: “Camarilla V5”, pag 189)

N√£o foi h√° muito tempo, os Tremere eram o mais forte dos cl√£s, ou pelo menos, um dos mais organizados. Voc√™s sabe que a pir√Ęmide era uma estrutura perfeita para a hierarquia dos Membros, refor√ßando a lealdade por meio de la√ßos de Sangue e juramentos de lealdade √† casa e a fam√≠lia, garantindo o poder aos que chegam no topo, e com varias recompensas para aqueles que est√£o embaixo. Ou talvez voc√™ tenha estudado a pir√Ęmide como o basti√£o corrupto que ela foi, e celebrou o colapso dela. Voc√™ conhece o funcionamento interno da Pir√Ęmide Tremere. Voc√™ poderia construir essa hierarquia novamente ou ajudar qualquer um corroer estruturas similares.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Aprendiz: Apesar da seu recente desestabiliza√ß√£o, a maioria dos senhores do Cl√£ Tremere ainda concede prontamente a seus calouros a classifica√ß√£o de aprendiz. Voc√™ √© um desses aprendizes, ou o mestre de um, premiando voc√™ com o equivalente ao Antecedente Mawla de um ponto.

‚ÄĘ‚ÄĘ Erudito: Apesar da sua na pir√Ęmide ser nova, voc√™ j√° atraiu a aten√ß√£o dos membros maiores para si, mostrando que voc√™ √© mais do uma experi√™ncia bem-sucedida, voc√™ j√° pode ter cortejad o perigo, criado de um novo ritual menor, ou ter descoberto um conhecimento uma vez perdida para o cl√£. Uma vez por cr√īnica, esta camada de conhecimento permite que voc√™ pergunte uma grande d√°diva a um regente, e ele fornecer este favor n√£o ser√° considerado um insulto, fazendo com que voc√™ permane√ßa em bem termos com aquele Tremere depois disso.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Regente: Cada capela tem um Regente. O Regente √© respons√°vel pela tutela de todos os outros Tremere no dom√≠nio. Embora o regente n√£o possa ensinar a eles pessoalmente, ela deve garantir que todos Tremere estejam sendo educados. O Regente tambem possui outros deveres que se estendem a prote√ß√£o de dom√≠nio do Cl√£, e √†s vezes deve atuar como representante no conselhos dos Primogenos. Voc√™ √© o regente de uma capela. Isso d√° a voc√™ um ponto no Antecedente Status entre os Tremere, assim como tr√™s pontos em Refugio, representando a capela. Esteja ciente de que √© esperado que voc√™ supervisione a seguran√ßa da capela, bem como fornecer alojamento e recursos para outros membros do cl√£.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Pont√≠fice: Cada Bruxo no Conselho dos Sete tem sete Pontif√≠ces que se reportam a ele. Estes pontif√≠ces supervisionam um vasto dom√≠nio, embora isto raramente seja definido de modo geografico. Os pont√≠fices s√£o nomeados como representantes do cl√£ nas √°reas da arte, economia, estudos de lobisomem e outros campos semelhantes. Voc√™ √© visto como o maior especialista do cl√£ em qualquer dom√≠nio que voc√™ tenha Pontifice, e seus recursos em rela√ß√£o esse campo s√£o extensos. Voc√™ ganha de um tr√™s dados b√īnus para qualquer teste de coleta de informa√ß√Ķes relacionadas ao seu campo espec√≠fico, voc√™ tem acesso √† uma biblioteca, assim como o equivalente a tr√™s pontos de status entre os Tremere.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Novo Conselho: O novo Conselho Tremere dos Sete √© montado como uma medida de emerg√™ncia ap√≥s o sucesso da Segunda Inquisi√ß√£o no ataque em Viena. A explos√£o foi programada para coincidir com uma reuni√£o entre os membros do Conselho, transformando a quase todos, exceto alguns, em cinzas, enquanto o restante provavelmente entrou em torpor. Voc√™ √© considerado um novo potencial membro do Conselho dos Sete, porque voc√™ tem algo √ļnico para pode oferecer ao cl√£ Tremere. O que √© isso e como voc√™ exerce seu poder depende de voc√™ e do Narrador. Voc√™ tamb√©m tem o equivalente a quatro pontos de Status entre os Tremere.

 

VICTORIA ASH

(“Victoria Ash”, Livro: “Camarilla V5”, pag 190)

Victoria Ash se destaca como um dos Membros mais proeminentes, influentes e ativos nas noites modernas. Abra√ßada no s√©culo 17 d.C., quando ainda era conhecida como Victorine de Perpignan, ela veio da pobreza, trabalhou como uma seguidora de acampamentos do ex√©rcito franc√™s, mas atraiu pouca considera√ß√£o, exceto por sua beleza e deslumbrante voz cantante. Seu eventual senhor, Maximillian, reconheceu seus verdadeiros talentos de diplomacia, etiqueta e estrat√©gia, Abra√ßando-a por esses talentos e pelas raz√Ķes que os soldados mortais ja conheciam e a adoravam tanto. Combinando a devo√ß√£o em que Victoria atrai os Membros devido ao seu carisma e personalidade aparentemente benevolente, ela √© not√°vel por seu sucesso em subir na escada da Camarilla. Mais recentemente, ela foi selecionada pelos Justicares da Camarilla para selar o acordo de Casamento “Vermilion” (ou Casamento Vermelho) com Tegyrius, um Banu Haqim da Ashirra. O gado se curva para servir a todos os seus caprichos, e seu cl√£ a adora pelos seus talentos naturais e sagacidade, e nossa seita a aponta como algo que todos os outros Membros devem aspirar a ser. Algo maravilhoso, se √© que Tegyrius sabe o que o espera.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ O Beijo da Ash: Em algum ponto voc√™ dan√ßou, beijou, ou at√© mesmo dormiu com Victoria Ash. Isso n√£o te faz uma raridade, mas te torna especial de alguma forma. Victoria tem uma mem√≥ria perfeita para rostos e encontros √≠ntimos, e √© capaz de remontar s√©culos de pessoas e encontros (alguns suspeitam que √© como ela se agarra a sua humanidade). Dificuldades em testes Sociais envolvendo Victoria Ash ou algu√©m conectado a ela s√£o reduzidas em 1 ponto.

‚ÄĘ‚ÄĘ O Convite Vermillion: Pode ser que voc√™ tenha sido convidado para casamento Vermilion ou voc√™ apenas conhece bem o suficiente um dos participantes para descrever o que aconteceu. Isso permite que voc√™ reconhe√ßa aqueles que compareceram ao casamento, suas fun√ß√Ķes, e onde eles estavam durante as quest√Ķes de uni√£o entre as seitas. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode usar esta informa√ß√£o para chantagear, contar hist√≥rias ou se relacionar com outros participantes desta tensa reuni√£o de familia, voc√™ um b√īnus de tr√™s dados para testes sociais, desde que voc√™ possa vir com uma explica√ß√£o plaus√≠vel.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O que faz eles se co√ßarem: Victoria Ash √© uma especialista em ler pessoas. Ela sabe como obter os seus segredos mais sens√≠veis e explor√°-los, ela acabou te ensinando alguns truques. Voc√™ ganha dois dados extras em testes de Sagacidade [Insight] ao examinar um alvo para descobrir as suas vulnerabilidades.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Afeto das Celebridades: Imitando as hist√≥rias de Victoria Ash, voc√™ tamb√©m tem acesso a um tour em um √īnibus bem abastecido para facilitar o tr√Ęnsito entre os dom√≠nios, e uma pequena equipe de roadies. Quer voc√™ se disfarce de cantor, m√°gico, ator ou qualquer outra forma de artista do entretenimento, essa decis√£o cabe a voc√™. Isso √© o equivalente em possuir os Antecedentes Refuigo ‚ÄĘ‚ÄĘ (uma casa m√≥vel, tambem chamada de “casa mobile”) e dois pontos distribuidos entre Rebanho e ou Lacaios (Roadies).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Patrona, Companheira e Amante : Voc√™ ocupa um lugar importante no cora√ß√£o de Victoria. Uma vez por cr√īnica ela vai mover o c√©u e a terra para proteg√™-lo, potencialmente lucrando com o boa vontade que ela carrega com a Camarilla para fazer o possivel, caso seus forem flagrantes por exemplo. Por uma sess√£o inteira ela conta como cinco pontos no Antecedente Mawla e fornece tr√™s pontos de Status.

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – ANARCH V5

SALVADOR GARCIA

(“Salvador Garcia”, Livro: “Anarch V5”, pag 190)

Salvador Garcia n√£o √© famoso como um assassino de Membros da Camarilla ou um quebrador da m√°scara imprudente, mas muitos pr√≠ncipes temem a sua vinda para qualquer cidade mais do que qualquer encrenqueiro violento. Garcia luta a guerra das ideias, viajando de cidade em cidade despertando o povo local da Classe inferior para o movimento anarquista e inspirando-as a lutar por seus direitos. O papel de Garcia √© como o de um agitador sindical: ele fala com os jovens lambedores, os ajuda a ver que eles n√£o t√™m que aceitar seu papel miser√°vel que a sociedade morta-viva os imp√īe e traz not√≠cias de outros dom√≠nios. Uma √ļnica visita pode deixar ideias germinando na mente de uma cidade especifica, o que pode levar ao nascimento de um novo Movimento Anarquista. Originalmente famoso como o principal ide√≥logo dos Estados Livres Anarquistas na Calif√≥rnia e o assassino do velho Pr√≠ncipe de Los Angeles, Garcia agora visita sua cidade natal apenas raramente. Em vez disso, ele usa seus extensos contatos no Movimento para viajar de dom√≠nio em dom√≠nio, espalhando a revolu√ß√£o e se evadindo das for√ßas da Camarilla que est√£o ansiosas por ver o “morto-vivo Che Guevara” ser executado.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ O Caminho com as Palavras: Voc√™ estudou os pensamentos n√£o apenas de Salvador Garcia, mas de todos os anarquistas bem conhecidos e ide√≥logos pol√≠ticos. Voc√™ √© um veterano de debates pol√≠ticos do Movimento e pode se segurar por si pr√≥prio. Por esse motivo, voc√™ obtem dois dados extras em qualquer teste envolvendo um debate pol√≠tico onde voc√™ invoca Princ√≠pios anarquistas.

‚ÄĘ‚ÄĘ Velha Escola: Voc√™ conheceu Garcia e defendeu as ideias de aboli√ß√£o aos pr√≠ncipes, estabelecendo dom√≠nios com poder descentralizado. Isso d√° a voc√™ credibilidade entre a gera√ß√£o da velha escola Anarquistas dos Estados Livres da Calif√≥rnia, que manteve o Movimento passando pelos anos dificeis antes da atual explos√£o das atividades. Por disso, voc√™ tem o equivalente de tr√™s pontos no Antecedente Mawla representando Anarquistas mais velhos que gostam de voc√™, embora eles o ajudem s√≥ nas quest√Ķes do Movimento.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Inimigo do Estado: A Camarilla despreza voc√™ por causa de sua defesa aberta as id√©ias anarquistas. Eles tentam desacredit√°-lo, espalhando rumores bizarros sobre voc√™. Voc√™ pode ter vendido seu dom√≠nio para vampiros chineses estranhos, voc√™ n√£o realmente fez os atos her√≥icos atribu√≠dos a voc√™, voc√™ √© na verdade um infiltrado do Sab√°, ou em breve ser√° um. Como uma consequ√™ncia n√£o intencional desses rumores, todas as tentativas de encontrar os fatos reais sobre voc√™ s√£o feitos com uma penalidade de dois dados em testes relevantes, e qualquer informa√ß√£o ganha √© manchada por falsidades a menos que o teste seja uma vit√≥ria cr√≠tica.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Guerra das ideias: Garcia ensina a muitos jovens lambedores sobre o id√©ias do Movimento Anarquista. Algumas dessas ideias foram formuladas por ele, mas nem todas. Na verdade, voc√™ uma vez escreveu uma vis√£o de como a sociedade dos mortos-vivos deve ser organizada e esse texto acabou por se tornar parte do discurso padr√£o de Garcia. Por causa disso, voc√™ √© conhecido em todos os territ√≥rios anarquistas e pode usar esta fama como o equivalente a tr√™s pontos nos Antecedentes Aliados em qualquer dom√≠nio Anarquista.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ergam-se!: Voc√™ sabe como falar para os seus companheiros Anarquistas, e eles sabem o que voc√™ representa. Quando voc√™ clamar por uma revolu√ß√£o, as coisas v√£o acontecer. Infelizmente, voc√™ n√£o tem controle sobre o que exatamente vai acontecer. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode fazer um teste de pol√≠tica para levar os Anarquistas locais √† a√ß√£o. Avalie a escala do efeito de acordo com o n√ļmero de sucessos obtidos. (tr√™s sucessos pode provocar uma invas√£o espont√Ęnea no Refugio do Principe enquanto seis sucessos pode come√ßar um revolta envolvendo a maior parte da Popula√ß√£o anarquista da cidade).

 

AGATA STAREK

(“Agata Starek”, Livro: “Anarch V5”, pag 191)

Para uma Ancillae Ventrue, o nome Agata Starek evoca imagens de niilismo, e um certo brilho de terror, com imagens de Anarquistas como uma onda de destrui√ß√£o demolindo tudo em seu caminho. Mas para os anarquistas rec√©m-nascidos que vivem sob regras arbitr√°rias e cru√©is imposta por esse mesmo Ventrue, ela √© a pr√≥pria personifica√ß√£o da revolu√ß√£o como vingan√ßa. Quem se importa se vamos viver outra noite? Vamos derrubar esses bastardos agora mesmo. L√≠deres anarquistas mais ideol√≥gicos e de princ√≠pios tendem a desprezar Starek por sua pr√°tica de diablerie e falta de interesse em qualquer causa ut√≥pica. Para eles, ela n√£o √© nada al√©m de um monstro, s√≥ √© um pouco melhor do que as criaturas da Camarilla. Ainda que sua perspectiva possa ser contaminada pelo poder que exerce, Starek tem um √ļnico princ√≠pio: ela sempre levanta os seus punhos, geralmente literalmente. Ela √© famosa por se voltar contra seus amigos e aliados em favor de um Carni√ßal que foi maltratado ou humano sofredor. Apesar de sua antipatia por Starek, poucos l√≠deres anarquistas realmente querem fazer um movimento contra ela. No fundo de seus cora√ß√Ķes que j√° n√£o batem mais, eles tamb√©m apreciam a ideia de um monstro por conta pr√≥pria, um terror alegre dando √† Camarilla algo para temer. Quanto menos poder voc√™ tiver, mais esperan√ßa Agata Starek lhe dar√°.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Aterrorizar os Poderosos: Assim como √Āgata, voc√™ tem uma habilidade incr√≠vel para incitar o terror nos cora√ß√Ķes dos lambedores mais poderosos e influentes do que voc√™. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode rolar novamente um teste de quando confrontando um lambedor que tem mais meios do que voc√™. Isso pode a ser aidade, recursos ou status na seita, mas a decis√£o final sobre quem voc√™ utilizar essa habilidade fica a cargo do Narrador.

‚ÄĘ‚ÄĘ Aprendiz: Voc√™ conheceu √Āgata Starek pessoalmente, e algo em voc√™ chamou o interesse dela. √Äs vezes ela manda seus pequenos peda√ßos de informa√ß√£o sobre as fraquezas e v√≠cios privados dos poderosos lambedores que residem na sua cidade, muitas vezes com o objetivo de permitir que voc√™ experimente seu doce, doce sangue. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ ganha o equivalente ao Antecedente Contatos no valor de quatro pontos para o prop√≥sito deduzir a fraqueza de um inimigo mais forte. Isso pode ser qualquer coisa, desde de seu h√°bito alimentar, seus Pilares de Humanidade (Touchstones) ou uma falha na seguran√ßa de seu Ref√ļgio.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um devido Favor: Voc√™ interagiu com √Āgata Starek uma ou duas vezes, talvez em uma situa√ß√£o delicada envolvendo o assassinato e o derramamento de sangue da Camarilla. Por causa da sua hist√≥ria compartilhada, uma vez por hist√≥ria que voc√™ pode ganhar com um Favor de algu√©m em sua cidade que deve algo a ela. Como uma apreciadora conhecida do vitae, os Favores devidos a Starek sempre envolve obter acesso a um tipo particular de sangue vamp√≠rico. Voc√™ explique que tipo de sangue voc√™ precisa, e o Narrador diz a voc√™ quem deve o Favor e que pode te ajudar a adquiri-lo, limitado obviamente pelo que √© poss√≠vel no dom√≠nio. Por exemplo, Sangue de Matusalem provavelmente n√£o √© poss√≠vel, mas o Sangue do Pr√≠ncipe pode ser.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aliados Improvaveis: Starek √© uma figura de esperan√ßa para muitos que n√£o acreditam mais que um mundo melhor √© poss√≠vel. Eles se contentam em ansiar por vingan√ßa, e assim como ela, voc√™ se acabou se tornando alguem que parece que poderia tornar as coisas dif√≠ceis para o poderoso local. Por causa disso, uma vez por hist√≥ria, um servo ou lacaio oprimido de seus inimigos mortos-vivos ir√£o ajud√°-lo em uma situa√ß√£o dif√≠cil, mas somente se eles puderem fazer isso sem o risco √≥bvio de serem pegos. O Narrador pode fazer isso acontecer, ou voc√™ pode apelar para um capanga com um teste bem sucedido de Persuas√£o com um b√īnus de quatro dados adicionais.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Prazer da transgress√£o: Agata Starek argumenta que diablerizar vampiros poderosos da Camarilla n√£o √© apenas uma responsabilidade anarquista, √© tamb√©m uma das maiores alegrias da revolu√ß√£o. Voc√™ levou as palavras dela a s√©rio e n√£o sofre mais a perda autom√°tica de um ponto da Humanidade ao diablerizar algu√©m com mais status de seita do que voc√™. No entanto, a potencial Perda de humanidade quando voc√™ rola o efeitos da diablerie ainda se aplicam normalmente.

 

HESHA RUHADZE

(“Hesha Ruhadze”, Livro: “Anarch V5”, pag 192)

Embora o Minist√©rio tenha se aliado amplamente com os Anarquistas nestas noites turbulentas, Hesha Ruhadze permanece como uma velha rocha em um riacho. Quando questionado sobre lealdades sect√°rias, O arque√≥logo n√ļbio revira os olhos e murmura para si mesmo. Ele rejeita a pol√≠tica, referindo-se a ela como um foco desperdi√ßado para as criaturas que podem viver por uma eternidade. Sua dedica√ß√£o √© a hist√≥ria, aos mist√©rios das otigens dos vampiros, e ainda mais importante, discernir seus destinos. O tempo todo, ele fica sentado em debates Anarquistas e escuta com aten√ß√£o. Hesha √© um servo volunt√°rio do Sangue e acredita que pode entender a voz de Sutekh chamando atrav√©s de sua vitae. Onde isso pode ser uma marca de insanidade para alguns vampiros, Hesha est√° entre os Membros que em toda parte sempre a cr√©dito √†s suas reivindica√ß√Ķes. Ele ainda √© o mesmo frio homem encantador, e cada palavra que ele fala parece pesada com a seriedade que ele as pronuncia, mas agora ele fala como o arauto da vontade de seu deus. E cada vez que ele faz isso, ele o faz com um sorriso.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Um dos trabalhos de Hesha: Voc√™s possui um dos tratados de Hesha sobre a hist√≥ria da exist√™ncia dos Membros. Mesmo que esse trabalho possa ser controverso e se opor a mitologia Cainita tradicional, ele fornece um dado adicional em testes de ocultismo, ou outras paradas de dados para saber de informa√ß√Ķes sobre as origens do vampiro. Este trabalho pode ser vendido em troca de um ponto de Recursos.

‚ÄĘ‚ÄĘ Algo que Hesha deseja: Voc√™ sabe o que Hesha atualmente procura, e pode acess√°-lo, ou j√° at√© possu√≠-lo. Este item pode ser usado para barganhar, chantagear ou amea√ßar Hesha, ou at√© mesmo presente√°-lo como um presente em troca de um favor futuro. Este artefato ou pe√ßa de informa√ß√£o fornece um adicional de tr√™s dados para testes de Persuas√£o ou Intimida√ß√£o envolvendo Hesha ou o seu culto. Ele tamb√©m pode ser vendido, adicionando at√© tr√™s pontos para seus recursos (at√© um maximo de cinco) pela dura√ß√£o da hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Museu dos Crentes: Voc√™ possui o raro privil√©gio de serafiliado a um dos museus do Minist√©rio da hist√≥ria dos vampiro. Estes tesouros subterr√Ęneos s√£o bem guardados, mas cont√™m uma infinidade de informa√ß√Ķes acess√≠veis sobre os lend√°rios Cainitas. Voc√™ deve envie um novo tesouro para o museu todos os anos como pagamento pela sua associa√ß√£o e voc√™ ter√° seu acesso negado se voc√™ falhar em fazer isso, e enm mesmo roubar uma dessas reliquias dos Setitas. Voc√™ ganha tr√™s adicionais dados para todos os testes envolvendo pesquisas de vampiros e a hist√≥ria dos vampiros pelo tempo que voc√™ manter a sua associa√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Culto de Sangue: (Somente para personagens do Ministerio) Hesha te ensinou os velhos m√©todos dos Seguidores de Set, em que os mortais e os Carni√ßais atuam mais do que apenas em um papel servil. O culto engloba um guerreiro, um sacerdote e um estudioso, bem como fontes dispostas de quem voc√™ se alimenta. Voc√™ pode distribuir Tr√™s pontos de Antecedentes Rebanho e ou Lacaiosque simbolizam estes cultistas especializados. Eles possuem mais conhecimento e habilidade do que os servos e carni√ßais t√≠picos, dando-lhes um dado adicional em todas as intera√ß√Ķes com Vampiros.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ouvir o Sangue cantar: (Somente para personagens do Ministerio) Talvez Hesha tenha te ensinado como ouvir as palavras, ou talvez voc√™ tenha realizado essa fa√ßanha por si mesmo. Voc√™ ouve a voz de Sutekh mais alto do que a sua Besta. Por meio de enigmas, vis√Ķes e refr√Ķes musicais, o Narrador ocasionalmente pode te oferecer orienta√ß√£o da divina voz emitida pela sua vitae. Uma vez por sess√£o, voc√™ tamb√©m pode automaticamente resistir ao Frenesi, sofrendo uma Compuls√£o do Minist√©rio ao inv√©s de sucumbir a ele.

 

A IGREJA DE SET

(“The Church of Set”, Livro: “Anarch V5”, pag 193)

A maioria dos ministros redescobriu sua rotas cosmopolitas e multi-religiosas. Enquanto eles ainda reverenciam Set como seu fundador e o primeiro vampiro, mesmo que em hoje em dia seja menos comum para um Setita do Ministério se apegar apenas à adoração de Sutekh. Mas tambem não é um caso incomum entre os Setitas ter aqueles que afirmam serem membro da própria Igreja de Set. Dedicada ao ritos da Ortodoxia Setita, os membros da Igreja de Set acreditam que devem conspirar para enfraquecer todos os outros clãs e seus fundadores, a fim de preparar o caminho para a ressurreição de seu fundador. A sua participação na Igreja de Set pode ser como um novo adepto, desesperado para encontrar um significado e orientação em um mundo hostil, ou você pode ser um dos os fiéis dedicados, rejeitando a ideia de escravidão a outros Antediluvianos e buscando a liberdade de todas as cadeias seguindo a orientação sagrada de Set.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Congrega√ß√£o: Voc√™ tem acesso a um rebanho de fontes, mas esses mortais s√£o um rebanho religioso unificado que voc√™ pode manipular. Esta congrega√ß√£o pode pertencer a qualquer corrente principal de religi√£o marginal, e se eles v√™em voc√™ como seu l√≠der, ou apenas como outro paroquiano vem da sua descri√ß√£o, mas voc√™ poder√° se pode alimentar deles facilmente. Esta camada de conhecimento √© equivalente a um rebanho de dois pontos, embora exija que voc√™ mostre defender a f√© regularmente.

‚ÄĘ‚ÄĘ Tocar na veia Secreta: Pela o m√©todo de uma entrevista simples, voc√™ pode analisar se um mortal ou vampiro tem um segredo que eles est√£o tentando esconder. Voc√™ ganha um b√īnus de dois dados para testes baseados em Sagacidade [Insight] para descobrir se algu√©m est√° guardando um segredo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Se libertar dos Aeons: Set despreza seus companheiros fundadores de outros cl√£s, ou assim diz a lenda. Os Setitas consideram os outros fundadores como “Aeons”, e demonstram uma resist√™ncia ao seu poder. Voc√™s ganha dois dados adicionais em testes para resistir a Tentativas de Domina√ß√£o e Presen√ßa de vampiros de outros cl√£s.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Processo Degenerativo: A Igreja de Set ensina a seus adeptos que um homem deve ser trazido ao seu n√≠vel mais baixo antes que ele possa levantar-se para encontrar o glorioso Sutekh. Voc√™ pode incitar qualquer ser, mortal ou imortal, a entrar na corrup√ß√£o degenerativa apenas para ele sair limpo e renovado ap√≥s isto. Com um teste bem sucedido de Manipula√ß√£o (Manipulation) + Persuas√£o (Persuasion), voc√™ pode persuadir qualquer indiv√≠duo a quebrar um Princ√≠pio da cronica ou uma das proprias Convic√ß√īes, ganhando pelo menos uma Mancha de humanidade nesse processo. Quando o alvo termina o ato, eles se sente purificado. O personagem alvo restaura at√© tr√™s pontos de dano superficiais ou um ponto de dano agravado na sua for√ßa de vontade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Corpo de Set: Voc√™ possui um fragmento do esqueleto, sarc√≥fago, ou vestes funer√°rias de Set. Embora a implica√ß√£o da morte final de Set seja discut√≠vel, o sagrado (ou profano, dependendo do seu perspectiva) artefato d√° a voc√™ a dire√ß√£o para o sucesso e influ√™ncia impressionante sobre outros Seguidores de Set, transmitindo um Status de quatro pontos entre outros Ministros. A rel√≠quia tamb√©m ajuda voc√™ a tocar o mente de Set atrav√©s da medita√ß√£o, e uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode reduzir as Manchas de Humanidade obtidas ao quebrar um Princ√≠pio da Cronica em um ponto, se em seguida voc√™ e o Narrador perceberem que isto era a vontade do seu deus.

 

DESCENDENTE DE XAVIAR

(“Descendant of Xaviar”, Livro: “Anarch V5”, pag 194)

(Somente para personagens Gangrel)

Ninguém, nem mesmo os seus companheiros Gangrel, deu ouvidos à Xaviar na primeira vez que ele falou. Isto colocou em marcha uma convocação dos maiores jogadores da Camarilla por outro Membro para tomar conhecimento dele. Ele falou que tinha interagido com um dos Antediluvianos e visto a sua coterie inteira ser comida viva por esta criatura mitológica. Ele acusou a Camarilla de perfídia contra os seus membros e deixou de lado a sua função de Justicar Gangrel.

As notícias viajam lentamente entre os Gangrel, devido à ele ser um clã com pouca hierarquia e falta de uma efetiva rede de comunicação. Lentamente, os Gangrel seguiram Xaviar para fora da Camarilla, alguns tornando-se Autarcas, enquanto outros foram finalmente se juntar aos Anarquistas.

Os Gangrel agora compartilham uma culpa em comum por sua descren√ßa inicial nas alega√ß√Ķes de Xaviar e rea√ß√£o lenta √† sua proclama√ß√£o, pois ele encontrou a Morte Final pouco tempo depois. Poucos sabem se a Camarilla ou alguma outra ag√™ncia matou o poderoso Gangrel, mas todos sabem que seu ancestral foi injusti√ßado. Agora eles assumem a sua tocha e tentam trazer os Gangrel para a luz bruxuleante da verdade.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Ancestral Martirizado: Os outros Gangrel tratam voc√™ com o respeito que eles demoram muito para dar a Xaviar. Apesar de quaisquer queixas pessoais, voc√™ sempre pode encontrar um santu√°rio com outro Gangrel, se qualquer um est√° presente em seu dom√≠nio atual, pelo menos at√© que voc√™ os insulte gravemente. Com eles, voc√™ tem o dois pontos de Status (‚ÄĘ‚ÄĘ ).

‚ÄĘ‚ÄĘ Onde os Corpos foram Enterrados: As experi√™ncias de Xaviar fundindo-se com a terra, sangue e vitae deixou uma marca em sua linhagem. Um Gangrel da sua linhagem pode fazer um teste de Determina√ß√£o [Resolve] + Percep√ß√£o [Awareness] para detectar se um vampiro fundiu-se com a terra ou esta em torpor embaixo do solo. A Dificuldade depende da √°rea que voc√™ tem que procurar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ C√£o leal: Voc√™ resistiu aos ventos da mudan√ßa, permanecendo com a Camarilla, apesar das a√ß√Ķes do seu cl√£. Por sua lealdade, o Pr√≠ncipe da Camarilla local concedeu a voc√™ status, direitos de alimenta√ß√£o e territ√≥rio, totalizando quatro pontos que voc√™ pode distribuir entre os Antecedentes; Dom√≠nio, Rebanho e Status. Os Gangrel que n√£o pertencem √† Camarilla desprezam voc√™, e at√© mesmo os vampiros da Camarilla que s√£o de outros cl√£s t√™m pena da sua solid√£o, mas voc√™ garante a si mesmo uma voz entre os Primogenos, e n√£o deve permitir que nenhum Gangrel rebelde passe atrav√©s do seu dom√≠nio.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Morcego Monstruoso: A forma bestial preferida de Xaviar era a de um morcego, mas ap√≥s seu encontro com o Antediluviano, ele encontrou de alguma jeito uma capacidade de se transformar em um h√≠brido entre humano e morcego. Uma vez por hist√≥ria quando a lua est√° no ponto certo, voc√™ pode assumir a mesma forma. Este morcego √© do tamanho de um homem e tem um ponto extra em todos os atributos f√≠sicos e pode planar no ar independente da altura. Morder nesta forma adiciona +1 de dano Agravado igualmente em vampiros e mortais.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Experienciou o Antediluviano: Xaviar n√£o foi o unico Gangrel a afundar no ch√£o e encontrar-se dentro da vastid√£o desumana do fundador de seu cl√£. Voc√™ fez o mesmo, e a experi√™ncia mudou voc√™. Voc√™ agora est√° um pouco louco, provavelmente sofrendo de paran√≥ia ou claustrofobia. Sempre que voc√™ o chama de encontro a mente, voc√™ sente suas veias enraizadas e aterradas, conectando-se a todos os outros Gangrel no mundo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode sentir a localiza√ß√£o de qualquer Gangrel e drenar um dedal de vitae deles para redefinir o seu n√≠vel de Fome para 2. Voc√™ deve estar tocando terreno aberto, n√£o concreto, usar esta habilidade.

 

DESCENDENTE DE TYLER

(“Descendant of Tyler”, Livro: “Anarch V5”, pag 195)

(Somente para personagens Brujah)

Cada aspirante a rebelde Brujah adora Tyler – a outrora conhecida como Patricia de Bollingbroke – e passando por muitos nomes desde ent√£o. A revolucion√°ria viol√™ncia dela contra os anci√Ķes tiranos e insidiosos Matusalens mudaram irrevogavelmente a sociedade dos Membros e inspiraram o Movimento Anarquista. A pr√≥pria Tyler duvida que suas a√ß√Ķes levaram a uma pr√°xis eficaz, mas seus filhos e companheiros de cl√£ a comparam com, Robin Hood, a Malcolm X, Che Guevara, e at√© Gavrilo Princip. Tyler ainda existe: uma rebelde quieta e estudiosa nas noites modernas. Com s√©culos de reflex√£o, ela luta para reconciliar suas a√ß√Ķes com os resultados que obteve nas noites modernas. Seus descendentes continuam a lutar com a esperan√ßa de elevar-se √† sua grandeza nem que seja pelo menos por uma noite.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Instigador: Uma vez por hist√≥ria, sempre que voc√™ tenta persuadir uma multid√£o mortal a uma a√ß√£o violenta, a sua natureza de sangue quente adiciona dois dados na sua parada de dados para faz√™-lo.

‚ÄĘ‚ÄĘ Campe√Ķes da Causa: Quando os vampiros querem um l√≠der para uma rebeli√£o, grande ou de pequena escala, eles chegam a voc√™ para obter conselhos ou lideran√ßa. Eles podem at√© mesmo ouvir suas palavras, e ponderar que seus conselhos n√£o √© algo completamente rid√≠culo, podem at√© mesmo submeter-se √† sua autoridade. Voc√™s adiciona dois pontos ao seu Antecedente Status com eles durante tais rebeli√Ķes, Mas voc√™ pode achar os numerosos contatos obtidos antes de um rebeli√£o como sendo mais valiosos e certamente menos perigosos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Misericordia de Tyler: Voc√™ sabe quando parar. Tyler reconheceu quando o Sab√° foi longe demais com seus ideais anarquista, e voc√™ tamb√©m reconhece os limites da revolu√ß√£o violenta. Uma vez por hist√≥ria, quando entrando em frenesi, voc√™ pode a qualquer momento escolher sofrer da Brujah (p. 210) para cessar imediatamente a explos√£o de raiva. Voc√™ n√£o sofre nenhuma confus√£o ou cansa√ßo ap√≥s um frenesi interrompido, abruptamente voltando para a sua Humanidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Os Furores: As filosofias de Tyler surgiram pela primeira vez entre um grupo hist√≥rico de vampiros conhecido como os Furores, dedicado √† destrui√ß√£o de todos os membros tiranos. Esse grupo ainda existe em segredo, e voc√™ afirma afilia√ß√£o a ele. Quando for a hora certa (uma vez por cr√īnica), os Furores te ajudar√£o, fornecer-lhe um santu√°rio em um regnum onde eles t√™m influ√™ncia, e ativar as posses no alvo dom√≠nio como aliados surpresa (dispon√≠vel dentro de uma cena). Os aliados somam a cinco pontos de efic√°cia; o resto depende da sua colabora√ß√£o com o Narrador. Furores s√≥ podem ser usado ao tentar tomar derrubar um pr√≠ncipe, bar√£o inadequado ou vampiro de casta superior. O uso indevido faz de voc√™ um alvo dos Furores e seus agentes desconhecidos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Revolu√ß√£o Permanente: Voc√™ j√° derrubou um dos cabe√ßas da seita. Voc√™ agora lidera um ex√©rcito de revolucion√°rios para varrer o tabuleiro no regnae (reino) vizinho. Enquanto voc√™ continuar lutando e n√£o se entregam aos luxos da √©poca, os anarquistas param para ouvir cada palavra sua, e os Brujah Anarquistas fazem exatamente o que voc√™ diz, incluindo embarcar em miss√Ķes suicidas. Nenhuma teste √© necess√°rios se as suas palavras forem fortes e os argumentos forem convincentes o suficiente.

