Ventrue (Clã – Vampiro a Máscara)

Em seus próprios olhos, apenas o Clã dos Reis tem a capacidade, a sabedoria, o controle e o pedigree para liderar sua espécie pela noite. Desde o seu período como Deuses-Reis da antiga Babilônia e lordes e ladies da Idade das Trevas até o seu papel contemporâneo como guardiões do sangue real, acionistas majoritários, e apoiadores de fundo de campanha, eles têm sido obcecados pelo impulso de governar. Eles coletam seus dízimos em forma de precioso sangue, assegurando o crescimento de seu legado.
Enquanto vários outros clãs tentam afirmar suas posições de influência na política e nos negócios, nenhum outro pode rivalizar com os Ventrue no jogo de puro poder e riqueza. Mas, recentemente, suas projeções arrogantes como governantes escolhidos divinamente, melhores para liderar que qualquer outro clã, começaram a vacilar. O tempo está correndo. Enquanto sentem seus privilégios escapando por seus dedos, os Ventrue mantêm-se firmes e lutam com garras e presas para continuarem no controle como mestres de sua espécie.

 

QUEM SÃO OS VENTRUE?

 

O Clã Ventrue foi o lider da Camarilla por muito tempo, ocupando mais posições de poder que qualquer outro clã, e estão relutantes em deixar isso ir. Mesmo depois de perder seu representante mais proeminente em um assassinato Brujah, os Ventrue continuam a acreditar que são destinados a governar todos os Membros, não importando os sacrifícios envolvidos.
Nas noites atuais, os Ventrue são cuidadosos. Os sem talento caíram no esquecimento, enquanto os melhores se misturaram com a humanidade como banqueiros, diretores sombrios, magnatas reclusos e chefes de gabinete. Um Ventrue não pode mais assumir abertamente uma grande liderança ou assumir uma posição proeminente na comunidade mortal. Eles se contentam em influenciar seus arredores das sombras, mas sabendo que o risco de uma brecha fatal à Máscara é grande o suficiente para não querer arriscar nada.
Os Ventrue são o Establishment*. Eles criam e fazem a manutenção das regras, punindo aquelas que as quebram e recompensando aqueles que as seguem. Seus críticos os consideram tiranos e carcereiros dos outros Membros. A desconfortável verdade é que sem eles, a Máscara e a Camarilla junto, teriam caído muito tempo atrás. Os Ventrue são leais a sua causa nas noites atuais mais do que em qualquer outra época, com as adversidades os tornando mais determinados ao êxito e mais certos de que eles têm o direito de fazer o que for preciso.
ARQUÉTIPOS VENTRUE
DIRETOR CORPORATIVO SANGUE-FRIO
 
Esse Ventrue controla uma corporação bem-sucedida, talvez como o excêntrico e recluso CEO ou talvez como o silencioso e influente parceiro envolvido com a liderança da firma. Esse Ventrue está longe de querer sujar suas mãos, mas irá raramente hesitar em questões éticas, se isso significar estar à frente na competição.
MEMBRO DA ORDEM
 
O Clã dos Reis se encaixa muito bem como visitante em sociedades secretas como a Maçonaria ou a Rosacruz. Esse Ventrue sabe como usar suas palavras. Age como o recluso líder ou um importante membro da sociedade, seja em um informal clube para cavalheiros, uma guilda de mulheres, uma sociedade de ex-alunos para magnatas e milionários, ou uma associação de preocupados cidadãos procurando tomar controle de sua vizinhança clandestinamente.
POLÍTICO CONSERVADOR
 
Os reis sempre favoreceram o conservadorismo e a manutenção do status quo. O sangue azul que é inclinado politicamente age como o intocável doutor, esgueira-se nas asas do grupo ou aconselha os especialistas e jornalistas em como contar a estória. Manipulando a mídia, eles suprimem as brechas da Máscara com facilidade.
PADRINHO
 
O então chamado padrinho empunha seu poder sobre o crime organizado, manipulando as gangues e o caminho do dinheiro que corre das ruas para os banqueiros e políticos. Outros Ventrue podem empinar seus narizes contra um personagem tão obscuro, mas o padrinho sabe que para que as coisas aconteçam, sangue as vezes precisa ser derramado.
ALTO SACERDOTE
 
Os Ventrue sempre veneraram seus ancestrais, tanto Membros míticos como Mitras, Tinia, e Tiamat, assim como personagens históricos de igual poder. Essa adoração ancestral vai de um estudo de historiador até a liderança de um culto com o nome do ancestral. Procurando alcançar seus antepassados em tudo que faz, o alto sacerdote deseja repetir a história, completar os desejos de seus ascendentes, e espalhar o conhecimento de sua glória.

 

DISCIPLINAS

 

DOMINAÇÃO
 
Os Ventrue se consideram os mestres dessa Disciplina, usando primordialmente para exercer suas vontades nos vassalos e no gado. Quando se alimentando, um Ventrue pode comandar um mortal para desnudar seu pescoço, ou usar Dominação para apagar toda a memória da alimentação. Ventrue também usa essa Disciplina de forma especializada para proteger a Máscara.
FORTITUDE
 
Fortitude permite que os Ventrue permaneçam em seus tronos mesmo quando exércitos tramam contra eles, e para se defender contra qualquer lâmina, bala ou bomba. Eles usam a Disciplina para se alimentar em situações adversas fisicamente ou de outra maneira. Onde outros Membros correriam com pouca vitae, os Ventrue resistem ao ambiente e pegam sua parte.
PRESENÇA
 
Os Ventrue buscam impressionar a corte e constroem o amor e a devoção naqueles os quais eles mandam, e Presença é uma útil ferramenta. A Disciplina também é usada para os Ventrue que querem que os outros vejam quão facilmente eles adquirem novos vassalos. O clã valoriza conservação de tempo e recursos, e Presença permite um sangue azul faminto seja eficiente quando atrai sua presa.

 

MALDIÇÃO

 

Os Ventrue são possuidores de paladares refinados. Quando um Ventrue bebe o sangue de qualquer mortal fora de sua preferência, um profundo exercício de vontade será necessário, ou o sangue surgirá novamente como um vômito escarlate. As preferências são diversas, de Ventrue que apenas se alimentam de morenas genuínas, indivíduos com ascendência sueca, ou homossexuais, para outros que apenas podem se alimentar de soldados, mortais que sofrem de estresse pós-traumático, ou usuários de metanfetamina. Com um teste de Perseverança + Percepção (Dificuldade 4 ou mais) seu personagem pode sentir se um mortal possui o sangue que ele precisa.
Se você quiser que seu personagem se alimente de qualquer coisa que não seja sua vítima preferida, você deve gastar o número da sua Gravidade de Maldição em pontos de Força de Vontade.
 
Vampire: The Masquerade 5th edition, pg. 99 – 102
você pode gostar também
error: Opa! Quer usar nosso conteudo em algum ligar? Manda um Link pra essa pagina! Obrigado!