 

RU√ćNAS DE CARTAGO

(“Ruins of Carthage”, Livro: “Anarch V5”, pag 196)

Voc√™ √© um vampiro que tra√ßa a sua linhagem de volta at√© os altos tempos de Cartago, ou que faz tentativas de reconstruir o grande imp√©rio que se op√īs a Roma que era controlada pelos Ventrue e Malkavians. Provavelmente atrav√©s Cl√£ Brujah ou Banu Haqim, voc√™ aprendeu as palavras de seus ancestrais, carregada de fogo do √≥dio pela tirania, e anseia pelas noites em que voc√™ pode estabelecer um dom√≠nio onde os mortais e vampiros poder√£o coexistir e viver tranquilamente sem a necessidade da M√°scara. O conhecimento sobre os princ√≠pios da Cartago vamp√≠rica √© ao mesmo tempo esclarecedor e maldito, pela primeira vez que um vampiro experimenta a liberdade deste imp√©rio ca√≠do, eles na maioria das vezes come√ßam a lutar por dentro para acabar com as restri√ß√Ķes da Camarilla. Um lambedor quem √© obcecado pelas Ru√≠nas de Cartago costuma ser pego em teias de intriga, pagando por sua curiosidade com a forma√ß√£o de pactos inevit√°veis.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Historiador do Cl√£: Voc√™ estudou o caminho dos cl√£s Brujah, Lasombra, e os Filhos de Haqim sobre as noites pr√©-Cartago at√© o forma√ß√£o da Camarilla. Voc√™ sabe dos altos e baixos, suas constantes batalhas com os Ventrue, Malkavians, e os Toreador, e pode recitar nomes e datas com facilidade. Esta conhecimento impressiona outros Membros historiadores e rebeldes que procuram uma causa, fornecendo a voc√™ o b√īnus de um dado em testes sociais onde voc√™ pode colocar este conhecimento em pr√°tica.

‚ÄĘ‚ÄĘ Orgulho P√ļnico: Mesmo nas noites modernas, os Brujah ainda olha para tr√°s em Cartago como o s√≠mbolo m√°ximo da rebeli√£o. Eles acreditam que Cartago era o dom√≠nio de maior sucesso em resistir a Roma que era controlada pelos Ventrue, at√© o seu fim calamitoso. Voc√™ tem gande orgulho de sua ascend√™ncia cartaginesa, seja atrav√©s de liga√ß√Ķes com mortais, ou imortais na sua linhagem. Ao invocar esta ascend√™ncia, voc√™ fala com confian√ßa crescente e chama a aten√ß√£o de companheiros rebeldes. Ganhe dois dados em Testes baseados em lideran√ßa para liderar outros contra a opress√£o aparente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Morte dos Tiranos: Se Cartago ensinou os Brujah e os filhos de Haqim alguma coisa, √© que sempre vale a pena lutar at√© o fim. Nunca – mesmo quando considerando a Revolta Anarquista – os pilares do “establishment” foram t√£o abalados. Voc√™ aproveita a for√ßa dos vampiros que ca√≠ram lutando contra Roma sempre que voc√™ lutar contra uma figura de poder. Ganhe um dado b√īnus em todos os testes contra algu√©m que pode reivindicar autoridade sobre voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Vontade de Moloch: A essa altura, a Cartago vampirica era liderada pelo Antediluviano Brujah e o seu consorte, um matusal√©m conhecido como Moloch. O seu par entregou-se a milhares de sacrif√≠cios humanos, banhando-se no sangue dos jovens, hospedando orgias primais de decad√™ncia, e ainda assim nunca sucumbindo √† Besta. Voc√™ inverteu sua pr√≥pria Besta, encontrando isso ao realizar a√ß√Ķes grosseiras e rituais desumanos, voc√™ √© capaz de aliment√°-la, e nunca perder o controle sobre ela. Seu dom√≠nio sobre o monstro dentro de voc√™ de alguma forma te concede um charme infernal que voc√™ pode usar para atrair vampiros jovens e mortais inocentes para seu servi√ßo.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Os Desejos de Troille: Muitos Brujah reivindicam que os contos condenat√≥rios de Cartago s√£o simplesmente propaga√ß√£o de propaganda Ventrue de Roma, e existente at√© as noites modernas. Estudiosos Brujah e Banu Haqim igualmente afirmam que Troile era um governante benevolente, tratando os Membros e o gado com justi√ßa, e garantindo a todas as almas do imp√©rio que fiquem alimentados, educados e amados. E Voc√™ acredite neste credo, e transmite uma certeza que convence os outros a confiarem no que voc√™ diz, e ajudem voc√™ em quaisquer esquemas que voc√™ tenha em mente. Voc√™ ganha dois dados de b√īnus em todos testes sociais envolvendo servos vamp√≠ricos, sejam seu ou dos outros, sejam eles Lacaios ou apenas parte de um rebanho.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Nova Cartago: Voc√™s √© um defensor da Nova Cartago. Planos foram colocados em pr√°tica e voc√™ j√° tem uma cidade anarquista selecionada onde a M√°scara cair√° em breve sem que ela seja alvo de ag√™ncias mortais. (Os acordos e pactos que voc√™ teve que fazer para que isso aconte√ßa s√£o deixados para voc√™ e o Narrador organizarem e decidirem.) At√© esse novo tempo chegar, voc√™ √© capaz de quebrar a M√°scara e se safar de consequencias que voc√™ sofreria naquela cidade uma vez por hist√≥ria, n√£o importa a gravidade da viola√ß√£o.

 

PRAGA DO SANGUE

(“Blood Plagued”, Livro: “Anarch V5”, pag 197)

Os vampiros s√£o imunes √† maioria das doen√ßas, mas algumas pragas fazem o seu caminho at√© a vitae e s√£o transferidos de vampiro para fontes com facilidade. Enquanto isso, alguns apodrecem e podem sofrer muta√ß√Ķes, tornando-se algo amea√ßador apenas para os hospedeiros vampiros. A praga do sangue, √†s vezes conhecida como “A Maldi√ß√£o”, varreu a sociedade dos mortos-vivos no final do s√©culo 20, dizimando dom√≠nios e abatendo vampiros, n√£o importando o seu cl√£ ou o seu Status. Gustav Breidenstein, ex-pr√≠ncipe de Berlim e poderoso anci√£o, foi um das v√≠timas do cont√°gio de maior perfil que trouxe in√ļmeras condenados ao frenesi e for√ßado a vitae a escapar de todos os orif√≠cios at√© a v√≠tima murchar e morrer. Diz-se que a praga do sangue morreu ou foi curada por meio de um grande ritual de sacrif√≠cio. Infelizmente, a praga pode ser entorpecida, assim muitas de suas v√≠timas. Essas infec√ß√Ķes podem aumentar repetidamente ao decorrer dos seculos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Detec√ß√£o: A Praga do sangue se manifesta nos vampiros de v√°rias maneiras, dependendo da encarna√ß√£o da doen√ßa. Como a maldi√ß√£o que aflige os vampiros evolui, os especialistas buscam estud√°-la e erradic√°-la. Voc√™ √© um desses vampiros, que conhece todos os sintomas associados a praga do sangue. Voc√™s pode usar esse conhecimento para determinar facilmente se algu√©m carrega a infec√ß√£o, ou mais malignamente, voc√™ pode semear rumores em um dom√≠nio da exist√™ncia da praga, utilizando fatos que voc√™ conhece sobre o curso da doen√ßa. Adicione dois dados a qualquer teste de Medicina (Medicine) ou Ocultismo (Occult) envolvendo a praga.

‚ÄĘ‚ÄĘ A Ci√™ncia do Sangue: Voc√™s acredita que a praga do sangue √© amplamente m√©dica e em g√™nese, possivelmente at√© come√ßou entre os mortais antes de infectar os Membros. Seu estudo completo da praga do sangue permite que voc√™ simplesmente detecte padr√Ķes e os caminhos recentes dela, analisando onde um hospedeiro infectado pode ter estado, por quem eles podem ter sido infectados, e quando. Essas informa√ß√Ķes podem ser incrivelmente √ļteis ao tentar colocar em quarentena todos os indiv√≠duos infectados. Adicione dois dados a todos os testes de investiga√ß√£o (Investigation) e outros testes para rastrear v√≠timas ativas da praga.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Rastrear as Vitimas T√≥rpidas: Voc√™ v√™ os rastros da praga do sangue atr√°ves do vento e da terra. Seu interesse nesta condi√ß√£o vai mais longe do que apenas fazer quarentena e curar os infectados; voc√™ pode seguir o fedor da praga e a sua aura profana at√© as v√≠timas entorpecidas. Voc√™ j√° sabe onde muitos dos corpos infectados est√£o enterrados. Fazendo um teste de Determina√ß√£o [Resolve] + Ocultismo (Occult) (dificuldade 4, modificado dependendo da popula√ß√£o de vampiros e a atividade da praga do sangue na √°rea) voc√™ pode localizar o corpo de uma vitima infectada ainda em torpor. Quem eles s√£o e se eles ainda s√£o contagiosos fc a cargo de ser decidido pelo Narrador.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Vitae Curativo: Voc√™ acredita que qualquer doen√ßa √© cur√°vel, com a pesquisa correta, e sacrificando o que for necessario. Sua vitae est√° limpa da Praga do sangue, e voc√™ n√£o mostra sintomas apesar de sua grande proximidade com suas v√≠timas. Voc√™ acredita que seu sangue pode det√™r a cura, mas os cientistas de outros cl√£s exigem muito de sua vitae para testar esta ideia. Doando sangue o suficiente que seja equivalente a uma Checagem de Sangue [Rouse Check], voc√™ pode adicionar dois dados para qualquer tentativa de fabricar uma cura, tempor√°ria ou at√© mesmo permanente (a crit√©rio do Narrador).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Vetor: Voc√™ tem um segredo. Voc√™ carrega a praga do sangue, e pode at√© mesmo infectar os outros com isso, mesmo que voc√™ n√£o exiba nenhum dos sintomas. Esse conhecimento perigoso permite que voc√™ derrame seu vitae em um Elysium ou alimente um bocado de fontes populares, e observar o efeitos terr√≠veis que ir√£o acontecer com os outros Membros enquanto eles sucumbem √† praga do sangue. Se voc√™ se sentir mais altru√≠sta, voc√™ pode se voluntariar para testes completos na sua vitae, e at√© ser usado pela sua seita como um arma, ou por quem procura uma cura. Os efeitos espec√≠ficos da variedade da praga que voc√™ carrega depende de voc√™ e do Narrador.

Nota de Tradu√ß√£o: O Livro Anarch V5 n√£o tem detalhes sobre as mec√Ęnicas, sistemas e testes da Praga do Sangue, tirando o que √© citado nessa Camada de Conhecimento (Loresheet). A Praga do Sangue (Blood Plague) foi citada no livro Encyclopaedia Vampirica, p. 35. E tambem possui uma Trilogia de romances chamada de “Trilogy of the Blood Curse”, que conta como um membro do Sab√° chamado Owain ap Leuan faz estudos e toma atitudes para tentar conter a Praga do Sangue.

REVOLTA ANARQUISTA

(“Anarch Revolt”, Livro: “Anarch V5”, pag 198)

Voc√™ reivindica que a sua linhagem remonta at√© um vampiro importante para a Revolta Anarquista nos S√©culos 14 e 15, ou talvez voc√™ possua registros que narram o queda de pr√≠ncipes tir√Ęnicos ou a ascens√£o de bar√Ķes arrogantes. Voce sabe que horas e em que lugar Tyler assassinou Hardestadt O Anci√£o, e ou os participantes na diablerie do Antediluviano Tzimisce. Talvez voc√™ at√© tenha falado com Lugoj ou Lambach, dois dos Dem√īnios presentes durante aquele incidente. Seu conhecimento da Revolta Anarquista √© tal que voc√™ pode ver as ondas e redemoinhos do tempo se repetindo na sociedade dos Amaldi√ßoados esta as noites modernas. Voc√™s reconhece exatamente os mesmos crimes do passado e que s√£o repetidos nos dias de hoje, e pode prever, e talvez at√© controlar, a maneira como os jovens se levantam para destruir os velhos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Ancestral Criticador: Vampiros principalmente dos cl√£s Brujah, os Banu Haqim e Lasombra lideraram o Revolta Anarquista em toda a Europa, com fome de poder os Tzimisce acabaram por participar para eliminar os maiores monstros em seu pr√≥prio cl√£. No entanto, os anarquistas surgiram em todos os cl√£s, com a maioria dos anci√£os manipulando seus jovens para fins desastrosos. Voc√™ pode citar um de seus ancestrais como um dos cr√≠ticos para a Revolta Anarquista, seja como instigador, cronista ou antagonista. Suas la√ßos com este ancestral te fornecem credibilidade em discuss√Ķes sobre a Revolta, e uma paix√£o por sua an√°lise. Voc√™ recebe um ponto do Status (Anarquistas), bem como o Defeito Suspeito (Camarilla), ou vice-versa.

‚ÄĘ‚ÄĘ Falar as Palavras: A Revolta Anarquista foi impulsionada mais por palavras e energia do que l√Ęminas brilhantes e derramamento de sangue, pelo menos no in√≠cio. Voc√™s possui a mesma ambi√ß√£o que os Anarquistas do passado, e pode com precis√£o identificar onde ocorre a opress√£o, e onde a revolta √© necess√°ria. Quando vampiros te ouvem, eles se sentem mais inclinados a tomar o poder de seus mestres. Adicione dois dados aos testes sociais envolvendo a instiga√ß√£o de ativismo Anarquista.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Inimigo do Sistema: Voc√™ se considera um Velho Anarquista, n√£o necessariamente por idade, mas por ethos. O novo Movimento Anarquista tem seus pontos fortes, mas tamb√©m muitos pontos fracos. Suas opini√Ķes o colocam em oposi√ß√£o direta a Camarilla e seus m√©todos de subjuga√ß√£o vitorianos. A Camarilla marcou voc√™ como um inimigo, que apenas atrai mais anarquistas ap√°ticos para a sua bandeira. Voc√™ ganha o equivalente a quatro pontos do Antecedente Mawla, representando seus camaradas entre os anarquistas, bem como um ponto no Defeito Advers√°rio, representando algu√©m com a tarefa de manter o controle sobre voc√™ e, se necess√°rio, te derrubar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ √ćcone: Voc√™ pegou o nome de um dos participantes originais da Revolta Anarquista, e agem como o sucessor de tal vampiro. Isto seria desrespeitoso, se voc√™ n√£o tivesse realizado muitas das mesmas a√ß√Ķes que o seu ancestral. Muitos anarquistas v√™em voc√™ como o pr√≥ximo grande l√≠der da Revolta, seja essa a sua inten√ß√£o ou n√£o. Voc√™s pode ter apreendido uma identidade hist√≥rica para o status de culto e f√°cil acesso a rebanho, mas agora a seita coloca em voc√™ cada vez mais press√£o sobre agir no interesse deles. Ganhe dois pontos de Status, dois pontos em Rebanho e dois pontos em Recursos contanto que voc√™ coloque a causa anarquista antes de qualquer coisa. Qualquer passo em falso e esses beneficios ser]ao perdidos at√© que voc√™ se redima.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Reascender a Revolta: A hora chegou. Voc√™ sabe como A Revolta Anarquista ocorreu meio mil√™nio atr√°s, e sabe como precisa ocorrer nas noites modernas. Voc√™ conhece a fraqueza da sua cidade, as maiores amea√ßas, e os ocupantes dos cargos da Camarilla que necessitam ser “removidos”. Voc√™ pode amea√ßar seu inimigos com a perspectiva de uma guerra para fins de extors√£o, ou para prevenir que a Camarilla tome liberdade demais com os outros anarquistas do que j√° tem. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar essa alavanca para ganhar quatro dados em qualquer conflito social contra um membro do sistema Camarilla. Se voc√™ falhar no teste, voc√™ precisa cumprir sua amea√ßa ou perder√° esta Vantagem permanentemente.

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – Chicago by Night V5

 

ANNABELLE

(“Annabelle”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 262)

A Primogenito Toreador Annabelle esteve envolvida na pol√≠tica dos Membros por quase dois s√©culos. Ela serviu no conselho durante todo o reinados dos quatro pr√≠ncipes e sobreviveu a inc√™ndios, expurgos e Ataques Lupinos. At√© agora, ela n√£o parece ser afetada pelo Chamado (Beckoning). Alguns de seus inimigos (e um n√ļmero diferente de zero de seus aliados) sussurram sobre o que √© que a deixa passar por tantas calamidades ilesa. Ela √© uma politica experiente e simplesmente fez neg√≥cios inteligentes e se cercou de protetores fortes? Ou fez algum misterioso benfeitor a observar das sombras, intervindo para mant√™-la fora de perigo? Annabelle d√° festas frequentes – uma ou mais na semana – onde os convidados podem se acotovelar com os poderosos, admirar a arte nova e antiga e definir qualquer n√ļmero de pratos pol√≠ticos que devem girar. Embora alguns Cainitas geralmente se divertam zombando de seu gosto pela arte, apenas alguns raros fazem isso na sua frente. Embora ela pare√ßa n√£o ter olhos para obras-primas, √© tolice presumir que ela, portanto, n√£o tem cabe√ßa para a pol√≠tica. As conex√Ķes de Annabelle n√£o abrangem apenas a sociedade e Fam√≠lia dos membros, mas tamb√©m se aprofunda nos assuntos mortais. O dinheiro e influ√™ncia s√£o extremamente bem-vindos na arte pelo mundo afora. Ela ainda mant√©m contatos na m√≠dia sob seu disfarce humano, Elaine Stanley-Greer. Embora o imp√©rio de jornais de seu marido tenha sido encerrado h√° 20 anos, ela sabe para quem ligar para que uma hist√≥ria seja puxada ou uma manchete saltar para a primeira p√°gina.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Estagiario: Vampiros novatos que querem aprender os pr√≥s e contras da pol√≠tica dos Membros frequentemente passam um tempo trabalhando para Annabelle. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir a orienta√ß√£o de Annabelle sobre um assunto espec√≠fico. Ela pode at√© decidir ajud√°-lo, embora se isso √© para o seu benef√≠cio ou detrimento √© seja question√°vel.

‚ÄĘ‚ÄĘ Glitterati: Se voc√™ √© maravilha de sucesso desta semana ou √© famoso em virtude de seu sobrenome, sua presen√ßa faz as festas de Annabelle serem mais interessantes. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode entrar na lista de convidados de um evento ao qual voc√™ n√£o estava anteriormente convidado simplesmente perguntando ‚ÄúVoc√™ sabe quem eu sou?”

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Com Agradecimentos aos nossos Doadores: Annabelle conhece algu√©m em cada museu e est√ļdio de grava√ß√£o na cidade. Uma vez por hist√≥ria, ela pode mover uns pauzinhos para conseguir uma reuni√£o com algu√©m no comando, mas o resto √© com voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Patrocinio: Seu talento excepcional atra√≠u os olhos de Annabelle. Ela convida voc√™ para cantar em uma reuni√£o exclusivo ou encontra um comprador para sua √ļltima pintura. Quando voc√™ fazer performances para seus associados ou quando Annabelle negocia um acordo para a sua arte, seus recursos aumentam em um ponto at√© o fim da hist√≥ria. Isso pode ser usado uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Circulo Interno: Voc√™ provou ser indispens√°vel para Annabelle. Ela atende ao seu julgamento e confia a voc√™ informa√ß√Ķes confidenciais. Uma vez por hist√≥ria, ela vai apresentar um problema de sua escolha (a crit√©rio do Narrador) antes de falar com conselho dos Primog√™nitos.

 

INDUSTRIAS BALLARD

(“Ballard Industries”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 263)

Com uma combina√ß√£o saud√°vel de neg√≥cios administrativos, fundos fiduci√°rios, firmas financeiras e empresas industriais, as Industrias Ballard √© um dos pilares da economia de Chicago. √Č tamb√©m um dos maiores conglomerados no pa√≠s, com participa√ß√Ķes significativas em empresas de outros campos. Horatio Ballard ainda dirige seu imp√©rio corporativo em segredo, seja por meio de seus descendentes diretos ou funcion√°rios que s√≥ existem no papel. A empresa fornece a Camarilla de Chicago com uma quantidade significativa de seus financiamentos, garantindo que o Elysium seja luxuoso e seguro. No al√©m disso, fornece aos Membros servi√ßos jur√≠dicos. Como membro das Industrias Ballard, voc√™ tem acesso a uma parte da riqueza e do poder de Horatio. Se voc√™ √© apenas um funcion√°rio de confian√ßa ou √© sua cria, voc√™ raramente se encontra em um estado de necessidade. Contanto que voc√™ mantenha a sua lealdade a Ballard, o mundo √© todo seu.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Bolsos Fundos: Ballard sabe melhor do que ninguem que voc√™ gosta do seu suado pagamento. Voc√™ tem economias o suficiente para resistir aos dias muito chuvosos que vir√£o. Uma vez por hist√≥ria, depois de qualquer evento que cause uma redu√ß√£o em seus recursos, voc√™ pode escolher imediatamente restaure seus recursos ao seu valor original.

‚ÄĘ‚ÄĘ Estamos dentro de onde a multid√£o vai: Como um agente de Horatio Ballard, voc√™ carrega uma surpreendente quantidade de autoridade no mundo dos neg√≥cios. Se voc√™ deix√°-los saber quem voc√™ √©, e para quem voc√™ trabalha, eles v√£o deixar voc√™ fazer quase de tudo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode invocar uma das falsas identidades para receber tr√™s extras dados em um teste social em um ambiente corporativo. Se voc√™ escolher invocar o nome real de Ballard ao inv√©s disso, voc√™ ir√° automaticamente ter sucesso no teste, mas pode ser declarado uma viola√ß√£o da M√°scara a crit√©rio do Narrador.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Eu jogo na Lei, e eu ganho: As industrias Ballard possui alguns dos melhores escrit√≥rios de advocacia do pa√≠s, e onde a legisla√ß√£o legit√≠ma n√£o funciona, suborno com certeza vai. Um n√ļmero de policiais dan√ßam ao som de Ballard, e eles podem nem mesmo saber disso. Voc√™ pode ser um dos condutores. N√£o importa com quais crimes voc√™ se comprometa, voc√™ sempre ter√° acesso √† influ√™ncia: Pol√≠cia (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) em seu estado ou distrito de origem.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um Favor por um Favor: Ballard te ensinou que ningu√©m vai pra frente nos neg√≥cios sem um pouco de “quid pro quo”. E voc√™ pode ter certeza que voc√™ sai com a melhor barganha no final, e talvez at√© um pouco mais. Voc√™ sabe como manejar isso no desesperados, e faz√™-los se dobrar √† sua vontade. Se voc√™ gastar o seu Recursos para o benef√≠cio de um NPC, mas ao faze-lo voc√™ pode declarar que eles lhe devem uma d√≠vida e assim ter dois dados de b√īnus para um teste de Intimida√ß√£o ou Persuas√£o se for dif√≠cil comprimido para o NPC engolir. Se eles concordarem em pagar a d√≠vida, a partir da pr√≥xima cena em diante, voc√™ pode chamar por um Favor desse personagem a qualquer momento. A d√≠vida pode ser qualquer coisa dentro da habilidade natural do personagem e a sua moralidade. Eles n√£o s√£o obrigado a pagar, √© claro, mas sofrer√£o a rea√ß√£o social entre os Ventrue se n√£o o fizerem. Voc√™s pode manter tantas d√≠vidas desse tipo quanto o seu Status total no momento. Observa√ß√£o: Esta Camada de Conhecimento (Loresheet) n√£o √© o equivalente aos Favores que s√£o trocados entre os Membros, pois essas d√≠vidas s√≥ s√£o considerados sacrossantas entre os Ventrue e nos c√≠rculos financeiros.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Uma Vis√£o de Cima: Voc√™ ganhou o respeito de Horatio Ballard – ou seu medo. Seja qual for o caso, ele escolheu colocar voc√™ como um dos encarregados de um peda√ßo do Imp√©rio dele. Nomeie a sua empresa e diga o que ela faz, ent√£o escolha um dos seguintes Antecedentes em (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) e o outro em (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ): Ref√ļgio, Rebanho, Influ√™ncia, Recursos, ou Lacaios. Isso √© o que a sua empresa fornece a voc√™. Voc√™ ir√° ganhar tambem um Inimigo (‚ÄĘ‚ÄĘ) que represente um grande rival de neg√≥cios e outro Inimigo (‚ÄĘ) que √© um funcion√°rio de voc√™ teve que botar pra correr para agarrar o seu peda√ßo das Industrias Ballard.

 

ZONA DE PERIGO 24

(“Blacksite 24”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 264 e 265)

A antiga Base A√©rea de Chanute fica a 130 milhas ao sul de Chicago e foi estabelecido pela primeira vez em 1917 como um campo de treinamento do Servi√ßo A√©reo ap√≥s a entrada dos Estados Unidos na Primeira Guerra Mundial, sendo usado principalmente para treinar cadetes pilotos para sobrevoar os campos de batalha da Europa. Seguindo a declara√ß√£o da Segunda Guerra Mundial, a import√Ęncia de Chanute como centro t√©cnico de treinamento e ponto de entrada de alistados aumentaou. O primeiro esquadr√£o de ca√ßa totalmente negro foi ativado l√° em Mar√ßo de 1941, o 99¬ļ Esquadr√£o de Persegui√ß√£o, que treinou primeiro em fun√ß√Ķes de suporte terrestre e mais tarde passaria a formar o n√ļcleo dos outros esquadr√Ķes negros. o Corpo Escolar de Treinamento de Mulheres do Ex√©rcito foi estabelecida l√° no in√≠cio de 1944 e produziu aula ap√≥s aula de WACs at√© o fim da guerra.

Em 1988, como parte de uma redu√ß√£o geral de considera√ß√£o de for√ßas, a Comiss√£o de Realinhamento e Fechamento de Base recomendou que o Chanute fosse fechado e redesenvolvido para o uso civil. Certas partes da primeiro base, no entanto, n√£o foi entregue ao p√ļblico. A inspe√ß√£o cuidadosa do local revelou o extenso uso de amianto em muitos dos edif√≠cios mais antigos no local, bem como os n√≠veis t√≥xicos de compostos org√Ęnicos vol√°teis no solo e na √°gua subterr√Ęnea que requerem extensa remedia√ß√£o. Essas √°reas da antiga base eram declaradas um local de limpeza do EPA Superfund fechado para o p√ļblico, isolado e patrulhado assiduamente para manter os curiosos e os tolos fora.

Dois meses depois, a FIRSTLIGHT tomou posse da sua nova zona de perigo e come√ßaram a enviar Membros cativos na instala√ß√£o por meio de um civil convenientemente localizado no aer√≥dromo para deten√ß√£o e processamento de longo prazo. N√£o √© como se corpos em branco precisassem comer ou beber ou se preocupar com mesotelioma afinal, e os protocolos de isolamento seguido pelas equipes de interrogat√≥rio geralmente tamb√©m agem para melhorar a exposi√ß√£o a toxinas ambientais. Em 2015, a opera√ß√£o se expandiu de mero armazenamento e interrogat√≥rio quando FIRSTLIGHT obteve a posse do antigo Octave Chanute Aerospace Museum, tamb√©m no local da antiga base e convertido para ser usado como um centro de pesquisa m√©dica. Uma equipe internacional de especialistas agora faz a sua casa ali estudando a fisiologia dos corpos em branco at√© o interno de seus cora√ß√Ķes, uma vez que a intelig√™ncia √© feita a partir deles.

Como um Membro residente de Chicago, você adquiriu conhecimento da existência do Blacksite 24 e o que você faz com esse conhecimento pode ter um impacto sério de sua responsabilidade, para o bem ou para o mal.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Rumores: Voc√™ conhece uma lambedor quem conhece um lambedor que sabe que algu√©m que foi furado de modo assustador, por um desconfiado bem informado e bem armado. Caras com apar√™ncia da MIB com ve√≠culos pretos sem marca enquanto estava a caminho para a cidade. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador para alimentar voc√™ com um boato – que pode ou pode n√£o ser baseado em nada assemelhando-se √† realidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ N√£o, Serio!: Voc√™ √© o lambedor que outro lambedor sabe. Se voc√™ √© um rec√©m-chegado em Chicago que testemunhou algo em suas viagens ou parte de uma ferrovia subterr√Ęnea dos membros que ajuda transportar os desesperados fugindo de situa√ß√Ķes que eles passaram, voc√™ sabe o que voc√™ tem visto. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador um informa√ß√£o s√≥lida sobre a estranheza que voc√™ testemunhou.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Paranoia bateu fundo: Talvez voc√™ fosse um dos administradores da SchreckNET. Pode ser que voc√™ seja um te√≥rico da conspira√ß√£o paran√≥ico agora. Talvez voc√™ seja um investigador de primeira linha com um milh√£o de identidades alternativas inciner√°veis e fontes em todo o globo. Seja qual for a explica√ß√£o, voc√™ sabe sobre a exist√™ncia da FIRSTLIGHT e voc√™ sabe que eles est√£o ativos em algum lugar pr√≥ximo, e possivelmente dentro de Chicago. Voc√™ possui Contatos (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) cuja especialidade particular refere-se a FIRSTLIGHT ou relacionado as opera√ß√Ķes governamentais de ca√ßa a vampiro patrocinado pelo governo e voc√™ pode utilizar eles uma vez por hist√≥ria antes que eles desapare√ßam fora do seu alcance.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ √Č o meu trabalho saber dessas coisas: Voc√™ faz parte do aparelho de seguran√ßa do Dominio de Chicago – um especialista conselheiro do Pr√≠ncipe, um agente do Xerife, um protetor empregado por um dos Primog√™nitos ou outro membro de alto escal√£o de um cl√£ poderoso – cuja tarefa engloba desentocar e neutralizar poss√≠veis amea√ßas para os Membros como um todo. Subseq√ľentemente, voc√™ teve maior trabalho do que a maioria para descobrir a verdade de certos rumores perturbadores, incluindo o emprego de investigadores de sua autoria para classificar se de fato era boato. Consequentemente, voc√™ conseguiu descobrir quantidades consider√°veis ‚Äč‚Äčde informa√ß√Ķes sobre ca√ßadores de vampiros do proprio governo, incluindo o fato de que eles tem algum tipo de insta√ß√£o permanente perto de Chicago. Esse conhecimento especializado concede a voc√™ Status (‚ÄĘ‚ÄĘ) entre os Membros, que frequentemente v√™m a voc√™ para beneficiar disso, e Influencia (‚ÄĘ‚ÄĘ) entre o gado, que voc√™ usa para manipular o mundo mortal para o benef√≠cio de seus clientes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aquele que foi embora: Voc√™ escapou da conten√ß√£o que fica na Zona de Perigo 24. Voc√™ muito prov√°velmente esta sendo ca√ßado pelos seus antigo captores, que t√™m todos os motivos para querer recuper√°-lo antes que voc√™ venha a √≥bito ou, pior ainda, que alcance os outros de sua pr√≥pria esp√©cie e avise-os dos horrores que voc√™ tem suportado ou testemunhado. Felizmente para eles, esses horrores n√£o s√£o t√£o claros na sua mente, mesmo embora voc√™ tenha fugido em seguran√ßa: Os efeitos colaterais do R√∂tschreck e a inani√ß√£o prolongada quase entorpecida turvaram as mem√≥rias das suas experi√™ncias – voc√™ s√≥ pode se lembrar claramente do que voc√™ viu, ou ouviu, mas com muito esfor√ßo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode perguntar ao Narrador por um trecho claro de mem√≥ria sobre o seu encarceramento. Voc√™ ganha imunidade ao R√∂tschreck induzido pela FIRSTLIGHT.

 

O VELUDO AZUL

(“The Blue Velvet”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 266)

O Veludo Azul abriu suas portas em 1972, e tem sido um ponto de encontro para a vida noturna dos Membros e politicagem desde ent√£o. Localizado no cora√ß√£o da Prateleira (The Rack), o clube teve v√°rias encarna√ß√Ķes antes de seu atual. Um empres√°rio an√īnimo comprou o bar “Fantastica” e imediatamente fechou as portas dele por tr√™s meses ap√≥s extensas renova√ß√Ķes. Quando foi reaberto, o Veludo Azul ostentava quatro bares separados, um louge VIP e uma pista de dan√ßa grande o suficiente para receber f√£s das bandas mais quentes. Foi um empreendimento ambicioso e que funcionou por quase 50 anos. O Local atrai Membros e o gado igualmente. Enquanto mortais dan√ßam lan√ßando as suas preocupa√ß√Ķes abaixo, Cainitas l√° em cima se envolver em um tipo diferente de dan√ßa, movendo-se com cuidado atrav√©s dos ritmos que controlam a cidade e o futuro dela. Por d√©cadas, ningu√©m sabia quem era o dono do Veludo Azul. Rumores e especula√ß√Ķes come√ßavam a girar. Mais as tentativas de cavar as finan√ßas do clube para desenterrar seu dono nunca traziam respostas. Apenas um investigador chegou perto, no in√≠cio de 1987, mas ele desapareceu logo depois de confidenciar a um amigo que ele fez essa descoberta impressionante. Suas notas de pesquisa nunca apareceram. Em meados da d√©cada de 1990, o mist√©rio terminou com a emerg√™ncia da Malkavian Bronwyn na Sociedade vamp√≠rica. A revela√ß√£o de que era ela por tr√°s do Veludo Azul todos esses anos deu a ela um imediato reconhecimento com os Membros em toda Chicago, e uma loja da qual traficar sangue ilicitamente em nome do sistema circulat√≥rio.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ EST. 1972: Voc√™ j√° esteve l√° desde o in√≠cio, e pode at√© estar familiarizado com alguns dos bares que precederam O Veludo Azul. De muitas maneiras, a hist√≥ria do clube √© a “sua” hist√≥ria, e outras pessoas consideram voc√™ uma autoridade ne bar: bandas cuja ascens√£o come√ßou aqui, Rivalidades entre membros que se desenrolaram na sala VIP, se aconteceu no Veludo Azul, voc√™ estava l√°. Adicione dois dados a qualquer teste relacionado a relembrar e usando a hist√≥ria do clube.

‚ÄĘ‚ÄĘ Quem √© Quem: Todos que s√£o algu√©m v√£o para o Veludo Azul. Voc√™ conhece todos eles pelo nome, mas eles n√£o sabem que voc√™ est√° controlando quem entra e quem sai, com quem eles falam, para que, e quando eles saem. Uma vez por hist√≥ria, pe√ßa ao seu Narrador por informa√ß√Ķes sobre um colega frequentador do clube e seus movimentos. O Narrador ir√° lhe dizer quando o patrono nomeado foi a √ļltima vez no Veludo Azul, como eles agiram, e com quem eles estavam.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Permanecer na Apresenta√ß√£o: Apenas as melhores bandas tocam no Veludo Azul, e suas noites de dan√ßa t√™m se estendido por varios blocos. Voc√™ j√° tocou, foi DJ no clube, ou aparece em seu calend√°rio regularmente. Uma vez por hist√≥ria, quando voc√™ se apresenta no clube, voc√™ pode escolher ganhar tr√™s pontos no Antecedente Recursos (que duram at√© o final da hist√≥ria) ou Rebanho no valor de tr√™s pontos, representando f√£s que sempre vem assistir a cada apresenta√ß√£o sua.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Clube VIP: Seu status √© muito respeitado no Veludo Azul. Sua fama ou influ√™ncia atrai outros para o clube, e Bronwyn agradece seu patroc√≠nio, agindo como o Antecedente Aliado de quatro pontos ou Mawla. Uma mesa est√° sempre pronta para voc√™, e voc√™ tem acesso a uma sala privada na sala VIP para reuni√Ķes e alimenta√ß√Ķes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Passe para os Bastidores: Voc√™ √© um funcion√°rio confi√°vel de alto n√≠vel no Veludo Azul. Ian Gibson depende de voc√™ noite ap√≥s noite nas opera√ß√Ķes, e voc√™ √© um membro do c√≠rculo interno de Bronwyn. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode solicitar e receber ajuda, seja isso √© por meio de influ√™ncia, apoio financeiro, ou uso do clube para um esfor√ßo privado.

 

O LIVRO DE NOD

(“The Book of Nod”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 267)

O Livro de Nod coleta hist√≥rias orais, fragmentos de texto, e outras m√≠dias detalhando a hist√≥ria de Caim e suas crias, com poemas adicionais e profecias sobre a Gehenna e as Noites Finais. Seu autor – ou autores – s√£o desconhecidos, embora muitos dos Membros acreditam que Caim, Malkav e Saulot contribu√≠ram para partes significativas do texto. As hist√≥rias e fragmentos foram cuidadosamente passadas ‚Äč‚Äčde gera√ß√£o em gera√ß√£o; aqueles que possuem partes f√≠sicas do livro fazem grande esfor√ßo para garantir que eles n√£o acabem nas m√£os de n√£o-Cainitas. O Livro de Nod tamb√©m fornece a base teol√≥gica que o Sab√° usa para a adora√ß√£o a Caim.

A primeira e maior se√ß√£o do livro, A Cr√īnica de Caim, reconta a hist√≥ria do primeiro vampiro, suas crias, e a ascens√£o e rebeli√£o do Antediluvianos. As Cr√īnicas das Sombras apresenta um s√©rie de leis atribu√≠das a Caim, embora alguns Membros duvidem de sua veracidade e costumam v√™-la como obra de cartagineses estudiosos. A Cr√īnica dos Segredos √© a mais curta e tambem a se√ß√£o mais enigm√°tica. Suas passagens altamente simb√≥licas descrevem as vis√Ķes do autor sobre a Gehenna. Alguns nodistas dedicaram as suas n√£o-vidas inteiras na tentativa de interpretar as previs√Ķes e aplic√°-las √†s suas noites modernas. Al√©m disso, alguns estudiosos veem os Fragmentos de Erciyes como outra vers√£o da hist√≥ria de Caim, enquanto outros descartam os fragmentos como ap√≥crifos e rebaixam a men√ß√£o deles a meras notas de rodap√© em suas disserta√ß√Ķes, isso quando s√£o reconhecidos. Colecionadores, tradutores e editores do Livro de Nod introduziram uma mir√≠ade de inconsist√™ncias e contradi√ß√Ķes ao longo dos mil√™nios, e n√£o h√° duas an√°lises acad√™micas que v√£o concordar completamente sobre o seu verdadeiro conte√ļdo. Muitos entre a Camarilla denunciam o livro e pro√≠bem, confiscam ou destroem todos os textos relacionados que eles descobrem por seus Novatos sendo passados por a√≠.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ S√ļmario: Voc√™ est√° familiarizado com os conceitos mais amplos do Livro de Nod e algumas das mais comuns e conhecidas profecias. Uma vez por hist√≥ria, adicione dois dados em testes da pericia Erudi√ß√£o [Academics] ou Ocultismo (Occult) relacionado com a antiga hist√≥ria Cainita.

‚ÄĘ‚ÄĘ Bem-Versado: Seu senhor ou Mawla ensinou-lhe certas passagens do livro, ou voc√™ pode at√© mesmo ter fragmentos f√≠sicos em sua posse. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode buscar a opini√£o deles em uma quest√£o sobre a tradi√ß√£o Nodista, ganhando um b√īnus de dois dados para qualquer Teste de Ocultismo (Occult) relacionado ao livro.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Estudioso: Voc√™ dedicou tempo e estudo significativos para o Livro de Nod, e esta familiarizado com pelo menos uma vers√£o completa do texto. Voc√™ pode apoiar suas teorias com cita√ß√Ķes dessa vers√£o e esta ciente dos contra-argumentos ou interpreta√ß√Ķes alternativas. Uma vez por sess√£o, adicione tr√™s dados a um teste de Persuas√£o (Persuasion) ao debater pontos e detalhes do Livro de Nod.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Coletor: Voc√™ possui v√°rios fragmentos do livro ou tem se√ß√Ķes memorizadas da hist√≥ria de Caim. Os nodistas procuram voc√™ na esperan√ßa que voc√™ examine suas c√≥pias ou te ou√ßam voc√™ recitar os contos, e eles est√£o dispostos a pagar por isso. Nem sempre a troca √© uma quest√£o monet√°ria; alguns oferecem favores, troca de informa√ß√Ķes, ou acesso a outros recursos que seu personagem encontra valioso. Uma vez por hist√≥ria, quando voc√™ conceder a algu√©m acesso √† sua cole√ß√£o, voc√™ ganha tr√™s pontos tempor√°rios em Recursos (ou outro Antecedente apropriado conforme aprovado por seu Narrador) pelo restante do hist√≥ria, ou a capacidade de reivindicar um futuro favor para o Nodista.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mestre Nodista: Outros nodistas procuram voc√™ em busca de ideias e interpreta√ß√£o dos textos, e suas teses sobre o assunto s√£o considerados leituras obrigat√≥rias. Voc√™ trocou correspond√™ncia com especialistas nodistas sobre os pontos mais sensiveis sobre o conhecimento. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode deduzir um fato ou profecia do Livro de Nod ao qual seu personagem pode ver que se aplica e influencia em uma decis√£o, ao faze-lo voc√™ automaticamente √© bem sucedido em um teste de Persuas√£o (Persuasion) a crit√©rio do Narrador.

 

GANGUE CAPONE

(“Capone Gang”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 268 e 269)

Ap√≥s o desaparecimento de Capone de Chicago, alguns de seus tenentes queriam continuar o grande prosperidade que sua gangue viu em seu apogeu mortal. Um tenente em particular, o Ventrue Eddie Wu, tornou-se vampiro pouco depois de Capone e comandou um dos √ļnicos bra√ßos vamp√≠ricos da gangue em Chicago. Embora durante o reinado de Lodin, tudo foi muito secreto, ele sente que n√£o tem motivos para se esconder e de fato est√° crescendo em poder. A nova gangue que ele lidera √© chamada de ‚ÄúA Gangue Capone‚ÄĚ e, mesmo que pequena, √© influente no meio do submundo do crime.

As principais importa√ß√Ķes da Gangue Capone s√£o drogas de Tail√Ęndia, Laos e Mianmar, mas eles ainda empregam cozinheiros de metanfetamina produzida em Chicago. A gangue opera a partir do Green Mill, um clube de jazz que existe h√° mais de 100 anos e foi um famoso ponto de encontro de Capone. Desde Capone o clube h√° muito se tornou uma rel√≠quia do passado de Chicago, e por isso √© uma fachada surpreendentemente boa, por ser muito antiquada para ser um ponto de encontro de gangues nos tempos modernos. Existem dois cemit√©rios pr√≥ximos que atuam como pontos de troca entre os gangues de mortos-vivos e quaisquer gangues humanas ou outros vampiros.

Eddie Wu √© bem conhecido pela sua atitude implac√°vel de ‚Äúatire primeiro, fa√ßa perguntas depois‚ÄĚ. Seu segundo em comando e uma Carni√ßal, Lily DeAngelis, √© mais equilibrada, olhando para o futuro a longo prazo da gangue, em vez de tonar a√ß√Ķes violentas ou julgamentos precipitados. Ela equilibra o temperamento de Eddie, e √© o verdadeiro c√©rebro por tr√°s da opera√ß√£o. Eddie fica fora dos limites de Chicago para evitar o aviso do Pr√≠ncipe Jackson, enquanto Lily cuida dos neg√≥cios noturnos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Um Favor por um Favor: A Gangue Capone vai fazer algo para voc√™ se voc√™ fizer algo para eles. Ou voc√™ conhece da gangue que pode fazer que voc√™ precisa. Favores est√£o no reino da aquisi√ß√£o drogas, armas, informa√ß√Ķes, ou alguma outra coisa ilegal. Voc√™ ganha Contatos: Capone Gang (‚ÄĘ) e Aliados: Capone Gang (‚ÄĘ) para serem usados uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ Em Debito: Voc√™ fez um grande demanda para a Gangue Capone. Talvez voc√™ fez alguem desaparecer, ou voc√™ lavou algum dinheiro, ou voc√™ fez um trabalho de limpeza que eles n√£o podiam fazer. Independente disso. Agora Eddie esta em d√≠vida com voc√™. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode utilizar isso para consertar algum tipo de problema, mas em troca, em alguns ponto da hist√≥ria, Eddie vai te chamar pora fazer um favor pra ele.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ S√≥ um Favor: Quando voc√™ ajuda a gangue Capone com um roubo, voc√™ recebe uma parte do lucros. Eles costumam usar outro Membros nesses trabalhos, seja como um executores, ou apenas para utilizar suas habilidades sobrenaturais em conjunto com os Carni√ßais. Eles planejam o trabalho, mapeando o local para o roubo, levando em considera√ß√£o a seguran√ßa e a vigil√Ęncia, apenas deixando voc√™ entrar, agarrar o que √© bom, e sair novamente. Obtenha recursos (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) de uma conclus√£o bem-sucedida do trabalho. Outros personagens podem entrar dentro, mas o quanto voc√™ da a eles na participa√ß√£o dos lucros depende inteiramente de voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um de N√≥s: √Č oficial, voc√™ j√° passou bastante tempo com a gangue para se tornar um membro. Voc√™ pode participar de uma cerim√īnia de “fabrica√ß√£o”, onde voc√™ faz um juramento de lealdade aos outros vampiros da gangue Capone e ganhar acesso ao seu estoque. Isso te fornece Recursos (‚ÄĘ‚ÄĘ) e Aliados: Capone Gang (‚ÄĘ‚ÄĘ), permitindo a voc√™ contratar alguns dos membros para fazer trabalhos para voc√™, ou algum dinheiro extra, se necess√°rio – com a permiss√£o de Eddie Wu, claro. Voc√™ ganha um dado adicional em testes de Manha (Streetwise) sobre crime organizado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ FIlho Prodigio: Eddie Wu colocou uma incr√≠vel quantidade de f√© em voc√™, e v√™ voc√™ como um tenente de confian√ßa. Voc√™ faz parte das reuni√Ķes de organiza√ß√£o e pode ajudar a influenciar grandes decis√Ķes sobre o que gangue faz no futuro. Voc√™ Obtem Contatos: Capone Gang (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ), Mawla: Eddie Wu (‚ÄĘ‚ÄĘ) e Refugio: Uma Casa segura da gangue Capone (‚ÄĘ‚ÄĘ). Agora voc√™ tem que ajudar a construir um imp√©rio duradouro em nome dos Capone. Voc√™ ganha acesso a todos recursos, pessoas e poder que esta posi√ß√£o pode conceder a voc√™ dentro da gangue, contanto que o Principe Jackson n√£o impe√ßa as suas opera√ß√īes. Sempre que voc√™ colocar seus pr√≥prios interesses antes dos da gangue voc√™ perde os benef√≠cios acima, e potencialmente ganhando Eddie como um inimigo.

EDDIE WU

Senhor: Alphonse Gabriel Capone
Abraço: 1998 (nascido 1946)
Ambição: Dominar o comercio de drogas em Chicago
Convic√ß√Ķes: Nunca tolerar disrespeito
Pilares de Humanidade (Touchstones): Lily DeAngelis ‚ÄĒ Carni√ßal a frente dos negocios mortais da Gangue Capone
Humanidade: 4
Geração: 9th
Potência de Sangue: 2
Atributos: Força 1, Destreza 3, Vigor 2; Carisma 2, Manipulação 3, Autocontrole 1; Intelligencia 4, Raciocinio 3, Determinação [Resolve] 3
Atributos Secundarios: Vitalidade 5, Força de Vontade 4
Pericias: Briga 2, Condu√ß√£o 3, Armas de Fogo (Armas de M√£o, Escopeta) 3, Ladroagem [Lacerny] 3, Furtividade 1, Sobrevivencia 1; Sagacidade [Insight] 2, Intimida√ß√£o 3, Persuass√£o 1, Manha 5, Subterf√ļgio [Subterfuge] 3; Erudi√ß√£o [Academics] 1, Percep√ß√£o [Awareness] 3, Finan√ßas (Lavagem) 4, Investiga√ß√£o 3, Tecnologia(Dispositivos de seguran√ßa) 2
Disciplinas: Dominação 1, Fortitude 2, Presença 1

 

A TEIA

(“The Cobweb”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 270)

(SOMENTE PERSONAGENS MALKAVIAN)

Voc√™ nunca est√° realmente sozinho. N√£o mais. Nem mesmo se voc√™ quiser ser. Nem mesmo se voc√™ tentar estar. A teia captura tantos pensamentos em seu fios pegajosos, envia-os as profundezas de suas conex√Ķes, e os reverbera at√© as bordas mais distantes. Voc√™ nem sempre tem certeza se os pensamentos que voc√™ est√° ouvindo s√£o atuais ou do tempo presente. Alguns deles parecem que est√£o presos h√° anos e apenas ainda n√£o se soltaram. Outros parecem vir do futuro.

A Teia, tamb√©m conhecida como a Rede da Loucura, √© uma rede ps√≠quica √† qual todos os Malkavianos est√£o ligados. N√£o h√° dois membros do cl√£ que a descrevem exatamente da mesma forma ou jeito. Para alguns, ela √© um murm√ļrio baixo e constante em seu Sangue. J√° outros a descrevem como uma esp√©cie de colmeia operando ao lado de sua pr√≥pria cogni√ß√£o. Muitos – na verdade a maioria – dos Malkavians s√≥ s√£o lembrados da presen√ßa da Teia algumas vezes por ano, com uma explos√£o repentina de est√°tica em suas cabe√ßas ou como uma frequencia de r√°dio esquecida.

Ningu√©m sabe o prop√≥sito final da Teia, embora ela tenha sido usada para convocar reuni√Ķes de or√°culos atrav√©s de imperativos subconscientes, comumente apelidado de “Chamado”. Alguns suspeitam que o pr√≥prio Malkav usa a rede para ver o mundo atrav√©s dos olhos e os ouvidos de seus descendentes, ou que ele simplesmente √© a propria Rede.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Uma Quebra na Estatica: A Teia √© quase impercept√≠vel para voc√™. Voc√™ pega espor√°dicos trechos de conversas, muitas vezes apenas algumas palavras distintas ou imagens. Mas isso √© o suficiente para remendar juntos um pedido ou uma chamada para ajuda, embora voc√™ seja incapaz de responder.

‚ÄĘ‚ÄĘ Entre no meu Sal√£o: Voc√™ pode se comunicar pela Rede com outros Malkavians pr√≥ximos. Essas discuss√Ķes s√£o fortemente abstratas, limitadas a curtas frases, imagens simples e Fortes emo√ß√Ķes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Atrav√©s da Teia: A Sua voz √© uma das mais fortes na Teia. Voc√™ pode manter conversas bem mais envolvidas com Malkavians em sua cidade. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode iniciar uma chamada, enviando impress√Ķes do tempo e local de encontro para todos que possam ouvir. Isso n√£o √© garantia de obedi√™ncia – pastorar gatos √© brincadeira de crian√ßa comparada a querer impor qualquer tipo de organiza√ß√£o aos filhos de Malkav.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Arrancar os Fios: A Resist√™ncia das teias de seda de aranha rivaliza somente com o proprio a√ßo, e a sua conex√£o com os seus ancestrais Cainitas e descendentes √© igualmente poderosa. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar a Teia para pegar carona nos sentidos de seu senhor ou uma das suas crias. Voc√™ √© apenas um observador, e n√£o pode controlar suas rea√ß√Ķes ou seus movimentos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Vontade de Malkav: A entidade na Teia est√° acordada e consciente. Ela sabem o seu nome e pode contar a voc√™ os segredos dela. Ela tem um plano e quer que voc√™ ajude a realiz√°-lo. Malkav – ou uma consci√™ncia fingindo ser ele – fala com voc√™ diretamente via rede. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador para divulgar um segredo sobre um outro Malkavian ou revelar quais ordens a mente na Teia quer voc√™ fa√ßa.

 

CULTIVADOR

(“Cultivar”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 271)

A ci√™ncia da horticultura define um Cultivador como uma planta selecionada intencionalmente e cuidadosamente moldada e mantida atrav√©s do cultivo. Tais s√£o aqueles chamados que s√£o escolhidos e moldados por Nerissa Blackwater para serem agente do Ancestral, trabalhando para desenraizar os Canibais – descendentes de Caim – e estabelecer um Novo Jardim sobre as conchas quebradas do primeiro. Alguns vampiros e alguns mortais balan√ßam a tentadora perspectiva de estabilidade, de um poder antigo, um caminho √† ilumina√ß√£o para Membros que perderam a f√© em todas fac√ß√Ķes.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Mudas Negras: As lendas da M√£e Sombria sempre atrairam voc√™, mas talvez voc√™ tenha ficado muito intimidado para abordar abertamente um dos Bahari. Agora, por√©m, seus novos associados colocaram voc√™ em algo que faz sentido, parece real. Eles est√£o aproveitado algo poderoso e que vale a pena saber. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode usar dois pontos em Aliados: Cultivadores, representando cultistas mortais que venha em seu aux√≠lio.

‚ÄĘ‚ÄĘ Cortar ainda Fresco: Sendo apadrinhado por um Cultivador atual, voc√™ √© testado, empurrado para seus limites, e for√ßado al√©m eles. Nesta fase, espera-se que voc√™ regularmente se envolva em algum tipo de mortifica√ß√£o do carne – escarifica√ß√£o, a√ßoite, ou at√© mesmo o passar da chama de uma vela sobre sua pele. Voc√™ ganha uma Especialidade na Pericia Ocultismo (Occult) gratuitamente, com essa especialidade sendo Bahari, Lilith, ou a ancestral, e uma cicatriz ritualistica para marcar o seu vinculo com o culto, fazendo-o receber um ponto em Status: Cultivar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Suprimindo a Besta: Ca√ßar mortais traz para voc√™ um sentimento de mis√©ria quase constante, mas voc√™ √© proibido de se alimentar de animais. Felizmente, seu padrinho no culto d√° a voc√™ acesso a √°reas de alimenta√ß√£o onde mortais em busca da sabedoria da M√£e sombria derramam seu sangue em servi√ßo a ela e, por gentileza, permitem que voc√™, um portador da maldi√ß√£o, possa consumir esse sangue. Isso concede a voc√™ um Rebanho de tr√™s pontos. Voc√™ tamb√©m ganha um Refugio de um ponto que voc√™ pode acessar uma vez por hist√≥ria, na forma da casa de um cultista. Contudo, voc√™ nunca mais poder√° se alimentar de animais.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Recem feito Iniciado: Um m√™s gasto em um iate privado, a 150 milhas para dentro do √°guas do Lago Michigan, suportando noite ap√≥s noite de tormento abrasador e vis√Ķes del√≠rantes induzidas garantiram a voc√™ o t√≠tulo de Iniciado. Voc√™ aprecia status elevado e agora √© um guia para os outros que tambem est√£o no caminho. Como um Iniciado, voc√™ recebe Status: Cultivar (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ). Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode receber dois dados de b√īnus em um teste de For√ßa de Vontade enquanto voc√™ lembra do jejum severo que voc√™ suportou durante o seu m√™s em agua.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Joia do Jardim: Tr√™s gotas do sangue de uma matusal√©m agora cantam ferozmente dentro das suas veias, concedendo vis√Ķes, e deixando voc√™ com uma certeza: A M√£e sombria vai voltar. Se esta vitae veio da ancestral, Nerissa, ou de alguma outra fonte √© uma quest√£o que deve ser interpretada atraves das suas vis√Ķes e confusos devaneios. √Č esperado que voc√™ mantenha seu pr√≥prio jardim – seja um espa√ßo f√≠sico com coisas que crescem ou uma interpreta√ß√£o mais figurada – e que voc√™ venha quando for convocado pela Ancestral ou pelos Blackwaters. Como uma joia, voc√™ recebe um b√īnus de quatro dados em testes para resistir ao frenesi devido √† harmonia do seu √Čden interior.

 

CULTO DE SHALIM

(“Cult of Shalim”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 272)

Shalim √© o nome do deus cananeu do crep√ļsculo e da noite. Este nome foi passado para a cidade de Jerusal√©m e possivelmente para o rei Salom√£o.

Para os Lasombra, nas noites modernas h√° um significado totalmente diferente. Shalim √© um nome falado em sussurros por aqueles que voltaram da Crusada da Gehenna ilesos. Alguns celebram em sil√™ncio, outros falam com medo. √Č um nome que impulsionou os membros do cl√£ despertados a buscar ref√ļgio nos bra√ßos de seu outrora inimigo, a Camarilla. E alguns deles come√ßaram a dizer, de forma temerosa, que √© o seu fim.

Na verdade, os adeptos desta religi√£o maluca n√£o procuram nada menos do que a aniquila√ß√£o total, n√£o de um cl√£ ou de uma seita, n√£o de uma na√ß√£o, mas de toda a pr√≥pria realidade. A filosofia distorcida do grupo vem do simples fato de que toda dor, todo sofrimento, todo √≥dio e injusti√ßa existe apenas no que chamamos de a “realidade”. C√©u, Nirvana, Jannah, Shamayim, todas as vidas posteriores prometem um lugar onde n√£o h√° mais l√°grimas, n√£o h√° mais dor, n√£o h√° mais tristeza. E somente na aus√™ncia da exist√™ncia isso pode ser alcan√ßado. Na aus√™ncia do eu, todos s√£o um, todos s√£o iguais. No aus√™ncia da realidade, tornamo-nos parte do nada infinito, voltamos para Shalim.

Por esta raz√£o, os membros do culto costumam falar o frase “√© Shalim” para os iniciados, uma vez que eles acreditam que o nada √© a ultima realidade e o fim de todas as coisas, incorporadas em seu mestre sombrio. Em suas mentes, o nada √© indestrut√≠vel, sempre existiu e sempre existir√°. Assim, Shalim √© o √ļnico infinito verdadeiro, o √ļnico verdadeiro imortal. Shalim est√° al√©m da exist√™ncia. Shalim, simplesmente, √©.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Sussurros Sombrios: Voc√™ ouviu rumores do culto vindo daqueles que voltaram da Cruzada da Gehenna. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ ganha dois dados adicionais em qualquer teste de Sagacidade [Insight] ou Investiga√ß√£o (Investigation) para analisar os mitos do culto ou para identificar se algu√©m √© um membro.

‚ÄĘ‚ÄĘ Iniciado no Culto: Como um iniciado nos mist√©rios do culto, voc√™ est√° ciente do significado da frase sem√≠tica “Shin- Lamedh-Mem ‚ÄĚcomo um identificador de outros membros. Voc√™ pode falar esta frase a um membro iniciado para imediatamente ganhar dois dados em qualquer teste de Persuas√£o (Persuasion) para obter sua ajuda. Falar essa frase para um n√£o iniciado pode n√£o apenas resultar em confus√£o ou mal entendido, mas pode exp√ī-lo a compreens√£o Lasombra de quem √© membro do Culto do Ju√≠zo Final.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Poder da F√©: O alcance do culto se estende profundamente na comunidade religiosa. Quando falam do c√©u, um lugar onde sofrimento, tristeza e mis√©ria n√£o existe, voc√™ sabe que isso s√≥ pode ser encontrado na bem-aventuran√ßa do nada. No paz de qualquer igreja ou templo, seu zelo permite que voc√™ ignore os efeitos negativos da condi√ß√£o Debilitado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Esmagar os Sonhos da Vida: Os ensinamentos de Shalim dizem que os sonhos e ambi√ß√Ķes da carne devem ser rejeitadas para alcan√ßar a perfei√ß√£o. Todos s√£o iguais sob seu olhar e assim todos devem testemunhar o caminho para a escurid√£o gloriosa do vazio atrav√©s do sentimento de abandonar pretenciosas ambi√ß√īes. Quando voc√™ tem sucesso em um teste de Sagacidade [Insight] contra qualquer personagem, o Narrador revela a voc√™ ambi√ß√£o principal dele, al√©m das informa√ß√Ķes buscadas pelo teste. Armado com esse conhecimento, agora voc√™ pode re-rolar novamente qualquer dado em um teste de Persuas√£o que voc√™ tenha falhado uma vez por cena contra ele, enquanto voc√™ transforma os seus desejos em vantagens a seu favor. Al√©m disso, voc√™ pode escolher jogar Manipula√ß√£o (Manipulation) + Persuas√£o (Persuasion) contra Autocontrole (Composure) + Sagacidade [Insight] do alvo. Se voc√™ for bem sucedido, voc√™ destr√≥i suas esperan√ßas e sonhos, mergulhando-os em desespero e ina√ß√£o para o resto da hist√≥ria, isso √© representado em regras como um ponto de dano Agravado na For√ßa de Vontade do seu alvo. Um fracasso total exp√Ķe a sua estratagema e a vira contra voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ “√Č Shalim”: Voc√™ √© um verdadeiro servo de Shalim. Seu zelo e f√© na vinda do fim n√£o conhece limites e voc√™ tem certeza que o Abismo escolheu voc√™ para decretar seu prop√≥sito. Sua posi√ß√£o no culto d√° a voc√™ acesso ao Antecedente Rebanho (‚ÄĘ‚ÄĘ) na forma de seus seguidores, assim como Influ√™ncia (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) na comunidade religiosa de sua escolha entre os muitos contatos do culto nesses c√≠rculos. Voc√™ ganha o Defeito: Segredo Sombrio (‚ÄĘ) ao pegar esta Camda de Conhecimento. Voc√™s tamb√©m passa automaticamente em qualquer teste de Autocontrole (Composure) feito para esconder a sua posi√ß√£o como um membro do culto.

 

DESCENDENTE DE LODIN

(“Descendant of Lodin”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 273)

(SOMENTE PERSONAGENS VENTRUE)

Antes de Lodin chegar ao poder, uma coisa era verdade: Ele n√£o era o √ļnico Ventrue na cidade, apenas o mais implacavelmente ambicioso, aquele que agarrou a oportunidade quando elas se apresentou e reivindicou o trono para si mesmo. Depois que Lodin chegou ao poder, isto tambem √© verdade: ele eliminou sistematicamente qualquer um que pudesse tornar-se um desafio significativo para a sua reivindica√ß√£o da pr√°xis, particularmente os membros de seu pr√≥prio cl√£ que, com raz√£o ou erroneamente, ele considerou como amea√ßas prim√°rias em vez de aliados em potencial. Ele governou por d√©cadas, gerando uma s√©rie de tenentes para cumprir a sua vontade e solidificar seu controle sobre o dom√≠nio que ele reivindicou, permitindo aos tenentes gerar ninhadas pr√≥prias como eles, ou quando ele considerava necess√°rio. Lodin agora se foi, derrubado pela trai√ß√£o e selvageria desumana, mas seu legado vive naqueles que carregam a sua linhagem – seja uma crias que ele uma vez gerou e que subiraam ao seu trono ou aqueles que ele gerou antes das mar√©s de conflito se formarem sobre Chicago.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Beb√™ da Familia: Voc√™ √© um dos (atuais) membros mais jovens da linhagem, Abra√ßado na √ļltima d√©cada e ainda jovem o suficiente para ser tratado com algum grau de indulg√™ncia enquanto voc√™ aprende como puxar as cordas – e quase todos Ventrue que voc√™ encontra pensa eles t√™m algo √ļtil para te ensinam. Com outros membros do seu cl√£ em Chicago, voc√™ sempre tem um indice no Antecedente Mawla de um ponto.

‚ÄĘ‚ÄĘ O Responsavel filho do meio: Voc√™ √© um membro orgulhoso da ampla Linhagem de Lodin, acabando de entrar com seu pr√≥prio poder e responsabilidades. Devido a sua linhagem e posi√ß√£o, outro Membro de idade e gera√ß√£o semelhantes a voc√™ buscam a sua lideran√ßa. Entre eles voc√™ sempre tem um m√≠nimo de Status (‚ÄĘ‚ÄĘ).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ovelha Negra da Familia: Voc√™ √© um descendente de Lodin … e voc√™ n√£o gosta nem um pouco disso. Voc√™ se separou do resto dos seus irm√£os de sangue do falecido Principe de alguma forma dram√°tica: voc√™ fugiu para se juntar aos Anarquistas, aliou-se publicamente a oposi√ß√£o pol√≠tica a quest√Ķes que afetam a estabilidade da sua linhagem, transformando voc√™ em algo entre o pior e o menos importante Arauto apazigu√°vel. Resumindo, voc√™ tem um pouco de sujeira a ser resolvida entre as crias de Lodin. O Narrador ir√° revelar um segredo sobre qualquer um deles que voc√™ encontrar, uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tal Senhor, Tal Cria: Assim como seu ancestral, voc√™ √© um barata virtualmente imposs√≠vel de matar, at√© mesmo para os padr√Ķes vampiricos. Voc√™ √© capaz de transformar qualquer coisa que a n√£o-vida jogar em voc√™ em ouro, se n√£o em ouro, ent√£o pelo menos alguma coisa √ļtil para a sua sobreviv√™ncia. Adicione dois dados as suas paradas de dados ao fazer testes para evitar les√Ķes f√≠sicas ou sobrenaturais diretas, mas fora de conflitos f√≠sicos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um Parente perdido a muito tempo: Lodin teve uma n√£o-vida antes de vir para Chicago e sua exist√™ncia √© a prova desse fato: Voc√™ √© descendente de uma das crian√ßa que ele gerou no anos entre sua partida de Veracruz e a sua chegada em Chicago, quando ele ainda era um andarilho pragmatico e sem ra√≠zes. Sua chegada enviou uma onda de choque pela cidade e agora voc√™ est√° entre os mais procurados entre os residentes, desfrutando Status (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) entre os Ventrue e oficiais da Corte da Cidade, alem de ter a aten√ß√£o de cada mosca dos circulos sociais em Chicago, e um lugar definitivo na mesa do Pr√≠ncipe.

 

DESCENDENTE DE MONTANO

(“Descendant of Montano”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 274)

(SOMENTE PERSONAGENS LASOMBRA)

Montano conquistou muito para o Cl√£ Lasombra, mas s√≥ agora o cl√£ se sente confort√°vel cantando as conquistas dele. Como um dos poucos que caminharam com o fundador do cl√£, o seu conhecimento do Abismo √© vasto e desconhecido. Diz-se que foi por sua vontade que o Cristianismo se ergueu √† proemin√™ncia e que as suas legi√Ķes de ex√©rcitos moldaram o hist√≥ria da pr√≥pria Europa. No entanto, Montano sempre foi um homem de honra. Quando a sociedade dos vampiros se dividiu em seitas, ele se recusou a abandonar a rec√©m-nascida Camarilla. Por s√©culos, ele foi marcado como um traidor. Como descendente dele, voc√™ sentiu a dor da sua decis√£o e agora se levanta para colher os frutos. Se voc√™ serviu a Camarilla abertamente ou em segredo, o cl√£ agora busca voc√™ e seu ancestral para orienta√ß√£o. Voc√™ vai mostrar a eles o que a lealdade realmente significa.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Uma Sombra do Ontem: Montano n√£o lembra de mais nada sobre os seus primeiros dias, mas lembra muito bem sobre a sua seita e cl√£. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode escrever uma carta para Montano pedindo um unico peda√ßo de informa√ß√£o sobre qualquer um da Camarilla ou do Cl√£ Lasombra. De seu ref√ļgio distante, ele vai responder com a verdade ou com pistas levando a isso, com a implica√ß√£o que a jornada √© pr√≥pria recompensa.

‚ÄĘ‚ÄĘ Irm√£os na Escurid√£o: As a√ß√Ķes de Montano trouxeram o cl√£ √† sua posi√ß√£o elevada. A linhagem que ele cultivou s√£o aqueles baseado na mesma honra que o manteve na Camarilla. Voc√™ tem direito a um respeito que at√© mesmo os seus companheiros de cl√£ no Sab√° e em outros lugares n√£o conseguem deixar de reconhecer. Seu status: Lasombra (‚ÄĘ‚ÄĘ) aplica-se a Lasombra em todas seitas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aprendiz Abissal: Montano n√£o pode te ensinar tudo sobre os segredos d Obl√≠vio, devida a comparativa fraqueza do seu sangue, mas voc√™ aprendeu alguns truques. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar um poder de Obl√≠vio que voc√™ n√£o conhece, mas que seja de um n√≠vel igual ou inferior ao seu √≠ndice atual nessa Discplina.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Boca a Boca: Inspirado pela paci√™ncia de Montano, voc√™ se segurou firme em seu lugar na Camarilla mesmo quando o resto do seu cl√£ serviu como l√≠deres nos dom√≠nios mantidos pelo Sab√°. Mesmo que seus irm√£os tenham se juntado a seita, seus aliados da Camarilla n√£o esqueceram onde voc√™ realmente estava. Seu status entre os n√£o Lasombra na Camarilla sempre est√° no mesmo n√≠vel, n√£o importa para onde voc√™ viajar, ou o seu pa√≠s de origem, mesmo se voc√™ n√£o manter nenhuma posi√ß√£o na cidade em que voc√™ atualmente residir.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Pureza do Remorso: Uma vez, Montano assassinou seu amados amigos e fam√≠lia para salvar o resto de sua aldeia das garras de seu senhor. Embora ele n√£o possa se lembrar mais disso, ele chora da mesma forma. E voc√™ chora por seus proprios pecados t√£o profundamente como ele faz. Sempre que voc√™ fizer um teste de Remorso para evitar perder Humanidade, voc√™ nunca faz o teste com menos de dois dados.

 

INCENDIOS E INUNDA√á√ēES E A NOITE DO DIABO

(“Fires and Floods and Devil’s Night”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 275)

Chicago sofreu e sobreviveu a v√°rios desastres desde sua funda√ß√£o em 1833. Freq√ľentemente, o caos e a confus√£o gerada por uma cat√°strofe apresenta a cortina de fuma√ßa perfeita para os vampiros se livrarem de inimigos ou sabotar as propriedades de um rival na cidade. O mais famoso deles foi o Grande Inc√™ndio de 1871, iniciado pelo Malkavian O’Leary. Mais recentemente, em 1992 a inunda√ß√£o de Chicago foi atribu√≠da ao servi√ßo p√ļblico, por uma parede enfraquecida de um t√ļnel que acabou cedendo, embora rumores entre os cl√£s sugerem que foi um ataque Tremere aos Nosferatu no subterr√Ęneo. Claro, desastres tamb√©m criam chances para os Membros da cidade exercerem influ√™ncia sobre a reconstru√ß√£o e os esfor√ßos da reconstru√ß√£o. Nos √ļltimos dois s√©culos, vampiros empreendedores t√™m construido ref√ļgios escondidos sob os novos arranha-c√©us ou planejando a cidade e influenciado ela a adicionar ramos extras fora dos t√ļneis de esgoto. Este conhecimento pode ser aplicado a desastres de outras cidades tamb√©m, como o Grande Inc√™ndio de Londres ou o San de 1906 Francisco Terremoto.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Melhorias Triviais: Seu conhecimento dos desastres de Chicago √© uma rocha s√≥lida. Voc√™ sabe datas e detalhes, e tem escrito listas de fatos estranhos, mas verdadeiros sobre as trag√©dias. Adicione dois dados para testes das pericias Erudi√ß√£o [Academics] ou Investiga√ß√£o (Investigation) relativos ao assunto.

‚ÄĘ‚ÄĘ Ossos Velhos: Novas partes da cidade foram reconstru√≠das em cima das velhas. Talvez voc√™ tenha estudado registros arquitet√īnicos, ou talvez seus antigos lugares estavam no caminho da destrui√ß√£o. Partes deles ainda est√£o de p√©, e voc√™ sabe como chegar neles. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode se esconder em um desses lugares para despistar um perseguidor.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sobrevivente da Noite do Diabo: Voc√™ viveu durante o Grande Inc√™ndio e a Noite do Diabo, e pode participar dos expurgos de Lodin. Uma vez por hist√≥ria, adicione tr√™s dados para uma jogada social envolvendo outra pessoa que sobreviveu o fogo ou suas crias.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Heroi local: Voc√™ ajudou a reconstruir a cidade ap√≥s o desastre, ou foi um dos que resgatou as vitimas durante o incidente, e as pessoas se lembram voc√™ com carinho por isso. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode alavancar esta boa vontade para influenciar a opini√£o mortal para o seu lado em rela√ß√£o a um problema, garantindo a voc√™ o Antecedente Influencia: Boa Vontade (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) por uma √ļnica sess√£o, e uma vez por cr√īnica.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mestre das Marionetes: Voc√™ foi um dos principais orquestradores do desastre. Trabalhe com o Narrador para determinar como voc√™ estava envolvido e quais foram os resultados que voc√™ alcan√ßou. Quais foram as suas metas? Quem morreu como resultado? Quem sabe que voc√™ √© umd os que estava por tr√°s da trag√©dia? Quais s√£o os rumores ao redor disso? O que voc√™ ganhou com isso?

 

FIRSTLIGHT

(“Firstlight”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 276)

FIRSTLIGHT √© uma opera√ß√£o conjunta entre as ag√™ncias de intelig√™ncia do mundo, encarregadas de aprender – e ca√ßar – os vampiros nas noites modernas. Camarilla, Sabbat, ou Inconnu, a seita de um Cainita n√£o importa para o povo cujas diretivas envolvem mat√°-los e destitui-los de seu poder e infl√™ncia sobre os mortais. Operativos da FIRSTLIGHT muitas vezes n√£o est√£o cientes de que as pessoas que eles est√£o rastreando n√£o s√£o mais mortais, e possivelmente n√£o s√£o mais mortais a s√©culos. A maioria recebe informa√ß√Ķes retratando seus alvos como c√©lulas terroristas humanas; relat√≥rios com fatos (verdadeiros ou n√£o) tendem a defender essa narrativa. A FIRSTLIGHT conta com tecnologia ultramoderna e investiga√ß√£o antiquada, fazendo seus meios sejam dificeis de serem enganados. Agentes do FBI e seus sistemas especializados monitoraram conversas na Internet para certas palavras-chave; algumas chamadas que chegam na linha de den√ļncias s√£o redirecionadas para a FIRSTLIGHT quando podem envolver os chamados “corpos em branco”. Meses de filmagem s√£o monitoradas, procurando para as imagens borradas e formas sombreadas indicando a presen√ßa de um Lasombra. Agentes da TSA trabalhando para FIRSTLIGHT tem autoridade para revistar cargas na O’Hare e Midway, o que tornou as viagens a√©reas que j√° eram dif√≠ceis ainda mais dif√≠ceis para Membros que n√£o t√™m acesso a avi√Ķes privado.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ T√°ticas de Evas√£o: Voc√™ √© familiarizado com algumas t√°ticas de vigil√Ęncia b√°sica, conhecimentos e maneiras simples de evitar ser seguido ou espionado. Voc√™ fica com os seus rastros online sempre m√≠nima ou bloqueados, e possui um gerador ru√≠do branco , um telefone celular jammer, ou um destruidor de telefone para evitar ser gravado. Adicione um dado nas jogadas para evitar ser seguido ou ouvido quando alguem utiliza pericias (Potencialmente as pericias: Condu√ß√£o [Drive], Furtividade [Stealth], Manha [Streetwise], Tecnologia [Technology]).

‚ÄĘ‚ÄĘ Escritorio Filial: Pode ser que algu√©m escorregou e voc√™ tenha pego o seu rastro. Talvez aqueles tipinhos de apar√™ncia militar no bar pensem que eles estavam conversando baixo o suficiente para ninguem mais os ouvirem, mas os seus ouvidos atentos pegaram a conversa deles muito bem. Talvez voc√™ trombou em uma armadilha mal disfar√ßada em uma URL e hackeou de volta vitorioso. Independente da maneira que voc√™ fez, voc√™ sabe onde a base de opera√ß√Ķes mais pr√≥xima opera√ß√Ķes fica.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O que eles sabem: Voc√™ interceptou algumas comunica√ß√Ķes entre ag√™ncias, e voc√™ aprendeu a localiza√ß√£o de uma celula morta ou decifrou o seu sinal. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador um peda√ßo de informa√ß√£o que voc√™ conseguiu apreender e a FIRSTLIGHT tem sobre voc√™ ou um companheiro de Coterie.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Nenhum Registro Encontrado: Por meio de subornos, arrombamentos e uma dose enorme de paran√≥ia, voc√™ conseguiu se apagar dos registros da FIRSTLIGHT. O seu quadro est√° limpo … por enquanto. Tudo vai depender de voc√™ permanecer fora do radar deles daqui para frente, e voc√™ se encontra como um dos alvos deles de novo, voc√™ sabe por onde come√ßar para corrigir a situa√ß√£o. Adicione tr√™s dados para testes de Ladroagem [Lacerny], Furtividade [Stealth], ou Sobreviv√™ncia [Survival] ao manusear Opera√ß√Ķes FIRSTLIGHT.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um Amigo l√° dentro: Voc√™ tem algu√©m na folha de pagamento da FIRSTLIGHT que se relata para voc√™. Discuta com o seu Narrador, como voc√™ mantem esse controle seja com coer√ß√£o sobrenatural, amea√ßas ou um pesado suborno peri√≥dico. O espi√£o avisa se a organiza√ß√£o est√° vindo atr√°s de voc√™, e uma vez por hist√≥ria ele vai cometer um ato de menor import√Ęncia de sabotagem (destrui√ß√£o de provas, atrapalhar uma opera√ß√£o, etc.) ao seu pedido.

 

KEVIN JACKSON

(“Kevin Jackson”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 277)

Kevin Jackson √© uma das crias mais novas de Lodin, um tenente Abra√ßado para reorientar a influ√™ncia do ent√£o Pr√≠ncipe sobre o submundo do crime de Chicago, esperando ter sucesso onde o controle de Capone estava come√ßando falhar, trazer essas opera√ß√Ķes para o futuro, onde elas fariam diferen√ßa. Reconhecendo a oportunidade quando viu isso, Jackson fez o jogo a longo prazo: agindo de forma respeitosa sendo rosto do chefe bandido no comando para o seu Senhor frequentemente paran√≥ico enquanto construia uma enorme base de poder pessoal por tr√°s de si e a sua volta. Com a queda de Lodin e sua suposta destrui√ß√£o, Jackson viu nisso com uma oportunidade sem precedentes de obter poder para si mesmo – um que ele levou tempo para capitalizar, e assim garantindo para si o trono, vasta influ√™ncia entre os Membros, e sem nenhuma cerimonia o acesso aos recursos financeiros de seu Senhor.

Nas noites modernas, Jackson está focado principalmente em solidificar sua própria base de poder, construindo alianças e estabelecendo sua credibilidade diplomática pessoal. Ele forjou e manteve a paz com os Lupinos locais e pode estar prestes a fechar um acordo com os Lasombra que, se realmente der certo, irá estabelecê-lo como uma força a ser levada em conta por toda a Camarilla. Entrando no nível mais pessoal e pé no chão ele com certeza poderia ser o tipo de ajuda que um ambicioso e jovem lambedor iria querer para progredir na segunda cidade.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Sangue Novo: Um rec√©m-chegado ao servi√ßo do Pr√≠ncipe, possivelmente vindo de outro dom√≠nio, voc√™ tem acesso ao Antecedente M√°scara especialmente constru√≠do e que vale dois pontos que voc√™ pode usar uma vez por hist√≥ria, criada usando a Influ√™ncia deJackson. Se voc√™ causar uma viola√ß√£o da M√°scara enquanto utiliza a identidade desse Antecedente M√°scara, voc√™ n√£o sofre nenhum dano ou consequ√™ncias, al√©m de alguns esporadicos conhichando com o xerife ou o desd√©m vocal das Harpias no Elysium.

‚ÄĘ‚ÄĘ Gradua√ß√£o Recente: Voc√™ emergiu de uma da novas ‚Äúescolas de aperfei√ßoamento‚ÄĚ do Principe, dedicadas √† sua causa e sempre prontas para ajudar a alcan√ßar os objetivos de unidade e justi√ßa dele. A voc√™ foi concedido os servi√ßos de assist√™ncia de um Carni√ßal equivalente ao Antecedente Lacaios (‚ÄĘ‚ÄĘ) que o educa sobre Chicago e seu funcionamento, ele tem a tarefa de ajud√°-lo em quaisquer deveres que o pr√≠ncipe atribuir a voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Promissor: O pr√≠ncipe concedeu-lhe acesso provis√≥rio a uma das suas areas de interesse n√£o criminosas, que √© equivalente a Influ√™ncia (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ). Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode invocar o nome de Jackson para ter uma vitoria automatica em um Teste social contra um NPC Membro cujos interesses se sobrep√Ķem as do pr√≠ncipe.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Ajudante: O Pr√≠ncipe conhece as suas capacidades e as valoriza. Ele concedeu a voc√™ acesso ao n√ļcleo de seu poder pessoal, as gangues que ele passou anos desenvolvendo em seu ex√©rcito pessoal. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode invocar os “Bloods” para te ajudarem em uma pr√≥xima cena, onde eles contam como um Antecedente Aliados (Bloods) ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ e Contatos (Sangue) ‚ÄĘ‚ÄĘ.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tenente do Principe: Voc√™ √© a forte m√£o direita do pr√≠ncipe, ele tende a recorrer a voc√™ para ouvir conselhos sabios ou discutir sobre a√ß√Ķes decisivas. Voc√™ possui Mawla ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ (Kevin Jackson). Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode solicitar a oportunidade de presentar um mortal a sua escolha com o Abra√ßo e o Pr√≠ncipe v√£o aprovar esse pedido.

 

ICONOGRAFIA DOS MEMBROS

(“Kindred iconography”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 278)

Participe de qualquer reuni√£o dos Membros e voc√™ ver√° sinais e sigilos de afilia√ß√£o de cl√£ em todos os lugares: os Toreador com rosas enroladas em suas mangas, os Ventrue com cetros bordados em suas lapelas. Ao longo dos mil√™nios, os Cainitas elevaram seus s√≠mbolos n√£o apenas a uma fomra de arte, mas para toda uma linguagem pr√≥pria. Nas ruas das cidades, neofitos e anarquistas pegaram esses √≠cones e outros e criaram imagens que oferecem informa√ß√Ķes em um piscar de olhos. Eles alertam os mais experientes o suficiente para interpret√°-los , e avisar que uma determinada Prateleira (The Rack) foi reivindicada por uma Coterie, ou que h√° um lugar seguro para descansar para o dia seguinte. O que parece ser uma parede coberta em graffiti simples para olhos humanos, na verdade fala muito sobre os Vampiros.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Icon√≥grafo: Voc√™ √© versado nos s√≠mbolos dos Membros, capaz de identificar o cl√£ de algu√©m pelos sinais em suas roupas e poderiam dar aulas para neofitos sobre como e porque as imagens mudaram ao longo dos s√©culos. Adicione dois dados aos testes da pericia Erudi√ß√£o [Academics] relevantes.

‚ÄĘ‚ÄĘ A Escrita na Parede: Voc√™ aprendeu a procurar marcas que outros Membros deixaram para tr√°s. Ganhe tr√™s dados em testes de Manha [Streetwise] relevantes ao procurar informa√ß√Ķes sobre dom√≠nios locais e graffiti vampiricos dispon√≠veis, ou em obras de arte na √°rea.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tend√™ncias: O tem um bom senso de estilo. Seu estilo chama a aten√ß√£o dos olhos no Elysium, e outros Membros olham para ver o que voc√™ √© vestindo esta semana. Adicione dois dados em testes sociais quando voc√™ estiver enfeitado com as imagens de seu cl√£ ou outra afilia√ß√£o escolhida.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Artista de Grafitti: Aqueles avisos na parede? Isso √© seu design. Seus murais s√£o obras de arte, e voc√™ os desenha n√£o somente para avisar as Coteries, mas sim de uma forma que at√© mesmo um Toreador pode passar a admir√°-lo. Voc√™ pode inclusive ter atra√≠do at√© mesmo a aten√ß√£o da pr√≥pria Annabelle. Testes de Oficios [Craft] em rela√ß√£o √† sua arte recebem tr√™s dados extras quando envolvem a iconografia dos Membros.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Giorgio Quem? Voc√™ √© quem veste o Pr√≠ncipes e os Primog√™nitos, tecendo sutilmente a iconografia dos cl√£s nas linhas de um terno ou no corte de um vestido. Voc√™ n√£o faz afirma√ß√Ķes com o seu trabalho, voc√™ fazer disserta√ß√Ķes. Uma vez por hist√≥ria, uma roupa feita com o seu Design concede dois pontos de Status a um personagem de sua escolha por aquela sess√£o. Alternativamente, a sua cr√≠tica mordaz sobre as pobres escolhas da indument√°ria de um vampiro remove um ponto de Status de pelo mesmo per√≠odo de tempo.

 

O LABIRINTO

(“The Labyrinth”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 279)

No centro de Chicago, h√° uma abandonada “Super-Esta√ß√£o” para o L que foi constru√≠da, mas nunca usada, sob o Bloco 37. Isso leva a uma s√©rie de t√ļneis que est√£o em v√°rios est√°gios de degrada√ß√£o, desde que a constru√ß√£o deles foi interrompida. A s√©rie de esta√ß√Ķes e lugares conectados e para onde elas conduzem √© conhecido coloquialmente entre os Membros como ‚ÄúO Labirinto.‚ÄĚ Existem v√°rios covis e esconderijos dentro do Labirinto, mas √© um lugar ca√≥tico que √© dif√≠cil para a Camarilla pol√≠ciar. Diz-se que existe todo o tipo de Membros e outras coisas l√° embaixo, e √†s vezes quando os Membros v√£o para o Labirinto, eles nunca retornam. Outros, entretanto, voltaram com conhecimentos muito √ļtil a seus novos aliados.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Tunel de Acesso: Existem v√°rios t√ļneis que podemos usar para viajar atrav√©s do labirinto e que saem para diferentes n√≠veis da cidade. Um Membro no labirinto pode conhecer os caminhos que mostram para onde virar, que dire√ß√£o pegar e que marcadores seguir. Se voc√™ seguir esses caminhos, ninguem mais no labirinto ir√° te prejudicar, mas se voc√™ se desviar, voc√™ corre o risco de morte ou coisa pior. Esse o conhecimento √© √ļtil ao tentar escapar de inimigos que te perseguem ou se voc√™ precisa se esconder por uma noite, passando o seu devido tempo nos t√ļneis.

‚ÄĘ‚ÄĘ Boxcar Blues: As hist√≥rias contadas sobre o labirinto s√£o estranhas e existe varios contos incomuns de as coisas que os habitantes viram em todos esses anos de Chicago. Por uma raz√£o ou outra os Membros habitantes deste lugar decidiram ir para a clandestinidade, e por causa disso eles t√™m um forma √ļnica de divulgar not√≠cias atrav√©s do boca a boca. Bom, √© atrav√©s da m√ļsica. Existem v√°rias can√ß√Ķes folcl√≥ricas que eles cantam e que t√™m significados duplos ou ocultos que representam certas figuras pol√≠ticas atualmente em pot√™ncia. Voc√™ foi ensinado como decifrar essas letras e obter e entender informa√ß√Ķes importantes delas. Voc√™ recebe gratuitamente as especialidades de Pericias em Performance (M√ļsica Folcl√≥rica) e Manha [Streetwise] (rumores do labirinto).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Igreja: Uma vez por m√™s um pequeno clube noturno acontece em uma das maiores e mais vazias salas de concreto. Os Membros do subterr√Ęneo equiparam o local com luzes, alto-falantes e barras. Eles chamam o local de a Igreja, ironicamente √© claro, e eles bombam o calabou√ßo com m√ļsica de synth e witch house at√© o amanhecer para uma noite de adoradores de dan√ßa. As mais obscuras atividades vamp√≠ricas acontece em alguns quartos adjacentes a este espa√ßo aberto, projetado para confundir humanos com estados alterados de consci√™ncia que vagueiam para que se tornem refei√ß√Ķes. Ningu√©m o impediu de funcionarainda porque o Membro que organiza e o mantem, sempre tem o cuidado de cobrir todos os seus rastros. Voc√™ sabe a sua localiza√ß√£o e √© bem-vindo para trazer mais um a qualquer momento.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Covil da Lydia: H√° uma or√°culo chamado Lydia que vive em meio a trens abandonados nas ru√≠nas. Seu covil √© decorado com lindas sedas e uma cole√ß√£o dos ossos de coisas mortas que ela cultiva ao longo dos anos. Ela √© uma jovem mulher branca com cabelo preto e comprido que geralmente usa jeans simples e uma camisa. Lydia √© uma Tremere, √© cega, uma condi√ß√£o que se tornar Membro n√£o pode resolver para ela. √Č poss√≠vel que ela seja muito velha, mas ela n√£o revelar√° a sua idade exata, e ningu√©m entende como ela utiliza a Feiti√ßaria de Sangue para ver futuros espec√≠ficos. Se voc√™ trazer algo para ela comer, ela vai ler a palma da sua m√£o, te dizendo uma coisa espec√≠fica sobre o futuro. Voc√™ tem acesso a ela, e como ela n√£o gosta de qualquer um, voc√™ √© um daqueles poucos a quem ela confia na comunidade subterr√Ęnea de vampiros. Lydia conta como uma Mawla (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Esconderijo: Os vampiros que moram aqui confiam em voc√™ o suficiente para esconde-lo por um tempo se voc√™ estiver sendo perseguido. √Č um ref√ļgio seguro para vampiros estranhos, e nenhum julgamento geralmente √© feito. Se crimes s√£o cometidos contra a comunidade, no entanto, voc√™ √© r√°pidamente expulso. Voc√™ ganha o antecedente; Aliados: Comunidade de Membros do Labirinto (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ).

 

ESPECIALISTA EM LUPINOS

(“Lupine Expert”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 280)

Fora do porto seguro das cidades, os Lupinos vagam. Essas bestas que mudam de forma estão à espreita para pegar Vampiros e rasgá-los membro por membro. Cada vampiro nas noites modernas parece ter pelo menos uma história de um encontro com um lupino que parece ter saido dos piores pesadelos. Eles são terríveis e uma ameaça irritante. Ninguém sabe ao certo de onde eles vêm, quando eles vão atacar, ou o por que eles querem matar vampiros em primeiro lugar. Ninguém, exceto você claro. Ao contrário de outros Membros, você encontrou os Lupinos e viveu para contar a historia. Você conhece seus segredos e, o mais importante, como usar esses segredos para manter seus companheiros vampiros seguros. Você pode ter aprendido ao espionar uma matilha, de um Lupino desonesto, ou apenas sobrevivendo a um evento traumático, como o Guerra de Chicago. Seja qual for o motivo, quando os lobos começar a uivar, os Membros se voltam para você primeiro para saber o que fazer.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Ca√ßador: Voc√™ desenvolveu um olho apurado para rastrear Lupinos, mesmo quando eles est√£o fingindo ser humanos. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode receber tr√™s dados extras em qualquer teste mental para perseguir Lupinos.

‚ÄĘ‚ÄĘ T√°tico: Um ataque Lupino √© uma das experi√™ncias mais terr√≠veis na n√£o-vida de um vampiro. Voc√™ j√° viveu o suficiente a eles para manter a cabe√ßa fria e ajude a sua Coterie a lutar. Quando voc√™ e seus aliados usam Trabalho em equipe (Vampiro: O Masquerade p. 122) contra Lupinos, o grupo sempre pode ajudar uns aos outros. Cada personagem pode contribuir com um dado para o Teste de trabalho em equipe, n√£o importa o que aconte√ßa ou que Pericia que o teste exige.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Soldado: A habilidade de um lobisomem em combate nunca deveria ser subestimada. Voc√™ sabe disso mais do que ningu√©m, mas n√£o o impede extrair todas as vantagens possiveis sobre eles. Ao se envolver voc√™ no combate f√≠sico, um Lupino com a forma alterada sofre um redutor -2 de dano ao usar suas garras e dentes contra voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Trof√©u: Voc√™ matou um Lupino, e voc√™ tem as evid√™ncias para provar isso. Esta lembran√ßa pode ser algo como o fragmento da caveira humana do Lupino, um peda√ßo de sua roupa com a ins√≠gnia representando uma Fac√ß√£o Lupina, ou os destro√ßados restos de uma das suas premiadas armas. Uma vez por hist√≥ria, quando voc√™ revela este trof√©u para um lobisomem, voc√™ pode escolher a rea√ß√£o inicial dele: Ou ele foge de voc√™, ou apenas direciona voc√™ para o conflito F√≠sico. Revelar este trof√©u para os Lupinos mais de uma vez por hist√≥ria inicia a mesma escolha, mas o Narrador escolhe o rea√ß√£o ao inv√©s do jogador.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Embaixador: O seu conhecimento sobre lobisomens √© t√£o boa que voc√™ pode negociar com eles. Voc√™ ganhou respeito m√ļtuo de ambos os Membros e os Lupinos, e voc√™ pode use esse respeito para estabelecer alian√ßas entre os dois. As alian√ßas que voc√™ forma s√£o tensas e fugazes, mas comparado a o status quo de “matar √† primeira vista”, eles s√£o uma melhoria maravilhosamente dram√°tica. Sempre que voc√™ tenta curar um incidente entre os vampiros individuais e lobisomens, ou tenta fazer os dois se unirem, voc√™ recebe dois extras dados para testes sociais em busca de seu objetivo. Com esfor√ßo suficiente e o devido sacrif√≠cio, voc√™ pode convencer os Membros e Lupinos de uma cidade para agirem como um s√≥ para realizar uma tarefa, uma vez por cr√īnica, nenhum teste √© necess√°rio.

 

NATHANIEL BORDRUFF

(“Nathaniel Bordruff”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 281)

Nathaniel Bordruff √© um anci√£o Nosferatu de Chicago Warren, um dos Asseclas pessoais do falecido Pr√≠ncipe Lodin. A queda de Lodin abriu uma vista de oportunidades antes de Natanael tomar o governo da cidade, um objetivo que ele perseguiu com vontade por raz√Ķes que a maioria dos outros Membros n√£o conseguiram entender totalmente, mas que ele acabou falhando em alcan√ßar isso, o que foi a gra√ßas e em parte, √† recusa do anci√£o de seu pr√≥prio cl√£ em apoiar sua oferta para maior poder. Furioso e amargurado, Nathaniel medita sobre esta injusti√ßa, entre muitas outras, e foi cada vez mais longe e mais longe dos Membros reserva para si mesmo seus objetivos finais nos anos seguintes. Nathaniel Bordruff √© um vampiro que odeia todos os outros vampiros e a maioria dos outros humanos com todo o seu cora√ß√£o e sua alma. Ele n√£o gostaria de mais nada, o que s√≥ intensificou esse sentimento ainda mais agora com Segunda Inquisi√ß√£o, e ele deseja expor toda a estrutura vamp√≠rica corrupta para √† luz do dia como o ca√ßador de monstros que ele j√° foi. Seu ego√≠smo devorador permite que ele acredite que ser√° celebrado por este ato e n√£o outra pilha de cinzas com por causa de sua trai√ß√£o, uma vez que tudo est√° dito e feito. Ele come√ßou a buscar aliados para ajud√°-lo em seus loucos empreendimentos e esta ainda pode ser a chave para sua ru√≠na.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Recruta: Algo em voc√™ – talvez seja a sua atitude preconceituosa, talvez seja o seu cora√ß√£o raivoso, talvez √© a maneira como voc√™ reclamou amargamente uma vez sobre a sociedade dos vampiros, e tambem sobre a pr√≥pria condi√ß√£o vamp√≠rica – atraiu a aten√ß√£o de Bordruff. Seja voc√™ ou n√£o Nosferatu, ele estendeu a m√£o em amizade para voc√™, na forma do Antecedente Mawla (‚ÄĘ‚ÄĘ) mas exige que voc√™ aceite uma n√≠vel de La√ßo de sangue com ele.

‚ÄĘ‚ÄĘ Colaborador: Para qualquer raz√£o, voc√™ optou por aceitar a Amizade ou o patroc√≠nio de Bordruff. No primeiro, isso parece perfeitamente razo√°vel em que voc√™s fazem um ao outro pequenos mas significativos favores, mas gradualmente o relacionamento se torna mais profundo do que isso e voc√™ come√ßa a suspeitar que ele quer mais de voc√™ do que o transporte ocasional de uma bolsa ou um ato de sabotagem social menor. Como resultado, voc√™ desenvolveu Recursos (‚ÄĘ) e Status (‚ÄĘ) e a reputa√ß√£o de ambicioso e trabalhador, mas com um certo fedor agarrado a voc√™ por causa das suas associa√ß√Ķes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ C√ļmplice: Bordruff come√ßou oferecendo-lhe grandes favores em troca de grandes riscos ou a√ß√Ķes tomadas em seu nome. Voc√™ come√ßou a perceber, seja porque ele come√ßou tem compartilhando mais insights sobre seus maiores objetivos, por meio de Investiga√ß√£o [Investigatiin] ou Sagacidade [Insight] pr√≥pria de que existe alguma causa aqui, cujas dimens√Ķes voc√™ s√≥ agora est√° come√ßando a compreender. A generosidade do seu patrono concedeu a voc√™ acesso aos Antecedentes Ref√ļgio: Sala protegida (‚ÄĘ) em um por√£o paroquiano, Contatos: Consist√≥rio CoC (‚ÄĘ‚ÄĘ), e um conhecimento crescente sobre as injusti√ßas da sociedade vamp√≠rica.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Conspirador: Voce sabe de tudo – Bordruff, satisfeito com a sua lealdade, trouxe voc√™ totalmente para sua confian√ßa, expondo a voc√™ o alcance total da sua vis√£o, e perguntou se voc√™ quer se juntar a sua conspira√ß√£o para derrubar a sociedade vamp√≠rica de dentro como um parceiro e companheiro vision√°rio que vai limpar o mundo da mancha do vampirismo. Ele concedeu a voc√™ acesso aos seus principais asseclas humanos, o pastor da Igreja de Cristo e do consist√≥rio, todos s√£o seus carni√ßais e em quem ele instilou um √≥dio virulento pelos Mortos-vivos. Isso constitui Aliados (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) que te consideram um potencial salvador da humanidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Traidor: Que curso voc√™ vai escolher: trair os Membros como um todo e buscar meios de trazer a destrui√ß√£o total para o mundo deles? Ou vai voc√™ trair aquele que escolheu confiar em voc√™ e entregar ele para o Pr√≠ncipe e a justi√ßa de os condenados? Escolha sabiamente. Qualquer que seja a sua escolha voc√™ pode ganhar (Status e potencialmente Mawla com o Pr√≠ncipe) ou perder.

 

A DAMA PINTADA

(“The Painted Lady”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 282)

Um n√ļmero gigantesco de est√ļdios de tatuagem de luxo, de piercing e masmorras BDSM existem em Chicago, mas apenas um pode reivindicar ser completamente exclusivo. O sal√£o s√≥ para convidados de Edith Beaubien √© algo como uma lenda entre os colecionadores de tinta, entusiastas da modifica√ß√£o corporal, e aqueles que procuram um limite para suas tor√ß√Ķes sexuais. Convites a eventos hospedados no Dama Pintada s√£o cobi√ßados por certos elementos entre os Membros da cidade, mas a mais verdadeira indica√ß√£o de que algu√©m “chegou” ao cen√°rio de Chicago √© o recebimento de um fino cart√£o de metal de s√≥cio e uma tatuagem ou piercing no distinto estilo da Dama Pintada. Enquanto muitos se esfor√ßam para receber as tintas da pr√≥pria Beaubien, apenas os VIPs de longa data podem se orgulhar dessa honra. Existem rumores de que alguns Membros mais proeminentes do mundo foram frequentadores, at√© mesmo membros a favor de Sangues Fracos, Caitiff e Anarquistas.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Mais Um: Por um golpe de sorte, seu companheiro (ou lanche) de uma noite garantiu a voc√™ um convite ou perguntou se voc√™ queria ser o ‚Äúmais um‚ÄĚ dele. Voc√™ s√≥ poderia observar, n√£o participar, mas s√≥ de ir l√° j√° automaticamente gera um capital social entre os Membros da cidade. Voc√™ ganha dois dados para testes Persuas√£o [Persuasion] e Status (‚ÄĘ‚ÄĘ) em qualquer encontro com um f√£ ou frequentador regular do Dama Pintada durante at√© uma semana ap√≥s a sua visita.

‚ÄĘ‚ÄĘ Convite em Relevo: Na tua m√£o descansa um brilhante cart√£o de neg√≥cios vermelho-rubi. De um lado est√° gravado, em letras brancas em relevo, ‚ÄúA Dama Pintada, Chicago, est. 1907. ‚ÄĚ e o verso √© carimbado com uma data e em tinta prateada. Embaixo alguem escreveu √† m√£o: ‚ÄúVoc√™ √© convidado para vir brincar. ‚ÄĚ Neste n√≠vel, voc√™ recebe Influ√™ncia: Entusiastas da Dama Pintada (‚ÄĘ‚ÄĘ), e voc√™ pode participar de cenas BDSM, se alimentar de qualquer mortal disposto a se envolver no jogo de sangue.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Marque uma Consulta: O fino cart√£o de metal fosco parece quase id√™ntico ao negro cart√£o de neg√≥cios que voc√™ recebeu quando voc√™ veio a primeira vez para A Dama Pintada, apenas o nome do estabelecimento est√° gravado em prata na frente, e no verso est√° gravado “Membro” junto com um dia da semana. Este cart√£o d√° direito a voc√™ participar de uma festa por semana assim como agendar uma consulta para receber uma tatuagem ou piercing padr√£o. Devido ao seu status elevado, voc√™ atrai a considera√ß√£o particular ou aten√ß√£o de um figur√£o regular, companheiro de brincadeira, tatuagem artista ou t√©cnico de perfura√ß√£o que s√£o equivalentes a Lacaios (‚ÄĘ‚ÄĘ) e se voc√™ receber um piercing ou tatuagem, seu status entre os contraculturalistas do dom√≠nio melhora em um ponto.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ VIP: Seu cart√£o agora √© da cor de uma n√©voa prateada e a parte de tr√°s esta simplesmente carimbada com “VIP.” Voc√™ pode assistir ao sal√£o em qualquer noite ou noites voc√™ preferir, e voc√™ pode acessar cenas mais‚Ķ atraentes. Uma consider√°vel quantidade de dor e sangue vai estar envolvida, mas os mortais e os Membros celebrantes se envolvem nessas semi-torturas com entusiasmo. Voc√™ pode aceitar o convite para entrar no show ou friamente observar; a escolha √© sua. Neste n√≠vel, seu personagem tem acesso a Rebanho: Entusiastas da Dama Pintada (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) e ganha Contatos: Comunidade BDSM (‚ÄĘ‚ÄĘ).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A Beaubien Original: Tatuagens, piercings e modifica√ß√Ķes corporais da equipe A Dama Pintada s√£o not√°veis, mas para receber uma pe√ßa encomendada e executada pela pr√≥pria Edith Beaubien √© uma experi√™ncia rara e inesquec√≠vel. A Nosferatu trabalha no estilo japon√™s tebori, e usa pigmentos feitos √† m√£o que quando s√£o aplicados d√£o uma sensa√ß√£o de serem como se as gotas do pr√≥prio sol estivessem sendo lentamente depositadas em sua pele. A dor vale a pena por uma tatuagem que nunca ir√° desaparecer ao acordar e a satisfa√ß√£o de contar a outros Membros precisamente quem marcou voc√™. A Beaubien Original permite que voc√™ adicione dois dados a todos os testes de Manha [Streetwise], concede um permanente Status (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) entre os Entusiastas da Dama Pintada e os amantes da arte, e um status permanente (‚ÄĘ‚ÄĘ) entre outros Membros de Chicago.

 

FAMILIA REVENANTE DUCHESKY

(“Revenant Family: Duchesky”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 283)

(SOMENTE PERSONAGENS TREMERE)

Os Ducheski j√° foram os Krevcheski, uma fam√≠lia de estudiosos da Europa Oriental patrocinados por seus nobres. Os Tzimisce os sujeitaram a anos de experimenta√ß√£o, transformando a fam√≠lia em Revenantes, uma linha heredit√°ria de Carni√ßais nascidos com uma apar√™ncia de vitae vamp√≠rica em suas veias, mas afligida por um desejo por uma coisa mais real. Por um tempo, eles serviram ao cl√£ fielmente, desenvolvendo um talento especial para criar mecanismos avan√ßados e dispositivos para guerra de cerco e tortura. Quando a guerra eclodiu entre os Tremere e os Tzimisce, o Krevcheski trairam seus mestres, e juraram fidelidade aos Tremere, e assumiram seu novo nome. Eles t√™m servido ao cl√£ em segredo desde ent√£o, mantendo as bibliotecas, santu√°rios e laborat√≥rios dos Bruxos. A familia esta em decl√≠nio; poucos t√™m permiss√£o para continuara sua linhagem e at√© mesmo menos pessoas podem se juntar ao cl√£ como Membros. Pelo menos um membro desta ilustre fam√≠lia est√° ao seu servi√ßo. Salvo indica√ß√£o em contr√°rio, a compra de qualquer n√≠vel nessa Camada de Conhecimento pela primeira vez fornece ao jogador Lacaios (‚ÄĘ), representando o Revenante. Os Revenantes Ducheski s√£o Carni√ßais constru√≠dos como um Mortal Fraco que sempre tem acesso a Ausp√≠cios 1 e Feiti√ßaria de Sangue 1.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Sangue Nutritivo: Mesmo que a vitae de um Revenante esteja longe de ser t√£o potente quanto a dos Membros, beber dela pode ser igualmente sustentador. Quando voc√™ se alimenta de seu Ducheski Revenante, voc√™ pode ignorar a redu√ß√£o da Fome saciada quando beber de um humano devido a sua Pot√™ncia do sangue (na Pot√™ncia de sangue 4 e 7). Alimentar-se deles nunca provoca um La√ßo de Sangue. O Revenante ainda recebe dano agravado normalmente quando voc√™ se alimentar dele, como um ser humano normal.

‚ÄĘ‚ÄĘ Biblioteca Pessoal: Os Ducheskis possuem uma grande riqueza de conhecimento dentro de suas fortalezas ancestrais. O seu Revenante adicionou a biblioteca pessoal de textos dele a sua, aumentando a sua compreens√£o dos mist√©rios do mundo. Escolha dois entre as tr√™s pericias: Erudi√ß√£o [Academics], Investiga√ß√£o [Investigation], ou Ocultismo [Occult]. Sempre que voc√™ faz um teste com qualquer especialidade em uma dessas suas Pericias escolhidas, voc√™ recebe uma dado extra, al√©m de qualquer outro b√īnus aplic√°vel.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Equipe de Pesquisa: Voc√™ tem uma unidade familiar unida de tr√™s a cinco Revenantes Ducheski em seu cuidados. Voc√™ recebe Lacaios (‚ÄĘ‚ÄĘ) para represent√°-los. Uma vez por hist√≥ria, quando voc√™ fizer um teste de sua pesquisa para estudar um novo Ritual, a sua dedica√ß√£o e trabalho em equipe deles permite que voc√™ aprenda o Ritual em metade do tempo normal de aprendizagem.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Assistente de Rituais: O seu Revenate Ducheski tem uma aptid√£o especial para a hist√≥ria da Feiti√ßaria de Sangue, e pode ajudar a melhorar as suas t√©cnicas m√°gicas. Quando o seu Revenante est√° presente e ajuda voc√™ a preparar um Ritual conhecido, a dificuldade do teste para ativ√°-lo √© reduzido em 1. Se mais de um Assistente de Ritual esta presente, a parada de dados do Ritual aumenta em um dado para cada dois Assistentes Rituais presentes ap√≥s o primeiro.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Inven√ß√£o Ducheski: Voc√™ possui uma das obras primas criadas pelos Ducheski. Isto pode ser um dos infames mecanismos cronom√©tricos, ou mesmo uma moderna maravilha tecnol√≥gica projetada por um Revenante a seu servi√ßo. D√™ um nome √† inven√ß√£o, uma fun√ß√£o e escolha uma Pericia. Seu Narrador nomear√° at√© tr√™s componentes que fazem a sua fun√ß√£o ser poss√≠vel. A inven√ß√£o √© uma especialidade dessa Pericia que fornece tr√™s dados extras quando a inven√ß√£o √© usada em tarefas que envolvem essa Pericia. Se for danificada ou destru√≠da, qualquer Ducheski em seu servi√ßo sabe como consertar, se eles t√™m todos os componentes dispon√≠veis.

 

A SOCIEDADE DE ST. LEOPOLD

(“The Society of ST. Leopold”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 284 e 285)

Chicago √© uma cidade de f√© tanto quanto de alta finan√ßa e alta costura; a Arquidiocese Cat√≥lica Romana centrada na Catedral do Santo Nome, serve a um rebanho de mais de dois milh√Ķes – a maioria dos quais est√° viva, e alguns outros n√£o est√£o. Espalhados entre as fileiras eclesi√°sticas, escondidos entre os padres e freiras, os vig√°rios e di√°conos, os mission√°rios em treinamento e os irm√£os leigos, eles s√£o uma das amea√ßas mais antigas conhecidas pelos Membros: os justos e implac√°veis ‚Äč‚Äčca√ßadores de vampiros da Sociedade de S√£o Leopoldo.

Nomeados em homenagem a seu fundador espiritual e inspira√ß√£o, o frade dominicano Leopold von Murnau, a Sociedade existiu de uma forma ou de outra desde a forma√ß√£o da Santa Inquisi√ß√£o contra Diabolus enim et alii Daemones no s√©culo 13 EC, a mais antiga das for√ßas mortais que voltem as m√£os para a persegui√ß√£o e destrui√ß√£o dos Membros e todas as suas obras. A organiza√ß√£o mudou de forma consideravelmente ao longo dos s√©culos assim como as suas fortunas aumentaram e diminu√≠ram em rela√ß√£o com os cardeais e pont√≠fices, em alguns pontos considerados como um ferramenta inestim√°vel na batalha pelas almas dos homens, em outros como uma rel√≠quia embara√ßosa do passado, melhor deixar eles em algum canto esquecido dos arquivos acessiveis do Vaticano. Nunca, entretanto, sua miss√£o mudou nem cessou totalmente de atrair o servi√ßo daqueles na Igreja que olharam mais profundamente para o escurid√£o do que a maioria e encontrou horrores olhando para eles, mesmo que seus n√ļmeros diminu√≠ssem lentamente quase para a extin√ß√£o ao longo dos anos.

Mas agora a Sociedade de S√£o Leopoldo n√£o est√° mais desaparecendo. Desde 2008, e o desenvolvimento do programa conjunto para descobrir e destruir os mortos-vivos – conhecido como ‚ÄúCorpos em branco‚ÄĚ pelo tipo de indiv√≠duos que podem aceitar a exist√™ncia de entidades paranormais no mundo exterior mas n√£o conseguem falar a palavra “vampiro” em voz alta – o n√ļmero de membros da Sociedade aumentou de algumas dezenas a v√°rios milhares de membros em todo o mundo. E eles usufruem de uma massa existente de conhecimento acumulado sobre os mortos-vivos, coletados, guardados e disseminados no s√©culos, e isso formou a base de grande parte das pesquisas modernas sobre a fisiologia e as capacidades dos Membros que est√£o atualmente em andamento em locais obscuros em todo o mundo, agora auxiliados pela ci√™ncia, assim como tambem pela f√©. Os membros da organiza√ß√£o agora funcionam principalmente como recurso de conhecimento especializado como oficiais e agentes de investiga√ß√£o de campo para SOCOM / Opera√ß√Ķes da for√ßa-tarefa ESOG, o ‚Äúprimeiro boot no solo ‚ÄĚquando a Divis√£o de An√°lise da FIRSTLIGHT indica a necessidade de mais informa√ß√Ķes de um suspeito ninho de “anomalias”.

Como um Membro residente de Chicago, voc√™ possui alguns conhecimento da Sociedade de S√£o Leopoldo, como ela est√° organizada, e como funciona – ou, pelo menos, como fez antes da √ļltima d√©cada – e pode ter alguma ideia de como ou ter a capacidade de descobrir informa√ß√Ķes mais atuais.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Postulante: Seu relacionamento com o seu anterior (ou o atual?) da Igreja o fez considerar de modo serio fazer parte das Ordens Sagradas. Durante o processo de considera√ß√£o, voc√™ mergulhou fundo na hist√≥ria da arquidiocese e as suas organiza√ß√Ķes constituintes, que pode ou n√£o j√° ter incluido um escrit√≥rio associado com a Sociedade de S√£o Leopoldo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode perguntar ao Narrador sobre uma quantidade conhecida de informa√ß√Ķes sobre a sociedade.

‚ÄĘ‚ÄĘ Novi√ßo: Seu interesse em entrar em uma profiss√£o de f√© foi mais fundo do que a maioria: voc√™ estava prestes a entrar em seu noviciado quando a vida foi definitivamente arrancada de voc√™. Independente de voc√™ se ressentir disso ou n√£o, voc√™ ainda retem uma quantidade consider√°vel do interesse e potencial contato com os membros da igreja local. Estes contatos (equivalentes a ‚ÄĘ‚ÄĘ) naturalmente incluem o seu confessor, os membros da ordem que voc√™ estava procurando entrar, quem supervisionou seu treinamento, companheiros novatos, ou membros da congrega√ß√£o local e grupos de volunt√°rios.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Irm√£o ou Irm√£: Antes de seu abra√ßo voc√™ era um membro da igreja, juramentado e consagrado a uma comunidade religiosa de contemplativos, car√°ter mon√°stico ou apost√≥lico. Seu estado atual de exist√™ncia n√£o permite mais que voc√™ persiga a sua voca√ß√£o, mas voc√™ mesmo assim retem o conhecimento que voc√™ adquiriu durante o per√≠odo da sua exist√™ncia que voc√™ serviu ativamente √† Igreja. Voc√™ possui conhecimento detalhado sobre a diocese local, incluindo seus membros e propriedades, quando os grupos se encontram e onde, e ao que eles s√£o afiliados na Sociedade, permitindo a voc√™ dois dados extras em todos os testes de Erudi√ß√£o [Academics] e Ocultismo [Ocultismo] relativos ao distrito religioso de sua experi√™ncia. Voc√™ tambem pode usar esta Camada de Conhecimento uma vez por hist√≥ria para encontrar um lugar seguro para se esconder entre as v√°rias propriedades que pertencentem √† Igreja (equivalente de Refugio ‚ÄĘ).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Padre ou Madre: Voc√™ era um dos plenamente professos, sacerdote ordenado ou o mais velho canoneiro supervisionando de uma comunidade de freiras antes de seu Abra√ßo. Enquanto voc√™ est√° separado agora da sua antiga profiss√£o de f√©, voc√™ ainda assim possui muitas das vantagens que voc√™ ganhou durante o servi√ßo. Voc√™s sabe exatamente quem s√£o os membros da Sociedade de S√£o Leopold na cidade e onde eles se encontram, e com que freq√ľ√™ncia geral esses encontros ocorrem, voc√™ tem ideia de que a quais for√ßas seculares eles s√£o afiliados e desenvolveu algumas estrat√©gias em como evit√°-las ou direcion√°-las erroneamente, no valor de Influ√™ncia (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) com a diocese quando se trata de lidar com a Sociedade. Al√©m disso, voc√™ ainda possui acesso √†s propriedades da igreja que podem atuar como um ref√ļgio permanente (‚ÄĘ‚ÄĘ) onde nenhum ca√ßador de vampiros geralmente pensar√° em te procurar. Esta Camada de Conhecimento vem com o Defeito: Inf√Ęmia (‚ÄĘ), enquanto a diocese local pode confiar em voc√™, a grande sociedade, n√£o. Eles sabem o que voc√™ era e sabem que voc√™ se afastou daquela vida. Eles apenas ainda n√£o sabem o por que.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Inquisidor: Voc√™ √© um ex-membro ca√≠do da Sociedade de S√£o Leopoldo ou uma de suas organiza√ß√Ķes constituintes (os Condotierri, Gladius Dei, o Escrit√≥rio do Censor, ou a Ordem de Santa Joana). Voc√™ pode ter escolhido aceitar o Abra√ßo por raz√Ķes trai√ßoeiras, por conta pr√≥pria ou voc√™ pode ter sido Abra√ßado e destinado a algum prop√≥sito pelo seu senhor, mas em qualquer caso, voc√™ possui profundo conhecimento pessoal relacionado a Sociedade e o seu funcionamento interno, como funcionou historicamente e como pode estar funcionando em conjunto com a entidade do grupo de opera√ß√Ķes especiais. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode perguntar ao Narrador por um peda√ßo de verdades e informa√ß√Ķes precisas sobre a Sociedade e suas atividades atuais. Se voc√™ √© um traidor, parab√©ns! Sua trai√ß√£o ainda pode dar frutos. Se voc√™ est√° em cativeiro contra sua vontade, parab√©ns! Sua vingan√ßa pode muito bem estar perto.

 

TALLEY

(“Talley”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 286)

Frio, profissional e possuindo uma especialidade rara tanto para ser guarda-costas quanto para assassinato, os Lasombra idolatram Talley, enquanto a maioria dos vampiros fora d Cl√£ da noite o despreza. Ouvindo da boca do proprio, Talley conta que estava entre os primeiro Lasombra a se juntar ao Sab√° como uma forma de quebrar as correntes dos anci√£os. Agora que ele √© um anci√£o, e sua vis√£o n√£o mudou muito. Ele sente que um vampiro nunca pode parar de socar mestres indignos, e nas noites modernas, o que acontece √© que a Camarilla est√° melhor posicionada para faz√™-lo do que o Sab√° degenerado, e o ca√≥tico Movimento Anarquista. Nunca um rebelde por direito pr√≥prio, Talley trabalha para o lance mais alto e nunca renega um contrato. Este c√≥digo de honra, combinado com um senso de humor verdadeiramente seco, √© tudo o que ele possui para marc√°-lo como algo diferente de um predador sanguin√°rio. Poucos Membros cruzaram o caminho de Talley e sobreviveram, e mesmo os que fizeram, tendem a se sentir inclinados a olhar constantemente por cima do ombro, s√≥ par verificar se realmente esta tudo limpo. Representando uma variedade de poderosos Lasombra, Talley participa de conversas nas noites de noite, permitindo que os Guardi√Ķes entrem nas fileiras da Camarilla. Dizem que ele inflamou o comando da Camarilla contra Lucita, e o fez sem hesita√ß√£o. Infelizmente para Talley, parece que ele logo logo ser√° colocado de escanteio pelos pr√≥prios mestres que ele serviu t√£o diligentemente por s√©culos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Reconhecer os Sinais: Assim como Talley, voc√™ tem uma sensa√ß√£o de quando o perigo se aproxima, e √© hora de mudar de lealdade ou fugir de um dom√≠nio. Uma vez por hist√≥ria, se uma a√ß√£o √© suscept√≠vel de causar uma forte rea√ß√£o social, o Narrador vai te contar se voc√™ p√©dir.

‚ÄĘ‚ÄĘ Comunica√ß√Ķes Secretas: O dom√≠nio de Talley sobre os subcanais de comunica√ß√£o dos Membros permite que ele opere como uma empresa de grandes assassinatos bem sucedidos, que existe fora da Cadeia hier√°rquica da Camarilla. Voc√™ conhece esses canais, e pode reivindicar um destaque para um membro da Camarilla (como um pr√≠ncipe) que atua como um Mawla (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) para ser usado em uma √ļnica sess√£o por cr√īnica. Como voc√™ trata este contato depende de voc√™, mas chantagens ou rela√ß√Ķes calorosas v√£o produzir resultados diferentes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Cordas Emaranhadas: Voc√™ n√£o lute contra os anci√£os como o Sab√° ou os anarquistas. Ao inv√©s disso, voc√™ procura manipular eles de baixo. Voc√™ ganha dois dados de b√īnus em testes de Intelig√™ncia [Inteligence] e Raciocinio [Wits] ao buscar fatos para determinar se voc√™ esta sendo manipulado. Voc√™ tambem ganha dois dados de b√īnus em seus testes sociais, se voc√™ alguma tentar manipular diretamente a pessoa que tentando controlar a voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Matador Treinado: Talley atua como seu mentor na arte de matar, seja porque seu mestre atual solicitou, ou porque voc√™ pagou o alto pre√ßo dele voc√™ mesmo. Uma vez por cr√īnica, Talley conta como um Mawla (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) e pode fornecer a voc√™ acesso a seu arsenal transport√°vel na mesma noite, permitindo que voc√™ possa comprar armas autom√°ticas, explosivos, l√Ęminas e at√© lan√ßa-chamas, se voc√™ tiver o dinheiro.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Defensor Pessoal: Talley √© o seu guarda-costas. Voc√™s j√° providenciou o pagamento, seja em dinheiro, favores, ou sangue, e por enquanto Talley √© seu defensor leal. Ele ir√° acompanh√°-lo em qualquer lugar voc√™ deseja que ele esteja e sempre ao seu lado, sem julgar e n√£o oferecendo nenhum conselho a menos que voc√™ solicite. Uma vez que o contrato termine no final da sess√£o, Talley n√£o falar√° de nenhum pecado que voc√™ tenha feito e ele tenha testemunhado.

 

WAUNEKA

(“Wauneka”, Livro: “Cricago by Night V5”, pag 287)

O Nosferatu Wauneka √© um dos Membros mais bem relacionados na cidade devido aos seus vastos sussurros em cadeia nas ruas. Como um Nosferatu, muitos Membros tendem a ficar longe dele, temendo sua monstruosa forma f√≠sica. Ele n√£o √© o mais f√°cil de conversar, mas ele vai a lugares que a maioria dos outros n√£o, e isso torna as suas informa√ß√Ķes incrivelmente valiosas.

Sua rede de informa√ß√Ķes incluem adolescentes fugitivos, jovens v√≠timas de tr√°fico sexual, trabalhadoras do sexo que foram abusadas e veteranos sem-teto cujos todos cont√©m vasto conhecimento sobre o subsolo da cidade. Eles v√™em coisas que a maioria da sociedade humana n√£o v√™, que s√£o os crimes tanto humanos, tanto de membros que ocorrem nas escuras ruas de Chicago. Wauneka at√© ensinou alguns deles como estar pronto para presenciar tais eventos que agitam as noite. Ele se sente conectado a eles, como se fossem sua fam√≠lia, e eles o aceitam quando a maior parte da sociedade “adequada” n√£o o faria.

Esta vasta rede de segredos protege e amntem a sobrevivencia de Wauneka em Chicago, e at√© lhe d√° algumas vit√≥rias politicas de vez em quando, se ele puder dar as informa√ß√Ķes certas para a pessoa certa.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Encontros Isolados: Wauneka decidiu que voc√™ esta entre os poucos Membros que podem encontra-lo e ter um bate-papo ocasional sobre o que est√° acontecendo na cidade. Uma vez por hist√≥ria, encontre-se com Wauneka em um lugar isolado que ele escolher, e ele vai querer que voc√™ conte ou busque um segredo a ele sobre um assunto relacionado e que seja do interesse da sua rede subterranea.

‚ÄĘ‚ÄĘ Caminhos de Espionagem: Voc√™ provou que n√£o se importa de ser visto por ar com os p√°rias da sociedade, voc√™ possui alternadamente respeito e pena deles, e eles te fazem sentir-se acolhido. Wauneka percebeu isso, assim como a sua fam√≠lia afora. Uma vez por hist√≥ria, eles permitir√£o que voc√™ tenha acesso aos seus caminhos secretos a fim de espionar algu√©m de um ponto de vista dif√≠cil de detectar. Se voc√™ fizer muito barulho ou muito de movimento, sua camuflagem perfeita – talvez uma parede falsa, um sali√™ncia sombreada ou de m√£o √ļnica espelho – perder√° a utilidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Conex√Ķes Internas: Wauneka conhece algu√©m dentro de quase todos os setores e neg√≥cios de Chicago. Normalmente, eles s√£o as pessoas que passam despercebidas, como os zeladores, saneamento trabalhadores, ou trabalhadores do alimento conectado a esses lugares. Necessidade algu√©m de dentro? Uma vez por hist√≥ria, Wauneka pode conect√°-lo com algu√©m que pode te mandar para dentro de um local, ou pegar as informa√ß√Ķes internas que voc√™ precisa por um pre√ßo. Este indiv√≠duo conta como Lacaios (‚ÄĘ‚ÄĘ) por uma sess√£o por cr√īnica, mas que podem permaner como um Contatos (‚ÄĘ) para voc√™ deste ponto em diante, se voc√™ gastar a Experi√™ncia necess√°ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Pericias de Espi√£o: Voc√™ gastou tempo suficiente com o submundo de pessoas em Chicago que te ensinaram habilidades sutis de passar despercebido. Voc√™ √© amigo deles, e eles podem at√© mesmo ajudar a cuidar deles do jeito que Wauneka faz. Voc√™ pode ganhar tr√™s pe√ßas de informa√ß√£o secreta uma vez por hist√≥ria, seja atrav√©s do uso de seu aprendizado de Pericias de espionagem ou seus la√ßos estreitos com as pessoas do submundo. Voc√™ tamb√©m ganha gratuitamente as especialidades de Pericias em Investiga√ß√£o [investigation] (Espionagem) e Sagacidade [Insight] (Segredos).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sussurros Sombrios: Wauneka passou a confiar em voc√™ como algu√©m da fam√≠lia, uma coisa que ele raramente o faz e n√£o sem grande Cuidado. Ele te d√° as boas-vindas em seus lugares secretos (pelo menos tanto quanto ele permite que voc√™ saiba), e confia em voc√™ as coisas mais sombrias que ele aprende sobre os Membros da cidade. Voc√™ √© seu confidente, seu amigo e aliado de confian√ßa. Wauneka conta como um Antecedente Aliados: Wauneka (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) e seus associados do submundo. Al√©m disso, uma vez por hist√≥ria, ele pode pedir seu conselho sobre o que fazer para influenciar o politica de Chicago, e tornar a mudan√ßa permanente na cidade.

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – THE FALL OF LONDON

 

AGENTE DA JUSTICAR PARR

(“Agent of Justicar Parr”, Livro: “Fall of London”, pag 231)

(Camada de Conhecimento [Loresheet] sem imagem)

Juliette Parr √© a atual Justicar Malkaviana, com autoridade para investigar traidores da Camarilla e punir aqueles que exibiriam ou minariam suas Tradi√ß√Ķes. Parr tem uma associa√ß√£o de longa data com as autoridades policiais; antes de sua nomea√ß√£o, ela atuou como um dos xerifes de Londres. Sua presen√ßa, conhecimento e charme s√£o consider√°veis, e suas tend√™ncias obsessivo-compulsivas lhe servem bem ao interrogar suspeitos, examinar cenas de crimes e debru√ßar-se sobre outras evid√™ncias importantes. A Justicar continua a manter um Refugio em sua cidade natal, Londres, e ela pode freq√ľentemente ser encontrada l√° quando ela n√£o est√° participando de assuntos da Camarilla no exterior pessoalmente. Voc√™ √© um confidente de Justicar Parr, servindo como seus olhos e ouvidos, e recebeu autoridade para comandar os recursos da Camarilla em seu nome. Ela confia em suas observa√ß√Ķes e recomenda√ß√Ķes, tudo em nome de um bem maior, protegendo a Camarilla de inimigos internos e externos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Gota de Informa√ß√£o: Voc√™ rotineiramente fornece informa√ß√Ķes a Justicar Parr, relatando sobre os movimentos e conversas de outros Membros, e √†s vezes voc√™ recebe informa√ß√Ķes √ļteis em troca. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode pedir ao Narrador uma informa√ß√£o relevante para uma investiga√ß√£o em andamento, que poderia ser razoavelmente fornecida pela ampla rede de agentes e informantes da Justicar.

‚ÄĘ‚ÄĘ Condicionamento da Camarilla: Al√©m de seu compromisso pessoal com a Camarilla, voc√™ tamb√©m recebeu treinamento e doutrina√ß√£o que garantem sua lealdade √† seita. Voc√™ ganha 1 dado em todos os testes de For√ßa de Vontade realizados no curso de seus deveres e tamb√©m adiciona 1 dado adicional √† sua parada de dados ao fazer testes para resistir a quaisquer tentativas de intimida-lo ou afast√°-lo de seus deveres.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Solicitar Backup: Voc√™ √© importante o suficiente para a Justicar Parr a ponto de poder recorrer a outros ativos da Camarilla em sua rede para ajud√°-lo nos seus seu trabalho. Depois de cada hist√≥ria, voc√™ pode convocar um Aliado de 5 pontos para apoi√°-lo durante uma cena. Eles podem conceder a voc√™ acesso a lugares que voc√™ normalmente n√£o poderia ir, apresentar pessoas que voc√™ normalmente n√£o conheceria, realizar uma tarefa al√©m da sua pr√≥pria especializa√ß√£o e experi√™ncia ou simplesmente fornecer prote√ß√£o f√≠sica ou fuga em uma situa√ß√£o de alto risco.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Prot√©g√© Favorecido: Voc√™ conhece Juliette Parr em um n√≠vel pessoal e compartilha uma hist√≥ria com ela al√©m de servir √† Camarilla como oficial. Voc√™ se corresponde com a Malkavian com frequ√™ncia, enquanto ela confia em voc√™ implicitamente, o interesse dela vem com um certo grau de possessividade. Voc√™ pode considerar Parr uma Mawla de 5 pontos, mas ela tamb√©m faz exig√™ncias constantes a voc√™. E n√£o seria sensato aborrecer um anci√£o com seu poder e influ√™ncia.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Arconte da Camarilla: Voc√™ √© publicamente nomeado como um Arconte servindo √† Camarilla sob o comando de Justicar Parr, e voc√™ possui um mandado que pode apresentar a qualquer Membro da Camarilla para exigir sua coopera√ß√£o em suas atividades e investiga√ß√Ķes. A sua posi√ß√£o pode manchar todas as suas intera√ß√Ķes com outros vampiros para melhor ou pior. Bajuladores tentar√£o impression√°-lo, enquanto outros podem se ressentir ou evit√°-lo. Os inimigos da Camarilla tamb√©m ir√£o consider√°-lo um alvo para servir de exemplo, caso eles consigam.

 

CORTE DAS SOMBRAS

(“Court of Shadows”, Livro: “Fall of London”, pag 232)

O Rei das Sombras é uma figura misteriosa na sociedade sobrenatural de Londres. Variadamente descrito como um vampiro, um chefão do crime, um campeão dos oprimidos, e um fantasmagórico agente de retribuição, poucos sabem a verdade. O mais escuro e os cantos mais feios de Londres agora pertencem ao rei, e eles não sofrem insultos e não toleram competição.

Embora o rei n√£o seja conhecido por promover amizades, eles tem muitos agentes e aliados que os atendem em toda a cidade, tanto na rua quanto embaixo dela. Esses agentes podem ser encontrados em todos os lugares: perto de esta√ß√Ķes de trem e metr√ī, nas esquinas e pontos de √īnibus, fora de lojas de conveni√™ncia 24 horas, em albergues, sob pontes e em outros lugares mais oprimidos.

Muitos mortais e Membros estão em dívida com o Rei, e aqueles que são tolos o suficiente para se tornarem seus inimigos são raramente visto por muito tempo. Estar a favor do rei é considerado uma bênção por muitos, e certamente não é algo a ser desprezado.

Há muitos benefícios em servir ao Rei das Sombras. Eles sempre cuidam dos seus, garantindo aos seus agentes que nunca tenham fome e nunca queiram um teto sobre suas cabeças. O Rei também oferece segurança e santuário Рmuitos sindicatos do crime organizado de Londres estão cientes de sua existência, mas poucos ousariam cruzar o seu caminho.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Refei√ß√Ķes Gratuitas: O Rei das Sombras est√° ciente do que os seus associados precisam para se manterem bem alimentados, e para este fim ele emprega mortais em toda a cidade como fontes disponiveis que podem ser disponibilizadas para aqueles em necessidade. Uma vez por sess√£o de jogo voc√™ pode se aproximar da Corte das Sombras para pedir por sustento. A fonte estar√° disposta, e com uma resson√Ęncia aleat√≥ria e sem Discrasias. Se voc√™ tem alguma restri√ß√£o de alimenta√ß√£o, ent√£o a fonte √© compat√≠vel com suas predile√ß√Ķes.

‚ÄĘ‚ÄĘ Boatos: A Corte das Sombras encoraja o com√©rcio ativo de informa√ß√Ķes e rumores. Uma vez em cada sess√£o de jogo voc√™ pode se aproximar da rede para trocar informa√ß√Ķes √ļteis. A veracidade e exatid√£o das informa√ß√Ķes dadas a voc√™ s√£o deixadas a cargo do Narrador, mas devem considerar o valor das informa√ß√Ķes que voc√™ comercializa em troca. Se voc√™ n√£o conseguir pagar em esp√©cie, ent√£o voc√™ pode ser solicitado a realizar um servi√ßo para o rei ao inv√©s disso.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Contrabando: A Corte das Sombras tamb√©m √© um lugar onde voc√™ pode encontrar narc√≥ticos ilegais, armas, explosivos, e outras formas de contrabando. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode abordar a Corte das de Sombras para o que voc√™ precisar. Eles estar√£o dispostos a fornecer, mas sempre a um pre√ßo, que pode ser pago em moeda forte, ou com trocas de informa√ß√£o ou outros bens de valor equivalente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Santu√°rio: A Corte tem acesso a muitos edif√≠cios acima do solo e em toda a cidade, e tambem muitas estruturas no subsolo, todas os quais s√£o reivindicadas pelo Rei como seu dom√≠nio. Os agentes do Rei conhecem muitos desses esconderijos, localizados onde poucos olhos curiosos pensariam em observar. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode abordar a Corte das Sombras para solicitar santu√°rio. Voc√™ vai estar com os olhos vendados, e voc√™ n√£o vai saber para onde esta sendo levado, mas voc√™ pode ter certeza de que voc√™ ser√° mantido em local seguro pelo tempo que voc√™ precisar.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Favorecido pelo Rei: Voc√™ √© um dos poucos Membros em Londres que j√° esteve na presen√ßa do Rei das Sombras. Por alguma raz√£o ele se interessara por voc√™, seja ela qual for, regularmente isso √© correspondido com ele se encontrando com voc√™. O Rei usa uma m√°scara e √© uma figura enigm√°tica, mas voc√™ sabe mais sobre ele do que muitos outros. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode recorrer ao Rei diretamente para obter ajuda. A maneira e o grau em que ele responde √© deixado para o Narrador determinar, mas deve servir materialmente √†s suas necessidades de alguma maneira.

 

CLUBE DE CAÇA

(“Hunt Club”, Livro: “Fall of London”, pag 233)

A organiza√ß√£o conhecida como o Clube de Ca√ßa tem tem operado secretamente em Londres desde o fim da Segunda Guerra Mundial. De natureza Altamente secreta, a organiza√ß√£o √© dedicada √† busca e a ca√ßa dos Membros por esporte e tem fama por endossar a pr√°tica da diablerie. Membros ingressam usando pseud√īnimos e disfarces para proteger suas pr√≥prias reputa√ß√Ķes, e h√° rumores de que alguns s√£o altamente colocados dentro da sociedade dos Membros.

O l√≠der nominal do Clube de Ca√ßa √© conhecido simplesmente como “O Conde”, um t√≠tulo comumente considerado uma homenagem ao conde Zaroff, um vampiro russo conhecido por ter ca√ßado seus pares em meados do s√©culo 20, mas que n√£o √© visto a d√©cadas. As pr√°ticas da organiza√ß√£o evolu√≠ram ao longo dos anos para casos teatrais e barrocos, eles provocam e insultam suas v√≠timas, usando fantasias e recitando cartas que lembram os tempos dos jogos de ca√ßa √† raposa da Gr√£-Bretanha mortal.

Antes da queda de Londres, o Clube de Caça foi rápido em entrar em ação cada vez que a Rainha Anne declarou uma Caçada de Sangue e a organização foi inescrupulosa em identificar seu próprios alvos para o esporte sileciosamente varias vezes. Londres e o Reino Unido provaram ser um rico terreno de caça, povoado por muitos reclusos e Anciãos antiquados com defesas pobres, mas rica em vitae que pode ser tomada. Nas noites modernas, a organização anda desconfiada da Operação Antigeno, mas alguns membros argumentam que aproximar-se desses caçadores mortais pode ser uma forma de encontrar uma nova forma de desfrutar de seu esporte.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Boletim informativo dos Ca√ßadores: Como um membro iniciante do Clube de Ca√ßa, voc√™ √© notificado quando os eventos importantes ocorrem, incluindo quando Ca√ßadas de Sangue s√£o declaradas nos v√°rios dom√≠nios dos Membros em Avalon e nas cidades do oeste Europa. Voc√™ pode esperar receber tais observa√ß√Ķes uma vez por hist√≥ria, mas exatamente quando isso pode acontecer √© deixado ao crit√©rio do Narrador.

‚ÄĘ‚ÄĘ Diablerista Experiente: Voc√™s j√° participou de uma ca√ßada, e em sua culmina√ß√£o cometeram o ato de diablerie em outro vampiro. Devido a sua experi√™ncia anterior, voc√™ pode adicionar 1 dado para a sua parada de dados do seu teste de For√ßa [Strenght] + Determina√ß√£o [Resolve] futuros ao tentar o mesmo ato novamente. Isso tamb√©m significa que os sinais de diablerie podem ser vis√≠veis em sua aura, e seria s√°bio evitar que isso seja detectado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Dossi√™ do Ca√ßador: O Clube de Ca√ßa dedica recursos significativos para observar e pesquisar sobre vampiros Anci√£os e avaliar suas defesas e adapta√ß√Ķes como alvo para o esporte. Nem todos esses Membros acabam como v√≠timas, mas as informa√ß√Ķes coletadas sobre seus movimentos e h√°bitos noturnos ainda podem ser interessantes para outros membros. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode entrar em contato com a organiza√ß√£o para pedir informa√ß√Ķes sobre o paradeiro atual, ou o fraquezas associadas, de um Membro que mora no dom√≠nio local.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Corcel do Ca√ßador: Voc√™ adquiriu e adaptou um moderno ve√≠culo para complementar perfeitamente as suas persegui√ß√Ķes de ca√ßa. A marca exata e o modelo s√£o deixados para a descri√ß√£o do Narrador, mas provavelmente ser√° uma van ou caminh√£o com janelas obscurecidas. O exterior ser√° sutilmente blindado, e o interior ser√° √† prova de som e refor√ßado com gaiola de metal forte o suficiente para conter e prender um vampiro zangado. O ve√≠culo pode ser registrado em seu nome ou uma de suas m√°scaras. Como com qualquer ve√≠culo, voc√™ deve tomar cuidado para n√£o deixa-lo ser roubado ou confiscado pelas autoridades.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ L√≠der da Ca√ßada: Sua boa reputa√ß√£o no CLube de Ca√ßa d√° a voc√™ o direito de nomear qualquer Membro como a pr√≥xima presa para o esporte da organiza√ß√£o. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode circular o nome do seu alvo, o que far√° com que ele seja insultado, assediado e atacado por membros da organiza√ß√£o. Apesar de essas coisas serem inconveni√™ncias e distra√ß√Ķes significativas, mas se eles v√£o sobreviver ao ataque ou n√£o, √© deixado a crit√©rio do Narrador.

 

LONDRES EMBAIXO DE LONDRES

(“London under London”, Livro: “Fall of London”, pag 234)

(SOMENTE PERSONAGENS NOSFERATU)

A paisagem subterr√Ęnea sob as ruas de Londres poderia ser considerada uma cidade inteira e separada. Os t√ļneis do sistema ferrovi√°rio subterr√Ęneo, abandonados h√° mais de um s√©culo, vermes ao lado de criptas e por√Ķes de estruturas muito mais antigas e muito mais po√ßos modernos cavados para fornecer √°gua, energia e servi√ßos de telecomunica√ß√Ķes para os residentes de Londres acima.

No centro da cidade, dentro da √°rea aproximada marcada como Zona 1 no mapa de transporte, a infraestrutura subterr√Ęnea √© particularmente densa. Novas escava√ß√Ķes associadas ao projeto inovador Crossrail – ainda incompleto no momento que isso √© escrito – chegou a cent√≠metros de outras estruturas existentes. Essas vias subterr√Ęneas podem ser usadas para atravessar as partes mais antigas da cidade sem nunca colocar os p√©s na rua.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Tubo de Seguran√ßa: Embora n√£o seja normalmente recomendado para Membros usarem, existe o Tubo para transporte ou alimenta√ß√£o, e o seu conhecimento deste sistema de transporte coloca voc√™ em uma certa vantagem. Voc√™ sabe o layout de cada esta√ß√£o e onde todos os C√Ęmeras de CFTV s√£o colocadas. Mesmo que voc√™ n√£o possa control√°-las, voc√™ pode ter o cuidado de n√£o apresentar seu rosto para eles, e voc√™ conhe√ßa os pontos cegos em sua cobertura. Como como resultado, voc√™ pode tentar um testes de Racioc√≠nio [Wits] + Furtividade [Stealth] com dificuldade 3, que, se for bem-sucedido, permite que voc√™ passe ou ca√ßar em qualquer esta√ß√£o de metr√ī n√£o detectada. Algu√©m viajando com voc√™ tamb√©m pode se beneficiar do seu conhecimento, se voc√™ decidir compartilh√°-lo.

‚ÄĘ‚ÄĘ Algum lugar para se Esconder: Sua conhecimento do subterraneo e infraestrutura de Londres √© bom o suficiente para permitir que voc√™ possa se esconder em situa√ß√Ķes desesperadoras. Essa situa√ß√£o pode ser qualquer uma, desde voc√™ estar sendo perseguido, ou talvez voc√™ apenas se encontre muito longe do seu Ref√ļgio e muito perto do amanhecer. Seja qual for a raz√£o, voc√™ pode tentar um teste de Racioc√≠nio [Wits] + Ladroagem [Lacerny] com Dificuldade 3 para encontrar um esconderijo adequado no subterraneo que ser√° esquecido por qualquer pessoa que n√£o possua conhecimento similar. O local pode ser um antigo tubo de esgoto, uma escotilha de manuten√ß√£o ou uma se√ß√£o dos sistema de t√ļneis menos usada do metr√ī de Londres – o Narrador pode decidir sobre qu√£o grande ou pequeno o seu esconderijo √©, e quanto tempo voc√™ pode ser capaz de ficar l√° com seguran√ßa.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Rede dos Vermes: Voc√™ passou bastante tempo abaixo do solo de Londres para se familiarizar com as multid√Ķes de vermes e outros rastejadores que vivem l√°. Essas criaturas est√£o prontamente dispon√≠veis para seus afazeres e est√£o dispostos a defend√™-lo de intrusos. Suas chances de encontrar criaturas √ļteis em qualquer cena situadas no subsolo s√£o aumentadas, e voc√™ pode adicionar 1 dado √† sua parada de dados quando usando quaisquer poderes do Animalismo que envolvam a intera√ß√£o com outra criaturas bestiais que vivem abaixo da superf√≠cie de Londres, incluindo os poderes; VIncular Famulus (n√≠vel 1), Sussurros Selvagens (N√≠vel 2), Colmeia N√£o-viva (N√≠vel 3) e Dominio Animal (N√≠vel 5).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Buraco de Parafuso Pessoal: Al√©m do seu Ref√ļgio padr√£o na superf√≠cie, voc√™ mant√©m um esconderijo secreto subterr√Ęneo que voc√™ pode fugir e nenhum outro Membro vai poder encontrar voc√™, e onde voc√™ pode armazenar itens valiosos que voc√™ n√£o ousa deixar em nenhum outro lugar. Voc√™ n√£o o usa com frequ√™ncia, fazer isso arriscaria a sua descoberta, mas nele voc√™ est√° protegido dos meios tradicionais de descoberta (e os nocivos raios do sol). Observe que este local inteiramente mundano n√£o ir√° te esconder daqueles que iriam usar meios sobrenaturais para rastre√°-lo – por exemplo. Ao utilizarem Ausp√≠cios ou Feiti√ßaria de Sangue.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Liberto da Cidade: Seu conhecimento das paisagens subterr√Ęneas de Londres √© o suficiente para deixar voc√™ viajar e acessa locais importantes sem nunca precisar dar um passo acima ch√£o. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode transitar entre dois locais da superf√≠cie usando rotas no subsolo de uma maneira que n√£o seja detectado por ningu√©m que esteja observando no n√≠vel do solo. Isso pode significar acessar um edif√≠cio privado ou p√ļblico ilicitamente – por ex. um cofre de banco, um escrit√≥rio seguro ou outro Ref√ļgio dos Membros – mas isso n√£o pode proteg√™-lo de quaisquer medidas de seguran√ßa que voc√™ pode encontrar dentro do edif√≠cio.

 

OPERA√á√ÉO ANT√ćGENO

(“Operation Antigen”, Livro: “Fall of London”, pag 235)

Opera√ß√£o Ant√≠geno √© o nome da uma coaliz√£o de policiais, militares e ativos da intelig√™ncia que expurgaram o cidade de Londres da influ√™ncia vamp√≠rica organizada. Ant√≠geno ainda est√° ativa nas noites recentes, e em uma segunda fase dedicada para garantir que a influ√™ncia criminosa sobrenatural n√£o retorne. O sucesso da opera√ß√£o levou a iniciativas anti-vampiro semelhantes sendo patrocinadas em outras cidades do Reino Unido e no exterior. Voc√™ cultivou cuidadosamente aliados e contatos que lhe d√£o algumas dicas sobre a Opera√ß√£o Ant√≠geno, seus esfor√ßos cont√≠nuos em Londres, e atividades semelhantes em outros lugares. Voc√™ tamb√©m pode ser capaz de exercer alguma influ√™ncia limitada sobre os seus assuntos noturnos, para melhor proteger voc√™ e aqueles que voc√™ ama, ou coloc√°-los sobre seus inimigos e rivais. No entanto, essas intera√ß√Ķes n√£o v√™m sem risco, j√° que nenhum Membro pode ser considerado verdadeiramente seguro contra o alcance da Ant√≠geno.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Aviso Antecipado: Voc√™ tem alguem confi√°vel dentro da Antt√≠geno e que fez a voc√™ uma simples promessa: se a Ant√≠geno alguma vez identificar voc√™, ou planeja sua captura, ele vai te avisar. Isso √© uma coisa √ļnica: ele n√£o v√£o parar ou atrasar os agentes e nem pode fazer, mas ele far√° a cortesia de deixar voc√™ saber que eles est√£o vindo.

‚ÄĘ‚ÄĘ Dossi√™ T√°tico: Voc√™ adquiriu (ou vazou) um dossi√™ que discute procedimentos operacionais t√≠picos da Ant√≠geno, cobrindo protocolos de vigil√Ęncia, como planejar ataques e conselhos t√°ticos para engajar-se com IC0s. Durante uma cena que envolve a Opera√ß√£o Ant√≠geno, voc√™ pode usar o conte√ļdo deste dossi√™ para prever e enganar seu comportamento. Se o resultado da cena resulta na Ant√≠geno ficar ciente de que foram enganados (por exemplo, seus agentes s√£o mortos, ou seus os objetivos da miss√£o s√£o frustrados), ent√£o eles v√£o mudar seus m√©todos operacionais e o dossi√™ se tornar√° in√ļtil.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Infiltrado Complacente: Voc√™ tem relacionamento com algu√©m posicionado no alto do aparato da Ant√≠geno, alguem que sabe muito sobre o funcionamento atual, atividades e metas deles. Esta pessoa tem suas pr√≥prias raz√Ķes para compartilhar informa√ß√Ķes fora da cadeia de comando – talvez eles n√£o concordem com os m√©todos da Ant√©geno, ou eles podem estar mais curiosos sobre o sobrenatural? Independentemente de seus motivos, eles tamb√©m s√£o cautelosos e paran√≥icos sobre serem pegos vazando informa√ß√Ķes por seus pares. Usando m√©todos clandestinos adequados, voc√™ pode entrar em contato com este infiltrado, que equivale ao Antecedente Contatios (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ) que pode ser usado uma vez por hist√≥ria para fazer perguntas sobre as atividades atuais do Ant√≠geno.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sair da Pris√£o de Gra√ßa: Voc√™s tem influ√™ncia sobre algu√©m que est√° no topo dos escal√Ķes da Opera√ß√£o Ant√≠geno. Eles n√£o sabem ainda, e o que voc√™ tem pode ser usado apenas uma vez – assim que a organiza√ß√£o souber que essa pessoa est√° comprometida, eles ser√£o eliminados e seus autoriza√ß√£o revogada. Quem quer que esteja no governo, pol√≠cia ou militar, voc√™ pode contat√°-los e chantagea-los com sucesso, e ent√£o eles prestam um servi√ßo para voc√™ uma vez. Esta √© uma carta que pode ser jogada no caso de voc√™ (ou algu√©m que voc√™ conhece) ser capturado por for√ßas da Ant√≠geno, mas tamb√©m poderia ser usado para desviar recursos ou excluir informa√ß√Ķes confidenciais. Uma vez que sua vantagem √© usada, n√£o s√≥ torna-se sem valor, mas o seu deve coloc√°-lo na lista de observa√ß√£o do Ant√≠geno.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Credenciais Oficiais: Voc√™s consegue obter ou fabricar falsas credenciais que lhe dar√£o acesso tempor√°rio aos recursos da Ant√≠geno. Voc√™ pode usar esta identidade para assumir brevemente o comando de um pessoal da Ant√≠geno em um local sob vigil√Ęncia ou no local de uma invas√£o. Voc√™ tamb√©m pode usar essa identidade para assumir a cust√≥dia de prisioneiros ou evid√™ncias, ou para se infiltrar em uma localiza√ß√£o atualmente sob controle da Ant√≠geno. Quanto tempo dura o seu difarce depende de qu√£o bem voc√™ pode se misturar, e de quanto tempo vai levar at√© que as pessoas comecem a perguntar coisas estranhas. Uma vez usada, no entanto, a crdencial fica comprometida e n√£o pode ser usado novamente.

 

OSKAR ANASOV

(“Oskar Anasov”, Livro: “Fall of London”, pag 236)

(Camada de Conhecimento [Loresheet] sem imagem)

Oskar Anasov é um dos mais influentes vampiros ativos em Londres nas noites modernas. Ele é responsável pelo sistema de comunicação analógica que conectam os Membros Proprietários de Londres, e ele é um crente convicto e defensor do Compacto. Ele é especialista em providenciar passagem para dentro ou para fora do cidade com segurança.

Abra√ßado pelo Nosferatu Boronisk na Pr√ļssia em meados do s√©culo 19, Oskar j√° foi um revolucion√°rio pol√≠tico, com uma m√£o nas revoltas que ocorreram na Fran√ßa, It√°lia, Alemanha e Hungria. Depois da Revolu√ß√£o russa e expurgos subsequentes, ele viajou com muitos pol√≠ticos exilados at√© chegar em Londres.

Oskar juntou-se aos Anarquistas de Londres e instigou inquietação contra as regras Ventrue. Ele foi pego pintando graffitis anarquistas nas paredes do Elysium e foi capturado pela então antes senescal Anne Bowesley. Ele teve a escolha de servi-la ou ser executado. Por muitos anos, ele permaneceu leal, embora relutante, servo da Corte de Londres. Quando Anne sucedeu Mithras como o Príncipe de Londres, Oskar se tornou seu Arauto, emitindo decretos nos domínios de Avalon em seu nome.

Oskar foi inteligente o suficiente para sobreviver à queda de Londres (Fall of London), e foi fundamental na elaboração do Compacto. Além disso para manter a sua rede de pombos-correio usados para enviar mensagens entre os Senhores de terra de Londres, Oskar também dedica um tempo considerável para estudar e monitorar a Operação Antígeno.

Os servi√ßos da Anasov geralmente n√£o s√£o gratuitos, e cada vez que voc√™ cham√°-lo, ele exigir√° o pagamento por seus esfor√ßos. Ele normalmente prefere receber informa√ß√Ķes e favores em vez de moeda forte – em cada caso, as especificidades de cada pagamento s√£o deixados ao crit√©rio do Narrador.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Servi√ßo de Mensagens: √Č voc√™ familiarizado com Anasov bem o suficiente para usar sua rede de mensagens, que √© um m√©todo confi√°vel para entrar em contato com outros Membros em Londres, sem risco de comunica√ß√£o sendo interceptada por Ant√≠geno de opera√ß√£o. Anasov promete entrega bem-sucedida, independentemente de como indescrit√≠vel o destinat√°rio poderia ser.

‚ÄĘ‚ÄĘ Introdu√ß√£o Pessoal: Pagando um valor alto Anasov tamb√©m pode providenciar um encontro cara a cara com qualquer outro Membro residente em Londres. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode nomear qualquer Membro conhecido em Londres – independentemente de ele deter um dom√≠nio ouse esta apenas de passagem – e o Nosferatu providenciar√° o encontro ap√≥s receber o pagamento. Anasov facilita a introdu√ß√£o, mas n√£o pode assegurar o comportamento ou a rea√ß√£o do Membro ao conhec√™-lo. Se uma reuni√£o se tornar violenta, ou terminar mal para o Membro que voc√™ designou, ent√£o Anasov recusar√° todos seus pedidos futuros, por causa da seu pr√≥pria reputa√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Passagem Segura: Anasov possui meios de contrabandear mortais e Membros para dentro e fora da cidade de Londres sem medo de ser detectado por outros vampiros, ou os agentes da Opera√ß√£o Ant√≠geno. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode recorrer ao Nosferatu para realizar este servi√ßo para um grupo de at√© seis indiv√≠duos. Se for para entrar na cidade, eles ser√£o entregues com seguran√ßa e em um endere√ßo de sua escolha. Se for para sair da cidade, voc√™ pode nomear um destino fora das fronteiras de Londres. Normalmente, Anasov ir√° providenciar uma coleta ou deixar em uma vila ou cidade no sudeste do Reino Unido. Seria possivel tambem organizar e manipular o transito internacional, mais isso poderia ser bem mais caro e com uma taxa mais alta, mas Anasov n√£o ir√° garantir a recep√ß√£o ou a seguran√ßa depois de terem sido entregue no destino solicitado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mentor: Voc√™ √© pessoalmente familiarizado com Anasov, e as suas intera√ß√Ķes com ele s√£o mais do que apenas neg√≥cios. Voc√™ pode contar com ele como sendo o Antecedente Mawla (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ), e voc√™ recebe um significativo desconto ao pagar para utilizar seus servi√ßos. No entanto, isso tamb√©m significa que ele pode ligar para voc√™ pelo menos uma vez por hist√≥ria para ajud√°-lo com as entregas de mensagens, o contrabando de pessoas ou outra atividade semelhante que promove seus interesses.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Conselho dos Senhores de Terras: Encontros de vampiros de dom√≠nios vizinhos ocorrem de vez em quando para resolver d√≠vidas, resolver disputas e reconhecer novos propriet√°rios. Reuni√Ķes maiores de todos os detentores de dom√≠nio de Londres s√£o raros, e geralmente assinalam a necessidade de discutir sobre uma grande amea√ßa ou oportunidade que pode afetar todos eles. Por meio de Anasov, voc√™ vai ser notificado e convidado para qualquer reuni√£o de Senhores de terras que ocorrem em Londres. Uma vez por hist√≥ria, se voc√™ tiver um justificativa, voc√™ tamb√©m pode pedir a Anasov para usar sua influ√™ncia para chamar os Membros dos Senhores de Terras de Londres para uma reuni√£o. Uma observa√ß√£o, esses Membros s√£o paran√≥icos, inconstantes, e orgulhosos, e podem marc√°-lo como um tolo ou como um inimigo, e v√£o ponderar se eles deveriam estar perdendo o tempo deles com a reuni√£o que voc√™ convocou.

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – CHICAGO FOLIOS

 

ARCONTES

(“Archons”, Livro: “Chicago Folios”, pag 158)

Arcontes s√£o os bichos-pap√Ķes da Camarilla, s√£o extens√£o n√£o viva da vontade de seus Justicares. Eles s√£o o olho vigilante na reuni√£o dos anarquistas, a mosca no Parede do pr√≠ncipe e a l√Ęmina no escuro para todos os que violam as Tradi√ß√Ķes. Arcontes s√£o os guardi√Ķes de elite da Camarilla, inquisidores, e espi√Ķes. Eles processam implacavelmente todas as viola√ß√Ķes das Tradi√ß√Ķes descobertas durante sua vig√≠lia noturna e tem autoridade para destruir todos os Membros que permanecerem em seu caminho. T√£o tem√≠vel √© a reputa√ß√£o deles, que todos os dom√≠nios estremecem com a palavra de sua passagem. E devem mesmotremer, pois mesmo o maior pr√≠ncipe dobra os joelhos a presen√ßa deles. A vida √© dif√≠cil, se n√£o letal, para a maioria dos Arcontes, mas a autoridade que eles exercem e as recompensas que colhem podem ser grandes. Um vampiro com esta Camda de Conhecimento (Loresheet) n√£o √© automaticamente um Arconte, mas, por meio da narrativa, √© mais prov√°vel que seja recrutado como um.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Encoberto: Voc√™ executa seu trabalho disfar√ßado, assumindo uma identidade falsa para se aproximar sua presa. Voc√™ mant√©m uma identidade falsa como um membro menor de uma fac√ß√£o que voc√™ est√° investigando e ganha um dado de b√īnus para todos testes relacionados √† manuten√ß√£o do seu encobrimento. Trabalho adicional √© necess√°rio para tornar seu disfarce infal√≠vel contra o escrut√≠nio intenso, mas Encoberto comprar√° para voc√™ o tempo necess√°rio para colocar o p√© na porta sem ser morto √† vista. Essa vantagem pode ser comprado v√°rias vezes para representar uma gama de identidades falsas.

‚ÄĘ‚ÄĘ Observador na Escurid√£o: Assim como muitos Arcontes, voc√™ √© um formid√°vel estudioso e investigador, assim como tambem √© um guerreiro. Voc√™s tem acesso a um vasto reposit√≥rio de contatos, registros da Camarilla, e informantes para cumprir os seus deveres. Uma vez por jogo, voc√™ ganha dois sucessos autom√°ticos em qualquer teste de Investiga√ß√£o [Investigation] ou Erudi√ß√£o [Academics] sobre o assunto de sua investiga√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Telefone Vermelho: Voc√™ tem uma maneira confi√°vel de entrar em contato com o seu patrono Justicar. Isso pode ser atrav√©s de feiticeiria, um mensageiro confiavel, ou quase qualquer m√©todo secreto que corresponde a prefer√™ncia particular do seu Justicar. A resposta dele √† sua mensagem varia depender da atual carga de trabalho dele e pode at√© mesmo n√£o ser respondida, se ele resonder ele pode fornecer valiosas informa√ß√Ķes, exercer pol√≠tica e influ√™ncia, ou mesmo a implanta√ß√£o de mais Arcontes. O efeitos dessa habilidade dentro de jogo dependem da decis√£o do Narrador e seu uso excessivo ou o abuso desta habilidade pode fazer o seu Justicar reconsiderar sua escolha para fazer de voc√™ um Arconte.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Cor da Autoridade: Sua Status como um devidamente nomeado Arconte da Camarilla lhe d√° poderes abrangentes, incluindo o direito a destrui√ß√£o. Voc√™ pode pronunciar formalmente que um julgamento esta encerrado, e qualquer Membro da Camarilla n√£o poder√° retaliar a sua decis√£o sobre seus companheiros de seita. Voc√™ tem o equivalente a quatro pontos de Status na maioria dos dominios da Camarilla, mas corre o risco de ganhar advers√°rios se voc√™ julgar outros Membros arbitrariamente. Observe que Arcontes que abusam da sua autoridade muitas vezes s√£o v√≠tima de infelizes ‚Äúacidentes‚ÄĚ.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Sangue de Justicar: Voc√™ tem acesso √† potente vitae do Justicar a quem voc√™ serve e esta autorizado a us√°-lo no cumprimento do dever. Esta vitae pode ser derivada de um La√ßo de sangue com seu Justicar ou ser um pr√™mio por m√©rito de servi√ßo. De qualquer maneira, voc√™ ganha tr√™s dados de b√īnus para testes relacionados a uma dos tr√™s Disciplinas do cl√£ (escolha do jogador) de seu patrono Justicar pelo o resto da noite. Voc√™ pode use isso uma vez por cr√īnica.

 

A CONVENÇÃO DE CHICAGO

(“The Convention of Chicago”, Livro: “Chicago Folios”, pag 159)

A Convenção de Chicago foi o primeiro encontro em grande escala da Camarilla em quase um século. Nascida dos fogos da Segunda Inquisição, a Convenção reuniu representantes dos Príncipes e Primogênitos do todo o mundo para discutir o caminho da Camarilla em sua época de crise. Publicamente, a Convenção foi um sucesso retumbante, uma demonstração de unidade e excelente exemplo de tudo o que a Camarilla tem a oferecer. Privadamente, a Convenção foi bem-sucedida. Intriga entre os delegados e a interferência dos Anarquistas quase descarrilou todo o evento, mas a ação rápida pelos Arcontes e a desunião dos Anarquistas salvou a convenção de um fim vergonhoso.

Voc√™ participou da conven√ß√£o como um nativo de Chicago ou era um representante de longe. Camarilla, Anarquista ou independente, voc√™ aproveitou esta rara oportunidade para reunir informa√ß√Ķes, fazer novos aliados e promova seus esquemas. Muitos lucraram com a conven√ß√£o, e voc√™ √© um deles.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Incitar a Plateia: Pr√≠ncipe Jackson e seus aliados foram extremamente eficientes em frustrar tramas anarquistas que tentavam perturbar a conven√ß√£o, mas n√£o conseguiram parar voc√™. Voc√™ conseguiu interromper festas, causar embara√ßo no anfitri√£o, humilhando detalhse da seguran√ßa, e ou danificou o status de v√°rios Membros durante a conven√ß√£o. Como o Sucesso gera sucesso, uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode montar um pequeno grupo de anarquistas novatos para a sua causa. Eles contam como um Antecedente Aliados de tr√™s pontos, sendo um Grupo aliados que realizar√£o um a√ß√£o perigosa para voc√™ uma vez por hist√≥ria. Eles respeitam a sua reputa√ß√£o, mas n√£o vai vender suas vidas desnecessariamente.

‚ÄĘ‚ÄĘ Participante da Conven√ß√£o: Voc√™s compareceu √† conven√ß√£o e participou de suas sess√Ķes formais, grupos de trabalho e, mais importante, tambem ficou depois para as festas. Voc√™ navegou nesta teia de intriga com sucesso e e por isso voc√™ ganha dois pontos para distribuir entre os Antecedentes Aliados e Contatos, al√©m de ser capaz de perguntar ao Narrador uma vez por hist√≥ria por um informa√ß√£o relacionada a esta Conven√ß√£o. Esta informa√ß√£o pode ser parte do registro p√ļblico ou uma parte suculenta dos detalhes dos bastidores (a criterio do Narrador).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Resolverdor de Problemas: Conven√ß√Ķes tem uma maneira de trazer √† tona a ral√©, e Chicago n√£o foi exce√ß√£o. Voc√™ √© ou foi um agente do pr√≠ncipe Jackson, dos Arcontes ou algum outro grupo cujos melhores interesses eram servir ao sucesso da conven√ß√£o. Voc√™ ganha dois pontos de Status entre os Membro de Chicago e um Cart√£o de ‚Äúsaia da pris√£o gr√°tis‚ÄĚ do Principe. Uma vez por cr√īnica, voc√™ pode usar seu servi√ßo da conven√ß√£o e pedir para as autoridades de seu dom√≠nio para fechar os olhos para um pequena viola√ß√£o das Tradi√ß√Ķes em compensa√ß√£o pelos servi√ßos prestados.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Encarregado Formal: Voc√™ era um dos Encarregados formais da Conven√ß√£o e trabalhou para o sucesso dos objetivos do seu patrono Pr√≠ncipe ou Primog√™nito. O seu sucesso selvagem durante a conven√ß√£o concede a voc√™ quatro pontos para distribuir entre os Antecedentes Aliados, Contatos, Lacaios e Recursos relacionados a conven√ß√£o. Voc√™ tamb√©m tem um convite permanente para os eventos no Elysium de Chicago ou no seu Dominio residente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mover and Shaker: Voc√™s desempenhou um papel ativo no sucesso da Conven√ß√£o de Chicago. Sua ret√≥rica comprou muitos votos durante as sess√Ķes formais, e seus sussurros compraram muitos mais durante as festas depois. Esses votos s√£o um subproduto do descobrimento de diversos casos amorosos secretos dos Membros quando voc√™ era o encarregado. Voc√™ sabe quem dorme com quem, quais arm√°rios escondem esqueletos, e por que o ronco daquela BMW soa como um gemido. Voc√™s use esta informa√ß√£o e o poder que ela fornece para alistar a (relutante) ajuda de seus superiores. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode coletar um Favor Maior de um participante da conven√ß√£o. Trabalhe com o Narrador para determinar a identidade do Membros em quest√£o e natureza da ajuda deles.

 

DESCENDENTE DE MENELE

(“Descendant of Menele”, Livro: “Chicago Folios”, pag 160)

(SOMENTE PERSONAGENS BRUJAH)

Menele caminhou pela Terra desde seus dias de respira√ß√£o como um rei-fil√≥sofo na Gr√©cia antiga. Seu insaci√°vel desejo de ilumina√ß√£o o levou primeiro para a √ćndia, depois para Cartago, uma utopia supostamente constru√≠da sobre o ideal de coexist√™ncia pac√≠fica entre Membros e o gado. Uma utopia reduzida a cinzas pela trai√ß√£o de Helena.

Apopl√©tico de raiva, Menele arrasou a cidade amada de Helena, Pompeia, transformo-a em cinzas, acendendo a fa√≠sca de sua intermin√°vel rivalidade. Helena e Menele lutaram ao longo dos tempos at√© eles se colocarem em torpor m√ļtuo perto dos dias atuais em Chicago. Menele estava prestes a renovar o seu antigo rancor com Helena quando ele foi chamado para o leste pelo Chamado [Beckoning], libertando suas crias de seu controle mental vicioso.

Muitos dos descendentes de Menele herdaram sua paixão pela filosofia, iluminação e ideais maiores, enquanto outros se tornaram guerreiros temíveis, selecionados por sua capacidade de defender Menele dos agentes de Helena. Ambos eram necessários para realizar o sonho cansado de Menele de fundar uma nova Cartago baseado em antigos ideais Brujah. Agora, os descendentes de Menele são livres para escolher seu destino pela primeira vez em milênios. A questão é: o que eles farão com isso?

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Symposium: Menele sempre gostou de um bom argumento e gerou muitas crian√ßas depois de debater os mist√©rios da vida durante varias noites a fio. Todos os seus testes de Persuas√£o [Persuasion] t√™m a dificuldade deles reduzida em um.

‚ÄĘ‚ÄĘ Cartago Delenda Est: Menele manteve uma elaborada rede de espi√Ķes, informantes e lacaios. Sua rede se fragmentou ap√≥s a sua destrui√ß√£o, mas voc√™ conseguiu reivindicar uma parte dela para o seu pr√≥prio. Voce tem tres pontos para dividir entre os Antecedentes Lacaios, Influ√™ncia, Aliados e Recursos, mas tenha a certeza absoluta de que Helena e seus agentes tentar√£o tira-los de voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Conhe√ßas a Ti Mesmo: Menele acreditava que os Brujah precisavam voltar √†s suas ra√≠zes como pensadores e agentes positivos de mudan√ßa. Voc√™ √© treinado para resistir ao pux√£o da sua f√ļria Brujah. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode gastar um ponto de For√ßa de Vontade para re-rolar um teste de frenesi de Furia provocado pela sua Perdi√ß√£o do cl√£ Brujah.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Conhecimento √© Poder: Menele era impossivelmente velho e guardava muitos segredos sobre os Membros de Chicago e al√©m. E Voc√™ j√° foi o guardi√£o desses segredos antes. Mas o Chamado [Beckoning] mandou ele para longe. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode solicitar um √ļnico segredo para Narrador sobre um cl√£ ou os Membros em Chicago ou dom√≠nio semelhante que sentiram a influ√™ncia de Menele (A crit√©rio do Narrador).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Os Grandes Misterios: Menele passou anos aprendendo o pr√°ticas meditativas necess√°rias para perceber o plano astral em sua busca para a perfei√ß√£o espiritual. Voc√™ herdou uma parte das suas habilidades e permanecer totalmente ciente do que est√° ao seu redor durante seu sono di√°rio. Reduza a dificuldade de todos testes para acordar ou permanecer acordado durante o dia em dois. Voc√™ tamb√©m tem a capacidade de perceber fra√ß√Ķes de vislumbres de eventos que est√£o por vir e que podem afetar seu personagem enquanto voc√™ dorme. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode testar Determina√ß√£o [Resolve] + Ocultismo [Occult] para interpretar essas suas vis√Ķes noturnas. Cada sucesso traz uma vis√£o mais ampla e com foco e o Narrador pode oferecer a voc√™ uma dica ou fato enigm√°tico relevante para o seu personagem.

 

ESTRADAS GOBLINS

(“Goblins Roads”, Livro: “Chicago Folios”, pag 161)

Viajar entre Chicago e Milwaukee √© perigoso ao extremo. Os tremo√ßos infestam as estradas e cidades que se conectam as grandes cidades e coisas muito mais estranhas habitam os misteriosos p√Ęntanos, florestas e locais tranquilos entre elas. A maneira mais segura de evitar esses perigos √© navegar no “estranho”, uma cole√ß√£o de estradas solit√°rias, ziguezagues e altera√ß√Ķes na beira da estrada que tortuosamente trilham seu caminho entre “o√°sis” espiritualmente enervantes sob solo repulsivo para Lupinos. Apelidado de ‚ÄúEstradas Goblins‚ÄĚ pelosMembros locais, Pr√≠ncipe Decker de Milwaukee e Anci√£o Inyanga de Chicago organizaram um grupo de intr√©pidos Gangrel conhecidos como os ‚ÄúPsychopomps‚ÄĚ para transportar Membros entre suas cidades.

Incomum nas noites modernas, os Psychopomps sabem os segredos das Estradas Goblin e t√™m um sentido √ļnico das estranhezas que os cercam e os infunde,. Eles percebem a presen√ßa de coisas “Esquisitas” constantemente, sempre sentindo seus olhos em as trevas, nunca se desviando de seus caminhos bem marcados. A passagem ao longo das Estradas Goblin √© um lugar solit√°rio e uma assustadora experi√™ncia enquanto os Psychopomp saltam de o√°sis em o√°sis, oferecerendo sacrif√≠cios de sangue, √°lcool ou ora√ß√Ķes a for√ßas desconhecidas. Muitos psicopomps enlouquecem, vagando fora das estradas e desaparecendo para sempre. Outros simplesmente desaparecem. Mas nenhum abandonaram suas cargas no meio da jornada, sempre levando seus passageiros em seu destino antes de desaparecer de volta ao “estranho” para come√ßar sua jornada novamente.

Membros em busca de passagem entre as duas grandes cidades tem apenas que chamar o Príncipe Decker ou a sua recém-cunhada homóloga Rosa Hernandez. A sobrevivência nunca é garantida, mas poucas coisas realmente são.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Cavaleiro Noturno: Voc√™ √© um passageiro frequente nas Estradas Goblins e tornou-se acostumado com sua natureza. Seu o conhecimento concede a voc√™ um b√īnus de dois dados em todos os testes de Sobreviv√™ncia [Survival] relacionados √† sobreviv√™ncia nas Estradas Goblins se voc√™ ficar isolado no estranho.

‚ÄĘ‚ÄĘ Invocar o Barqueiro: Voc√™ arranjou passagem nas estradas goblins com o pr√≠ncipe Decker, Rosa Hernandez ou um de seus Psychopomps. O pre√ßo deste arranjo pode ser em forma de dinheiro, um Favor Maior ou algo completamente diferente (a criterio do Narrador). Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode recrutar um Psychopomp para transportar voc√™ e sua Coterie entre Chicago e Milwaukee.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Psychopomp: √Č voc√™ um Psychopomp e pode viajar nas Estradas Goblins √† vontade. Esta jornada requer prepara√ß√£o de 24 horas para que se sintonize com os ritos adequados e sacrif√≠cios necess√°rios para a passagem e voc√™ ganha dois pontos de Status refletindo sua ocupa√ß√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aliado Estranho: Voc√™ liderou um expedi√ß√£o para o estranho ou foi separado de seu Psychopomp por um per√≠odo prolongado de tempo. Durante esse tempo, voc√™ encontrou e formou um pacto ou alian√ßa com um habitante sobrenatural do estranho. Esta criatura √© incomum na melhor das hip√≥teses, mas vir√° quando for chamada. Voc√™ ganha um Aliada de quatro pontos que √© um lobisomem, mago, espectro, changeling, ou algo ainda mais estranha (veja Vampire: The Masquerade p. 376 e p. 377 ou o Narrador pode cria-lo). Uma vez por jogo, seu aliado vir√° para sua ajuda dentro de 10 horas ap√≥s o seu chamado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um com o Estranho: Voc√™s passa muitas noites olhando para o estranho, e uma noite, Olhou de volta. Voc√™ desvendou um dos mist√©rios mais profundos do Estranho. Pode ser a oculto natureza dos o√°sis das Estradas Goblins, o verdadeiro nome de um esp√≠rito poderoso, um ritual potente, o segredo sombrio de uma cidade envolta em n√©voa, ou o localiza√ß√£o de um artefato de grande pot√™ncia. Trabalhe com o Narrador para definir a natureza exata do seu segredo, mas lembre-se, o estranho n√£o revela seus segredos casualmente sem cobrar o devido pre√ßo.

 

JUSTICAR LUCINDE

(“Justicar Lucinde”, Livro: “Chicago Folios”, pag 162)

Lucinde √© um dos membros mais formid√°veis ‚Äč‚Äčdo Cl√£ Ventrue, avan√ßando de Arconte, para Alastor, e ent√£o para Justicar. Seu papel como o primeiro Alastor, ou ca√ßador de Membros declarados an√°tema pela Camarilla, levou √† cria√ß√£o da infame “Lista Vermelha” da Camarilla dos mais procurados entre os Membros. Como Alastor, Lucinde e seus companheiros Arcontes rotineiramente se escondiam profundamente para perseguir sua presa, um pr√°tica que ela mant√©m em seu papel atual como Justicar. Nomeada ‚ÄúJusticar pela n√£o-vida‚ÄĚ nos √ļltimos anos, Lucinde e seus agentes desapareceram mais uma vez na escurid√£o da sociedade dos vampiros para perseguir todos os que desafiariam a Camarilla.

Arcontes de Lucinde e outros agentes visitam frequentemente Chicago enquanto cumprem seus deveres. Você talvez tenha trabalhado diretamente com esses agentes, ou mesmo com a própria Lucinde em algum momento de sua longa carreira. Você pode até ser um Arconte ou Alastor a serviço de Lucinde. Seja qual for o caso, você ficou na sombra de Lucinde e foi transformado por essa experiência.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Encantador de Cobras: Lucinde traz uma ira √ļnica para os membros do Minist√©rio e os conhece muito bem. Voc√™ ganha um dado adicional para todos os testes de Investiga√ß√£o [Investigation] relacionados aos Ministros.

‚ÄĘ‚ÄĘ Ca√ßador Paciente: As pericias investigativas de Lucinde s√£o lend√°rias, pericias que ela transmitiu a voc√™. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ automaticamente √© bem sucedido em um teste de Investiga√ß√£o [Investigation] relacionado a um membro dos An√°tema ou outros Membros que representem uma amea√ßa para a exist√™ncia da Camarilla nos dias de hoje. Este sucesso n√£o necessariamente vai revelar a localiza√ß√£o imediata desse Membro, mas com certeza vai apontar voc√™ na dire√ß√£o certa (A crit√©rio do Narrador).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Matador Lendario: Voc√™ destruiu, ou participou da destrui√ß√£o, de um membro da Lista Vermelha. Esta fama (ou notoriedade) te precede aonde quer que voc√™ v√° e permite que voc√™ tenha seja bem sucedido automaticamente em um teste por cr√īnica, onde o conto deste evento pode ser √ļtil.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Vingan√ßa de Lucinde: Lucinde tem uma resist√™ncia surpreendente aos efeitos da Presen√ßa. Anteriormente exclusivo para ela e seus descendentes, Lucinde come√ßou a instruir outros Membros nesta resist√™ncia sobrenatural. Uma vez por cr√īnica,a Vingan√ßa de Lucinde o torna imune a um √ļnico uso da Presen√ßa exercida contra voc√™ enquanto o vampiro que o fizer como alvo tiver gera√ß√£o igual ou maior que a sua. Vampiros de uma gera√ß√£o inferior (ou seja de sangue mais potente) do que voc√™ n√£o s√£o afetados pela Vingan√ßa de Lucinde e pode afeta-lo normalmente. Lucinde s√≥ ensina essa habilidade aos seus Arcontes, Alastores e aliados escolhidos que ajudaram em uma de suas ca√ßadas, ou quem tem tem sido de grande servi√ßo para a Camarilha.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Alastor: Voc√™ se juntou a Lucinde como um Alastor e agora ca√ßa os Membros da ‚ÄúLista Vermelha‚ÄĚ. Voc√™ operar sob grandes acobertamentos e desfruta da imunidade de acusa√ß√£o por qualquer pr√≠ncipe. Voc√™ se relata apenas para o C√≠rculo Interno da Camarilla e tem uma marca m√≠stica em sua palma direita identificando voc√™ como um Alastor ao revelar sua posi√ß√£o se tornar necess√°rio. Voc√™ tem o Antecedente M√°scara em dois pontos e e tambem o efeito “Zerado” anexado a ela. Adicionalmente, voc√™ recebe tr√™s dados adicionais para resistir a todas as tentativas de descobrir a sua identidade. Quando voc√™ tiver a sua identidade revelada seja voluntariamente ou n√£o, voc√™ ganha o equivalente a Status (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ). Voc√™ tamb√©m ganha a inimizade dos todos os imortais que se op√Ķem ao Camarilla e, por sua vez, se voc√™ for descoberto ser√° ca√ßado por pelo menos um Anathema, o Narrador o designa como seu advers√°rio.

 

KHALID AL-RASHID

(“Khalid Al-Rashid”, Livro: “Chicago Folios”, pag 163)

Antigo e poderoso, Khalid era um respeitado membro da Primog√™nita de Chicago, e ainda √© para aqueles que acreditam no subterf√ļgio de Cedrick Calhoun. Khalid caminhou na terra por quase mil anos em batalha cont√≠nua contra sua Besta, sempre buscando, mas nunca alcan√ßando a Golconda. As miss√Ķes de Khalid o levaram a Chicago em busca de um lend√°rio Inconnu. O que ele encontrou foi uma cidade firmemente sob o aperto de uma Jyhad intermin√°vel entre Helena e Menele. Indo para as sombras, Khalid conseguiu permanecer sem d√≠vidas com qualquer um de ambos Matusal√©m e conseguiu identificar uma Coterie de Membros igualmente livre de sua influ√™ncia. Cavando mais fundo, ele encontrou algo totalmente diferente, e pode muito bem estar se escondendo, ter encontrado a morte final ou pior.

Khalid é seu Primogênito, Mawla, ou até mesmo senhor. Vocês sente pena por sua incapacidade de alcançar a Golconda, mas admiro o fato que Khalid nunca, jamais, parou de tentar.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Refugio Seguro: A Tutela de Khalid fornece dois pontos de Antecedentes para dividir entre as qualidades de Refugio; Poterna e Sistema de seguran√ßa.

‚ÄĘ‚ÄĘ Golpe Mortal: Khalid era um mestre espadachim em vida, e mais ainda na morte. Voc√™ pode ter lutado ao lado dele durante o Guerra de Chicago, ou estudou seguindo seus passos quando ele era seu Mawla. De qualquer forma, voc√™ aprendeu bem. Uma vez por cr√īnica, voc√™ ganha tr√™s dados para um √ļnico teste de combate corpo a corpo ao usar um espada.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Caderno de Anota√ß√Ķes de Khalid: Khalid registrou suas suspeitas sobre a guerra eterna entre Helena e Menele em um caderno cheio com p√°ginas codificadas. Ele arrancou muitas p√°ginas deste caderno e escondeu-os em Chicago e al√©m. Voc√™ adquiriu algumas p√°ginas deste livro e os segredos que ele cont√™m. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode perguntar ao Narrador por um segredo que Khalid teria acesso a cerca de Helena, Menele, ou a identidade de um Membro sob (ou anteriormente sob, no caso de Menele) seu controle.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Jardim Perverso: Voc√™s aprendeu com Khalid ou descubriu notas que ele deixou para tr√°s sobre entidades estranhas vivendo no Lago Michigan com refer√™ncias obl√≠quas aos seus avistamentos e suspeitas sobre a criatura conhecida como Nerissa Blackwater. Uma vez por hist√≥ria, esse conhecimento reduz a dificuldade de todos os testes de Investiga√ß√£o [Investigation] envolvendo Nerissa Blackwater ou o ser que ela serve em quatro. Um fracasso total nesse significa que Nerissa se torna ciente de suas buscas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Desobrigado: Khalid sabia sobre Helena e Menele e montou uma Coterie de ‚ÄúCartas Trunfo‚ÄĚ, Membros livres de suas influ√™ncias. Voc√™ n√£o est√° atualmente sob o controle ou dom√≠nio de Helena, Menele ou alggum vampiro antigo semelhante. Uma vez por cr√īnica, voc√™ automaticamente escapar de uma tentativa de um antigo para te prender em sua Jyhad. Trabalhe com o Narrador para determinar exatamente como esse feito ocorre, mas voc√™ consegue reter sua liberdade, por enquanto.

 

DUELOS DE MEMBROS

(“Kindred Dueling”, Livro: “Chicago Folios”, pag 164)

Duelos formais entre Membros tiveram muitas formas ao longo dos tempos, parando apenas com o surgimento da Camarilla e suas proibi√ß√Ķes formais contra eles. Desde aquela √©poca, os duelos tornaram-se clandestinos em grande parte, e confinados aos dom√≠nios dos Anarquistas, do Sab√°, ou secretas sociedades em duelo, ou cidades com pr√≠ncipes permissivos como Milwaukee. Duelos antigos conhecidos como as ‚ÄúProvas de Morte‚ÄĚ s√£o sobrepujados com for√ßa e presas, dois Membros drenando um ao outro at√© que um sucumba √† desseca√ß√£o ou destrui√ß√£o. Os duelos contempor√Ęneos empregam espadas, armas, estacas ou at√© mesmo bast√Ķes marcadores em chamas. Seja qual for a forma, essas turbulentas noites viram um ressurgimento dos Duelo de Membros – e √© improv√°vel que isso diminua t√£o cedo.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Combatente Honrado: Voc√™ est√° familiarizado com as regras, restri√ß√Ķes e costumes dos Duelos de Membros. Voc√™ ganha +2 dados para todos Testes de Etiqueta [Ettiquete] relacionados a Duelos de Membros.

‚ÄĘ‚ÄĘ Clube da Luta: Voc√™ se estabeleceu como um Membro florescente a sociedade de duelos em seu dom√≠nio. Esta sociedade √© um empreendimento lucrativo e uma maneira excelente para os Membros resolverem as suas diferen√ßas, mas que s√£o desaprovadas pelo Pr√≠ncipe e ou os Primogenitos de seu dom√≠nio. Ganhe tr√™s pontos para distribuir entre Antecedentes Recursos, Aliados ou Contatos que refletem os lucros e conex√Ķes feitas atrav√©s da sociedade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Lutador de Estacas: Voc√™ afiou as suas pericias de luta com estaca como um fio da navalha ao longo dos anos de Duelos de honra feitos na Camarilla ou entre as lutas de rua Anarquistas. Voc√™ ignora o ‚Äí2 penalidade para ataques direcionados (Callled Shots) quando tentando estacar outro vampiro.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Comedor de Fogo: Duelos com tochas e marcadores flamejantes est√£o cada vez mais populares entre os jovens Membros dispostos a demonstrar sua coragem. Isso at√© se tornou um rito de passagem para muitos Anarquistas. Esses duelos s√£o travados com uma ou duas tochas ao redor uma fogueira acesa, cada participante luta at√© que um sucumba √†s suas feridas ou aos terrores do R√∂tschreck. Uma vez por jogo, voc√™ pode recorrer √† sua experi√™ncia nesses duelos com fogo, ignorando a provoca√ß√£o regular ao Frenesi de Terror fornecido por uma fogueira. A dificuldade de resistir ao Frenesi de Terror induzido por ser queimado tamb√©m √© reduzido por um durante a cena.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Desafio de Morte: √Č voc√™ um veterano de incont√°veis ‚Äč‚ÄčDesafios de Morte ou aprendeu aos com um verdadeiro mestre. Voc√™ um redutor menor por fazer ataques direcionados (Called Shot) com ataques de mordidas, voc√™ sofre somente um redutor de menos um dado (ao inv√©s de menos um sucesso). Oponentes tentando ataca-lo diretamente com mordidas sofrem um redutor de menos tr√™s dados (ao inv√©s de menos um sucesso). A Besta √© particularmente forte em voc√™ durante essas prova√ß√Ķes e priva√ß√Ķes da sua sede com o abandono selvagem. Depois de um ataque de mordida bem-sucedido, seu oponente aumenta sua fome por dois em vez de um.

 

FAM√ćLIA MALKAVIANA

(“Malkavian Family”, Livro: “Chicago Folios”, pag 165)

(SOMENTE PERSONAGENS MALKAVIAN)

Ser Abra√ßado como um Malkaviano em Chicago traz com sigo uma nova fam√≠lia quase instant√Ęnea. Muitos de seus n√ļmeros olham uns para os outros como parentes: O Senhor de Jason Newberry o considerava como seu pr√≥prio filho; Bronwyn e Corbin cresceram como irm√£s em seus dias mortais.

Enquanto outros cl√£s permitem que seus membros tenham autonomia, Filho (O apelido de Jason) exerce sua autoridade como Primog√™nito para microgerenciar a vida de seus companheiros de cl√£. Ele oferece aconselhamento obrigat√≥rio em grupo sess√Ķes, que ele lidera. Os participantes expuseram suas almas em seu a pedido, fornecendo informa√ß√Ķes que os outros possam usar contra eles. Filho tamb√©m requer que os Malkavianos sob seu controle compartilhem territ√≥rios e Refugios, dando-lhes pouca tr√©gua um do outro. Eles conhecem as fraquezas uns dos outros. apenas uma fam√≠lia unida pode ser desse jeito, e as posi√ß√Ķes de Jason Newberry dizem a si mesmo que √© o seu patriarca dominador.

Esses la√ßos tamb√©m fez alguns Malkavianos em Chicago formarem la√ßos estreitos. Tendo muitos membros do cl√£ no mesmo territ√≥rio torna mais f√°cil proteg√™-lo, e quando um de seus n√ļmeros faz uma chamada por meio do Rede, √© prov√°vel que algu√©m estar√° por perto para responder. No entanto Filho enganou estranhos fazendo-os pensar que ele √© um homem honesto e membro da sociedade vamp√≠rica, mas seu abuso de poder dentro do cl√£ e sobre seus membros pode faze-los se unir, talvez tenha chegado a hora de se livrar dele.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Segredos de Familia: Atendendo as sess√Ķes de terapia de Filho d√£o a voc√™ vislumbres dos esquemas e objetivos de seus companheiros de cl√£. T√£o cuidadoso quanto a maioria dos participantes que sabem que n√£o devem despejar tudo, para que ao longo do tempo, os seus planos n√£o fiquem claros. Ganhe dois dados de B√īnus em testes de Percep√ß√£o [Awareness] e Sagacidade [Insight] envolvendo outro Malkavian.

‚ÄĘ‚ÄĘ Vinculo de Irmandade: Voc√™ cresceu extremamente perto de outro membro do seu cl√£, algu√©m que seja como um irm√£o favorito para voc√™. Voc√™ compartilha um Ref√ļgio de dois pontos e um Rebanho de um ponto, e uma vez por hist√≥ria pode chamar esta pessoa para realizar um favor significativo pra voc√™. Contudo, ele tambem vai pedir sua ajuda de vez em quando e pode te trancar do lado de fora do Refugio.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Rede Emaranhada: Seu contato frequente com outros or√°culos aumentou a sua habilidade de sentir e usar a Rede Malkaviana. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode estender as suas percep√ß√Ķes ao longo da Rede para localizar um membro espec√≠fico do cl√£ na cidade. Voc√™ pode pegar um vislumbre de onde ele esta e com quem eles est√£o, ou entregar um frase curta (‚ÄúEncontre-me no Veludo Azul ‚ÄĚ,‚Äú Um C√£o de Ca√ßa veio procurando por voc√™. ‚ÄĚ) em suas mentes.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Um Pouco de paz e Soss√™go: Com Filho constantemente for√ßando voc√™ em compartilhar seu espa√ßo e segredos com outros Malkavianos, voc√™ teve que descobrir maneiras criativas de ter algum tempo sozinho. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar um poder de Ausp√≠cios, Domina√ß√£o ou Ofusca√ß√£o que voc√™ ainda n√£o aprendeu (em seu n√≠vel atual ou abaixo) para se esconder em plena vista, fujir no meio de uma multid√£o, ou evitar ser detectado.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Filho Favorito: Um respeitado membro mais velho do cl√£ viu um certo brilho a voc√™ e nomeou-se seu pai substituto, sua tia favorita ou tio, ou av√ī amoroso. Ele fica intensamente interessado ‚Äč‚Äčem ajudar voc√™ a atingir seus objetivos, possivelmente at√© de modo enjoativo. Ganhe um Mawla de cinco pontos. E uma vez por hist√≥ria, essa pessoa agir√° como um intermediario entre voc√™ e Filho, livrando voc√™ de qualquer obriga√ß√£o que o Primog√™nito estava tentando te obrigar.

 

ARTEFATOS OCULTOS

(“Occult Artifacts”, Livro: “Chicago Folios”, pag 166)

O século 21 viu um grande declínio no uso de Artefatos ocultos entre os Membros fora das capelas do Clã Tremere. À medida que a Idade da Razão florescia, os objetos murchados e ocultos da Idade da Magia uma vez valorizados entre os Membros foram deixados de lado em favor da inovação moderna.

A destrui√ß√£o provocada pela Segunda Inquisi√ß√£o, o Chamado [Beckoning], e a cisma Tremere, combinado com os editais da Camarilla contra a tecnologia come√ßaram a reverter essa tend√™ncia. Muitos ref√ļgios dos anci√£os est√£o agora abandonados ou est√£o nas m√£os de Ancillae ‚Äúconfi√°veis‚ÄĚ. Capelas Tremere inteiras jazem em repouso ou congelados, e valiosos artefatos de uma √©poca mais antiga foram esquecidos no sono dos anci√£os, prontos para serem tomados.

Voc√™ obteve acesso ou conhecimento de um ou mais preciosos Artefatos Ocultos. Provavelmente foram confiados a Nicolai para cust√≥dia na Capela de Chicago ou podem ser localizados em outros lugares. Observe que todos s√£o poderosos a sua pr√≥pria maneira e s√£o provavelmente procurados e desejados por muitos, o que pode torn√°-los mais problem√°ticos do que realmente valem. √Č improv√°vel que mais de um desses estar√° dispon√≠vel para qualquer grupo.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Anel de Rowan: Aneis de Rowan s√£o ferramentas de assassinato temidas e geralmente empregadas entre os membros mais velhos entre os Banu Haqim ou os Neofitos da confian√ßa deles. Eles parecem ser simples an√©is de madeira, embora sejam detect√°dos como m√°gicos atraves de Ausp√≠cios ou outros meios ocultos. Depois de fazer uma Checagem de Sangue [Rouse Check], o anel misticamente se afia e se alonga no formato de uma estaca de madeira que pode ser usada para fa√ßa um ataque de estaca (Vampiro: A M√°scara V5, p. 221). A Estaca se desdobra ap√≥s o uso e o anel some do dedo do portador. Um simples pensamento enquanto toca na estaca a transforma de volta em um anel quando ela n√£o estiver em uso.

‚ÄĘ‚ÄĘ Manto de Abalone: Tecido por um Tremere como uma arma poderosa contra os Toreador, o Manto de Abalone √© da cor preto fosco, marrom ou cinza do lado de fora, mas se abre para revelar um forro que forma um chuveiro cintilante de cores hipnotizantes. O portador deve fazer uma Checagem de Sangue [Rouse Check] para ativar a capa, ap√≥s a qual o alvo Toreador √© imediatamente tratado como se eles tivessem obtido uma Falha Bestial e √© afligido como se a sua obsess√£o Toreador estivesse em vigor (Vampiro: A M√°scara V5, p. 210). Observe que a capa s√≥ funciona em um alvo de cada vez, e raramente h√° mais de uma capa por Capela Tremere.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ P√≥ da Rigidez: Essa mistura incomum de ervas raras, Sangue de Gangrel e Mata-lobos (wolfsbane) esta sendo cada vez mais procurada desde a guerra de Chicago e a Deser√ß√£o do Cl√£ Gangrel da Camarilha. Vindo em tubos longos, a mistura √© lan√ßada no alvo com um teste oposto (de ambos) de Destreza [Dexterity] + Atletismo [Athletics]. Se o lan√ßador tiver sucesso, o tubo se estilha√ßa no alvo e o cobre com uma poeira p√ļrpura viscosa. Enquanto o efeitos m√°gicos tomam conta de o alvo, se o alvo for usu√°rios da Disciplina Metamorfose [Protean], Um Lupino, ou outro tipo de metamorfo, ele perde toda a capacidade de mudar de forma pelas pr√≥ximas quatro horas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mon√≥culo da Clareza: Projetado pelos Tremere para detectar espi√Ķes Ofuscados, o Mon√≥culo da Clareza √© um conjunto de mon√≥culo lindamente gravado em ouro e delicadamente filigranado em moldura de prata. O usu√°rio faz uma Checagem de Sangue [Rouse Check] para ativar ele e testa Racioc√≠nio [Wits] ou Determina√ß√£o [Resolve] + cinco dados, contra o alvo, que testa Racioc√≠nio [Wits] + Ofusca√ß√£o. Se voc√™ for bem sucedido voc√™ perfura a Ofusca√ß√£o do alvo. Um Fracasso Total perfura o v√©u entre este mundo e o outro, expondo o usu√°rio para ‚Äúcoisas‚ÄĚ que era melhor ele n√£o ver, infligindo um ponto de Dano Superficial na sua For√ßa de Vontade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Tape√ßaria de Sangue: Um raro e poderoso artefato altamente procurado por todos. A Tape√ßaria de Sangue √© uma enorme tape√ßaria medieval que dizem ter agraciado os corredores da Capela de Viena antes de sua transfer√™ncia para Chicago. O usu√°rio deve fazer cinco (5) Checagens de Sangue [Rouse Checks] e gastar o total de uma noite contemplando a trama da tape√ßaria. Quando os primeiros raios de sol do amanhecer aparecerem, o usu√°rio faz um teste de Racioc√≠nio [Wits] ou Determina√ß√£o [Resolve] + Ocultismo [Occult] com cada sucesso lhe garantindo uma maior clareza da sua vis√£o. Esta vis√£o pode tomar qualquer forma, desde de vislumbres de antigas civiliza√ß√Ķes a vislumbres do futuro. A √ļnica certeza √© que o assunto relacionado a cada vis√£o ir√° se relacionar diretamente ao destino do usu√°rio. Uma Falha total indica que o usu√°rio viu algo verdadeiramente inquietante sobre seu destino e imediatamente desencadeia uma compuls√£o conforme detalhado em Vampiro: A M√°scara V5.

 

O P√ďNEI EXPRESSO

(“The Pony Express”, Livro: “Chicago Folios”, pag 167)

O P√≥nei Expreso foi fundado por um grupo de empreendedores Ventrue Ancillae em resposta aos abandono das comunica√ß√Ķes eletr√īnicas na ascen√ß√£o da Segunda Inquisi√ß√£o. Reconhecendo a necessidade de um m√©todo de coordena√ß√£o da comunica√ß√£o intermunicipal para a seita, o fundador do grupo, Elliot Praxton, reuniu um grupo de Ventrue com ideias semelhantes para fundar o que Praxton passou a chamar de ‚ÄúO P√≥nei Expresso‚ÄĚ.

O Expresso √© um sistema de correios f√≠sicos que cruzam a na√ß√£o usando v√°rios meios de transporte variando desde carros com seguran√ßas e sedans comuns, a barcos, avi√Ķes e helic√≥pteros. Agentes do expresso em cada cidade incluem Membros e seus carni√ßais que podem ter instala√ß√Ķes permanentes nesse dom√≠nio, ou mudar de cidade para cidade em um circuito. Eles operam uma s√©rie estonteante de cartas ocultas, encontros secretos e outras formas an√īnimas de comunica√ß√£o que eles usam para ‚Äúcoletar o correio‚ÄĚ em cada dom√≠nio. Esse correio varia de Pen-drives flash altamente criptografados a antiquadas correspond√™ncias f√≠sicas.

Motoristas expressos s√£o selecionados nas fileiras dos Gangrel leais √† Camarilla e um grupo cada vez maior de jovens Ventrue e outros Membros ambiciosos. Motoristas podem enfrentar os perigos da estrada aberta, entregando seus pacotes para outros motoristas em locais de entrega pr√©-combinados ou ocasionalmente fazer longas dist√Ęncias com informa√ß√Ķes particularmente sens√≠veis. Anarquistas, Lupinos e a Inquisi√ß√£o permanecem em seu caminho, mas eles passam o correio, nunca pegando a mesma rota duas vezes, e sempre cobrindo seus rastros. Trabalhando pois o Expresso √© perigoso nas melhores noites, mas √© vital para a sobreviv√™ncia da Camarilla e Praxton paga extremamente bem.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Acesso a Rede: Voc√™ tem acesso ao Expresso e pode enviar ou receber uma mensagem segura ou pacote para ou de qualquer dom√≠nio em que o Express opera. A entrega ir√° chegar dentro de tr√™s noites a uma semana (A Crit√©rio do narrador).

‚ÄĘ‚ÄĘ Agente de Esta√ß√£o: Voc√™ coleta a correspondencia em seu dom√≠nio e facilita a transfer√™ncia para um motorista. Voc√™ tem dois pontos no Antecedente M√°scara e tambem tem a caracteristica “Zerado”. Voc√™s tamb√©m tem acesso a esta√ß√£o local do Expresso, um Refugio de dois pontos com um ponto em Poterna. Ele √© propriedade da Paxton, mas esta dispon√≠vel para voc√™ enquanto oficialmente no Neg√≥cio do expresso. A obriga√ß√£o que vem com esta Camada de Conhecimento (Loresheet) √© que o vampiro √© frequentemente perseguido ou tentar√£o captura-lo para que as entregas esperadas n√£o cheguem em seus destinat√°rios.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Motorista: Voc√™ √© um motorista para o Expresso, concedendo a voc√™ acesso a uma grande variedade de ve√≠culos e esconderijos r√°pidos em toda a na√ß√£o. Voc√™ pode adquirir um ve√≠culo apropriado para a necessidade da sua jornada (crit√©rio do narrador) uma vez por hist√≥ria. Normalmente √© um carro, caminh√£o, barco, pequena aeronave ou mesmo motocicleta adequada para chegar ao seu destino. Voc√™ tamb√©m tem acesso total a rede de esta√ß√Ķes do Pony Expresso, representando uma cole√ß√£o de Ref√ļgios de dois pontos dentro uma noite de viagem de um para o outro. Elas s√£o propriedade da Praxton, mas est√£o dispon√≠veis a todos os seus agentes e motoristas de acordo com o tempo e a necessidade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Viajar o Mundo: Praxton recentemente levou o Pony Express as vias internacionais, organizando esta√ß√Ķes seguras em muitos dos os principais portos a√©reos e mar√≠timos do mundo e voc√™ est√° na vanguarda dessa nova iniciativa. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ obtem acesso a um modo de viagem internacional especificamente adaptado para acomodar as necessidades √ļnicas de Membros. Este transporte √© provavelmente algo r√°pido e manobr√°vel como um Lear jet, ou lento e clandestino como ser cuspido pra fora de um cargueiro sem registro. Refugios de dois pontos ao redor do mundo na forma de esta√ß√Ķes Expressas ancoram cada extremidade de sua jornada.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Servi√ßo de Passageiros: Sempre o inovador, Praxton opera um servi√ßo clandestino de passageiros para Clientes ‚Äúespeciais‚ÄĚ. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ e sua Coterie obt√™m passagem de seu dom√≠nio para qualquer outro destino em que o Expresso opera. (A crt√©rio do Narrador).

 

XERIFE DAMIEN

(“Sheriff Damien”, Livro: “Chicago Folios”, pag 168)

Damien nunca quis ser o Xerife de Chicago, mas agora que ele aceitou a posição, ele a leva malditamente a sério. O Brujah estava mais contente no palco como o vocalista da banda punk Baby Chorus. A guerra de Chicago arrancou isso dele, separando ele da sua família, levando os membros sobreviventes da banda para um longo hiato, e deixando-o à deriva. A falta de lealdade de Damien para nomes como Annabelle, Ballard e DuSable mostraram para o Príncipe Jackson quem ele é. Quem melhor para servir como Xerife do que alguém que conhecia a cidade e seus jogadores poderosos, mas não estava em dívida com nenhum deles?

Antes de assumir o manto, Damien viajou pelo Estados Unidos em turn√™ solo n√£o oficial, interpretando sozinho a M√ļsica do Baby Chorus nas cidades de todo o pa√≠s. Ao fazer isso, ele fez contatos de costa a costa em ambas Cidades controladas pela Camarilla e por Anarquistas.

Nas Noites modernas, a lealdade de Damien está com o príncipe Jackson e o recém-reunido Baby Chorus. Ele mantém dossiês sobre os Membros de Chicago, e envia seus cães atrás daqueles que ameaçam a agenda do Príncipe. Além dos executores que ele herdou quando assumiu o cargo, Damien continua a construir a lista de seus cães com lutadores ferozes, talvez os Lasombra se provem serem um problema ou talvez os seus antigo Associados Anarquistas façam um movimento.

Damien é astuto e autossuficiente. Ele esculpiu uma vida para si mesmo como um adolescente e construiu uma família juntos fora daqueles em que ele confiava. Ele fez o mesmo depois de seu Abraço, correndo com os niilistas. Nas noites modernas, ele ferozmente protege as pessoas de quem ele está mais próximo. Ele perdeu família suficiente ao longo dos anos. Agora que ele é o Xerife, ele pretende usar esse poder de manter aqueles que permanecem seguros.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ F√£ Clube: Voc√™ tem sido um F√£ do Baby Chorus por d√©cadas. Voc√™ coletou seus √°lbuns e caixas cheias de fitas e CDs piratas de seus shows. Damien reconhece voc√™ como um rosto frequente na frente linha, e outros f√£s v√™em voc√™ como um autoridade na banda, dando a voc√™ dois pontos de Influ√™ncia entre outros Devotos do Baby Chorus.

‚ÄĘ‚ÄĘ Patroller: Damien freq√ľentemente contata voc√™ para o servi√ßo de patrulha, enviando-o para fora e entre os campos de alimenta√ß√£o de Chicago para ficar de olho nas atividades dos Membros. Seus relat√≥rios s√£o claros e concisos, alertando o Xerife sobre problemas em potencial bem antes de eles acontecerem – ou pior, Pr√≠ncipe Jackson – fique sabendo. Uma vez por hist√≥ria, adicione tr√™s dados a um teste de Sagacidade [Insight], Intimida√ß√£o [Intimidation] ou Manha [Streetwise]. Enquanto esta posi√ß√£o concede a voc√™ alguma autoridade, outros te considero um delator dedo-duro.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Artista Convidado: Embora a lista atual √© bastante s√≥lida, Damien passou v√°rios anos tentando ressuscitar o Baby Chorus sem Kathy Glens e os outros membros sobreviventes. Voc√™ tocou com o banda em uma ou v√°rias dessas encarna√ß√Ķes provis√≥rias, e Damien ocasionalmente convida voc√™ para abrir o show para ele, ou que toque algum repertorio. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode usar Damien como um Contato de tr√™s pontos no mundo do entretenimento.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Cart√Ķes Postais da Estrada: Voc√™ fez uma profunda conex√£o com Damien. Possivelmente voc√™ se uniu pela m√ļsica, ou protegeu as costas dele em alguma briga particularmente feia. Voc√™ tem o respeito dele, e Damien atua como o Antecedente Mawla (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ). Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode tamb√©m pedir a ele para coloc√°-lo em contato com um de seus v√°rios contatos em todo o pa√≠s.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ C√£o Leal: Principe Jackson entregou a Damien uma tripula√ß√£o completa de aspirantes a C√£es diplomatas, mas o Xerife quer lutadores e voc√™ tem a reputa√ß√£o de resolver problemas com seus punhos. Ganhe Contatos: Sheriff Damien (‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ), Status: Camarilla (‚ÄĘ‚ÄĘ). Voc√™ pode agir com a autoridade do Xerife em assuntos dos Membros, e deve responder quando Damien exigir sua assist√™ncia.

 

A ALCATEIA

(“The Wolf Pack”, Livro: “Chicago Folios”, pag 168)

O vento a√ßoita seus cabelos enquanto a Alcateia espreita as estradas e as cidades desertas do sul de Illinois. Ela ataca rapidamente, e a sua presen√ßa marcada pelo rugido dos motores e risadas selvagens, deixando apenas o pavimento desaparecendo e anarquistas quebrados em seu rastro. A Alcateia tem servido a Camarilla por d√©cadas, rebeldes por uma causa que rejeitaram o abandono de seu cl√£ da Torre de Marfim para dobrar regras e quebrar cabe√ßas a servi√ßo das Tradi√ß√Ķes.

A Alcateia vaga por toda parte em seu papel de Arcontes itinerantes, mas faltam alguns membros após o Guerra brutal de Chicago contra os Lupinos. Talvez você encontrei-os nas rodovias abertas ou lançou um feitiço neles? Talvez eles tenham visto algo em você e decidido torná-lo um cliente potencial? Seja qual for a sua interação, provavelmente te fez um pouco mais forte, e muito mais mesquinho.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Prospecto: Sobreviver a “Inicia√ß√£o de Tyrus‚ÄĚ na Alcateia requer um certo grau de resili√™ncia. Reduza a dificuldade de todos os testes de Sobreviv√™ncia [Survival] relacionados a viagens e tarefas ao ar livre em um.

‚ÄĘ‚ÄĘ Membro: Uma das regras de ades√£o na Alcateia √© que voc√™ tem que ser capaz de andar. Sua associa√ß√£o com o bando concede a voc√™ dois dados de b√īnus para todos os testes do Condu√ß√£o [Drive] enquanto estiver dirigindo uma moto.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Pesadelo Linha Branca: A Alcateia vive frugalmente, mas n√£o poupa despesas em suas bicicletas. Uma vez por jogo, voc√™ pode ligar os contatos da Alcateia na comunidade de motocicletas pelo pa√≠s para obter imediato acesso a uma motocicleta customizada.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Cavaleiro do Medo: Sua associa√ß√£o com Anthius d√° a voc√™ acesso a um verdadeiro ex√©rcito de Gangues de motociclistas do meio-oeste. Uma vez por cr√īnica, voc√™ pode invocar a influ√™ncia de Anthius para reunir centenas de “Hell’s Angels” em qualquer parte do continente Estados Unidos dentro de tr√™s noites (embora os primeiros grupos chegar dentro de horas). Esses motoqueiros fornecem a voc√™ um Aliado de cinco pontos na forma de um grupo que pode ser dirigido de modo aproximado na dire√ß√£o de um √ļnico objetivo de sua escolha. Esteja avisado que o potencial de danos colaterais e envolvimento do governo √© alto.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ N√£o da…:Tyrus infunde em voc√™ as medidas cabe√ßa dura, cora√ß√£o duro, e personalidade obstinada dele. Voc√™ nunca tira nada de qualquer um e sempre est√° com um olhar disposto que poderia derrubar at√© o pr√≥prio Caim, isso se ele tiver bolas para te desafi√°r. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode ignorar at√© mesmo a tentativa mais formid√°vel de intimida√ß√£o contra voc√™. Voc√™ se torna imune a qualquer tentativa de intimida√ß√£o, seja para tentarem fazer voc√™ se curvar ou recuar de qualquer forma (seja mundana ou sobrenatural). Os esfeitos dessa habilidade desaparecem no in√≠cio da pr√≥xima cena.

 

CAMADAS DE CONHECIMENTO – CULT OF THE BLOOD GODS

BANQUEIROS DE DUNSIRN

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“Bankers of Dunsirn”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 220)

Por volta do s√©culo 18, os Giovanni queriam um ponto de apoio nos mercados do Novo Mundo. Mas todas as suas tentativas eram constantemente bloqueadas por um Fam√≠lia Escocesa de banqueiros que possu√≠a v√°rios empreendimentos mar√≠timos. Impressionados com sua perspic√°cia financeira, os Giovanni investigaram e traxeram a fam√≠lia para as suas fileiras. O que fechou o neg√≥cio foi a descoberta de que os Dunsirn eram canibais assim como investidores. Era o equil√≠brio perfeito do dinheiro, deprava√ß√£o e a capacidade de guardar um segredo. Durante s√©culos, a rela√ß√£o entre as dois fam√≠lias eram claras: o Dunsirn fez o dinheiro, e o A fam√≠lia Giovanni gasta o dinheiro como √°gua. Surpreendentemente, embora os membros mortais da fam√≠lia Dunsirn ainda se entreguem ocasionalmente a comerem um “pedacinho de porco”, os Membros n√£o mostram muita aptid√£o ou interesse em buscas necrom√Ęnticas. Antes da Reuni√£o da Fam√≠lia, houve um grande esfor√ßo para for√ß√°-los a aprenderem os caminhos do Oblivio, mas agora os Dunsirns est√£o felizes por voltar ao que eles fazem de melhor: sangrar pessoas at√© secar. E desta vez, eles n√£o precisam responder aos malditos Giovanni para tambem fazer isso.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ O Dinheiro Ofusca: √Č dificil fazer dinheiro, principalmente voc√™ n√£o quer ser notado, mas o Dunsirn trabalharam nas sombras por s√©culos. Voc√™ espalhou partes do dinheiro da sua fam√≠lia ao por ai para fazer uma identidade alternativa para voc√™ mesmo. Voc√™ obt√©m dois pontos no Antecedente M√°scara gratuitamente, embora voc√™ deva manter essa M√°scara pelo menos uma vez por hist√≥ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ O Dinheiro Fala: Os Dunsirn encontram informa√ß√Ķes no lugares mais interessantes. Tudo o que voc√™ tem que fazer √© espalhar um pouco de dinheiro por ai, e as pessoas pulam fora da toca para te dizer as coisas. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode encontrar informa√ß√Ķes como se voc√™ tivesse o Antecedente Contatos com um n√ļmero de pontos igual ao seu Antecedente Recursos. Essa habilidade dura por um √ļnica cena.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Dinheiro Aprimora: Voc√™ sempre tem acesso ao melhor que o dinheiro pode comprar. Ter acesso a produtos de qualidade n√£o apenas atua como um s√≠mbolo de status, mas tamb√©m torna tudo um pouco mais f√°cil. Ao fazer uma rolagem em que voc√™ pode usar por conta pr√≥pria um dos seus equipamentos, voc√™ ganha um dado b√īnus para o teste.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Dinheiro Multiplica: Tudo que os Hecata conhecem dos Dunsirn, √© que eles s√£o banqueiros. Mas a maioria deles pensa nisso de forma abstrata, como se ser ‚Äúbanqueiro‚ÄĚ √© apenas uma maneira diferente de dizer ‚Äúalgu√©m com muito dinheiro.” Mas voc√™ √© (ou esta diretamente relacionados a) um banqueiro de investimento leg√≠timo. Ganhe tr√™s pontos (ou at√© cinco) em Recursos. Al√©m disso, qualquer um na sua Coterie perde o Defeito “Desprovido” (Vampiro: O M√°scara, p. 193), e pode comprar pontos em Recursos ao custo de 2 pontos de experi√™ncia por ponto, em vez dos 3 habituais por Antecedente.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Dinheiro Manda: Voc√™ √© um dos cabe√ßas das contas familiares dos Dunsirn. Voc√™ tem os seus dedos morto-vivos no pulso das contas financeiras dos Hecata. E voc√™ se certifica de que todo mundo sabe disso. Voc√™ ganha tr√™s pontos gratuitamente no Antecedente Status entre os Hecata. Al√©m disso, uma vez por cr√īnica, voc√™ pode dar a cada Hecata na cr√īnica dois pontos adicionais de Antecedente Recursos ou remova todos os pontos de Recursos de cada Hecata na cr√īnica. Essas adi√ß√Ķes de Recursos ou remo√ß√Ķes duram uma √ļnica hist√≥ria, e se removido, gere um Defeito Advers√°rio (o inverso de Mawla) pela dura√ß√£o da cr√īnica na forma de um dos Vampiros que foram roubados.

 

CRIANÇAS DE TENOCHITITLAN

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“Children of Tenochititlan”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 221)

No in√≠cio do s√©culo XVI, os Giovanni espanh√≥is se reuniram com representantes da civiliza√ß√£o asteca como parte das expedi√ß√Ķes das Cortes. Na cidade de Tenochtitlan (agora parte da cidade do M√©xico), esses Giovanni foram apresentados a uma massiva e formalizada tradi√ß√£o necrom√Ęntica. Ent√£o, naturalmente, eles mataram, escravizaram e converteram os ‚Äúpag√£os‚ÄĚ, trazendo-os para as suas fileiras. Os Giovanni chamaram esses convertidos de “Pisanob”, um termo maia, que se traduz aproximadamente como “fantasmas dos mortos que andam pela Terra” (o fato de que os astecas n√£o eram maias n√£o preocupava o Europeus). Que esses vampiros j√° tinham um nome, um legado, e suas pr√≥prias cren√ßas que pouco importavam para os Giovanni. O Seu l√≠der, Pochtli, ainda estava no comando dos Pisanob at√© a reuni√£o de fam√≠lia. No entanto, a fam√≠lia tinha sido reduzida a poucos Membros remanescentes ap√≥s os cont√≠nuos ataques dos Precursores do √ďdio (no original “Harbingers of Skulls”), embora as raz√Ķes dos ataques eram desconhecidas. Pochtli ofereceu sua morte para os Precursores em troca do fim das hostilidades, e os Precursores aceitaram. Agora, os filhos restantes de Tenochtitlan devem decidir quem sera o seu novo l√≠der, enquanto planejam sua vingan√ßa.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Se Escondendo dos lobos: Os Pisanob restantes sobreviveram porque eles s√£o muito, muito bons em se esconder. Voc√™ aprendeu todos os tipos de t√©cnicas para permanecer fora da vista daqueles que iriam te ca√ßar … e aqueles que voc√™ iria ca√ßar. Voc√™ ganha um dado extra em qualquer teste para se esconder, incluindo por meio do uso de Disciplinas ou Cerim√īnias.

‚ÄĘ‚ÄĘ Instintos Fantasmas: Os Membros originais abra√ßados em Tenochtitlan eram necromantes extremamente talentosos, e eles t√™m compartilhado uma grande variedade de dicas, truques e segredos entre seus irm√£os. Voc√™ aprendeu alguns desses segredos, que te fornecem dois dados adicionais em qualquer teste de Cerim√īnias de Oblivio envolvendo convoca√ß√Ķes, controle, ou destrui√ß√£o de fantasmas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Pensamento Retrogado: Depois de anos sendo ca√ßado pelos Precursores do √ďdio (Harbingers of Skulls), voc√™ aprendeu a sempre planejar √† frente, transformando uma potencial trag√©dia em um triunfo. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode rolar novamente qualquer teste de Per√≠cia. Al√©m disso, voc√™ sempre tem uma re-rolagem de uma Per√≠cia gratuitamente em qualquer cena em que voc√™ trabalha contra outro Hecata. Se o Hecata em quest√£o √© um membro dos Precursores do √ďdio (Harbingers de Skulls), voc√™ ganha um sucesso adicional nessa nova jogada.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Prodigio Necromantico: Os segredos do Oblivio s√£o seus para comandar, seja atrav√©s de estudo, da sua linhagem ancestral, ou atraves segredos que voc√™ adquiriu de seus primos ao longo dos anos. Sua dom√≠nio de cerim√īnias necrom√Ęnticas √© incompar√°vel. Voc√™ ganha dois sucessos autom√°ticos em qualquer teste necess√°rio para ativar um Cerim√īnia de Oblivio necrom√Ęntica.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Proximo na Linha: Agora que Pochtli se sacrificou para o grande plano de unidade dos Hecata, √© hora de outro dar um passo √† frente e conduzir os Pisanob para um futuro gl√≥rioso. E Voc√™ √© um desses indiv√≠duos, exercendo um equil√≠brio entre habilidade necrom√Ęntica e conhecimento pol√≠tico. Voc√™ tem mais dois pontos de Status entre os Hecata. Al√©m disso, voc√™ tem um aliado entre o anziani, que atua como o Antecedente Mawla de cinco pontos que pode ser usado uma vez por historia hist√≥ria. (Voc√™ pode comprar o Antecedente Mawla normalmente para tornar o personagem o seu Mentor ou Patrono de forma padr√£o.)

 

DESCENDENTES DO BARÃO

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“Descendants of the Baron”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 222)

Os descendentes do Bar√£o Samedi s√£o um misterioso, e eles gostam que seja assim. Antes da reuni√£o de fam√≠lia, eles universalmente tinha fei√ß√Ķes horr√≠veis e apodrecidas, muitas vezes fazendo eles serem facilmente confundidos com os Nosferatu. Antes da fam√≠lia Reuni√£o, seu controle de necromancia os fazia parecer como um filho bastardo dos Capad√≥cios. Antes da Reuni√£o da fam√≠lia, se algum Samedi falava sobre o Bar√£o, de forma geral eles eram propensos a afirmar que ele era tanto um loa quanto um vampiro. Agora, os Hecata s√£o uma grande fam√≠lia feliz, certo? Os Samedi at√© recuperaram a sua aparencia, embora a podrid√£o e a decomposi√ß√£o aparecerem sempre que eles se alimentam. Mas estes Membros s√£o impregnados de vodu e hoodoo, e eles sabem que tudo tem um pre√ßo. N√£o vem nada de gra√ßa. Ent√£o, eles usam chap√©us de seda, fumam charutos finos e planejam aproveitar o passeio at√© o vencimento da conta. “Laissez les bon temps rouler.”

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Essas “merdas” de CSI ai: Como um dos Filhos do Bar√£o, voc√™s aprenderam alguns truques sobre a morte. E um deles √© saber muito sobre podrid√£o, decad√™ncia e como os corpos morrem. Examinando cuidadosamente um cad√°ver mortal voc√™ pode imediatamente saber a causa da morte. Se o causa da morte √© sobrenaturalmente escondida, mesmo assim voc√™ ganha a habilidade para fazer um teste.

‚ÄĘ‚ÄĘ Corpo Esquisito: Ha um tempo atras, todos os Samedi pareciam cad√°veres ambulantes, mas gra√ßas a a reuni√£o da fam√≠lia, eles t√™m novos rostos respeit√°veis. Mas voc√™ pode voltar a parecer como um cad√°ver sempre que voc√™ quiser. Al√©m do mais, voc√™ pode parecer de outra pessoa, caso voc√™ tente o suficiente. Uma vez por sess√£o que voc√™ pode assumir a apar√™ncia de um cad√°ver que voc√™ tenha tocado, incluindo toda a podrid√£o e o cheiro de sua idade atual. Para perceber erros, os observadores podem fazer um teste de Determina√ß√£o [Resolve] + Percep√ß√£o [Awareness] contra sua Determina√ß√£o [Resolve] como valor de Dificuldade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Vazio por Dentro: Claro, voce e os filhos do Bar√£o n√£o parecem mais cad√°veres, mas alguns de voc√™s ainda t√™m as vantagens de ser um. Voc√™ gosta do fato de que os cad√°veres n√£o podem sentir muito de qualquer coisa. Voc√™ n√£o perde dois dados nas jogadas de dados quando estiver afetado fisicamente pela Condi√ß√£o Debilitado, embora voc√™ ainda seja afetado pela penalidade por estar Debilitado Mentalmente pela For√ßa de vontade.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Meu Amigo Setita: Os Samedi tem um relacionamento estranho com o Minist√©rio. Existe uma grande sobreposi√ß√£o de interesses e mais do que alguns decidiram por se juntar ao Minist√©rio ao inv√©s de ficar com os Hecata. Voc√™ tem uma conex√£o com o Minist√©rio, seja um daqueles Samedi rebeldes ou um outro Seguidor de Set. Voc√™ pode perguntar por seu amigo por um favor uma vez por hist√≥ria, que se traduz no equivalente a tr√™s pontos nos Antecedentes apropriados como Aliados, Influ√™ncia e Recursos.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Chapeu de Seda: Ningu√©m tem certeza absoluta de quem √© o Bar√£o, mas eles sabem que voc√™ tem o favor dele, e que pode ser o pr√≥ximo da fila para o seu baronato. Seja l√° o que for isso. Voc√™ n√£o tem certeza do que ir√° acontecer se voc√™ se levantar e reivindicar o chap√©u de seda do Bar√£o. Pode ser uma posi√ß√£o puramente pol√≠tica dentro dos Hecata, ou pode acarretar em voc√™ um investimento espiritual com poderes fant√°sticos. Mas Certamente voc√™ vai investir contra os inimigos do Bar√£o. Antes de voc√™ aceitar o papel, no entanto, voc√™ tem o efeito do Antecedente Mawla em cinco pontos, embora a ajuda venha de maneiras enigm√°ticas e via a√ß√Ķes misteriosas.

 

OS COMEDORES DE CARNE

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“Flesh-Eaters”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 223)

Os Nagaraja s√£o os vampiros mais rebeldes em um cl√£ agora cheio de vampiros rebeldes. Elas acreditam que s√£o os primeiros necromantes. Eles se deleitam com o fato de que sua linhagem n√£o √© f√°cil de se rastrear at√© um dos Antediluvianos conhecidos. Eles acreditam que uma vez dominaram as terras dos mortos, tendo convertido seu Sangue para viver em tal lugar. E talvez como resultado da referida Cerim√īnia, eles comeram carne humana em vez de beber sangue. Eles acreditam que em uma das noites do futuro eles podem se tornar mestres do submundo novamente. Os Nagaraja s√£o corretamente vistos como bichos-pap√Ķes, pois mesmo em pequenos numeros eles defendem a pr√°tica horr√≠vel de capturar mortais e despoj√°-los da carne e sangue noite ap√≥s noite, mantendo-os vivos atrav√©s de primeiros socorros e os dons da vitae. Como um grupo distinto, eles t√™m pouco que os ligue como a sociedade al√©m de sua afinidade por fantasmas (a maior parte deles tende a focar mais em Oblivio do que qualquer outra Disciplina) e a sua cren√ßa de que o tormento do corpo e do esp√≠rito trazem quaisquer testemunhas (ou v√≠timas) para mais perto dos mist√©rios da vida, morte e n√£o-vida. Um punhado de Nagarajas apareceeram para a Reuni√£o de Fam√≠lia, alegando que algum tipo de cat√°strofe levou eles para fora de casa. Inicialmente, acreditava-se que eles eram alguma forma radical de Dunsirn, mas enquanto o banqueiros s√£o amadores no reino do canibalismo, o Nagaraja s√£o especialistas. Anos evitando a aten√ß√£o tanto dos mortais quanto da sociedade vamp√≠rica os transformaram em assassinos em s√©rie eficientes – bastante √ļteis para seus novos companheiros de cl√£. Eles podem n√£o precisar mais da carne da maneira que precisavam, mas suas habilidades ainda s√£o √ļteis nesta nova era. E alguns nunca perderam o seu apetite.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ V√≠sceras: Voc√™ ainda pode comer carne em vez de beber sangue – morder um mortal causa ferimentos agravados normalmente e conta como como beber sangue para voc√™. Voc√™ tamb√©m pode comer cadaveres frescos, embora o sabor n√£o seja t√£o bom.

‚ÄĘ‚ÄĘ Espirito N√£o Visto: Alguns dos Nagaraja podem se fazer de invis√≠vel para fantasmas e esp√≠ritos. Se voc√™ ainda n√£o tem acesso para a Disciplina de Ofusca√ß√£o, voc√™ ganha acesso ao Manto das Sombras (Vampiro: A M√°scara V5, p. 261) em sem custo – mas voc√™ n√£o necessariamente tem a Disciplina Ofusca√ß√£o, mas sim um poder especial. Este poder funciona como o Manto das Sombras (Ofusca√ß√£o Nivel 1), exceto que s√≥ funciona contra esp√≠ritos e fantasmas. Se voc√™ tem (ou adquirir mais tarde) Ofusca√ß√£o, todos os seus poderes de Ofusca√ß√£o tambem ir√£o funcionar contra fantasmas e esp√≠ritos al√©m de seus efeitos usuais.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Assassinato Perfeito: Voc√™ tem muita experi√™ncia no planejo de assassinatos. Enquanto voc√™ tiver pelo menos uma noite para planejar um assassinato intencional a sangue frio, voc√™ consegue um sucesso extra em todos os testes para aquela cena de crime. Esses sucessos s√£o negados por algu√©m que possui a Camada de Conhecimento de Linhagem “Envie um Assassino” (abaixo).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Envie um Assassino: Voc√™ √© um serial killer, ou talvez voc√™ passou muito tempo estudando-os. Voc√™ ganha dois dados extras nas jogadas para estudar cenas de assassinato ou rastrear assassinos. Al√©m disso, voc√™ trabalhou com funcion√°rios da lei (mortal, Membros, ou ambos) em alguns casos, seja atrav√©s do envio de e-mails an√īnimos ou como consultor direto. Voc√™ tem tr√™s pontos para gastar entre os Antecedentes Contatos com a for√ßa policial, Contatos com investigadores na Sociedade vamp√≠rica e Status.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mordida Monstruosa: Quando pronto para atacar ou se alimentar, seu dentes se estendem como longas, abertas, e cru√©is adagas que se projetam de sua boca. Quando atacando com a sua mordida, voc√™ n√£o sofrer√° a penalidade padr√£o por ataques direcionados ao executar uma mordida (mas ainda sofre quaisquer penalidades extras), e alem disso voc√™ ganha um sucesso extra em todos Testes de Intimida√ß√£o e aumente o dano da sua mordida para 3.

 

PRECURSORES DE ASHUR

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“Harbingers of Ashur”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 224)

Guardando o maior rancor da Jyhad, os Capad√≥cios eram o Cl√£ da Morte antes de serem usurpados pelos novatos Giovanni. Todos acreditaram por s√©culos que eles haviam sido destru√≠dos, os Capad√≥cios come√ßaram a usar m√°scaras e se autodenominar os “Precursosres do √ďdio” (Harbingers of Skulls) ou uma subfa√ß√£o do cl√£ chamando a eles pr√≥prios de “Precursores” gera√ß√Ķes antes. Seja qual for a verdade, a maioria aderiu ao Sab√° e trabalhou agressivamente contra os Interesses dos Giovanni. Por muitos anos, pensou-se que ambos os lados nunca iriam parar at√© que um obliterasse o outro, mas isso parece ter mudado com a reuni√£o da fam√≠lia. Apesar da reconcilia√ß√£o e do reconhecimento de que os remanescentes dos Membros dos Capad√≥cios, os Precursosres do √ďdio como eram n√£o poderiam mais existir. Mas eles n√£o poderiam deixar os Capad√≥cios retornar ao seu antigo estado ap√≥s tantos s√©culos de raiva. Como tal, esses vampiros respondem por qualquer um dos nomes, eles se tornaram uma s√≠ntese do dois. Como todas as coisas, a forma passada morreu e enriqueceu a terra para que algo novo possa crescer.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ A M√°scara de Cinzas: Voc√™ veste uma m√°scara simples feita de cinzas de madeira, enquanto voc√™ respeita o tradi√ß√Ķes dos Precursores com isso, voc√™ se preocupa mais em estudar a morte do que status, gl√≥ria ou vingan√ßa. Se um Pilar de Humanidade (Touchstone) seu est√° morto ou morre depois que voc√™ compra esta Camada de Conhecimento, o estudo do cad√°ver dele permite que voc√™ possa transferir a convic√ß√£o que ele representava para um outro mortal (ver Vampiro:A M√°scara V5, p. 240) como se eles tivessem morrido em paz. Se eles realmente o fizeram, ganhe um dado b√īnus para o teste de remorso para evitar a perda de Humanidade. Se qualquer outra pessoa interferir no cad√°ver, voc√™ deve fazer um teste de Frenesi de F√ļria contra dificuldade 3.

‚ÄĘ‚ÄĘ A M√°scara de Ouro: Voc√™ fez uma uma m√°scara de ouro rosado, porque voc√™ se esfor√ßou em tentar equilibrar a sua exist√™ncia entre os vivos e os mortos. o Ouro tem conex√Ķes com ambos, a riqueza e a alquimia, com ouro como um bem funer√°rio sentado entre a intersec√ß√£o perfeita entre os dois. Como tal, voc√™ tem a capacidade de esconder as suas a√ß√Ķes, e as a√ß√Ķes da sua Coterie, conforme voc√™ explora morte. Voc√™ tem o equivalente a quatro pontos de Influ√™ncia quando tenta encobrir uma morte.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A M√°scara Branca: Voc√™ usa uma m√°scara branca como o osso, sem um gr√£o de sujeira nela, porque √© a m√°scara de um respeitado Precursor que estava perdido em um dos expurgos hist√≥ricos. Quando voc√™ fala para os mais velhos de sua linhagem, a maioria dos Precursores (e at√© mesmo outros Hecata) v√£o ouvir voc√™. Voc√™s ganha um b√īnus de tr√™s dados para qualquer rolagem social contra outro Precursor, e dois dados para qualquer jogada social contra outro Hecata.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A M√°scara de Obisidiana: Voc√™ veste uma m√°scara preta polida, porque voc√™ √© mais do que apenas um vampiro – voc√™ est√° realmente meio morto. Voc√™ √© um fantasma que habitou o corpo de um vampiro. Voc√™s pode aprender as cerim√īnias do Oblivio sem um professor (e consumindo somente metade o tempo de treinamento se voc√™ tiver um de alguma maneira) devido √† sua experi√™ncia com o submundo, mas voc√™ √© mais vulner√°vel ‚Äč‚Äča efeitos que teriam fantasmas como alvos (como algumas Cerim√īnias de Oblivo). Voc√™ sofre uma penalidade de dois dados para resistir a estes efeitos, mas voc√™ ganha dois dados b√īnus ao resistir a efeitos que tentam controlar o seu corpo fisico (como como Domina√ß√£o).

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ A M√°scara Lazarena: Voc√™ veste uma m√°scara gravada com a imagem de um dos fundadores do Cl√£, mostrando que voc√™ sabe o verdadeiro segredo dos Precursores. A cruzada deles nunca foi sobre apenas destruir os Giovanni, mas na verdade era aniquilar todos aqueles que serviam ao Cl√£ da Morte. A fase final da necromancia e para todos que a praticam √© morrer e e assim se torna o mestre da morte. Voc√™ n√£o recebe Manchas de Humanidade por qualquer a√ß√£o realizada na persegui√ß√£o e tentativa de matar outro Hecata, ou qualquer personagem que serve aos Hecata.

 

LA FAMIGLIA GIOVANNI

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“La Famiglia Giovanni”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 225)

At√© recentemente, sempre que um Membro de fora pensava sobre o Cl√£ da Morte, eles imaginavam a fam√≠lia Giovanni. Suas origens remontam at√© antes do Imp√©rio Romano (quando eram conhecidos como os Ioveanus ou Jovians), e o durante todo o tempo eles sempre tiveram seus m√£os nos assuntos dos Membros. A fam√≠lia Giovanni original sabe como jogar o jogo melhor do que ningu√©m, elaborando a sua identidade como “Membros Diabolicos” para encontrar o equil√≠brio certo entre medo e respeito em seus rivais – e seus parentes. A fam√≠lia Giovanni e o cl√£ de vampiros conhecidos como os Giovanni n√£o s√£o id√™nticos, mas foi uma fic√ß√£o muito √ļtil atrav√©s dos s√©culos. No entanto, agora que a reuni√£o da Fam√≠lia causou uma reestrutura√ß√£o do Cl√£ da Morte, a fam√≠lia original se recusa a ser deixada de lado. Como alguns primos gostariam de ver a parte de tr√°s de “la famiglia”, os ‚Äúverdadeiros‚ÄĚ Giovanni n√£o v√£o apenas ficar parados e deixar milhares de anos de hist√≥ria da fam√≠lia serem jogados fora devido a alguma conveni√™ncia pol√≠tica. Eles s√£o os melhores, e eles v√£o matar para manter essa posi√ß√£o. Afinal, ningu√©m luta como uma fam√≠lia como eles.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ O Ouvido de um Primo: Mesmo sendo uma fam√≠lia de membros que se odeiam, toda a fam√≠lia vive por um certo c√≥digo para compartilhar informa√ß√Ķes – √© assim que eles sobreviveram a tudo desde a queda do Imp√©rio Romano a Segunda Inquisi√ß√£o. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode fazer uma pergunta direta para outro membro da familia Giovanni, e obter uma resposta direta. No entanto, voc√™ tem que responder a uma pergunta em troca. Voc√™ tamb√©m pode pedir um favor a membro mortal da fam√≠lia uma vez por hist√≥ria, como se voc√™ tivesse o Antecedente Aliados no valor de tr√™s pontos.

‚ÄĘ‚ÄĘ Glamour perdido: Come√ßar como um Giovanni ainda significa algo, mesmo que seu nome n√£o esteja mais no cl√£ da morte. Velhos h√°bitos n√£o morrem facilmente, e o instinto de obedecer ainda est√° enraizado na maioria do Cl√£ da Morte. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode adicionar um sucesso autom√°tico em qualquer teste social contra outro Membro Hecata, carni√ßal, ou lacaio.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Dinheiro insignificante: Os Giovanni come√ßaram como comerciantes, e eles ainda conhecem o poder frio do dinheiro vivo. Como um dos favoritos filho da fam√≠lia, voc√™ tem acesso a uma conta substancial em um banco. Voc√™ recebe quatro pontos para distribuir entre os Antecedentes Recursos e Lacaios gratuitamente, mas esses pontos podem ser puxado de volta por membros mais velhos da fam√≠lia a qualquer momento, especialmente se voc√™ cruzar o caminho deles.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Servo Espectral: Os membros da familia s√£o bons em diversas coisas, mas se tem uma coisa que eles particularmente bons mesmo √© em escravizar os esp√≠ritos dos mortos e faze-los cumprir √† sua vontade. Voc√™ herdou ou pessoalmente capturou um espectro para agir como o seu servo. Esse servo espectral funciona extamente como o Antecedente Aliados de quatro pontos, usando as estat√≠sticas de um espectro (Vampiro: A M√°scara V5, p. 377). O espectro n√£o quer nada mais do que quebrar a coleira que o prende e devorar o seu esp√≠rito. Porem at√© l√°, eles podem ser convocados uma vez por sess√£o e chegar√£o dentro de 10 horas.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Aspirante Anziani: Voc√™ conseguiru fazer o seu caminho atrav√©s da pol√≠tica oculta da Reuni√£o de Fam√≠lia e saiu por cima. Voc√™ fez isso parcialmente atr√°ves habilidade pol√≠tica e zelo implac√°vel, mas principalmente porque voc√™ sabe onde os corpos est√£o enterrados (em todos os sentidos). Voc√™ consegue cinco pontos de Status entre os Hecata, e voc√™ pode obter uma audi√™ncia privada com Capuchin em algumas hist√≥rias. Apenas n√£o abuse da sorte ou voc√™ se juntar√° a contagem dos corpos.

 

A CRIMINAL PUTANESCA

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“The Criminal Putanesca”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 226)

Por algumas d√©cadas, os Giovanni tiveram a reputa√ß√£o de ser nada mais do que mafiosos vampiros. Os Hecata Ancillae experientes que confrontam tais estere√≥tipos nos Elysios da Camarilla s√≥ fazem a todos rir e sugerem que o boato come√ßou a partir das exibi√ß√Ķes constantes de “O Poderoso Chef√£o” (The Godfather) durante a madrugada. Mas assim que os Hecata acham que tiveram a chance de relaxar longe, eles recebem liga√ß√Ķes de seus primos e perguntam “que merda a Puttanesca fez dessa vez”. A “merda” da fam√≠lia Puttanesca, como eles costumam ser chamados pelos outros Hecata, foram adquiridos da Sic√≠lia nos anos 1660 como traficantes de rua talentosos – perfeitos para o trabalho sujo, e empregos de baixo n√≠vel que os Giovanni mais ricos n√£o queriam se incomodar em se preucupar. Com o passar dos anos, os Puttanescas inclinaram-se para o estere√≥tipo de mafiosos, porque afinal, se voc√™ quebra pernas para viver, voc√™ tambem pode ser um dos quebra-pernas. Ap√≥s a reuni√£o da fam√≠lia, quaisquer conex√Ķes restantes ao crime organizado foram rapidamente transferidos para os Puttanescas. Os Anziani dizem que √© uma recompensa para quem √© fiel servi√ßo. Mas a Puttanesca sabe que √© uma forma de colocar todas as posses embara√ßosas dos Hecata em um s√≥ lugar. Ent√£o, se eles v√£o ser “a porra de um Puttanesca”, isso √© bom. Esta fam√≠lia sabe tudo sobre bater no cara menor antes de ser espancado por um cara maior. Mas logo eles ser√£o o grande cara, e ser√£o todos os outros que √© ser√£o fodidos.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ Amigos no Submundo: Membros da Puttanesca t√™m la√ßos proximos com as ruas, e geralmente sabem de alguns movimentos paralelos acontecendo nas redondezas. √Č f√°cil colocar as m√£os em um pouco de dinheiro e um pouco de m√ļsculo sempre que voc√™ precisar. Voc√™ consegue dois pontos para distribuir entre Aliados e Recursos, e voc√™ pode realocar esses dois pontos no in√≠cio de cada hist√≥ria. Essas vantagens s√£o sujeitas ao escrut√≠nio policial imediato.

‚ÄĘ‚ÄĘ Mostrar a Barriga: Algum membros da sua fam√≠lia sobrevivem parecendo o mais inofensivos poss√≠vel para pessoas mais poderosas do que eles. Claro, n√£o √© digno, mas se voc√™ puder sobreviver a mais uma noite, isso te d√° tempo para conseguir sua vingan√ßa mais tarde. Voc√™ ganha tr√™s dados de b√īnus em testes para convencer as pessoas a n√£o te machucarem, colocar voc√™ em perigo ou agir contra voc√™.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Mostrar os Seus Punhos: mas por outro lado, n√£o √© nada lega ser empurrado por ai. Alguns da Puttanesca preferem chutar aqueles menores do que eles. Afinal voc√™ precisa mostrar a eles quem √© que manda. Prick provavelmente teria feito algo para te irritar de qualquer maneira, ent√£o √© melhor colocar voc√™ dar logo as suas lambidas primeiro. Contra mortais voc√™ tem dois dados de b√īnus em jogadas para intimidar, e o indice de dano do seu ataque desarmado aumenta em um ponto.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Trazer a Gangue Junto: Ocasionalmente voc√™ s√≥ preciso reunir algumas pessoas para uma boa e velha surra. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode re√ļnir uma gangue para uma briga. Esta gangue consiste em qualquer membro local da Puttanesca, bem como mortais, isso equivale a cinco pontos do Antecedente Aliados. Voc√™ tamb√©m recebe um autom√°tico sucesso em testes para convencer os outros personagens que esta briga √© necess√°ria.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O “Don”: Contra todas as probabilidades, voc√™ beijou e chutou bundas na medida certa para fazer seu caminho florescer com alguma quantidade de respeito, riqueza e influ√™ncia. Outros Hecata podem at√© parar de ficarem insultando voc√™ na sua cara. Voc√™ tem tr√™s pontos adicionais cada um dos Antecedentes Contatos, Influ√™ncia e Recursos, mas esses devem ser atribu√≠dos a sua empresa criminosa e exigem uma manuten√ß√£o cuidadosa para que n√£o chamem a aten√ß√£o de grupos como o FBI, tais agentes podem se tornar vers√Ķes poderosas do Defeito do inimigo.

 

AS G√ďRGONAS

(LINHAGEM; SOMENTE PERSONAGENS HECATA)

(“The Gorgons”, Livro: Cult of Blood Gods, pag 226)

As Lamiae eram uma linhagem de Membros que se acreditava serem descendente de Lilith, assim como tambem de Caim – a sua fundadora e alta sacerdotisa (chamada Lamia) reivindicou ser filha da pr√≥pria M√£e Sombria. Na antiguidade, um anci√£o do Cl√£ Capad√≥cio encontrou Lamia realizando atividades sagradas dos Ritos Bahari, e ficou t√£o impressionado com a pele e resist√™ncia a dor dela que ele a Abra√ßou. A partir de ent√£o, as Lamiae foram guerreiras dedicadas a prote√ß√£o do cl√£ Capad√≥cio, at√© a sua suposta destrui√ß√£o nas m√£os do cl√£ Giovanni. A √ļltima Lamia foi considerada destru√≠da em 1718. No entanto, as G√≥rgonas sobreviveram, bem como as cobran√ßas dos Capad√≥cios. Enquanto esses √ļltimos reivindicaram o t√≠tulo de “Precursores do √ďdio” (Harbingers of Skulls), as Lamiae tomaram o t√≠tulo de ‚ÄúLilins‚ÄĚ, espalhando a palavra de Lilith e a f√© Bahari enquanto secretamente revelava o destino do Capad√≥cios e minava os Giovanni. Agora, no carpete da Reuni√£o da Fam√≠lia, essas mulheres se orgulham de mais uma estarem ao lado dos Membro que as Abra√ßou – embora elas sejam menos inclinados a tolerar os chamados “Cainitas” que castigam a sua f√© ou insultam a sua habilidade marcial.

CONHECIMENTO

‚ÄĘ O Beijo da Serpente: Durante s√©culos, acreditava-se que a mordida das Lamiae propagava doen√ßas, uma var√≠ola t√£o virulenta como a Peste Negra (o que pode ter sido de fato a Peste Negra mesmo) que √© fatal ap√≥s alguns dias. Se isso √© verdade ou n√£o, nas noites modernas a mordida das Lamiae n√£o √© mais fatal, embora algumas delas possuam alguns resqu√≠cios da doen√ßa deixada em seus corpos. Uma vez por hist√≥ria, voc√™ pode escolher infectar a sua presa mortal com uma doen√ßa, esta doen√ßa causa a ela um de Dano agravado √† Vitalidade todas as noites durante tr√™s noites. Esta habilidade n√£o tem efeito sobre Vampiros.

‚ÄĘ‚ÄĘ Prote√ß√£o: Voc√™ incorpora o prop√≥sito original das Lamiae – a prote√ß√£o de seus patronos, atrav√©s de qualquer meio que seja necess√°rio. Voc√™ ganha dois dados b√īnus ao usar a manobra Bloquear (veja Vampiro: A M√°scara V5, p. 297) para proteja outra pessoa.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Os Quatro Humores: Muitas das antigas Lamiae praticam a manipula√ß√£o dos quatro humores, permitindo controle sobre o corpo e a mente da sua v√≠tima. Uma vez por hist√≥ria voc√™ pode morder um mortal e infligir um penalidade de dois dados em todas as a√ß√Ķes que n√£o promovam imediatamente a sua resson√Ęncia atual, at√© o fim da noite ou at√© a sua resson√Ęncia mudar. Se seu sangue cont√©m uma Discrasia, aumente esta penalidade para tr√™s dados.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ Controlar a Besta: Caos e dor s√£o aspectos-chave da f√© Bahari (e, portanto, o f√© de muitas Lamiae). Contudo, caos irracional e dor n√£o levar √† educa√ß√£o, ent√£o controlar a infli√ß√£o acidental de ambos √© importante. Uma vez por sess√£o, voc√™ pode converter um Cr√≠tico Bagun√ßado que ocorreu em combate em um Cr√≠tico Padr√£o.

‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ‚ÄĘ O Olhar da Medusa: Por muito tempo acreditaram que o apelido de “G√≥rgonas” foi dado as Lamiae por suas proezas aterrorizantes e seu sangue supostamente infectado com doen√ßas. Mas os membros mais impregnados com o sangue da linhagem tem um mist√©rioso poder que traz um significado mais literal por tr√°s de seu ep√≠teto que muitos n√£o percebem. Uma vez por sess√£o depois de vencer em um conflito para Intimidar um alvo, os alvos que perderam nesse conflito tornar-se incapazes de agir at√© o conflito acabar. Fora de combate, eles se tornam incapazes de se mover por uma cena ou at√© que a Lamiae saia de sua linha de vis√£o.

 

Veja Tambem:

Vampiro A Mascara 5 edi√ß√£o Portugu√™s [Tradu√ß√£o Completa]ūü•á

5/5 - (5 votes)
você pode gostar também
error: Opa! Quer usar nosso conteudo em algum ligar? Manda um Link pra essa pagina! Obrigado!